História Losing your memory - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Homem de Ferro (Iron Man), Os Vingadores (The Avengers), Robert Downey Jr., Scarlett Johansson, Viúva-Negra (Black Widow)
Personagens Anthony "Tony" Stark, Bucky, Carol Danvers (Miss Marvel / Capitã Marvel), Clint Barton (Gavião Arqueiro), Dr. Bruce Banner (Hulk), Dra. Helen Cho, Feiticeira Escarlate (Wanda Maximoff), James Rupert "Rhodey" Rhodes, Janet Van Dyne (Vespa), Laura Barton, Loki, Maria Hill, Mulher-Aranha, Mulher-Hulk (Jennifer Walters), Natasha Romanoff, Nick Fury, Pantera Negra (T'Challa), Pepper Potts, Personagens Originais, Peter Parker (Homem-Aranha), Phillip Coulson, Pietro Maximoff (Mercúrio), Robert Downey Jr., Sam Wilson (Falcão), Scarlet Johanson, Scott Lang (Homem-Formiga), Steve Rogers, Thanos, Thor, Visão
Tags Avengers, Drama, Endgame, Fanfic, Ironwidow, Marvel, Natasha Romanoff, Romance, Tony Stark
Visualizações 17
Palavras 1.019
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Hentai, Literatura Feminina, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oii amores.
Finalmente estou iniciando meu projeto de historias, desde a fanfic, até histórias originais. E uma fanfic que eu sempre quis fazer, foi IronWidow, amo demais esse casal e acho que se o Tony não ficasse com a Pepper, ele deveria ter ficado com a Natasha. Agora depois do fim tragico de Ultimato, eu achei a oportunidade perfeita para escrever essa história.
Nessa versão a Pepper se foi com o estalar de dedos do Thanos.
Morgan nasceu antes do Thanos chegar na terra, então, ela tem uns seis meses.
Eu escreverei o ponto de partida desde a morte do Thanos, ate os cinco anos que se passaram e o que aconteceu com os Vingadores que sobraram. Esses anos serão essenciais para construir a base de relacionamento do Tony e da Natasha. Espero que gostem.
Boa leitura.

Capítulo 1 - Prólogo


Fanfic / Fanfiction Losing your memory - Capítulo 1 - Prólogo

 

 

A noite parecia ter se passado arrastando como todas as ultimas que eu costumava ter. E assim como nas anteriores, não conseguia nem ao menos fechar os olhos, sem ser obrigada a rever as cenas de todas as pessoas com quem já me importei, desaparecendo diante de meus olhos como se não significassem nada.

Talvez realmente não devam significar para ele. Tenho quase certeza disso.

Mas eles eram minha família. E a pergunta que eu mais me faço nos últimos dias é: Conseguimos ser alguma coisa sem a família?

Antigamente, eu costumava pensar que parentes, ter alguém com quem se importar, não passava de uma baboseira qualquer que as pessoas inventavam para dizerem que tinham sentimentos ou empatia. Nunca consegui gostar das pessoas, nunca consegui me importar com elas. Talvez, uma parte disso seja porque realmente fui criada para não me importar, treinada para ser uma assassina cruel, que mata a sangue frio e não se importa com mais nada além de um serviço bem cumprido.

Costumava achar que essa seria a maior felicidade que eu teria em toda e o restante da minha vida.

Mas, eu não sabia que poderia estar tão enganada comigo mesma.

Nem sempre a família é de sangue, as vezes aquela pessoa que está sempre com você, se preocupando com seu bem estar, te ajudando e apoiando nos piores e bons momentos. Pode acabar se tornando uma parte tão importante da sua vida, que é quase impossível se imaginar sem ele ou ela, acaba se tornando uma parte de você, criando um laço no fundo de seu coração, se tornando algo tão importante, que você seria capaz de se jogar na frente de uma bala por essa pessoa. Eu criei laços, os mais improváveis possíveis e não conseguia mais me ver sem eles. Até este trágico fim.

Me virei para o lado na cama e encarei o berço aonde uma pequena bebê ainda se encontrava adormecida. Era praticamente impossível não olhar para ela e não sentir um aperto no peito. Tão pequena, tão inocente do mundo e já tinha perdido as duas pessoas mais importantes em sua vida. E ela nem ao menos se lembraria deles.

