História Love And Truth- Amor E verdade - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga, Naruto Uzumaki, Sasuke Uchiha
Tags Anime, Fluffy, Hinata, Hyuuga, Naruhina Unilateral, Naruhina-onesided, Narusasu, Naruto, Naruto Seme, Narutoxsasuke, Oneshot, One-shot, Sasuke, Sasuke Uke, Uchiha, Uzumaki, Yaoi
Visualizações 76
Palavras 4.968
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Bishounen, Ficção Adolescente, Fluffy, LGBT, Musical (Songfic), Shoujo (Romântico), Slash, Universo Alternativo
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oiêê!

Andei fuçando(?) meu antigo celular e veja só o q encontrei! Siim, minha primeira fanfic de Naruto q escrevi! E é NARUSASU! *grito estridente de fangirl*
Nessa epoca, eu ñ shippava NaruSasu ainda. Só usei esse casal(msm sendo um casal homossexual) por questão de identificação com certas pessoas, haha.
NUNCA cogitei postar essa fic até agora, por q, como posso dizer... Ela é baseada em uma experiencia pessoal minha. '-'
E pensar q já tem anos isso...

Eu escrevi essa história na época pra clarear a minha mente e ver o q tinha acontecido sem me vitimizar. Até me esforcei à descrever bastante o "casalzinho" e de uma forma bem legal(sim, eu fui bem madura). *limpa lágrima orgulhosa*
Postar essa One é o meu último passo pra encerrar de vez essa história. Eu me desafiei à isso(ninguém quer saber). ^^'

Essa história é QUASE(mudei algumas coisas, é claro) fiel ao q eu passei, por esse motivo vc pode ficar um pouco perdida(o). Os personagens foram escolhidos à dedo e representam pessoas reais(eu preferi assim, pra ser menos pessoal). Foram escolhidos por serem próximos em personalidade e aparência física(cor do cabelo,ou pele,etc).

Obs- Negrito é para mensagens pelo celular e itálico com aspas para pensamentos,

DISCLAIMER:
Título inspirado na música Love & Truth da cantora asiática Yui. Há trechos da música no final da fic, deixei o link dela nas notas finais.
Capas editadas e montadas com imagens baixadas da net, crédito todo aos talentosos artistas dessas fanarts maravilhosas. <3

Dps dessa redação... Boa Leitura!

Capítulo 1 - Capítulo Único


Fanfic / Fanfiction Love And Truth- Amor E verdade - Capítulo 1 - Capítulo Único

Hinata sorriu sonhadora.Naruto estava tão alegre ultimamente,parecia um sol irradiando os seus raios dourados e calorosamente iluminando à todos.Em meio ao sorriso,um leve rosado tingiu as suas bochechas.

Se Naruto era o Sol,ela era a Lua.Por que a lua iluminada pela luz solar,era exatamente como ela se sentia,quando Naruto sorria.Não importava o quanto estivesse triste,apenas o sorriso dele era o suficiente para fazê-la sorrir também.

Parou de andar,sentindo o vento acariciar o seu rosto e balançar os seus longos cabelos azulados.Era tão calmante.Seria perfeito se estivesse agora abraçada à Naruto.Imaginou a sensação de sentir-se envolvida por seu calor,poder beijá-lo.Sorriu levemente,levando a mão entreaberta até os lábios.Tinha certeza que seria mil vezes melhor do que imaginava.

O seu devaneio foi interrompido pelo som de vozes e ruídos nas folhas secas,não muito longe de onde estava.Olhou com curiosidade na direção em que o som veio.Quase ninguém vinha àquela parte da escola.Por esse motivo escolhia esse local sempre que queria ficar sozinha,quando queria pensar,ou apenas para caminhar tranquilamente.

Se aproximou cuidadosamente e com receio de ser descoberta,escondeu-se atrás de uma árvore,inclinando-se lentamente para espiar.Sentiu-se sortuda por não ter nada que atrapalhasse a sua visão,pois logo à frente,de perfil estava a pessoa que era a dona da sua mente e do seu coração.

Naruto estava sentado no chão com Sasuke ao seu lado.Hinata os observou atentamente à distancia,eles estavam tão próximos.O angulo não era muito bom,tudo o que via era a parte da lateral do corpo do loiro,já que este estava parcialmente virado na direção do amigo.

— O que foi?–Naruto questionou confuso com o afastamento repentino de Sasuke,que quebrara o beijo abandonando os seus lábios pela terceira vez.

— Ficar sentado no chão já está ficando desconfortável.–Sasuke reclamou irritado,se remexendo descontente.Por mais espessa que fosse a grama,ficar tanto tempo no mesmo lugar se tornara uma tarefa difícil.— Não dá pra curtir nada desse jeito.

— Por isso estou dizendo pra se sentar no meu colo.–Naruto disse aborrecido,se recostando no tronco da árvore atrás de si.

— Por que eu sempre tenho que me sentar no seu colo?Por que não o contrário?–Sasuke protestou incomodado.— É só por eu ser o passivo?

