1. Spirit Fanfics >
  2. Love Me Right-Imagine Park Chanyeol (2º Temporada) >
  3. Capítulo 6

História Love Me Right-Imagine Park Chanyeol (2º Temporada) - Capítulo 6


Escrita por:


Notas do Autor


Mil desculpas pela demora anjinhos,me falhou a memória pra escrever esse cap,foi difícil,vocês talvez vão estranhar pq mudei muito de personagem,mas quis fazer isso pra dar ênfase nos dois personagens,espero que gostem.Boa leitura❤️

Capítulo 6 - Capítulo 6


Fanfic / Fanfiction Love Me Right-Imagine Park Chanyeol (2º Temporada) - Capítulo 6 - Capítulo 6

O final de semana passou rápido,trazendo consigo a viagem de Chanyeol,hoje é o último dia que fico com meu bebê de trinta anos antes dele ir pra tokyo,é só dois dias mas pra mim,parece uma eternidade.Justo amanhã que irei fazer a consulta do pré natal,ele não vai estar presente,mas,de uma coisa eu estou livre,trabalho.Fui hoje cedo na cafeteria e pedi conta,senhora Bong Na me compreendeu e viu que realmente é difícil trabalhar assim,só me restou agora ir a faculdade,logo logo vou trancar minha matrícula,vou me dedicar ao máximo a meu filho,Chanyeol me deu a ideia de pedir pra estudar em casa,vou ver se eu consigo.


-Você não vai pronto,está decidido.


Agora estou deitada em cima de Chanyeol na cama fazendo drama,ele tinha acabado de arrumar a mala dele,é pequena,já que vai ficar poucos dias.


-Se eu pudesse ficar,não pensaria duas vezes em continuar aqui-Suas mãos faziam carinho em minha cintura.


-Agora que caiu a ficha de que vou ficar sozinha.


-Você não falou com Minah sobre ela ficar aqui?.


-Esqueci-Chanyeol riu soprado,sempre esqueço das coisas.


-Não esquece de perguntar jagi-Assenti com a cabeça- bom que ela te acompanha na consulta,hm?


Fiquei em silêncio,hoje acordei me sentindo estranha,não é carência,é desânimo,quero ficar deitada o dia todo.


-O que acha de nós irmos levar o Toben pra passear no parque aqui da frente?-Chanyeol olhou pra mim animado,eu já tinha deitado do lado dele na cama.


-Não quero sair da cama hoje-Rolei ficando de bruços.


-Que desânimo é esse? Ontem você estava animada-Channie tirou meu cabelo do rosto passando a apertar meu nariz.


-Acordei assim-falei fanhosa por conta do meu ar que tinha sido preso,Chanyeol riu- aish-tirei a mão dele dali.


-Então vamos ficar aqui-ele ligou a tv- lembra quando ficávamos nos entupindo de comida e assistindo filme de terror? -Assenti com um sorriso mínimo.


-Lembro como se fosse ontem-murmurei apontando pro filme que acabara de aparecer,a bruxa de blair.


-Tem certeza que quer ver esse filme?-Me olhou rápido com receio,ele sabe que depois fico com medo e não consigo dormir- você sabe que amanhã vai ficar aqui sozinha né caso Minah não aceite.


-Sim amor,e outra,é capaz de mim dormir no meio do filme-ele negou com a cabeça desconfiado e mesmo incerto colocou o filme.


-Vou pedir pizza doce-Falou e eu olhei pra ele animada- e frango frito também-Acrescentou digitando algo no aparelho.


-Já disse que eu te amo?


-Interesseira-Cutucou minha barriga com a mão livre,já ia responder mas fui cortada por um serzinho marrom de quatro patas que pulou na cama atraindo nossa atenção e se enfiou ali no nosso meio ronronando alto.


-Você não estava com a Odette?-referi a minha gata fazendo carinho nas orelhas peludas do cão,que por milagre,hoje está quieto.


-Ela deve ter se cansado dele-Chanyeol falou risonho- ele não deixa ela quieta nem por um minuto.


-Mesmo sendo adulto,ele continua agitado-Chanyeol concordou- por isso eu acho que ele deve ter uma namora…


-A comida chegou-Ele levantou saindo em disparada do quarto,balanço a cabeça já sabendo o motivo disso.


-Se seu papai é ciumento assim com você,imagino então como vai ser com quando o bebê nascer-Toben agora me encarava- devo me preparar?-O cachorro balançou o rabo,fiz biquinho duvidosa e abracei ele ficando à espera de Chanyeol.

….



-Agora que está de buchinho cheio,você pode dormir.


Na tv já passavam-se os letreiros avisando que o filme chegará ao fim.Por incrível que pareça,hoje consegui assistir o filme todo sem dormir na metade,porém,como nada é um mar de rosas,Chanyeol ficou fazendo piadinha o filme inteiro implicando comigo,motivo? Minha barriga que agora está ficando bicudinha,algumas mulheres quando estão no terceiro mês de gravidez,normalmente não tem quase volume nenhum,só passa a surgir quando já está no sexto mês,mas comigo está sendo ao contrário,o volume está começando a aparecer mais cedo do que o normal,e com isso ele viu sem querer quando toben sumiu meu moletom porque inventou de querer brincar,ele sempre faz isso,puxa minha roupa e fica parado depois olhando pra minha cara,também não entendo o porque disso mas ok,Toben é meio imperativo.Agora,Chanyeol recolheu o que sobrou da comida que comemos (frango frito e pizza doce) e levou pro lixo,ele pediu pra mim dormir mas sinceramente? Estou sem sono,meu humor resolveu subir de novo,acho que o motivo do desânimo era a falta que eu estava de comer uma pizza,felizmente meu desejo foi saciado. 


