História Secret Love - Long Imagine BTS - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Tags Bts, Imagine, Romance
Visualizações 91
Palavras 1.925
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ecchi, Hentai, Romance e Novela
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Jogando na rodinha e saindo!!
Para quem chutou no capítulo anterior, meus parabéns, tu acertou, gata😘😌❤

Capítulo 5 - Change


Fanfic / Fanfiction Secret Love - Long Imagine BTS - Capítulo 5 - Change

- Oi... - respondeu, em dúvida como o chamaria, também lembrando do que havia acontecido da última vez em que se viram.

- Pode me chamar de Tae, ou V, mesmo. - disse, notando a confusão da garota. - Não precisa usar sufixos formais. - completou sorrindo para ela. - Você não é daqui, né? - perguntou, querendo puxar assunto, ele havia gostado dela, e não havia tido tempo para poder conversar com a mesma.

- Não... - S/n respondeu, torcendo para que os seus batimentos cardíacos não fossem ouvidos. - Sou brasileira. - completou, voltando para seus afazeres, dessa vez era para distrair.

- Que legal! - disse divertido. - Recebemos uma visita de uma brasileira, ela fez casaco de crochê para cada um dos membros com nossos nomes, e ainda com nossas cores favoritas! - comentou, empolgado, parando ao lado dela, que sorria minimamente por saber que eles haviam gostado da lembrancinha que fizera. - Olhando de perto, você é parecida com ela. - a observou, pensativo.

S/n engoliu em seco, controlando-se para não ficar nervosa. Calma, S/n, foi apenas um comentário. Pensava, tranquilizando-se.

- Sério? - fingiu surpresa, ela teria que se virar sozinha.

- Sério, todas as brasileiras são bonitas assim, mesmo? - Tae elogiou, pegando-a de surpresa, e por causa disso, acabou derrubando as peças no chão.

Ele ajudou a pegar os figurinos, divertindo-se com a forma atrapalhada dela.

- Obrigada, eu acho... - sussurrou, com a cabeça baixa. - Acho que você está com a agenda cheia demais para ficar desperdiçando seu tempo comigo. - murmurou, arrumando tudo rapidamente, queria sair dali, estava duvidando se seu coração era capaz de aguentar tanto tempo assim.

Tae ficou surpreso, não pelo o que ela falou, porque havia sido a coisa mais longa que ela tinha pronunciado.

S/n tinha falado sem pensar, percebendo depois o que disse, iria desculpar-se com ele, mas ele a interrompeu antes que pudesse abrir a boca.

- Minha companhia é tão chata assim? - indagou, tristonho.

Ela arregalou os olhos, sentindo-se culpada.

- Não! - respondeu rapidamente, arrancando um sorriso dele. - Quer dizer, não é isso... - corrigiu-se, nervosamente. - Desculpe, não tive a intenção de ser grossa, apenas não quero que receba bronca por ter se atrasado, por está conversando com uma staff. - justificou-se, coçando a nuca, em nervoso.

- Mas eu quero ser seu amigo! - resmungou, fazendo bico, e fazendo o coração dela acelerar em alegria.

- Nós podemos conversar depois, que tal? - sugeriu sorrindo.

- Tudo bem! - respondeu, meio emburrado.

Ele era tão fofo! Pensou olhando o rosto dele. Não percebeu que estava olhando demais para ele, até perceber o sorriso, um tanto, malicioso dele.

- Se continuar me olhando assim, vai acabar se apaixonando! - falou brincalhão, vendo-a corar. Ele riu.

- Taehyung, onde você está? - escutaram uma voz familiar, gritar o nome dele. Taehyung parou de rir. - Achei! - era o Manager dele, foi até ele, o puxando. - Já disse para você parar de atrapalhar as staffs, apenas porque quer ser amigo delas, você pode fazer isso depois! - dava a bronca no garoto, que a olhava pedindo "socorro", enquanto era praticamente "arrastado" para fora da sala.

Riu internamente, indo para a sua próxima tarefa, seu humor havia ganho um upgrade, aumentou novamente seus fones e saiu "dançando" até a próxima sala, essa ela teria que desempacotar algumas coisas, arrumá-las e entregá-las aos seus donos.

Sua alegria transformou-se toda em nervosismo ao notar que eram os presentes que os meninos ganharam das fãs.

