História Love game - Capítulo 15


Escrita por:

Postado
Categorias The Vampire Diaries
Personagens Bonnie Bennett, Caroline Forbes, Damon Salvatore, Davina Claire, Elena Gilbert, Enzo, Kol Mikaelson, Lilian "Lily" Salvatore, Sheila Bennett
Tags Bamon, Bonenzo, Bonnie, Delena, Enzo, Tvd
Visualizações 28
Palavras 1.858
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Mistério, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Último..💔

Capítulo 15 - Fingir, até conseguir


Fanfic / Fanfiction Love game - Capítulo 15 - Fingir, até conseguir


PV Autora


*Um ano depois*

Bonnie sentou na frente do espelho ainda não acreditando que este momento estava finalmente acontecendo. Ela alisou os babados rendados de seu vestido. Ela examinou o corpete de contas floral e certificou-se de que tudo parecia certo. Ela se virou com a cauda rendada fluindo elegantemente no chão. Ela viu suas duas melhores amigas que estavam observando-a com admiração. Depois de todo esse tempo, finalmente chegou a vez dela. Então Elena entregou a Bonnie seu véu e então Caroline pegou e colocou em sua cabeça, fixando-o.

- Eu ainda não consigo acreditar que isso está acontecendo..- Bonnie disse.

- É melhor você acreditar Bonnie Bennett. É finalmente a sua vez..- Caroline exclamou, enquanto ajustava o véu de Bonnie em sua cabeça.

- Não há nenhuma dúvida..? - Elena perguntou.

Bonnie balançou a cabeça. - Eu nunca tive tanta certeza de nada em toda a minha vida.

Ambas as meninas sorriam extasiadas e felizes.

Então Elena pegou os copos de Champagne. - Um brinde antes do casamento.

Bonnie sorriu e Caroline hesitou em tentar impedir que Elena entregasse o copo para Bonnie. - E quanto ao vestido de Bonnie..?

- Nós teremos cuidado, Caroline..- Elena disse dando o copo para Bonnie.

Então Caroline pegou o seu, dando de ombros.

- Para Bonnie Bennett, a melhor amiga do mundo, guru da Nova Era, e que em breve será a melhor esposa para o cara mais sortudo Enzo St. John.

Então Caroline acrescentou. - Para Bonnie Bennett St. John... Finalmente!

Então todos eles bateram os copos juntos e disseram. - Finalmente!

Bonnie abaixou o copo, sem beber, antes de gritar. -Eu vou me casar!

- Você vai se casar! Em Paris, não menos que isso.. Eu sei que não é bem a Torre Eifel, mas é um ótimo local que eu mesma garantir ser bom..- Caroline disse orgulhosa de sua realização.

- É lindo e temos uma excelente vista da Torre Eifel no nosso quarto de hotel..- Bonnie disse sorridente.

Então, de repente, Damon apareceu. - Você está pronta..? É hora de ir Bon Bon.

Bonnie levantou-se e disse cheia de confiança. - Eu nunca estive mais pronta em toda minha vida.

Bonnie esperou com Damon no salão elaborado da Catedral. Ela observou Elena pegar seu buquê de flores de lavanda e começou a ir para Capela. Então Caroline e Stefan levaram Lizzy para a porta. Caroline deu a Lizzy a cesta de flores e Stefan beijou Lizzy na testa. Então Caroline explicou a ela o que fazer e Lizzy disse animadamente. - Eu posso fazer isso!

Stefan abriu a porta para ela e ela entrou orgulhosamente começando a jogar as flores no chão.

Stefan e Caroline então entraram atrás dela.

Bonnie ligou seu braço com o de Damon enquanto ele a levava pelo corredor. Bonnie observou Enzo no altar enquanto esperava ansiosamente.

Os olhos de Bonnie se concentraram nele enquanto caminhava em sua direção.

- Devagar, Bon Bon, você vai me fazer tropeçar..- Damon sussurrou.

- Bem, então pare de ser tão lento..- Bonnie sussurrou de volta um pouco agressiva, mas de uma maneira provocante.

Damon riu. - Você está pronta para isso..?

- Eu sou..- Bonnie disse, cheia de confiança e alegria.

- Bom.. Cuide dele. Ele merece o melhor..- Damon disse.

- Vou cuidar..- Bonnie exclamou.