-Estou sem sono-Me espreguiço assim que fiquei sentada e levanto da cama soltando um suspiro longo- hoje bati o recorde de ficar deitada o dia todo.-Chanie riu se aproximando e me analisou antes de levar suas mãos até meu cabelo bagunçado os arrumando.


-O ursinho não hibernou hoje-Beijou o topo da minha cabeça de forma carinhosa circulando seus braços na minha cintura,assenti risonha depositando um selinho em seus lábios carnudinhos que eu tanto amo-Estava pensando...e,o que você acha da senhora Ling ficar aqui? Pelo o que estou vendo,Minah não vai poder vir.


É fofinho o jeito que ele fica preocupado comigo,ele não sossegou em quanto não teve ideia de chamar a senhora Ling cuidadora dos seus irmãozinhos que a propósito,estão bem grandinhos já.


-Meus irmãos já estão muito grandinhos pra não se comportarem,além do mais,tem as outras senhoras que cuidam dele-Explicou.


-Vou adorar ficar de novo com a Senhora Ling,já estava com saudades dela…-Franzo cenho me afastando dele assim que sinto um incômodo na minha garganta,estava demorando pro enjoo vir.


-O que foi?-Chanyeol me olhou preocupado,não disse nada só corri pro banheiro do quarto mesmo colocando pra fora tudo que comi mais cedo,nessas horas fico com pena do vaso sanitário- sabia que não era uma boa ideia você comer fritura e doce depois-Ele já segurava meu cabelo e olhava pro lado contrário do meu,realmente é deplorável vomitar e pior ainda ficar vendo alguém vomitando.


-Já estava demorando pra isso acontecer-Recuperei o fôlego dando descarga e levantei com a ajuda dele seguindo até a pia pra limpar o rosto e escovar os dentes- a comida só não caiu bem pra ele-Coloquei a escova na boca novamente.


-Acho que ele não gosta muito de frango frito,nesse caso o gosto pra comida vai ser ao contrário do seu.


-Hmm,isso é bom,porque já vai crescer aprendendo a comer comidas saudáveis-Sequei a boca e o rosto com a toalha.


-Vai ser igual o papai-Estufou o peito orgulhoso.


-Até porque eu comi pizza e frango sozinha né?-Arqueei a sobrancelha enquanto lembrava ele e seu sorriso murchou na hora.


-Estraga prazeres.


                               (...)


A noite caiu rápido,trazendo consigo apenas algumas horas pra Chanyeol viajar,ele vai sair cedo de casa pra não atrasar e vai encontrar xiumin e Ji Hyun no aeroporto.Ele nem foi ainda e eu já estou com saudades,não sei se é por causa do costume de estar sempre com ele,senhora Ling vem pra cá assim que Chanyeol sair,o motorista particular vai trazer ela.


-Prometo te ligar assim que eu pisar no Japão,hm?-Agora cá estou eu agarrada no corpo de Chanyeol feito chiclete,ficamos deitados o dia todo na verdade,a mala dele e a roupa pra sair já está arrumada,então é só esperar o motorista dele chegar amanhã pra sair.


-Tudo bem-arrumei a franja dele que estava caindo em seus olhos- Será que Ji Hyun vai aproveitar que estou longe pra tentar fisgar você?-Comecei com minha crise de ciúmes.


-Ela não é doida...aliás,se ela tentasse fazer isso eu mandaria ela de volta pra casa dela,eu que estou bancando tudo.


-Ela voltaria feliz,o que planejava fazer já ia estar feito mesmo-Chanyeol deu um sorrisinho após ouvir o que eu havia dito- o que?


-Isso tudo é ciúmes?-Perguntou,assenti sendo sincera- está sentindo ciúmes atoa,já disse que só tenho olhos pra voce-Ia responder mas fui cortada por ele que me roubou um selinho- esquece ela-levou seus lábios até meu pescoço mordiscando minha pele sensível,só com esse simples toque eu já podia sentir meu corpo começar a esquentar- vou pegar leve-Franzi a sobrancelha duvidosa.


-Você só fala isso agora-Ele riu contra meu pescoço e afastou ficando de joelhos na cama,sua blusa foi tirada por ele mesmo exibindo seu tronco largo e musculoso,o corpo dele não é um forte feio,muito pelo contrário,é bonito e ideal pro seu peso junto da altura- amor,você não tem que acordar cedo aman…


-não estou nem um pouco preocupado com isso-Segurou meus pés cobertos pela meia cinza e me puxou pra perto na intenção de tirar minha calça moletom,dei de ombros resolvendo não estragar o momento.Minha calça foi tirada revelando então minha calcinha azul claro com a estampa do pikachu na frente,Chanyeol analisou a peça brevemente antes de abrir minhas pernas deixando evidente minha excitação amostra,eu já estava molhada o suficiente.-Ja está assim? Eu ainda nem comecei-Tocou meu sexo por cima da calcinha pressionado a região do meu clítoris,ao sentir o contato fraquejei prendendo a respiração que já estava ofegante e pesada.Chanyeol percebendo que a ação causou efeito,tratou de tirar minha calcinha me deixando agora totalmente exposta pra ele,seus olhos me devorava como se eu fosse um pedaço de carne,não me sentia mais envergonhada com esse seu olhar,já fizemos sexos tantas vezes que a vergonha foi a primeira coisa que deixei lado,pelo menos agora.

