História Love Is Dangerous -2 temporada - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Jeff The Killer
Personagens Jeff, Personagens Originais
Tags Ben Drowned, Creepypasta, Jeff The Killer, Laughing Jack, Slender Man
Visualizações 11
Palavras 819
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Harem, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Saga, Survival, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Necrofilia, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Boa leitura ❤️

Capítulo 9 - Never


Olho ao redor, todos pareciam surpresos com a revelação. Mas não ao mesmo nível que eu, olho para Ben, que faz um sinal positivo com o dedo para mim. Ele parecia achar graça da situação, talvez eu estivesse realmente com cara de idiota vendo Saphira casando com outro homem.

Falo com Slender pelo seu pensamento -que merda está acontecendo aqui?- ele responde tranquilo -obviamente um casamento- ele estava brincando comigo
-eu percebi seu animal, mas ele está com Saphira!- 
-quem?- 
-a noiva! É Saphira!- 
-ora Jack! Não me diga que está apaixonado justo pela noiva de Zalgo?- Slender se fazia de desentendido, olho para Zalgo com raiva -Nem pense em fazer alguma besteira, ele acabaria com você em cinco minutos- 

O que estava acontecendo? De repente todos se esqueceram de Saphira? Zalgo sorri e o casamento prossegue, como se nada estivesse acontecendo

Fico em choque sem saber o que fazer, chega a hora em que o padre anuncia “se alguém tem algo contra esse casamento, fale agora ou cale- se para sempre!” 

Grito rapidamente -eu! Eu tenho.-
Todos me olham espantados. O sorriso de Zalgo se desmancha, dando lugar a um rosto que se contorcia de ódio.
Pego o microfone do padre e caminho pelo altar olhando todos

-ESSA É A MINHA MULHER! ZALGO A SEQUESTROU E AGORA ESTÁ QUERENDO CASAR COM ELA!- 

Saphira me olha, parecia confusa, seguro-a pelos ombros, olhando fixamente em seus olhos e a chacoalho
-Saph sou eu! Jack! Vamos embora daqui agora!- puxo-a pelo pulso rapidamente, para minha surpresa ela se solta bruscamente correndo para os braços de Zalgo, que sorri sarcástico  

Ele começa a rir brevemente, até que sua risada se torna uma gargalhada insana, todos riem junto. Menos Saphira, ela me olhava fixamente com medo. 
-Ele está claramente louco pessoal! Não liguem para ele!-
-Seu...!- pulo em cima do mesmo o atacando, Saphira grita e Zalgo me arremessa longe com apenas um dedo

Guardas entram pelo local me levando, me debato até ver Saphira se escondendo atrás dele, ela pensava que eu era o monstro...desisto deixando que me levem, o casamento prossegue e sou jogado em uma masmorra velha. 

(...)

Pov’s Narradora On –

-vamos querida, chegou o nosso momento- Zalgo leva Saphira até o quarto master do casal. Chegando lá, ele retira sua gravata lentamente
-o que faremos?- ela pergunta inocentemente -selaremos nosso amor, criando um fruto dele. O nosso filho- Saphira sorri

Já despida, apenas com sua lingerie branca de núpcias, Saphira deita na cama. Zalgo abre seu cinto o tirando lentamente
Saphira o interrompe antes que tire sua calça -Mestre, me bata com seu cinto- ele sorri -como é?- 
-me torture, me bata.- 
-como quiser meu amor.- 

Segurando seu cinto firmemente, ele bate com força contra sua pequena bunda branca, deixando-a vermelha

Empolgado com seus gemidos, ele arranca sua calça rapidamente, pronto para tirar sua virgindade. -espere!- Saphira se levanta da cama
-Agora é a minha vez de bater em você- ele olha com um sorriso desafiador -está bem, me domine princesa!- 
-Como quiser, mestre- 

Pov’s Jack On –

Suspiro fechando os olhos, estava tudo perdido

“Você vai deixar que tirem ela de você assim?” Me assusto virando para o lado, uma garotinha com os cabelos ruivos e olhos negros estava ao meu lado, ela me olhava fixamente
-Quem é você?- me levanto do chão me sentando “eu? Sou uma pessoa especial, que você conhece muito bem, mas por hora é melhor eu não entrar em muitos detalhes” 
-Certo, como sabe de tudo o que está acontecendo?- ela sorri 
“Digamos que eu sei muita coisa sobre você e Mã...Saphira” 
-Então você acha mesmo que tenho chances de salva-la?- ela acena com a cabeça 
“Você é o assassino mais rápido que já vi, e sei o que faria para nos salvar” 
-Espera...-
“É por isso que você deve se levantar agora mesmo e correr! Vá encontra-la!” 
Me levanto rapidamente, chuto as celas derrubando-as -você vem?- 
Ela apenas ri “Que besteira papai, eu ainda nem existo” 
-papai?- 
“Se apresse!” 
Não dou muita atenção e continuo a correr, me pergunto onde estaríam os pais dessa criança e a falta que ela deve sentir deles por chamar qualquer estranho assim...

(...)

Eu corria pelas escadas da masmorra, matando cada ser que tentasse me impedir. Eu havia deixado aquele monstro se casar com a minha Saphira, eu havia caído, mas eu me levantei. Não irei me render assim, não me darei por vencido. Se ele pensa que irá roubar tudo o que é mais importante para mim assim, ele está muito enganado! 

Entro na mansão correndo, chego ao salão principal. Vejo uma enorme escada e no seu topo estava Saphira, vestida de noiva. Ela me olhava. Correndo até mim

Corro até ela o mais rápido que posso, ela praticamente se joga nos meus braços, chorando. 

-Eu achei que ia te perder...- abraço-a forte
-Jack, eu sou sua desde que te conheci. E ninguém mudará isso. Nunca.- 


Notas Finais


Kissus


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...