Então eles chegaram ao altar. Damon entregou cerimoniosamente a mão de Bonnie para Enzo, ele segurou sua mão com ternura e com muito cuidado.

Então Damon ficou ao lado de Enzo, preenchendo a posição de Padrinho. Damon deu um tapinha nas costas de Enzo e desejou-lhe boa sorte. Não parecia que ele precisava disso. Seus olhos não deixavam Bonnie e os olhos extáticos de Bonnie não puderam deixar os dele. Bonnie nem sequer os afastou quando ela entregou a Elena seu buquê de flores para que ela pudesse segurar as duas mãos de Enzo.

Ela apertou-os com pura alegria, ele olhou em seus olhos e sussurrou para ela. - Eu te amo..- E ela sussurrou de volta. - Eu também te amo.

Ela sabia que ele sabia disso. Ela não tem dúvidas ou temores sobre isso. Ela sabia que Enzo estaria sempre lá. Parar na frente de seus amigos e familiares era apenas uma maneira de todos ouvirem o que ela já sabia em seu coração, de que ambos sempre estariam lá um para o outro, não importando qual obstáculo viesse em seu caminho. Era o quanto ela o amava e era o quanto ela sabia, sem dúvidas, o quanto ele a amava. Fazia um ano desde o seu noivado não tradicional. Desde então, ele não lhe mostrou nada além de amor e encorajamento. Ela mudou sua loja para Mystic Falls e foi capaz de operar lá antes que sua avó falecesse. Significava muito para ela que Sheila pudesse ver sua loja e ver alguns dos produtos que a tutela de Sheila inspirara. Enzo largou o emprego com Lili e em vez de ajudar outros músicos com suas carreiras, ele começou a trabalhar por conta própria e estava trabalhando em seu primeiro álbum com a música que Bonnie e Enzo haviam escrito juntos. Sheila havia morrido durante o sono alguns meses depois do noivado. Ela morreu em paz. Bonnie tentou se consolar com isso. Ainda era tão difícil lidar com isso desde que ela era como sua mãe, ela era seu apoio e conselheira. Bonnie não sabia o que ela faria sem ela. Na noite em que Sheila morreu, Bonnie chorou até adormecer nos braços ternos de Enzo. Bonnie consolou-se com o pensamento de que Sheila estava feliz.. pois Bonnie agora estava feliz também e que, em parte, Sheila insistia em participar dos acontecimentos de certa forma.

Bonnie estava tonta com toda a felicidade que sentia. Ela lembrou que houve uma época em que ela nunca pensou que sentiria essa felicidade. Houve uma época em que ela achava que estava condenada a sempre se apaixonar por homens indisponíveis ou que se transformavam em desastre. Mas ela foi capaz de ajudar o casamento de Elena e Damon sem problemas e sem sentimentos ruins. Ela ficou lá com seus melhores amigos e foi capaz de ajudá-los em seu dia feliz sentindo-se completamente feliz por eles. Seu casamento foi um lindo casamento na praia em Virginia Beach. Caroline estava orgulhosa de conseguir isso. Ela teve um ótimo tempo com Enzo na recepção dançando a noite toda e Elena até jogou o buquê diretamente para Bonnie e Caroline. Estava em seus planos de se casar de qualquer maneira, mas ela gostou do pensamento.

Agora ela estava em seu próprio casamento prometendo passar o resto de sua vida com o homem que amava. A vida não podia ser melhor que isso.

Até que o padre disse. - E agora a noiva e o noivo vão recitar um poema de Elizabeth Barrett Browning como votos.

Enzo pegou as mãos dela e olhou para ela com puro amor e devoção e começou a recitar.

Como eu te amo? Deixe-me contar os caminhos.

Eu te amo até a profundidade e largura e altura que minha alma pode alcançar

 Quando se sentir fora de vista e sozinha, eu estarei lá

Para os fins do Ser e Graça ideal.

Eu te amo ao nível de cada dia

Mais tranquila necessidade, pelo sol e luz de velas.

Bonnie sorriu para Enzo tentando afastar as lágrimas, mas em vez disso elas caíram por suas bochechas. Então ela apertou sua mão e começou a recitar sua parte.

Eu te amo livremente, como homens lutam pelo direito;

Eu te amo puramente, quando eles se desviam de Louvor.