Chanyeol ficou com o rosto rente ao meu sexo e assoprou minha virilha horissando todos os pelos do meu corpo,suas mãos separavam minhas pernas as impedindo de se fechar,mordi meus lábios fortemente quando sua língua entrou em contato com meu clítoris sugando toda minha extensão,sua língua quente me deixava mais lubrificada ainda,já estava pronta pra receber ele.

-Não segura os gemidos-Chany parou o que fazia me repreendendo e se afastou,abri a boca pra falar mas me calei na hora que o vi passar a tirar suas roupas de baixo expondo seu membro totalmente rijo e melado pelo pre gozo.Salivei ansiosa pra tê-lo dentro de mim,hoje estou mais excitada do que o normal.Nem vi quando Chanyeol inclinou meu corpo na cama pra tirar minha blusa,como já estava sem sutiã,facilitou o trabalho dele.Seus olhos pairaram sobre meus seios maravilhado,meus seios estão maiores e sensíveis,nunca que eles eram grandes igual estão agora.

-Lindos-Channie beijou cada um antes de trilhar caminho até meu rosto juntando nossas bocas com fervura.


Minhas pernas se entrelaçaram ao redor da cintura dele o mantendo mais perto,minha lubrificação era tanta,que seu sexo deslizou pra dentro de mim facilmente,Chanyeol e eu ofegamos surpresos entre o beijo por causa do ato inesperado.Ele cobriu nossos corpos com o edredom até a cintura antes de colocar as mãos de cada lado da minha cabeça em forma de apoio,relaxei a cabeça no travesseiro quando senti seu corpo começar a vir contra o meu me estocando de forma ágil e firme.Sua cintura parecia ter vida própria,meu corpo balançava em baixo dele conforme suas investidas,meus gemidos se tornaram mais altos,Chanyeol arfava pesado a cada estocada que era dada.Sua testa colou na minha junto dos nossos lábios que se tocavam diante dos movimentos.


-Ahh,mais rápido-Pedi entre gemidos apertando a ponta do travesseiro nos dedos.Chanyeol obedecendo meu pedido,ficou de joelhos na cama e segurando minha cintura,manteve meu corpo firme no lugar passando a me estocar mais rápido,pra não me machucar,ele era cuidadoso em não entrar por completo e tocar meu ponto g,estou grávida,não podemos exagerar.


-Estou quase...porra s/n a cada dia que passa você está mais apertada-Chanyeol praticamente urrava,seu corpo estava em chamas,ele me olhava nos olhos com desejo,podia sentir meu rosto queimar só com seu olhar,é esse o efeito que causa em mim.


-Amor…!-Soltei um gritinho encolhendo as pernas por ter sido atingida em cheio no meu ponto sensível,Chanyeol percebendo isso diminuiu a velocidade porém continuou estocando firme,seus gemidos se intensificaram junto dos meus quando ora seu membro engrossou dentro de mim,ora meu sexo o apertou passando a contrair.Bastou mais algumas estocadas pra ele vir e gozar como nunca,meu corpo ficou mole na cama totalmente sem ar,Chanyeol deitou do meu lado também cansado e me trouxe pra perto mantendo meu corpo acolhido ao dele.

-Tudo bem?-Perguntou após um minuto de silêncio.


-Sim...quer dizer,não-Ele me olhou preocupado.


-Te machuquei?


-Daqui a pouco você vai-Sua expressão suavizou mas depois tornou chateada.


-Eu volto depois de amanhã babe,não fica triste,no final vai valer a pena isso tudo vai valer a pena-Beijou o topo da minha cabeça alisando minhas costas com carinho- vou voltar pra vocês.


-bom mesmo,porque se me trocar por uma japonesa,corto sua fonte da felicidade-Chanyeol riu mas engoliu seco em seguida. 


-Japonesa?A não,prefiro uma indiana,árabe-Provocou falando perto do meu ouvido,arqueei a sobrancelha.


-Aonde você vai arrumar uma indiana ou árabe?.


-Na minha empresa tem uma,ela não é nada mal-Belisquei ele mesmo sabendo que era mentira o que me falou.


-Deixa de mentira,a única pessoa de país diferente que tem lá é americano-Ele deu de ombros concordando- idiota.


                                  (...)


-Não esqueça de explicar tudo pra doutora amanhã


Infelizmente a hora de Chanyeol viajar havia chegado,faltava só ele entrar no carro pra ir.Me passava as últimas coordenadas caso eu precise de ajuda ou algo assim,senhora Ling vem hoje cedo pra cá,vou adorar ficar na companhia dela.


-Tudo bem,eu te falo depois como foi a consulta.


-Logo logo estarei de volta,hm? Trago doces japoneses pra você-Amenizou a situação,ele me abraçou beijando o topo da minha cabeça.


-Estou começando a achar que essa viagem vai valer a pena-Murmurei interessada.