— Bom,não...É porque...–O loiro pensou por um momento em uma justificativa segura,antes de sorrir forçado.— Eu estou tentando ser gentil com você,Sasuke.Eu sou muito pesado e você ficaria mais desconfortável ainda.

— Eu sou mais pesado que você,Naruto.–Sasuke o lembrou com expressão nada convencida.

— Uns dois quilos só.–Naruto fez sinal de dois com os dedos.— Além do mais,eu fico numa boa e não sou eu quem está reclamando que está cansado.

— Está dizendo que sou mais fraco que você?–Sasuke o encarou com raiva.

— Não foi isso que eu disse...–Naruto disse com voz e expressão derrotada.Por que Sasuke sempre tinha que entender errado?Iniciar uma discussão era a última coisa que desejava agora.— Eu quis dizer que tenho mais resistência.Você mesmo já me questionou muitas vezes de onde tiro tanta energia.

Sasuke neutralizou a expressão,fitando-o friamente e se levantou do chão.Ajeitou as roupas com as mãos de aparência delicada,retirando os resíduos de folhas e passou por entre o vão das duas árvores próximas que usavam como encosto,caminhando na direção oposta.

— Qual é,Sasuke?Hoje é sexta e eu ainda tô de castigo por quebrar o vaso chinês da minha mãe.A gente só vai se ver daqui à dois dias.–Naruto alcançou o seu braço com a mão e o segurou pelo pulso,virando o rosto e levantando os olhos para fitar o garoto de pele alva.Encarou-o com os olhos azuis suplicantes.— Não pode deixar de lado a sua marra,uma vez,por mim?

Sasuke parou,olhando surpreso para o loiro sentado abaixo.Não acreditava que Naruto estava lhe dizendo aquilo.Ele não estava cobrando,é claro.Mas depois de tudo,Naruto já fizera muito por ele,tornando assim a relação deles bem desigual.

Desse ponto de vista,negar um pedido tão banal,fazia dele egoísta.A sua expressão se tornou contrariada,antes de se dar por vencido.

— Está bem.–Murmurou suavizando a voz.

Naruto assistiu quase sem acreditar,Sasuke se virar,voltando dois passos e se abaixar,apoiando os joelhos na grama um em cada lado de seu corpo,acomodando-se sobre suas pernas.O loiro sorriu largamente.

— Você é incrivel.–Afirmou alegre.

— ...–Sasuke o encarou sem saber o que dizer,sem jeito e intrigado.— Como pode ficar tão feliz com algo tão insignificante?

— Não importa o quê,desde que seja você,qualquer coisa me deixa feliz.–Foi a resposta sincera dada com um sorriso ofuscante.

Sasuke o encarou mudo.Geralmente não gostava de coisas piegas e melosas,mas ouvir aquilo o fez sentir-se bem.Naruto sempre deixava claro que ser apenas ele era o bastante,justo o contrário de seu pai.E ainda frequentemente demonstrava em ações,que para ele a sua existência era extremamente preciosa.

Sorriu levemente e levou as mãos até as bochechas do loiro,passando as pontas dos dedos pelas marcas de nascença,que imitavam bigodes de gato.Às vezes,quando Naruto sorria,elas o faziam lembrar uma raposa astuta.

Naruto se surpreendeu com a gentileza do toque,mas logo tombou a cabeça para trás,encostando-a no tronco da árvore,para olhar melhor Sasuke agora em uma altura elevada em seu colo.Deu um sorriso suave e cerrou as pálpebras,aproveitando o raro carinho.

Sasuke se inclinou para baixo,deslizando as mãos abaixo pela pele bronzeada até o pescoço e depositou um selinho em seus lábios.Fitou os orbes azuis que agora o encaravam tão intensamente e encaixou suas bocas novamente,iniciando um beijo,que não tardou à ser correspondido.

Naruto levou uma mão até o quadril de Sasuke,buscando apoio e colocou a outra na nuca entre os fios negros,prolongando mais o contato quente dos lábios com paixão.As suas línguas se moviam em sincronia,aquecendo-os e os seus dedos longos subiram para a cintura esguia,apertando-a firmemente.

Hinata estava paralisada em choque.O seu coração parou por um momento,ao assistir o beijo.Quando ouvira o inicio da conversa,tentou se convencer que havia uma explicação lógica para o assunto estranho e o comportamento ainda mais perturbador do garoto de seus sonhos e o melhor amigo dele.

Aquilo era um pesadelo,era a única explicação.Naruto e Sasuke se beijando?Não podia ser.E quanto à Sakura?Não era por ela que Naruto era apaixonado?O que significava aquilo que via?Então isso queria dizer que a felicidade que o loiro exibiu todo esse tempo,foi por que...

"Naruto-kun parece diferente.Não acham?Parece mais feliz."

Se lembrou de seu comentário na cantina,enquanto almoçava com os amigos,numa segunda-feira que o loiro aparecera subitamente feliz.Isso foi há quase um mês,mas o que Shikamaru dissera depois dele,ecoou repetidas vezes em sua mente como uma resposta à sua última pergunta.

