História Lost in Life - Capítulo 3


Escrita por:

Visualizações 24
Palavras 649
Terminada Não
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Hello Little Bears!!! Tudo bem?
Espero que sim!! ❄

Hoje estou aqui novamente, para trazer para vocês, o terceiro capítulo da minha fanfic "Lost in Life".

Espero que gostem e
Boa Leitura!!📚❄

(O capítulo não está revisada, então me perdoem qualquer erro ortográfico.)

Capítulo 3 - Capítulo Três: O Início da Procura


Fanfic / Fanfiction Lost in Life - Capítulo 3 - Capítulo Três: O Início da Procura

Você sempre está ai, você está em toda parte
Mas agora eu gostaria que você estivesse aqui

P.O.V Miguel

Sete horas em ponto eu já estava acordado, quase pronto, Luiza ainda.deveria estar se arrumando - um exemplo de garota que não aceita sair "mal arrumada" - e Sophie provavelmente nos esperava para passar em seu quarto e irmos juntos para o pátio. Uma rotina que não abrimos mãos desde do oitavo ano.

Não demorei muito para acabar de me arrumar, e em seguida ouvi batidas em minha porta, Luiza estava finalmente pronta - impecável como sempre.

Seguimos juntos enquanto conversavamos até o quarto da nossa queridíssima "Evil Queen".

Luh bateu na porta para nós entrarmos, não ouvimos Sophie responder.

- Será que ela ainda está dormindo? - Perguntei.

- Vamos ver. Sophie! - Chamou Luiza batendo mais duas vezes na porta de madeira escura.

- Não seri...

Iria sugerir para que abrissemos a porta - e no caso Luiza entrasse, já que ela também é garota caso Soph pudesse estar se trocando. Mas não precisei, a loirinha ao meu lado foi mais rápida que eu, abriu e simplesmente entrou.

- Entra logo! - Ouvi ela dizer. - A Soph não está aqui.

Entrei.

- Não está?

- Não. - Luiza deu de ombros. - Deve estar no banheiro, senta ai e espera.

Fiz exatamente o que ela disse, ficamos em silêncio e uma dúvida veio em minha mente.

- Você está ouvindo isso? - Perguntei.

- Ouvindo o que?

- Nada, está tudo em silêncio. Ela já deve ter ido.

- Será que nos atrasamos? - Se perguntou Luiza enquanto pegava o celular do bolso para ver a hora. - Não, ainda é oito e cinco.

- Talvez ela estivesse com fome e foi na frente. Vamos dar uma volta, daí a encontramos e perguntamos.

Andando pelos corredores até o pátio, tudo que víamos e ouvíamos eram falatório sobre o show de talentos que acontecia as duas horas da tarde aqui no colégio, seria um evento grande - grande o suficiente paraos pais e familiares se derem ao trabalho de vir. Mas nada de Sophie.

Pegamos nosso café e nos sentamos em uma das mesas ao lado de fora para aproveitar o bom tempo, acabamos de comer e ainda nada de nossa amiga.

- Estou ficando preocupada. - Comentou Luiza enquanto olhava ao seu redor. - Nunca ficamos tanto tempo sem vê-la.

- Se acalme, a escola é grande.

- Sim, eu sei... mas não estou com uma sensação muito boa... vou mandar uma mensagem.

Não disse nada, só acompanhei cada um de seus movimentos. Seu olhar nervoso voltou para mim, confesso que também estranhava, mas era o olhar de Luiza que conseguia fazer eu pensar o pior.

A tarde chegou, meio dia e trinta e sete para ser exato. Estávamos eu e a bonequinha humana (Luiza) em meu quarto. Nesse ponto, até eu estava nervoso.

- Acho melhor falarmos com Verona. - Comentei vendo Iza concordar.

Saímos de meu quarto e andamos por todos os imensos corredores até encontrar a mulher de cabelos quase ruivos.

- Verona, podemos falar com você? - Perguntou Luiza se antecipando e acelerando o passo para chegar mais rápido até a mulher.

- Claro minha querida, aconteceu alguma coisa? - Nós perguntou a governanta com sua voz doce, mas não deixando de demonstrar preocupação.

- Achamos que Sophie sumiu! - Confessou a loirinha ao meu lado de uma vez.

Verona a encarou com a feição mais preocupada que antes, e Iza continuou:

- Não a vemos desde manhã, ela não estava no quarto e não responde as mensagens, ou sequer atende o telefone. Andamos pela escola inteira milhares de vezes e nada!

- Vocês tem certeza disso? - Perguntou a mulher nos olhando nos olhos.

- Absoluta. - Disse por fim.

- Vamos comigo. Procuraremos mais uma vez, se não encontrarmos, falaremos com a diretora.

Ordenou a mulher e obdecemos.

Procuraremos mais uma vez, dessa vez também perguntamos, mas ninguém havia a visto.

Demoramos cerca de uns quarenta minutos para olharmos por tudo - tudo mesmo. Corredores, salas, pátio, banheiros... nada dela.


Notas Finais


🐰Música: Wish You Were Here (Avril Lavigne) 💙

Foi isso Little Bears!!!
Espero que tenham gostado
e até a próxima!!

Comentem o que acharam e me dêem suas opiniões!

Kisses Snow!!💋❄
Bye Bye!!!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...