Antes não era ela quem fazia essa tarefa, mas o sucesso deles estava tão grande, que os outros staffs ganharam novas atividades extras, e parecia que ela também.

Parece que vou ter um contato mais próximo com os meninos! Pensou nervosamente, enquanto olhava as caixas.

Não que ela não quisesse, longe disso, iria ser um sonho virar amiga deles, mas era muito tímida perto de garotos bonitos e como era destrambelhada sabia que iria ter situações extremamente constrangedoras, causadas por seu nervosismo excessivo e timidez irritante.

Separou tudo, enquanto cantava uma música qualquer em inglês, organizou outras coisas naquela sala, indo "entregar" aos respectivos donos.

Entrou na sala em que eles ficavam, por sorte não tinha ninguém, colocou as lembrancinhas próximas as coisas de cada, saindo dali rapidamente, vai que um deles chegue de surpresa, ela iria enfartar de vez.

Foi para sua próxima tarefa do dia, arrumação dos objetos que seriam usados para o show dos meninos, foi interrompida brevemente para uma reunião que teria com alguns Staffs, e ela foi chamada também.

Desconfiada, ela seguiu todos os outros.

- Haverá uma mudança de tarefas, - o supervisor dela começou, com uma prancheta nas mãos. - Vou precisar de mais staffs que irá trabalhar diretamente com os meninos, serão selecionados três que irá ser quase um assistente deles. - explicou, enquanto anotava algo na prancheta. Olhou para os presentes, sorrindo. - O Manager é um deles, claro, os outros dois selecionados serão para ajudá-los em outra área. S/n tenho indicações para que seja uma dos escolhidos e pelo o seu trabalho aqui, também concordo com essa indicação. - disse a olhando, que arregalou os olhos em surpresa, é coisa demais para ela. - Alguma objeção? - perguntou, olhando para ela com uma sobrancelha erguida.

- N-Não senhor! - respondeu, gaguejando ligeiramente, mordiscou o lábio inferior, controlando a timidez.

Ele continuou falando sobre as mudanças de cada um, embora S/n não tivesse prestando muita atenção ao que ele falava, seu cérebro parecia ter parado.

Trabalhar diretamente para os meninos, enquanto tentava controlar seu lado Army, isso parecia ficar cada vez mais complicado.

Foram todos liberados, ela voltou a sua função anterior, mas próximo ao final do dia, ainda teria que ser "apresentada" aos meninos, para eles terem noção de quem iria trabalhar com eles. Suspirou, não sabia se ficava feliz, ou desesperada.

Sacudiu a cabeça, não era hora para se distrair, tinha coisas para terminar.

Após o horário do almoço, foi chamada, era hora de ser apresentada diretamente aos meninos. Teve a impressão de seu coração ter falhado uma batida.

- Namjoon, essa é a nova staff pessoal de vocês, pode apresentá-la aos outros. - O supervisor de S/n a "apresentou", que curvou-se levemente para ele.

- Haa, a garota que esbarrou no Tae! - falou, com um sorriso mínimo em direção a mesma. - Oi, que bom que irá trabalhar mais próximo da gente, assim o V não fica enchendo o saco dizendo que quer falar com você. - a cumprimentou, murmurando a última parte para ela escutar.

Deu uma piscadela para a mesma, levando-a para uma outra sala, aparentemente os outros membros estariam ali.

- Você me lembra alguém... - Namjoon comentou por alto, pensativo.

- Você não é o primeiro a me dizer isso. - respondeu ao comentário dele, rindo nasalado. Era de nervoso, não estava achando graça, a cada comentário sobre ela "lembrar alguém" a deixavam nervosa.

Namjoon abriu a boca um momento, depois fechou novamente, permanecendo calado.

Entraram na sala e realmente todos os meninos estavam ali. S/n controlou todos os membros do seu corpo para não dar gritinhos e sair pulando por aí, por causa da alegria.

- Pessoal, essa é a nossa nova "assistente". - fez aspas no último, recebendo a atenção dos garotos. - S/n, Bangtan. - a apresentou a eles, ela apenas curvou-se brevemente. - Bangtan, essa é a S/n. - os apresentou que devolveram a reverência.

- Não precisam se apresentarem individualmente. - os cortou antes que eles começassem a falar qualquer coisa. Percebendo que foi um pouco grossa. - Quer dizer... é... eu já sei quem cada um é... para pular essas coisas... - tentou explicar nervosamente, embolando as palavras.