"É de se esperar,ele e o Sasuke parece terem se entendido de vez."

Buscando um sentido para o que via,tentou se recordar de algum sinal que havia perdido para não ter percebido antes,que o atual objeto de interesse da sua paixão era nada mais,nada menos,que outro garoto.

E novamente,não se tratava apenas de outro garoto.Era o melhor amigo de infância,barra,rival.A pessoa que esteve o tempo todo no centro das atenções de Naruto desde...Desde sempre.

Agora não parecia mais tão absurda a idéia,se levasse em conta a persistência em se aproximar,a implicância todos esses anos e principalmente,a maneira que o loiro se afetava tanto com tudo relacionado ao amigo.

Fazia sentido toda aquela proximidade entre eles nas últimas semanas.Estavam sempre juntos.Chegavam na escola juntos,voltavam para casa juntos e na escola,Naruto passava a maior parte do tempo com Sasuke.

Sentia-se idiota por não ter notado antes.Havia sido burra,como não percebera algo tão óbvio?Esteve na cara o tempo todo,pois Naruto nunca fizera questão de esconder os seus sentimentos.Esteve tão cegamente apaixonada,que não viu os reais sentimentos do Uzumaki pelo melhor amigo.

Recuou lentamente,até estar escondida totalmente atrás do tronco da grande árvore e apoiou-se de costas,deixando-se escorregar até estar sentada.Abraçou os joelhos junto aos seios e enterrou a cabeça neles.O seu mundo desmoronava lentamente.Não podia ser...Como isso pôde acontecer?

A sua consciência a repreendia,ordenando que saísse dali,que parasse de se torturar,mas as suas forças pareciam terem sido sugadas.E tinha medo de ser descoberta.Não queria ser vista por eles naquele estado.Era a última coisa que desejava.

Não queria que Naruto a visse.Não queria explicar o motivo de estar tão abalada,pois ele sequer havia percebido os seus sentimentos.E para piorar,Sasuke sabia.O Uchiha já a flagrara diversas vezes observando o loiro.E não era como se fosse realmente um segredo,tinha certeza que todos os seus amigos também sabiam.

Mesmo que soubesse que Sasuke provavelmente não diria nada,não queria olhar para o Uchiha agora,sabendo que ele era a pessoa por quem Naruto estava apaixonado.Não suportaria encarar a face de traços perfeitos daquele que lhe roubara o seu amor de infância.

Não chorou,apesar da imensa vontade.O seu peito estava pesado e o seu coração parecia estar sendo esmagado,se dilacerando conforme compreendia mais a realidade que se encontrava.E agora?O que faria?

— O sinal já vai bater.–Sasuke avisou se afastando,após terminarem mais um beijo.

— Não,ainda tem alguns minutos.–Naruto replicou despreocupado,puxando-o para colar os seus lábios outra vez.Sasuke se livrou das mãos possessivas em seu corpo e se moveu,saindo do colo do loiro,recebendo um olhar magoado por sua atitude.— Isso foi cruel,Sasuke.

— A gente precisa se recompor.Não podemos simplesmente aparecer nesse estado na sala,usuratonkachi.–Sasuke indicou a aparência do loiro com o olhar.

Naruto soltou um riso curto ao prestar atenção no garoto à sua frente com os lábios inchados,roupas amassadas e cabelos desalinhados.Com certeza ele próprio não estava tão diferente.Após ajudarem um ao outro à se ajeitarem,levantaram-se preguiçosamente para retornar para a sala de aula.

— Vamos logo,o sinal já deve ter batido.–Sasuke o apressou com tom calmo.

— Espera.–Naruto o parou e o puxou para um novo beijo.

Sem empecilho,a sua língua adentrou e passeou pela boca de Sasuke,movimentando-a contra a outra.O beijo ávido se encerrou com uma leve mordida no lábio inferior do adolescente de fios negros e o loiro sorriu,dando um selinho rápido nos lábios naturalmente bem desenhados.

— O que você fez?–Sasuke protestou,enxugando a boca avermelhada com a manga comprida do uniforme negro.

— O quê?Você beijou de volta.–Naruto sorriu satisfeito.

— Cala a boca,usuratonkachi.–Sasuke se irritou com o ar convencido do loiro.— Se continuarmos assim,vão reparar.

— Certo,certo.–Concordou despreocupado.

Sasuke se preocupava demais com a aparência e como isso poderia entregar o que faziam,quando ficavam sozinhos.Naruto segurou o rosto levemente delicado entre as mãos bronzeadas,apertando as bochechas pálidas de maneira brincalhona e sorriu descontraído.

— Relaxa.Está tudo sob controle,Sasuke-chan.–Murmurou de forma afetuosa.

Sasuke lhe lançou um olhar frio como aviso.O loiro sorriu amável e acariciou suavemente o seu rosto com o polegar,ao encostar a sua testa à do Uchiha sobre a franja negra,como forma de se redimir pela provocação.