-Boba-o som da buzina se fez presente do lado de fora da casa,é chegou a hora- o carro chegou...te ligo assim que chegar,toma cuidado e me liga caso algo aconteça,se minha mãe vir aqui e falar alguma coisa com você que te magoe,chame os seguranças e manda levar lá pra casa dos meus irmãos-Me passou uma série de avisos,assenti concordando com tudo,suas mãos seguravam meu rosto- te amo.


-Boa viagem,amo você-Ele selou nossos lábios em um beijo rápido porém carinhoso,antes de se afastar e procurar pela mesa,o observei me dar uma última olhada e entrar no carro sumindo da minha vista.

-Agora é só eu e você Toben.-Respiro pesado e Pego o cachorro no colo.



Já tinha ligado pra senhora Ling e agora aguardava ela na frente da mansão junto com toben,o dia está ensolarado hoje,nada melhor do que sentar nos banquinhos aqui da frente.


-Toben fica quieto,se você sair correndo eu não vou atrás de você-Toben não pode ver pássaros na calçada que fica assim,uma vez ele fugiu e eu fui achar ele lá no parquinho,passamos maior sufoco,então,eu e Chanyeol decidimos sair com ele só na coleira.

-Só esperou seu pai viajar pra começar a fazer bagunça.


-Está a esse nível s/n? Conversando com um cachorro?.


Tomei um susto quando ouvi a voz que pra mim é bem familiar,sim,minha sogra está nesse exato momento bem na minha frente.Fiquei tão entretida com o Toben que não vi a jararaca chegar.Olhei pra ela com um sorriso  me controlando pra não ser sem educação,ela me olhava com superioridade,pois esse olhar vai cair por terra porque quem é superior na minha casa sou eu.


-Oh,senhora Sun lee? Você não avisou que viria agora-Fiquei de pé me reverenciando,seus olhos bateram na minha barriga antes de voltarem a serem direcionados pra mim.


-Resolvi fazer uma surpresa-Tirou os óculos escuros soltando uma risada,arqueei as sobrancelhas surpresa.


-Realmente foi algo inesperado-Olhei em volta ansiando pra senhora Ling chegar logo.


-Bela casa-Mudou de assunto analisando a residência- Chanyeol tem bom gosto.


-Ah,quem escolheu o modelo…-Tossi falso- Foi eu.


-Você? -Bateu o óculos na mão- pra confirmar minha opinião preciso ver como é por dentro-Se apressou- aonde está a empregada pra levar minhas malas?-Perguntou,que folgada.


-Não temos empregada senhora Sun Lee…-Ela já ia falar só que intervi continuando- e mesmo se tivesse,não querendo ser grossa mas…,Chanyeol me certificou de dizer que a senhora vai ficar na mansão dos seus filhos.-Respirei fundo me preparando pra aguentar o surto dela,porém,não foi o que aconteceu,ela cerrou o punho com o maxilar trincado,se controlando pra não surtar óbvio.


-Mas você vai ficar sozinha?


-Senhora Ling vai me fazer companhia até Chanyeol chegar.


-Certo,então…-Foi cortada pelo som da buzina do carro,agradeci aos deuses por senhora Ling ter chego,não aguentava mais dar satisfação das minhas coisas pra Sun lee- Oh ela chegou.


Sai dali deixando ela sozinha e segui pro passeio recebendo a senhora de bom agrado.


-S/n que saudades!-A mais velha sorriu surpresa me analisando,faz uns meses que não via ela.


-Digo o mesmo,a senhora está otima-Abracei ela sendo retribuída.


-Como se sente?-Segurou minhas mãos dando espaço pro motorista levar a mala pequena de mão que ela havia trago pra dentro de casa,Sun lee nos observava- fiquei tão feliz quando soube da sua gravidez,Chanyeol foi me contar pessoalmente,ele explodia de felicidade.


-No começo foi complicado,ele se recusava a acreditar.Nao estava nos nossos planos,mas,aconteceu-Dei de ombros.


-Vocês vão se acostumar,Chanyeol vai se sair muito bem,afinal,já não iria demorar muito,ele já é bastante adulto.Voces tem todo o meu apoio,sabem disso-Senhora ling realmente é um anjo.Ela é a mãe que Chanyeol deve ter,não essa jararaca que toda vida humilhou o marido e o filho.


-Não querendo intrometer mas intrometendo,eu ainda estou aqui-E falando nela,surgiu no nosso campo de visão,Senhora ling me olhou rápido antes de se virar e sorrir forçado pra mulher a sua frente.


-Você já chegou? O que faz aqui?


-Vim ver minha nora oras-Falou óbvia,eu observava calada.


-Você deveria ir ver primeiramente seus filhos-Proferiu senhora Ling irritada.


-Não venha me ensinar o que devo fazer,vou aonde eu quiser-Cansada daquilo decido intervir.


-Não vamos criar confusão,Sun lee agradeço sua visita mas eu e Senhora Ling temos muito que fazer.-Ela me olhou surpresa- o motorista vai te levar pra casa,outra hora você vem,hm?


Ela nada disse apenas olhou mortalmente pra Ling e saiu batendo os pés fortemente no chão entrando no carro com raiva.Mulher chata,prefere cuidar da vida dos outros do que ir cuidar dos filhos,que amor ela tem por eles…



-A senhora tem filhos?-Eu e Ling estamos na cozinha,ela insistiu em preparar o almoço então,estou sentada de frente pra ela que está em pé a ajudando a picar os legumes,fiz uma pergunta que até hoje esqueci de fazer,Chanyeol nunca me falou da vida pessoal dela.