Me levantei aos poucos da cama, colocando os pés descalços no chão e andando para perto, parei escorada sobre as grades do berço, aonde a pequena Morgan dormia entre lençóis brancos e quentes. Realmente aquela pequena criatura não passava de um anjo.

No fundo, eu torcia para que pelo menos Tony ainda estivesse vivo em algum lugar, considerando que as ultimas noticias que se tinham dele, era de que o Homem de Ferro havia adentrado uma nave e desaparecido. Pepper, eu tinha certeza de que agora não passava de pó, assim como os outros. Foi muita sorte da pequena Morgan, de Steve ter se tocado de procurar os que havia sobrevivido ao estalar de dedos do Thanos, porque eu não conseguia mais raciocinar depois de tudo aquilo. Eu o acompanhei até a casa do Stark e o choro de bebê me atraiu para a cozinha, aonde a pequena estava deitada dentro de um suporte de bebê, estava com fome e sozinha, tão assustada, que no momento em que a acolhi entre meus braços, ela parou de chorar.

Morgan era um dos bebês mais adoráveis que eu já tinha visto em toda minha vida, não que os filhos de Barton também não fossem, mas ela era meiga e tão quietinha. Se lhe dessem atenção e comida nas horas certas, costumava ficar quietinha e brincava com qualquer coisa que lhe dessem. Já fazia duas semanas que eu estava cuidando dela e não conseguia desgrudar da mesma em nenhum momento, o que me fazia sentir uma certa dor no peito de imaginar devolve-la aos seus verdadeiros pais. Por isso, tentava ao máximo não me apegar, assim como cometi o erro de me apegar a todos que eu perdi.

Duas batidas leves na porta, foram o suficiente para fazer eu me reerguer e encarar Steve do outro lado, encostado no batente com os braços cruzados sobre o peitoral e um misto de sorriso nos lábios. Ele estava segurando uma barra tão grande, que eu tinha medo que o mesmo desabasse a qualquer momento e se isso acontecesse. Não sei o que eu faria.

- Como ela está? – Questionou com um tom de voz baixo para não acordar a menor.

- Dormindo como um anjinho. – Deixei um longo suspiro escapar de meus lábios e caminhei para perto de Steve. – Alguma noticia dele?

O loiro apenas balançou a cabeça de forma negativa. Há dias que buscávamos qualquer tipo de conato com Tony e falhávamos constantemente nisso, nada parecia servir de utilidade. Já começávamos a suspeitar que ele também tivesse virado pó, ou pior do que isso. Considerando que tudo apontava sua saída da atmosfera terrestre.

- Não se preocupe, nós vamos trazer todos eles de volta. – O mesmo apenas pousou uma mão sobre meu ombro e pressionou os dedos de leve como um pequeno conforto. – O café da manhã está pronto.

E Steve saiu antes que eu pudesse pensar em dizer mais alguma coisa. Fechei a porta e me virei sobre os calcanhares, olhei mais uma vez na direção do berço e pude encontrar os olhinhos escuros de Morgan me observando, estava de bruços no berço com uma carinha de quem observava e entendia tudo o que acontecia. Eu sei que ela não entedia, mas deveria sentir alguma coisa.

- Bom dia, meu anjo. Que tal tomarmos um banho e irmos comer alguma coisa?

Me aproximei do móvel e apeguei nos meus braços, a pequena aconchegou a cabeça no meu ombro enquanto eu seguia com ela para o banheiro.

Enquanto enchia a banheira com água morna para dar um banho na pequena, minha cabeça apenas absorvia as palavras de Steve. E por Deus, eu nunca acreditei em milagres na minha vida. Mas, rezava para que um caísse sobre nós naquele instante e que Tony surgisse de qualquer lugar que ele pudesse estar.

Porque sem tem uma coisa que eu sei. É que ele é a pessoa mais capacitada para dar um jeito nesse apocalipse.


Notas Finais


Gostaram do Prólogo? É apenas um inicio de como as coisas estão. No próximo capitulo ja descreverei a volta do Tony pra terra e o reencontro com a filha dele. Essa fanfic vai abordar diversos problemas psicológicos, até mesmo a depressão do Thor e da Natasha que nem se quer foi explorada no filme.
Até mais, bebês.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...