— Eu te amo,Sasuke.–Naruto falou suavemente,sem deixar de sorrir.E assistiu as íris ônix perder o brilho gélido,substituindo-o por surpresa e então lentamente assumir uma certa calidez.

— Vai me lembrar disso toda vez que eu quiser te bater?–Sasuke replicou em um murmurio,calmamente encarando o par de safiras.

— ...–O loiro riu divertido,se afastando vagarosamente.— Só não quero que se esqueça.

— Vamos passar no banheiro e no bebedouro,antes de voltarmos pra sala.–Sasuke disse mudando o foco da conversa,levando-o consigo pela manga da jaqueta do time branca e vermelha,ao dar meia volta e caminhar em direção ao interior do prédio da escola.

Não queria demonstrar o embaraço que sentia.Sempre ficava sem jeito,quando Naruto declarava os seus sentimentos de forma tão casual.Não estava habituado à isso.O loiro apenas o seguiu com um sorriso nos lábios.Estava começando à pegar o jeito de lidar com o gênio difícil de Sasuke.

Hinata permaneceu imóvel onde estava.Quando tudo se silenciou,sentiu finalmente as lágrimas traçarem o seu rosto delicado,descarregando tudo o que segurou até o momento.

Aquilo parecia tão irreal.Estava alegre há momentos atrás,simplesmente por ver Naruto sorrir e agora chorava por conhecer a fonte da alegria dele.Dóia.

Sentia-se estúpida por estar triste,enquanto a pessoa que mais amava estava feliz com outra.Isso a magoava.Contudo ainda assim não conseguia odiar Sasuke.Afinal ninguém tinha culpa.Ela não tinha culpa por amar Naruto e Sasuke não tinha culpa por ser amado por ele.

Não se tratava de algo planejado,apenas aconteceu.Mesmo por que não importava o quanto o Uchiha afastasse Naruto,o loiro nunca desistiria dele.Primeiro Sakura,agora Sasuke.As suas esperanças de um dia conquistar o amor da sua vida,foram abruptamente esmagadas de vez.

Por que Naruto tinha que amar justo a última pessoa que estaria no nível de rivalizar?Pois Sasuke já ocupava um lugar importante na vida de Naruto como o melhor amigo.E como se não bastasse,ainda conquistara a posse total do coração do loiro.

"Não importa o quê,desde que seja você,qualquer coisa me deixa feliz."

A voz rouca do Uzumaki ecoou em sua mente e a menina comprimiu os lábios.O que Naruto falara,era exatamente como ela própria se sentia à respeito do garoto de fascinantes orbes céu e sorriso brilhante.

"Eu te amo..."

Já estava acostumada com palavras muito duras e a insensibilidade de seu pai.Mas nada havia sido tão doloroso quanto ouvir a voz,que tanto adorava,dizer aquelas palavras à outra pessoa.

Tudo o que mais desejava era ser escolhida pelo garoto que amava.Ser a pessoa para a qual ele dirigira todas aquelas palavras com um sorriso terno e olhar apaixonado.

— Naruto-kun...–Murmurou entre soluços.

[...]

— Estão atrasados.–A professora disse séria,após abrir a porta para os seus últimos alunos restantes entrarem.

— Foi mal,Kurenai-sensei.–Naruto forçou um riso,coçando a nuca.— Houve um imprevisto.

Sasuke não se manifestou mantendo a expressão indiferente.A professora encarou desconfiada a dupla de amigos e por fim,suspirou cansada.

— Entrem.Deveriam ser mais discretos se querem manter segredo.–A bela mulher de cabelos negros e incomuns orbes rubis murmurou apenas para os dois ouvirem,quando passaram por ela ao rumarem para os seus lugares,deixando ambos surpresos.

— C-como você...?!–Naruto a encarou chocado.

— Kakashi disse ao Asuma,Asuma disse à ela.–Sasuke concluiu inexpressivo.

Kurenai corou um pouco com a menção do nome de Sarutobi Asuma,que também era um professor de Konoha Gakuen e um dos filhos do antigo e falecido prefeito de Konoha.

— Entendi.–Naruto riu malicioso,apenas para provocar a mulher como vingança pela advertência sobre o segredinho deles.

— Eu vou fazer a chamada agora.Por favor,façam silêncio.–A professora pediu forçando uma expressão séria,voltando à se sentar em sua mesa.Seguiu dizendo os nomes e marcando presença ao ouvir a resposta.— Hyuuga Hinata.

Kurenai levantou o olhar,quando não recebeu nenhuma resposta.Passou o olhos rubros pela sala.

— Alguém sabe onde está a Hinata?Tenho certeza de que a vi na hora do almoço.–A mulher questionou intrigada.Não era do feitio da Hyuuga matar aula.

— Eu não sei.Shino e eu procuramos,mas não encontramos ela.–Kiba respondeu com tom de preocupação.E uma garota levantou a mão.

— Fale,Rima.–A professora olhou para a menina de cabelos castanhos chocolate.