-Infelizmente não,sou estéril-Falou mexendo na panela.


O que? Senhora Ling é estéril? Uau,nunca imaginaria isso.


-Estéril? Senhora Ling me desculpa tocar em um assunto desses,eu pensei que-


-Está tudo bem querida,eu já superei,antes eu sofria,meu sonho era ter um filho.Lutei pra adotar,pra fazer tratamento,nada adiantou...então perdi as esperanças,depois meu ex marido faleceu…-Por mais que já tinha superado,sua voz ainda transmitia tristeza.


-Eu sinto muito-Comprimi os lábios,senhora ling deve ter sofrido muito no passado.


-Sabe o que eu penso? Se tudo isso aconteceu,é porque não era pra ser-Sentou na minha frente deixando o pano de prato sobre a mesa- eu não sofro mais s/n.Tenho Chanyeol,que pra mim,é o filho que não pude ter.


-E pra ele,você é a mãe que a Sun lee não é.Ela só pensa no dinheiro dele,nada além disso.


-Só tem uma diferença de semelhança,ele é coreano e eu chinesa.-Ela disse risonha.


-Sempre desconfiei,esse nome ling é chinês-Franzi a sobrancelha pensativa- Ya,a senhora é uma caixinha de surpresas.


-Talvez eu seja mesmo,agora chega de falar de coisas ruins que aconteceram comigo,e venha experimentar esse molho.


Park Chanyeol pov


Cá estou eu dentro do avião particular acompanhado de Xiumin e Ji Hyun.Nao consegui dormir desde que embarquei,por mais que são poucas horas de voo,faria bem dormir nem que seja por dez minutos,estou no avião mas meus pensamentos só rondam na minha jagi,só me resta pensar já que xiumin está dormindo do meu lado e Ji Hyun fazendo sei lá o que,ela está sentada atrás de mim,não consigo visualizar.Desde que ela me viu,está fingindo demência e agindo como se nada tivesse acontecido,até xiumin desconfia dela.Mal sabe ela que eu já sei das suas falcatruas,mas não vai demorar pra mim jogar às cartas na mesa.


-O senhor aceita alguma bebida?-Fui interrompido pela aeromoça particular que temos.


-Suco.


-Temos de laranja,caju e abacaxi.


-Pode ser de caju Hee Mi obrigado-Sorri simpático pra loira que assentiu sumindo das minhas vistas.


Xiumin pareceu ter escutado o barulho das vozes e despertou.


-Com quem você estava conversando? Sua voz já é grossa aí pra piorar fala perto do meu ouvido-Resmungou,arqueei a sobrancelha.


-Estava conversando com a aeromoça-Dei de ombros abrindo a portinha que tampava a janela,automaticamente a claridade invadiu nosso espaço.


-Hum,já estamos chegando?-Bocejou relaxando na cadeira.


-Faltam poucas horas-Analisei o céu totalmente limpo.


-Você não conseguiu dormir? Parece cansado.


-Não.E não me arrependo nem um pouco do motivo que estou assim-Me recordei da noite que tive com s/n,Xiumin percebeu o que era mas não falou nada,só me olhou invejado,realmente ele está precisando desencalhar.


-Aqui está senhor Chanyeol-A aeromoça retornou me entregando o copo de suco,Xiumin olhou pra ela e depois pra mim indignado.


-Você não pediu suco pra mim?


-Eu ia lá adivinhar que você ia acordar agora e querer suco?-Falei óbvio,xiumin riu.


-Posso trazer se ainda quiser…-Hee Mi entrou na conversa.


-Quero sim,de laranja,trás um sanduíche também-Xiumin me olhou feio.


Ela assentiu saindo novamente.


-Me da isso aqui também-Pegou meu copo irritado dando um gole,o olhei indignado.


-Só porque fez isso,vai ter que dividir seu sanduíche comigo-Sorri sínico.


-Ah na…


-Vocês vão ficar brigando até quando?


Estava muito bom pra ser verdade.Ji Hyun estava escorada no estofado olhando pra nós dois.


-Ele que começou-Xiumin jogou a culpa pra cima de mim,fechei a cara incomodado com a garota que me olhava fixamente,ela agora está com mania de fazer isso- porque você está olhando assim pra ele Ji Hyun?-Xiumin a olhou desconfiado.


-O que? Eu estava olhando pra ele?-Fingiu demência,neguei com a cabeça revirando os olhos.


Deus me dê paciência pra aguentar essa garota por dois dias.



S/n pov on


-Já era pra Chanyeol ter chegado no Japão,sim?-Eu e Ling estamos sentadas no sofá da sala assistindo tv,bom no caso ela porque eu estou entretida demais no celular pra prestar atenção.


-Ele ainda não deu notícias?


-Não,disse que ia me ligar assim que chegas…


-S/n olha isso-Ling me cortou cutucando meu braço e apontou pra tv,olhei pra tela rapidamente e me surpreendo por ver Chanyeol ali,ele saía apressadamente do aeroporto acompanhado do Xiumin e Ji Hyun,espera,porque a Ji Hyun está abraçada com ele?- uau,Chanyeol tem muitos fãs.