Eu amo com uma paixão colocada em uso

Nos meus velhos sofrimentos e com a fé da minha infância.

Eu te amo com um amor que parecia perder

Com meus santos perdidos, eu te amo com a respiração,

Sorrisos, lágrimas, de toda a minha vida!

Do poema, porquê eu te amo!

Então o ministro disse. - Você agora pode beijar...

Enzo nem esperou que o ministro terminasse a sentença enquanto puxava Bonnie em seus braços e então a abaixou para lhe dar o beijo mais celestial que ela já havia recebido. Bonnie riu um pouco com a impaciência romântica de seu novo marido. Ela colocou os braços ao redor dele, absorvendo a alegria pura do beijo deles. Este beijo maravilhoso que significava que agora eles eram marido e mulher.

A recepção foi adorável. Bonnie e Enzo dançaram sua primeira dança de casamento como um casal, Bonnie colocou a cabeça em seu ombro e então.. ela começou a chorar. 

- Você está bem, meu amor..? - Enzo perguntou com preocupação. 

Ela olhou para ele sorrindo através das lágrimas. - Eu estou.. Estou tão feliz. E... eu acho que podem ser os hormônios.

- Hormônios..? - Enzo perguntou confuso.

- Sim.. Isso tende a acontecer quando você está grávida.

Enzo parou de dançar rapidamente, completamente confuso. Bonnie mordeu o lábio, tentando conter o sorriso.

- Eu não queria te dizer assim. Acabei de descobrir... Eu sei que é uma surpresa. Eu..

Então ele a interrompeu com um beijo.

Bonnie sorriu em seus lábios, com as lágrimas ainda não deixando seus olhos.

Então ele a puxou em seus braços a rodopiando no ar, com entusiasmo.

- Nós vamos ser uma família!

Então, quando ele finalmente a colocou no chão, ele verificou se ela estava bem.

- Estou bem, doutor.. Estamos bem.

Ele sorriu e beijou-a e, em seguida, beijou sua mão e deu um tapinha no estômago coberto de renda.

Ele suavemente pegou a mão dela e colocou a outra mão em sua cintura e eles continuaram a dançar.

- Você vai ser uma mãe maravilhosa.

- E você será um pai incrível..- Bonnie disse quando Enzo a mergulhou.

Então ele puxou-a para cima, com um largo sorriso. - Com você ao meu lado, eu posso fazer qualquer coisa.

Bonnie sorriu. - Nós dois podemos.

Então eles se beijaram com a pura alegria de saber que eles seriam uma família.

Bonnie não pôde conter sua pura felicidade não adulterada. Ela estava finalmente casada com o amor de sua vida, eles iam ter um bebê, e todos os seus amigos estavam aqui para amar e apoiá-la. Todos os outros casais estavam dançando. Ela viu Damon e Elena dançarem ao lado deles ainda tão apaixonados. Ela estava feliz que eles estavam começando suas vidas. Eles se mudaram para a Faculdade de Medicina e Damon abriu um bar que também tinha um escritório para seu próprio negócio de Investigação Privada. Caroline e Stefan estavam dançando enquanto Lizzy e Josie estavam brincando com Alaric e Jo assistindo eles. Foi bom vê-los, ela estava feliz que Alaric e Jo puderam fazer isso. Ela até viu Davina e Kol dançandoEla ainda não podia acreditar que eles decidiram se mudar para Mystic Falls para trabalhar em sua loja lá. Kol queria tirar uma folga do drama de sua família e Davina decidiu se formar em estudos ocultos e Whitmore tinha o melhor programa para isso. Bonnie estava feliz que eles eram grandes trabalhadores e eles se tornaram grandes amigos. Ela acabou contando a eles sobre a coisa falsa e eles riram. Tudo terminou bem para ela. Todo o namoro falso foi a melhor coisa que aconteceu com ela. De fingir fazer alguma coisa, encontrou algo tão profundo e real que, no final das contas, melhorou sua vida. Ela estava grata por isso e estava agradecida a Enzo. Bonnie definitivamente poderia atestar esse velho ditado "fingir até você conseguir". Porque, bem.. olhe para eles agora. Uma farsa que se tornou a coisa mais real de sua vida. 









Notas Finais


Fim!!!
Mais uma finalizada... Espero de coração que vocês tenham gostado... ♥️ :)


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...