— Eu vi a Hinata-san indo para o jardim na lateral da escola,depois disso não a vi mais.

— Ela costuma ir pra lá,quando quer ficar sozinha.–Kurenai pensou em voz alta.— Talvez tenha acontecido algo pra ela não ter voltado ainda.

— ...–Sasuke arregalou os olhos negros puxados e encarou a menina que se pronunciara.— Qual dos dois jardins?O da direita?

— ...–Naruto o olhou sem entender o motivo de sua pergunta.

— S-sim.–A garota de olhos âmbar respondeu surpresa.Sasuke não era muito sociável,ou pelos menos nunca havia lhe dirigido sequer um olhar.E agora estava falando com ela.Sorriu levemente,enquanto um leve rubor tingia as suas bochechas.— Como você sabe?

O herdeiro Uchiha a ignorou,olhando incisivamente para Naruto,atualmente sentado na fileira ao lado da sua.

— O-o quê?!–O loiro se assustou,entendendo significado do olhar lançado à ele.— Você não está pensando que ela viu...?!

— ...–Sasuke suspirou entediado.Naruto era péssimo em ser discreto.— E por que mais ela faltaria à aula?

— Por isso mesmo.Eu sei que pode ser um choque,mas por que ela faltaria à aula por algo assim?–Naruto o questionou confuso.

— Você é realmente um idiota.–Sasuke se voltou para a frente,desistindo da conversa.Todos estavam atentos ao que falavam e isso não era bom.

— Ei!Por que eu sou idiota agora?–O loiro se irritou.Se levantou e apoiou as mãos na mesa de seu amigo,barra,namorado,encarando-o penetrante com os orbes safiras.— Você por acaso sabe de algo que eu não sei?

— Eu e todo mundo.Menos você,por que é o menos tapado de nós.–Sasuke disse com ironia,arrancando risos dos outros alunos.

— Me fala logo o que é!–Naruto pediu impaciente.

— Se você quer mesmo saber,pergunte à Hinata.Se ela quiser,então ela vai dizer à você.–Sasuke respondeu sem encará-lo,empurrando-o para o lado com uma mão.

— Sasuke!–O loiro protestou frustrado.

— Silêncio!Eu ainda não terminei a chamada.–Kurenai os repreendeu firme,marcando presença para o loiro barulhento.— Naruto,vá se sentar.Alguém,por favor,procure a Hinata e veja se ela está bem.

— Ino e eu vamos.–Sakura anunciou e Kurenai assentiu com a cabeça.

— Qual é,Sasuke?Me fala,que droga!–Naruto murmurou insistindo,já de volta em seu lugar.

Sasuke exalou o ar enfadado e abriu o aplicativo de mensagens no celular,digitando rapidamente.O loiro sentiu o seu telefone vibrar no bolso da jaqueta esportiva e se apressou a desbloqueá-lo para ler o texto.Arregalou os seus olhos azuis cristalinos em choque.

— A Hinata é apaixonada por mim?!

O grito do loiro ecoou na sala.Sasuke apenas o encarou inexpressivo com a sua exclamação de espanto em alto e bom som.

— Isso é uma piada,não é?!–Naruto perguntou incrédulo,recebendo um olhar indiferente do Uchiha.— Se fosse verdade,eu teria percebido.

— Essa piada é boa!–Kiba riu descontroladamente,atraindo a atenção de todos para o fundo da sala,onde o Inuzuka estava.Com uma mão na barriga,o adolescente de cabelos castanhos limpou uma lágrima no canto de um dos olhos com a outra.— Ai,ai...Você deveria ser comediante,Naruto.

— Ei,Kiba!–Naruto o alertou indignado.— Não zoa com a minha cara!

— Nasceu idiota,vai morrer idiota.–Kiba comentou divertido,balançando a cabeça em reprovação.

— O idiota aqui é você!Idiota!–Naruto levantou a voz irritado,replicando infantilmente.

— O quê?Não quero ser xingado de idiota,por um idiota!–Kiba retrucou ofendido.

— Seu...!–Naruto resmungou uma sucessão de xingamentos ininteligíveis,perdendo a sua paciencia já inexistente.

— HÃ?!Não sei o que disse,mas saiba que você é ainda mais idiota que os idiotas que pagam pau para o Sasuke-kun!–Kiba disse possesso,imitando o modo de tratamento dos referidos com o Uchiha.

— Tsc!–Sasuke estalou a língua,franzindo o cenho aborrecido.Lá vinha o Inuzuka colocando-o no meio daquela discussão ridícula.— Me ama menos,Kiba.

— Não vêm tirar onda agora!Meu assunto é com o seu namoradinho IDIOTA!–Kiba retrucou Sasuke,alfinetando o loiro com as últimas palavras.

— Que problemático.–Shikamaru resmungou debruçado sobre a carteira,cobrindo a cabeça com os braços,se preparando para o que sempre vinha seguido dessa provocação.

— CALA A BOCA,DESGRAÇADO!JÁ CANSEI DA SUA VOZ!–Naruto explodiu,gritando para Kiba no fundo da sala.