Eles a acharam fofa, de alguma forma. S/n coçou a cabeça, sinal claro de nervosismo.

- Não precisa ficar nervosa. - Jin tentou acalma-la. - Com o tempo você se acostuma com a gente. - consolou a garota, dando um sorriso.

- S/n, agora nós podemos conversar e não estarei atrasado. - Tae comentou contente, quase saltitante. Ela riu internamente dele.

- Não precisa assustar a garota! - exclamou J-Hope, embora também estivesse empolgado com a possível nova amiga.

- Vamos fazer assim, você não me acorda quando eu estiver dormindo e será minha melhor amiga para o resto da vida. - Yoongi a avisou, sorrindo para a mesma.

Jungkook, por ser um tanto tímido perto de garotas, ficou calado.

Por incrível que pareça, Jimin também havia ficado calado, apenas a observando.

S/n estava uma bagunça de sentimentos, tanto nervosa, quanto ansiosa.

- Ei, ei, Hyungs - Tae os chamava, parecia uma criança empolgada; quando teve a atenção de todos. - Ela não é parecida com aquela fã estrangeira? - falou, sorrindo, fazendo-a receber os olhares de todo, quase que instantaneamente.

Se alguma vez, o coração pareceu parar de bater por algum motivo, S/n poderia afirmar que o dela pareceu parar e a causa era nervosismo. Respirou fundo, engolindo todo o seu nervosismo, ela poderia cuidar dessa situação.

- Agora que você falou... - Jin comentou aproximando-se dela, que encolheu os ombros disfarçadamente. - São parecidas mesmo. - Jin aproximou o rosto do dela, que sentiu o próprio arder. - Ela é bonita! - afirmou afastando-se, olhando os outros.

- Você quase matou a garota, ela está toda vermelha. - J-Hope tentava não rir da situação.

Yoongi não deu muita importância para isso, apenas a observava com as sobrancelhas franzida.

Tae tagarelava perto dela, quase a forçando a responder.

Namjoon, Jimin e Jungkook permaneceram calados.

- Eu tenho que ir agora. - S/n pronunciou-se, após um tempo, estava na hora dela ir para a faculdade. - Tenho que ir para a faculdade. - explicou rapidamente e saindo logo em seguida.

Eles ficaram calados, iriam sair também e ela só iria começar oficialmente com eles na próxima semana, essa ela apenas iria "conhecer a nova área". No caso, iria saber a agenda e "manias" de cada, para depois assumir a nova função.

Não percebeu que alguém tinha ido atrás dela, assim que puxou a mochila para poder ir rumo a sua faculdade, viu a silhueta masculina a alguns passos de distância, sobressaltando-se com o pequeno susto.

- Não queria te assustar. - ele falou suavemente.

- Tudo bem, eu iria me assustar de qualquer forma. - respondeu nervosamente, não sabia se era sorte demais ou azar demais quando encontrava-se com algum integrante do BTS sem querer.

- No outro dia, foi você que estava mexendo no meu cabelo. - afirmou ainda a encarando, S/n sentiu as bochechas queimarem novamente. - Por que? - indagou curioso.

- Como eu já tinha dito, foi para arrumar seu cabelo. - explicou agradecendo não ter gaguejado de nervosismo. - E-e-e-eu tenho que ir... - sussurrou gaguejando dessa vez.

- Então você também estava "arrumando" meu rosto quando ficou cutucando? - retrucou, sério, porém não parecia que estava reclamando ou algo parecido.

- Desculpa, se não gostou, estava apenas seguindo ordens. - respondeu novamente, inventando qualquer outra coisa. - Se me der licença, eu realmente estou atrasada. - completou, saindo logo em seguida.

- Espero nos darmos bem, S/n. - aquela frase ficou em sua cabeça, enquanto ela dirigia-se rumo a saída da empresa. A forma sugestiva com que falou aquilo, a deixou um tanto tímida. Deixou de lado, isso com certeza era coisa de sua cabeça. Pensaria nisso quando tivesse tempo.

Encontrou Sunhee, que já estava quase morrendo e esperar, dirigindo-se para o seu curso.

Notas Finais


Uia, gente... quem será que era?
E essas mudanças aí?
Vocês acham que isso é sorte ou azar?
Vamos comentar e testar as teorias?!🌚❤
Até o próximo capítulo🌚❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...