-E como tem-Murmurei prestando atenção na tv,ele vai ter que me explicar o motivo dessa aproximação.


-Logo logo ele te liga,hm?-Senhora Ling pareceu não notar minha mudança repentina de humor porque está neutra como se nada tivesse acontecido- aguarde.



Depois do que presenciei na tv,preferi ficar no quarto,já são quase quatro horas da tarde e Chanyeol não deu notícias,eu que não vou ligar,quem viajou foi ele não eu.


-S/n? Fiz um lanche pra você-Senhora ling tinha descansado um pouco,já que seu quarto de hóspedes estava arrumado- não faça essa carinha,você tem que se alimentar.-Colocou a bandeja na cama se sentando do meu lado.


-Tudo bem-Assenti passando a comer em silêncio,seus olhos curiosos me analisava.


-Está assim porque Chanyeol ainda não te deu notícias?-Falou acertando em cheio no motivo que estou emburrada.


-Já era pra ele ter me ligado,a desculpa dele vai ser que estava ocupado com colega de trabalho,sendo que é só amanhã que vai ir pra reunião.


-Porque não liga pra ele? Também não pode ser orgulhosa-Me repreendeu pegando meu celular e estendeu na minha frente- liga,hm?


Demorei uns segundos pra pegar o celular da mão dela,mesmo contragosto disquei o número dele e deixei no viva voz,mal fiz a chamada e ele atendeu.


Chanyeol:Amor? Eu já ia te ligar.Me desculpe eu tinha apagado.


Senhora ling me olhou feio,e eu julgando ele por achar que o motivo era outro.


S/n:Que bom que descansou,a viagem foi rápida?


Chanyeol:Sim,chegamos rápido aqui...você está bem? Mal cheguei e já estou com saudades.


S/n:Tirando o fato de que sua mãe tentou arruinar meu dia,estou bem sim.Senhora Ling já chegou aqui.


Chanyeol:Não deixe minha mãe ir aí até eu chegar,ela não tem jeito...apenas a ignore-Sua voz era de frustração- não deixe de me ligar amanhã quando chegar da consulta.


S/n:Tudo bem-pude ouvir o som de porta batendo- o que você está fazendo?


Chanyeol:eu e Xiumin vamos sair pra passear um pouco….Channie vamos logo-Franzi o cenho quando ouvi uma voz feminina,era Ji Hyun?.


S/n:essa voz e da Ji Hyun? Chanyeol não me diga que vocês dois-


Chanyeol:amor,tenho que desligar,mais tarde te mando mensagem,te amo.-Encerrou a chamada apressado ignorando minha pergunta,esse cretino me prometeu que não ia conversar com ela se não fosse sobre trabalho,agora vao sair pra passear? Que droga.


-Eu mato o chanyeol-Jogo o celular na cama totalmente irritada.Senhora Ling me olhava confusa- a senhora acredita que Chanyeol e a Ji Hyun estão de aproximidade? 


-Mas como Chanyeol tem coragem de fazer isso sendo que foi ela quem expôs vocês?-Ela colocou a mão na boca indignada,a raiva que estou sentindo nesse momento é tão grande que se eu visse Chanyeol na minha frente esganava ele.


-Ele vai ter que arrumar uma boa explicação-Deixei a bandeja na escrivaninha e voltei a deitar na cama controlando meus nervos.


-Procure nao ficar nervosa,pode fazer mal pro seu filho também,descanse-Ling tocou minha barriga antes de levantar e sair do quarto levando minha bandeja junto consigo.


É melhor ele não sacanear comigo.


 Park Chanyeol pov


-O que foi isso Ji Hyun?


Estou irado,Ji Hyun pirou de vez,ela simplesmente entrou no meu quarto pra me entregar uma pasta e quando viu que eu estava no telefone com s/n gritou falando que ia sair comigo também,eu nem chamei ela.S/n deve estar querendo me esganar.


-Isso o que?-Me olhou confusa,óbvio que é falsidade dela.


-“Channie vamos logo”-imitei a voz dela.


-Eu não quis dizer isso,eu...eu confundi as palavras-Passei a mão no rosto desacreditado,meu deus como pode ser fingida.


-Tá bom Ji Hyun vou fingir que acredito-Levantei da cama recolhendo minha carteira junto do celular e me preparei pra sair do quarto,só que a garota foi mais rápida e ficou na minha frente sorrindo maldosa.


-O que está fazendo garota? Ji Hyun não me faça perder a paciência.


Ela nada disse apenas colou seu corpo no meu e como um piscar de olhos me beijou,fiquei imóvel,chocado,me recusando a acreditar que ela realmente fez isso.Rapidamente tomei iniciativa de afastar seu corpo do meu,céus se alguém visse isso iria pensar tudo errado,principalmente s/n.


-Ficou maluca Ji Hyun?-Eu estava puto da vida,essa garota passou dos limites- NÃO FAÇA ISSO DE NOVO ESTÁ ME ENTENDENDO?


-Vai me dizer que não gost…


-Não não gostei,dessa vez você passou dos limites-Agora ela estava seria- acabou,quando essa viagem acabar,você recolhe suas coisas da empresa e some da minha vida.


-Você não pode fazer isso!


-Eu posso e vou-Ficamos frente a frente novamente- agora me dá licença que eu tenho compromisso-Ela não se moveu,respirei fundo controlando meu nervosismo- Ji Hyun.