— JÁ CHEGA!–Kurenai gritou perdendo a paciência e suspirou cansada,quando os dois adolescentes encrenqueiros se calaram.

— Ei,Sasuke.–Naruto chamou sussurrando.— Tem certeza de que a Hinata é mesmo apaixonada por mim?

Sasuke o encarou entediado e digitou novamente.

Ela gst de vc e todo mundo já percebeu isso.

Menos vc,usuratonkachi.

— Não é possível...–O loiro murmurou após ler a mensagem.

Desde qnd sabe disso?

Já tem um tempão.

Mto antes de eu me mudar de Konoha.

Por q nunca m falou?!

Naruto digitou indignado.

Pq ñ é da minha conta.

Ñ posso sair contando "segredos" q ñ são meus.

Sasuke respondeu simplesmente.

E por q está m dizendo agr?

O loiro questionou curioso,olhando ansiosamente a tela do celular,que não tardou à vibrar exibindo a resposta.

Pq se ela nos viu,vc precisa falar cm ela.

E pra isso tem q saber como ela se sente antes,já q ela é sua amg.

Deixar vc se dar conta sozinho poderia demorar e nós ñ temos tmp.

Vc ñ tá achando q a Hinata vai contar pra todo mundo,ñ é?!

É a Hinata!Ela ñ faria algo assim!

Naruto afirmou sem nenhuma dúvida.

Se ela estiver chateada...

Eu ñ tava brincando sobre o meu pai,Naruto.

Ele ñ pd saber!

Sasuke digitou agitado.

Eu sei...

Fica tranquilo,ok?

A Hinata nunca faria isso.

O loiro assegurou.

— Presente.–Sasuke respondeu quando o seu nome foi dito pela professora,enquanto digitava.

De qualquer forma,vc precisa falar cm ela.

E antes que Naruto digitasse uma resposta,se deu conta da presença da professora parada com os braços cruzados,no espaço entre as fileiras,enquanto olhava-os com repreensão.Kurenai estendeu as mãos simultaneamente para os dois adolescentes.

— Celulares.

Ordenou com voz firme.Com um sorrisinho forçado Naruto colocou o aparelho na palma de sua mão e Sasuke entregou o celular com expressão contrariada.

— Podem pegar de volta no final da aula.–A professora decretou,dando as costas para voltar à sua mesa.Contudo não antes de dar a sentença final.— E Sasuke-kun,troque de lugar com o Sai-kun.

Com isso se encerrou o assunto,sem direito à reclamação.Geralmente tinha muita paciência,mas a sua aluna favorita devia estar agora sofrendo por conta de seu amor não correspondido por Uzumaki Naruto e Uchiha Sasuke era o principal responsável nisso.

Não que fosse vingativa,contudo a sua tolerância estava baixa com o Uchiha,que acabara de revelar os sentimentos de Hinata para o Uzumaki,sem a permissão da menina.Nesse caso então,daria a pequena punição separando-os durante a sua aula.

— Valeu,usuratonkachi.–Sasuke soltou aborrecido ao se levantar,recolhendo o seu material escolar e a sua mochila roxa e negra.

— Droga...–Naruto resmungou descontente,observando Sasuke se dirigir para a sua antiga mesa e Sai se sentar no lugar do adolescente de pele pálida.

— Não é irônico?–Sai comentou divertido.— Você pediu pra trocar de lugar comigo pra ficar perto do Sasuke e agora acabamos nessa situação.

— É...Hilário.–Naruto respondeu sem ânimo,debruçado sobre a sua mesa.Sai riu levemente.

— Também não é pra tanto,Naruto.Sasuke está logo ali atrás.–Tentou animar o loiro,achando a reação do Uzumaki um tanto exagerada.

Sai foi o garoto novo do ano anterior e a única pessoa para quem Naruto admitiu que tinha sentimentos que iam além de amizade por Sasuke.Sai não compreendia muito de pessoas e o Uzumaki despertara a sua curiosidade por sua insistência em tentar se reaproximar do antigo amigo que retornara à cidade.

Sendo Sai alguém livre de preconceitos,recentemente o loiro acabara confessando à ele,que Sasuke era mais que um amigo,ou irmão,como costumava rotular.Admitindo que os seus sentimentos pelo melhor amigo tinham origem romântica e Sai até o ajudou em seu plano para pedir o Uchiha em namoro.

— Não é só por isso,Sai.–Naruto levantou a cabeça cabisbaixo.— A Hinata é apaixonada por mim,já deve ter sofrido muito por minha causa.E deve estar sofrendo mais ainda agora...

— Entendi.–Sai assentiu compreensivo.

— Entendeu?–Naruto o encarou surpreso.Sai não era bom em compreender os sentimentos das pessoas.Mas pelo visto,estava aos poucos aprendendo.

— Claro.Você não sente o mesmo,certo?–O garoto de pele branca como papel e cabelos negros buscou confirmação.

— Eu não vejo a Hinata desse jeito.–O loiro comentou tristonho.

