História Love - Destiel - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Supernatural
Personagens Bela Talbot, Castiel, Charlene "Charlie" Bradbury, Chuck Shurley, Dean Winchester, Jo Harvelle, Lúcifer, Ruby, Sam Winchester
Tags Castiel Novak, Dean Winchester, Destiel
Visualizações 67
Palavras 1.518
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


O primeiro beijo dos nosso pombinhos ❤❤❤

Gente! Nesse capitulo foquei mais no Dean E Castiel, mas nos próximos capítulos terá mais sobre os outros casais, vai ter aproximação de todos da historia, e mais algumas coisas.
Leia as Notas Finais!

Capítulo 2 - Beijo


Fanfic / Fanfiction Love - Destiel - Capítulo 2 - Beijo

Na primeira semana não haveria aula, então alguns ficavam em seus quartos, outros ficavam em um barzinho ali perto, ou até mesmo no refeitório conversando. Dean ficava em seu quarto junto a Castiel e Jack, Lúcifer tinha uma namorada chamada Ruby, então sempre ele saia para ficar com ela, já o Sam estava tendo um “casinho” (como ele diz) com Jess então nunca ficava no quarto. Poucos sabiam sobre esse “casinho” que Sam tinha com Jess, para falar a verdade nem Castiel sabia.

Já tinha se passado dois dias, do dia que eles tinham chegado, era quarta feira, e desde o primeiro dia, Dean não tinha conversado com Castiel, não sabia o porquê mas achava que o moreno estava bravo com ele, ele não tinha feito nada demais, mas sempre que Dean olhava para o moreno ele desviava o olhar, e virava a cara, Dean tinha medo de ir perguntar e Castiel o esnobar. Dean não parava de pensar em Castiel, e cada vez mais sentia falta de conversar com ele, apesar deles terem conversado só uma vez. O moreno não sorria e ficava isolado, e sempre que Jack tentava conversar com ele fugia, fala que tinha que ir ao refeitório, ou falava que sua irmã o estava chamando.

 

 

Estava já anoitecendo e Lúcifer e Jack foram para o barzinho, (toda quarta tinha festa naquele bar), Sam tinha saído com Jess, então sobrara apenas Dean e Cass no quarto, estava quase dando 22:30 quando Dean decidiu falar com Castiel.      

 

— Ei! Eu estou me sentindo um pouco sozinho, nós podemos conversar? – Dean perguntou.

— Claro, senta aí – disse Cass apontando para um lado para da cama.

  — Então, unn, porque você não conversa com o Jack quando ele chama? Ou não se junta com a gente quando estamos na mesa comendo?

  — É sério que você vai quere falar sobre isso mesmo? – Responde Cass

  — Tabom, se você não quer falar sobre isso, eer, porque não vamos lá no barzinho, curtir um pouco da festa? – Dean pergunta com uma cara de cachorro abandonado.

  — Para fazer o que? – Diz Cass

  — Conversar um pouco, sair deste quarto, conhecer novas pessoas, dar muito beijo na boca, eai vamos? - Pergunta Dean.

  — Tabom, só me espera tomar um banho, e nós já vamos.

  —Não demora hein. – Dean pediu

Dean foi procurar sua roupa e se arrumar enquanto Cass tomava banho, como era uma festa anoite Dean optou por usar uma coisa mais básica, vestiu uma camisa cinza escura uma calça jeans e seu coturno preto, por ser em um bar ele não achava que teria pessoas bem vestidas, afinal é um bar né, ninguém se arruma para ir para o bar. Depois de pronto ficou esperando Castiel, não teve que esperar muito pois logo viu Cass saindo do banheiro, Dean não consegui tirar os olhos daquele corpo sarado, cheio de músculos, o cabelo molhado do moreno o deixava mais fofo, mas logo se repreendeu mentalmente por ficar pensando que o moreno era fofo.

Castiel por sua vez decidiu ousar um pouco, colocou uma jaqueta vermelha com uma camisa branca por baixo, uma calça preta e um coturno preto. Sabia que aquela era uma perfeita combinação, para uma festa anoite em um bar de faculdade.

                                                   Quebra de Tempo

Chegando no bar Dean deu de cara com Jack, ele estava conversando com duas meninas, Dean não reconheceu nenhuma, mas mesmo assim foi até eles puxando Cass pela mão, fazendo-o segui-lo. Ao chegar mais perto Dean pode ver que as meninas estavam de mãos dadas, o que de cara achou estranho, mas depois pensou que estavam de mãos dadas para não se perderem em meio a tantas pessoas que estavam no bar.

  — Eai Jack. – Cumprimentou Dean.

  — Eai Dean, Cass até que enfim alguém conseguiu te tirar para fora do quarto. – Disse Jack debochando.

  — Rarara morri de rir com a sua piada. – Disse Cass não dando muita bola para que o Jack tinha falado.

  — Então meninos, essas são Charlene Bradbury e Bela Talbot, são duas amigas que conheci aqui no bar, elas namoram. – Disse Jack com um sorriso no rosto.

  — Pode me chamar de Charlie ou Lie. – Disse Charlene com um pouco de vergonha.

  — Desculpa a intromissão, mas vocês são lesbicas, não que isso seja um problema pelo contrário. – Perguntou Cass.