-Você vai se arrepender de ter feito isso-Proferiu com ódio e me olhou uma última vez antes de deixar o quarto batendo a porta fortemente.


Era só oq me faltava,como vou contar isso que aconteceu pra s/n? Ela vai surtar,e eu mais ainda se ela não acreditar em mim.Estou chocado,Ji Hyun se rebaixou a um nível que nenhuma mulher no mundo deve fazer,tudo por causa de amor,se é que ela me ama mesmo.Por enquanto não vou falar com s/n,isso vai arruinar meu plano de pedi-la em casamento,já basta ela estar brava comigo com certeza porque desliguei o telefone na cara dela.Eu preciso beber e conversar com xiumin,urgente!




-Como assim cara,Ji Hyun se trancou no quarto com você e te beijou? Não acredito.


Eu e Xiumin estamos em um barzinho organizado que ficava de frente para a praça super iluminada,tokyo é muito bonito,em breve vou trazer s/n aqui.E falando nela,contei pra xiumin o que aconteceu entre mim e Ji Hyun,os olhos dele faltaram sair pra fora quando contei.


-Pois acredite,acabei perdendo a paciência e demiti ela-Comi um bolinho de Takoyaki que havia acabado de chegar,compramos também uma bebida alcoólica muito famosa do bar.


-Uau,sempre desconfiei que ela não era flor que se cheire-Xiumin balbuciou indignado.


-Quem te ensinou a usar esse termo?-Arqueei a sobrancelha.


-S/a-Deu de ombros dando um gole pesado no copo,s/n e suas manias de usar esses termos estranhos.


-E tem mais,ela ainda me ameaçou-sorri fechado negando com a cabeça- ela disse que eu vou me arrepender de ter feito isso.


-Aish,quem faz merda é ela e o castigo cai em você,não entendo isso-Colocou a mão no queixo- deveríamos nos preocupar com isso?


-Se ela foi capaz de me beijar sabendo dos riscos que corria,devemos nos preocupar sim.


-E tomar uma providência antes que o pior aconteça.


-Exatamente.


-Mas agora,você vai contar pra s/n?-Me olhou atento.


-Não,pelo menos não agora.


-Você não pode esconder isso dela.


-Eu sei,mas,se eu contar agora,ela com certeza vai ficar brava comigo e meu pedido de casamento vai pra água abaixo-Lamentei.Eu esperei tanto por isso,não posso perder essa chance.


-Não custa nada tentar Chanyeol,talvez ela compreenda.


-Hyung,você sabe como a s/n é.Ela compreendendo ou não,vai ficar brava do mesmo jeito...ainda mais agora que seu humor está pior do que de todos os outros dias-Xiumin riu dando batidinhas no meu ombro.


-É cara,você está fudido-Olhei pra ele sério.


-Obrigado por jogar na cara.


-De nada.


                               (...)


-Olá s/n!Que bom te ver de novo como se sente? 


Péssima,essa é a palavra que me descreve agora.O que era pra se tornar um dia alegre,pra mim está sendo repleto de tristeza e raiva,motivo? Chanyeol e minha faculdade.Fui a aula ontem e descobri que o diretor trancou minhas aulas sem meu consentimento,só vou poder voltar a estudar quando meu filho nascer,em casa.Nao queria ter parado agora,ainda faltava muito pra seis meses chegar,agora vou ser obrigada a ficar em casa perdendo todo o conteúdo,talvez eu nem forme esse ano,meu sonho de construir a clínica já está sumindo,o que eu mais desejei em fazer quando iria vir pra coréia era estudar e ter meu próprio local de trabalho,não posso desanimar,se não,vou ficar um bom tempo isolada sem querer fazer nada,e aí vai tarde.Liguei pra Chanyeol no intuito de contar o que houve e ele não atendeu,o celular estava desligado,mandei mensagem ontem também e ele não visualizou até agora,bom mesmo estar fazendo isso por que se quiser saber como foi a consulta vai ter que pegar a médica.


-Não estou muito bem psicologicamente,mas vou melhorar-Eu ja estava deitada na maca de ultrassom com senhora ling do meu lado,a doutora preparava minha barriga e a tela da máquina.


-Sabe que não pode ficar assim,certo? Tudo de ruim que você transmite pra si mesma afeta o bebê também.


-Eu sei,mas está sendo difícil,meus planos estão indo pra água abaixo,me sinto péssima por saber que curso psiquiatria e não sei tratar de mim mesma-Só de ter consciência disso sinto meu coração doer,é a verdade,se não consigo me curar das mágoas como vou ajudar alguém com vícios?.


-Só de você ter aguentado isso tudo,você já se torna uma pessoa suficiente,é normal se sentir assim,ainda mais agora que está grávida.É por isso que muito das vezes,as mamães desenvolve a depressão,umas até antes mesmo do nascimento do filho.


-Depressão pós-parto-Conclui temendo que isso me aconteça.


-Isso mesmo-Ela ergueu minha blusa expondo minha barriga e a analisou antes de aplicar o gel- sua barriga está ficando volumosa muito rápido,se eu não fizesse o exame,iria achar que você está grávida de gêmeos-Nós três presentes na sala arregalamos os olhos com o que ela havia dito.


-Se já estou com medo de cuidar de um,imagino se fosse dois.