— Por que já ama outra pessoa.

Sai afirmou olhando para trás,em Sasuke ocupado em responder as lições de inglês,que Kurenai acabara de lhes entregar.Naruto seguiu o seu olhar e observou Kiba fazendo algumas tentativas de provocações com o Uchiha,sendo ignorado com indiferença.

— O Kiba não vai mesmo com a cara do Sasuke.–O loiro franziu o cenho intrigado e Sai soltou um riso curto.

— Talvez seja o contrário.–Comentou pensativo.

— O que quer dizer?–Naruto o questionou curioso.

— Talvez ele apenas queira chamar a atenção do Sasuke.–Sai expôs sabiamente e continuou com expressão de analista.— Eu li em um livro,que muitas vezes quando nós homens somos novos,ou imaturos,tentamos chamar a atenção das mulheres provocando-as.

Naruto quase caiu da cadeira com a resposta do amigo.Voltou à se sentar normalmente com uma expressão desacreditada."Não acredito que ele disse isso mesmo."Pensou completamente incrédulo.

— Ééé...Sai.–Chamou calmamente forçando um sorriso que fazia os seus olhos se fecharem.— Sabe,Sasuke não é uma garota.

— Eu sei disso.–O garoto anormalmente pálido assegurou.

— Sério,não parece...–Naruto murmurou de canto de boca,pensando alto.Sai apenas riu de leve,se divertindo com o fato do loiro achar que ele estava enlouquecendo.

— Naruto,eu sei que o Sasuke não é uma garota.No livro dizia que quando nós somos imaturos e gostamos de alguém,mas não queremos assumir,implicância é o meio de chamar a atenção por não sabermos como agir.–Esclareceu descontraído.— Isso também pode ser aplicado em caso de homossexuais,não acha?

— Pensando assim.–Naruto concordou.— Mas até onde eu saiba,Kiba não é gay.Acho até que ele é afim da Hinata.

— Ele pode ser bissexual,como você e o Sasuke.–Sai explicou.— Eu li num livro,que boa parte da população mundial é composta por bissexuais.

— Huum...–Naruto murmurou vagamente,observando pensativamente Kiba que estava sentado em sua mesa de sempre,próximo de onde ele mesmo costumava se sentar,antes de trocar de lugar com Sai.— Naah.

O loiro discordou convicto,achando graça do comentário absurdo.E Sai sorriu resignado,desistindo de tentar colocar minhocas na cabeça do amigo.Naruto soltou um riso curto e divertido.Não foi dessa vez que Sai conseguira perturbá-lo com as suas idéias malucas.

Minutos mais tarde,Sakura e Ino retornaram para a sala sozinhas,falaram rápido com Kurenai que assentiu de leve e agradeceu.Naruto seguiu as duas garotas com o olhar,observando-as voltarem para os seus lugares.

A aula terminara e Hinata não havia voltado para a sala ainda.Mais uma aula se seguiu sem a presença da Hyuuga,Naruto notou.Ao final da penúltima aula,o loiro aproveitou o momento da troca de professores e foi falar com a Haruno.

— Sakura-chan.Posso falar um minuto com você?–A garota o olhou com expressão compreensiva.

— É sobre a Hinata–san?–Sakura indagou com empatia.

— Isso.Você a encontrou,não foi?–Naruto questionou sério.

— Sim.Mas...–Sakura pausou por um momento e continuou com pesar.— Ela pediu pra que a deixassemos sozinha.

— Entendi.–O loiro abaixou o olhar abatido.— E onde ela está?

— Naruto,eu não sei se é uma boa idéia.–Sakura apelou preocupada,as suas feições delicadas demonstrava simpatia com a Hyuuga.— Ela te viu com alguém e você pode não ter se dado conta ainda,mas a Hinata-san ama voc-

— Eu sei.–Naruto a cortou com expressão séria.Como pensou,Hinata não dissera que a pessoa com quem o havia visto era Sasuke.— Por isso mesmo quero falar com ela.Quero me desculpar por ser um idiota e fazê-la sofrer.

— Entendo...–Sakura o encarou compreenssiva.— Ela está na estufa de plantas,lá atrás da escola.

— Obrigado,Sakura-chan.–O loiro agradeceu com sinceridade.

— De nada.–Sakura lhe dirigiu um pequeno sorriso.— Espero que termine tudo bem.

Naruto assentiu e saiu da sala.Caminhou cuidadosamente pelos corredores para não ser barrado por nenhum inspetor e se esgueirou pelas portas do fundo,saindo do prédio da escola.Levou alguns minutos procurando pela garota de olhos lilás pálido na estufa de vidro,até encontrá-la com aparência desolada em meio às flores violetas.

— Hinata?–Chamou cuidadosamente se aproximando.A menina levantou o rosto surpresa.

— Naruto-kun!

Hinata olhou para o lado,escondendo o rosto com vestígios de lágrimas sob os fios azulados.E apertou a barra do blazer branco do uniforme colegial feminino entre as mãos,comprimindo os lábios,segurando o choro.