  — Somos. -  Respondeu Bela.

  — Serio? Que legal, eu também sou gay. – Disse Cass.

  — Você é gay? – Perguntou Jack curioso.

  — Sim, algum problema? – Cass respondeu não dando muita importância.

  — Por que não nos falou antes cara? – Pergunto Jack animado.

  — Talvez porque vocês só falassem sobre mulheres. –Castiel respondeu irritado.

Dean percebendo todo o clima pesado que estava se formando ali decidiu pegar umas cervejas para dar uma descontraída, ficaram a noite toda ali bebendo e jogando conversa fora. Quando eram 2:00 horas da manhã o bar já tinha fechado, alguns ficaram do lado de fora conversando, mas Dean resolveu ir para seu quarto e levar Castiel, afinal ele estava caindo de bêbado, talvez Cass não era acostumado a beber, por isso ficou bêbado rápido.

Chegando no quarto, Dean colocou Cass para dormir em sua cama que era grande e cabia os dois, já que a de Castiel estava cheia de roupas por cima. Foi se trocar e colocar seu pijama para dormir, deitou-se ao lado de Cass e lhe deu Boa Noite, mas o moreno nem ouviu pois já estava dormindo.

                                                                 Quebra de tempo

Dean ouviu um barulho estranho vindo do banheiro, olhou no relógio da parede que marca 4:36 da madrugada, olhou para o lado e não o viu, pensou um pouco e se levantou para ir em direção ao banheiro para ver o que fazia aquele barulho. Logo que entrou, encontrou Castiel cantando uma música no espelho, era uma música triste e lenta que Dean não reconheceu

                                               Am I still not good enough?

                                               Am I still not worth that much?

                                               I’m sorry for the way my life turned out

                                               Sorry for the smile I’m wearing now

                                               Guess I’m still not good enough

 

                                               Does it burn, knowing I used all the pain?

                                               Does it hurt, knowing you're fuel to my flame?

                                               Don’t look back

                                               Don’t need your regrets

                                               Thank God you let my love behind

                                               Couldn’t change me if you tried

Cass parou de cantar quando percebeu a presença de Dean, ele ainda estava bêbado, mas já conseguiu para de pé, ficou encarando Dean, um tempo depois ele saiu do banheiro e foi se deitar, Dean foi atrás dele para ver o que ele iria fazer as ao ver que o moreno se deitou, ele parou e ficou olhado a beleza angelical que Castiel tinha. Não demorou muito para ele se deitar também.

Quando Dean se deitou, Cass se virou para ele, ficaram se entreolhando um tempo até que Cass diz.

  — Você é tão bonito.

  — Obrigado, você também é muito bonito. – Respondeu Dean.

  — Sabe essa música que eu estava cantando? Ela fala sobre um relacionamento que deu errado e o cara deixou a mulher para trás, o cara machucou ela e depois a largou.

   — E então porque você estava cantando? – Pergunta Dean curioso.

   — Porque ele me faz lembrar do meu passado quando tentei namorar uma menina, ela fez o mesmo comigo depois me deixou.

   — Mas você amava ela? – Dean pergunta intrigado.

   — Eu gostava dela, não era amor, mas gostava, aí quando ela me largou, eu senti um vazio dentro de mim.

Com essas palavras Castiel começou a chorar, partia o coração de Dean vê-lo chorar, então sem muita demora Dean se sentou na cama, e deito Cass em seu peito tentando passar segurança para o moreno. Não sabia porque estava fazendo aquilo, mas só queria protege-lo.

Depois de muito chorar, Cass se levanta e limpa seu rosto cheio de lagrimas com as costas da mão, e ainda soluçado pede desculpa a Dean por ter que aguentá-lo bêbado e chorão.

  — Obri-Obrigado, po-por ter me aguentado chorando-do e a-ainda por cima bêbado.

  — Não precisa se desculpar Cass. Sempre que precisar conversar pode falar comigo.- Dean responde

  — Você é um anjo, sabia? – Cass fala já parando de soluçar.

  — O que é isso, eu não sou um anjo, se alguém aqui é um anjo esse alguém é você. – Dean responde com um sorriso no rosto.

Calmamente Castiel chega mais perto de Dean, e lhe dá um beijo, um beijo calmo e doce, logo em seguida se soltado dos lábios do loiro. Dean fica olhando Cass nos fundos dos olhos, se perguntando porque ele parou, logo em seguida dando lhe um beijo afoito, pedindo passagem com a língua, que Castiel logo cede o liberando para que ele entrasse, era um beijo rápido, a língua de Dean dançava na boca de Castiel, explorando cada centímetro, e sentindo o gosto daquela deliciosa boca.

Se separaram quando o ar se fez necessário, e continuaram se entreolhando. Depois do beijo Castiel dormiu no colo de Dean, pois estava com muito sono. Dean ao contrário de Castiel, demorou para pegar no sono, pois ficou pensando no beijo que tinha dado em Castiel. A essa altura ele já duvidava da própria masculinidade, e pensava o aconteceria se virasse gay também. Depois de muito pensar Dean dormiu, com Castiel em seu colo.


Notas Finais


A musica que Cass estava escutando é uma musica muito importante na minha vida o nome dela é "Good Enough- Little Mix"
Continua?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...