História Love is (not) easy - VMIN - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Kim Taehyung (V), Park Jimin (Jimin)
Visualizações 25
Palavras 451
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 3 - Surprise!


Taehyung havia me pego de surpresa, eu não esperava por aquilo - sem contar que foi meu primeiro beijo - eu não sabia o que dizer diante de tudo aquilo. Infelizmente, minha única escolha foi se afastar, foi errado? Sim! Me arrependo? Não sei...

No dia em que fui me despedir do meu amigo, a Sra Kim disse que ele não estava em casa. Mas lá no fundo, bem no fundo, eu sabia que ele não queria me ver. Não o culpo e nem estou chateado com ele. Só queria levar comigo seu abraço.

Agora, com 21 anos de idade, pude voltar para Seul. Muitas coisas aconteceram enquanto eu estive fora. Fiz novos amigos, conheci pessoas boas, namorei bastante, e mesmo assim me sentia incompleto. Guardava comigo uma foto minha com Taehyung quando mais novos. Era a única coisa que me confortava quando estava triste. Aish, que saudades dele.

No carro, eu observava as ruas e lembrava de cada momento meu com os coleguinhas da escola, incluindo Tae. Eu tinha apenas 12 anos. Mas cada lembrança era preciosa. Minha mãe não estava em casa, mas deixou um bilhete, dizendo: "Bem-vindo, querido! Eu fui ao mercado, pois preciso de mais ingredientes para fazer sua comida preferida como presente de boas vinda! Volto logo, meu bebê." Tinha uma cara Alegre desenhada no final do bilhete. O que me fez rir.

Subi os degraus da escada e segui direção a porta do meu antigo quarto. Ao entrar arregalei os olhos e senti esses arderem. Tudo estava como antes, até o cheiro e o ursinho - presente de Taehyung - caído no chão. Me aproximei dele e peguei.

-- aiai, será que você está bem?

Era umas 8h da noite, o cheiro da comida invadia meu quarto, e a campainha não parava de tocar. Era um tanto irritante. Terminei de me arrumar e sai do meu quarto descendo escada abaixo. Infelizmente, meu corpo travou depois de ver a figura do ser que tanto sinto falta entrar pela porta. Por que estou com uma vontade enorme de pular nos braços dele?

-- Oh, Minnie... Não sabia que tinha voltado. --  Disse Taehyung, com um tom indiferente.

-- Surpresa! -- Gritou nossas mães, enquanto nos olhavam com um sorriso vitorioso nos lábios.

Parece que o mundo parou naquele instante e eu consegui encontrar a paz que faltava. Naquela época eu estava confuso sobre ter me arrependido por ter me afastado dele, mas agora, neste exato momento, eu tenho a total certeza de que me arrependo e faria de tudo para recomeçar. Eu sempre ouvia dos outros "você só vai dar valor quando perder" E aconteceu isso comigo, mas não vou perde-lo de novo.

-- Oi Tae... 


Notas Finais


Hello guys! O que estão achando? Podem dar idéias, blz? Bye bye.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...