— O que...faz aqui?–Balbuciou fracamente.

— Eu...–Naruto murmurou com o olhar baixo.— Sinto muito,Hinata.De verdade.

— ...–Hinata o olhou surpresa por um momento,antes de desviar o olhar.Então ele já sabia.Engoliu um soluço.— C-como você soube...?

— ...–Naruto a encarou cheio de culpa,antes de murmurar.— Sasuke me disse.

A garota abriu a boca,deixando escapar uma exclamação e um soluço saiu sem permissão.Sasuke,é claro.Não devia estar tão surpresa.

— Hinata,eu sinto muito mesmo!–Naruto se aproximou aflito,mas se deteve sem saber o que fazer.— Me desculpe...

— Naruto-kun...Pare de se desculpar.–Hinata pediu baixo,encarando o chão.Não queria pena,ou que o loiro se sentisse culpado por ela amá-lo.Naruto não fazia idéia do quanto os seus pedidos de desculpas eram dolorosos e a machucavam.— Você não fez nada de errado.

— Mas...!–O loiro se interrompeu abaixando a voz cabisbaixo.— Se eu tivesse percebido antes...

— Não faria nenhuma diferença.Nada mudaria.–Hinata afirmou convicta e Naruto a encarou surpreso.— Se Naruto-kun tivesse percebido os meus sentimentos antes,ainda seria apaixonado por Sasuke-kun.Isso não o faria deixar de amá-lo.

— Hinata...–Naruto disse fracamente.Ela estava certa.

— Não se culpe mais.Ninguém tem culpa de nada,essas coisas acontecem.–Hinata falou calmamente com expressão melancólica.— Amor não-correspondido é o que tem de mais comum.

Naruto não soube o que dizer e apenas se manteve em silêncio.

— Naruto-kun,por favor...Vá embora.Eu quero ficar sozinha.–Hinata disse em um quase sussurro.

Naruto não teve escolha à não ser atender o seu pedido.Era a única coisa que podia fazer.Se virou para sair da estufa,mas se voltou novamente.

— Obrigado por não ter dito nada à ninguém,Hinata.–Murmurou sério,ainda de costas.— É um segredo importante.

— Eu entendo...–Se obrigou à dizer.Ser agradecida pelo loiro por manter o seu relacionamento com Sasuke em segredo,só aumentava ainda mais a dor em seu peito.Se esforçou para não demonstrar isso em sua voz.— Não precisa agradecer.

"Ai no uta" wo kikasete yo sono yokogao sono saki ni

Me deixe ouvir sua "canção de amor", seu perfil...

Anata ga ima mitsumeteru hito ga iru to wakattemo

Eu entendo que há uma pessoa que você está olhando 

bem na sua frente, mas...

Ao ouvir o som dos passos se distanciando,o seu coração se apertou mais.O sentimento de tê-lo perdido se intensificava com cada passo que Naruto dava e o levava para mais longe de si.Comprimiu os lábios,se recusando à derramar mais lágrimas.Já havia chorado demais.

Chorar não mudaria a realidade,tudo o que lhe restava fazer,era aceitar que Naruto estava apaixonado por outra pessoa e seguir em frente.No entanto...Admitir isso não era fácil,seguir em frente muito menos ainda.

"Ai no uta" wo kuchizusamu sono egao ni fureta ni

Eu sussurro a "canção de amor", 

eu quero tocar seu rosto sorridente

Anata ga ima mitsumeteru hito ga iru to wakattemo

Mesmo eu sabendo que você está olhando para alguém

E não poderia se esconder ali para sempre.Naruto e Sasuke estudavam na Konoha Gakuen e estavam na mesma sala que a sua.Não apenas teria que vê-los sabendo que estavam juntos,mas conviver com isso todos os dias à partir de agora.

"Ai no uta" wa owaranai mou deatte shimatta no

Minha "canção de amor" nunca acaba, eu já te conheci

...owaranai...

Nunca acaba...

No final,a lua pertencia ao sol e o sol pertencia à lua.Mas ironicamente ela não era a lua.Nem poderia ser.Mesmo que fosse doloroso demais aceitar,cruelmente o seu sol,já possuía a sua lua.

LOVE and TRUTH

AMOR & VERDADE


Notas Finais


Link da música:
https://www.youtube.com/watch?v=Bi6tzdTDzLY

Putz, ainda me dá uma coisinha no peito relendo isso...
Eu fiquei com raiva do Sasuke por um tempinho dps de escrever essa fic. shuashuashuahshua Eu sei, contraditório, coloquei ele representando a "ladra de Crush" e dps fiquei odiando ele por isso. ^^' ~loucaaa~
Mas agora estou bem da cabeça e já superei isso. :v

Desculpe pelos erros. Revisei, mass... deve ter passado algum despercebido. ^^'
Obrigada se leu até aqui. <3
Fique à vontade para dar a sua sincera opinião e tbm dicas de como eu posso melhorar. ^^

Bye bye!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...