A doutora riu espalhando o gel gélido e pegou o monitor colocando ali.Ela fazia o mesmo processo da última vez,passava o objeto em movimentos circulares mostrando tudo na tv.Como eu não entendia muito bem deixei que ela nos explicasse o que ocorria.


-Ele está se desenvolvendo bem,posicionado no local certo...e olha,já dá pra descobrir o sexo-Ela sorriu animada,abri a boca surpresa.


-Mas só estou com treze semanas-A felicidade já tinha tomado conta do meu corpo nesse momento.


-Vou te explicar.A partir das 13 semanas é possível detectar o sexo do bebê com um exame de ultrassonografia o que você está fazendo agora.Dependendo da qualidade das imagens geradas pelo aparelho, da experiência do médico e da posição do bebê.E dessa vez,você foi a sortuda de conseguir descobrir mais cedo.


-Você ouviu isso senhora Ling?-Nao conseguia conter minha animação.


-Isso é uma ótima notícia! Estou feliz,muito-Ela apertou minha mão sorrindo amarelo,a doutora ainda me analisava.


-Você vai querer descobrir agora ou vai esperar Chanyeol voltar?-Desfiz o sorriso na hora,realmente tem Chanyeol,nós prometemos que íamos descobrir o sexo juntos,e eu não posso descumprir,por mais que estou brava com ele.


-Porque não liga pra ele por vídeo chamada? Hm?-Senhora Ling deu a ideia- tenho certeza que ele vai adorar.


-Ou poderia fazer uma surpresa,o que acha? 


Se eu fizer vídeo chamada,não vai ser a mesma coisa de pessoalmente,fora que ele iria querer largar tudo e vir embora.Fazer uma surpresa,até que daria certo,mas não tenho ideia do que fazer.


-Eu posso esperar ele chegar pra voltar aqui e descobrirmos juntos?-Sugeri torcendo pra que ela aceitasse.


-Mas é claro,mesmo que o bebê mude de posição,já consegui identificar o sexo-Doutora jade piscou limpando minha barriga- vocês vão ficar muito felizes com o resultado,tenho certeza.


-Já estou ansiosa pra saber-Arrumei minha blusa ficando sentada na maca.


-Vou preparar o resultado do exame,talvez fique pronto no dia que Chanyeol chegar-Desligou os aparelhos- tirando isso,está tudo bem com seu filho.Ele está saudável e desenvolvendo muito bem,porém,pelo que vi…-Já fiquei tensa,o que há de errado- você tem a largura de espaço na barriga muito pequena,por ser miúda aos vinte oito anos de idade,seu corpo é de uma mulher com vinte.


-Isso é muito ruim?-A olhei preocupada,minhas mãos já suavam frio.


-Se não houver espaço suficiente pro bebê,sim,porque na hora do parto,pode ocorrer de ter pouca dilatação,isso no parto normal,então se torna uma gravidez de risco-Explicou e escutei tudo atentamente- vou observar com os decorrer dos meses,se você começar a sentir muitas dores na coluna,vou ter de ser rápida sobre seu parto.


-Com isso,eu e ele corremos risco de vida?


-A mãe corre mais risco que o filho,faz muito esforço na hora e acaba não resistindo.


Então,automaticamente corro o risco de morrer na hora do parto.Isso tudo que ouvi me atingiu em cheio no peito,estava tudo indo bem,se não fosse a droga do meu físico,é incrível a forma que não tenho capacidade nem pra gerar um filho,eu nunca me perdoaria se algo acontecesse com meu filho na hora do parto,nem Chanyeol.



-Calma s/n,a doutora ainda não confirmou nada-A senhora me entregou um copo de água enquanto sentava do meu lado na cama


Já tínhamos voltado pra casa,eu e ela estamos super abaladas,mais eu,tudo aquilo que a doutora me falou rondava na minha cabeça,ainda me recuso a acreditar que isso é verdade.


-Só dela ter falado isso agora tão cedo...ahh se eu estou assim imagina Chanyeol quando souber.


-Ele ainda não te respondeu? Conversem com calma-Peguei meu celular pra checar as mensagens.


-Respondeu-Leio atentamente o que ele havia dito- ele está bravo porque ainda não liguei pra ele,mas quando ele some do dia anterior pro seguinte eu não vou posso falar nada né?-Ling me cutucou negando com a cabeça,dei de ombros,é a verdade.


-Liga pra ele e conversam sem brigar hm? Vou estar na cozinha-A mais velha alertou recolhendo meu copo vazio e deixou o cômodo.


É agora ou nunca né.Disquei o número dele e aproximei o aparelho no ouvido aguardando a chamada,tocou cinco vezes e ele ainda não atendeu,já estava perdendo as esperanças mas quando ia desligar sua voz preencheu meus ouvidos.


Chanyeol:Oi,desculpa a demora estava no banho.Chegou da consulta agora? Te mandei mensagem e você não me respondeu,como foi lá?


Me segurei pra não jogar na cara dele a reciprocidade.


S/n:Meu celular não avisou,mas também cheguei agora e resolvi te ligar.Quer saber a notícia boa ou a ruim primeiro?


Chanyeol:Tem notícia ruim? O que aconteceu?


S/n:Nosso filho está bem Chanyeol,se desenvolvendo corretamente,tanto que,já da pra saber o sexo


Pude ouvir sua respiração ficar pesada.


Chanyeol:Eu não acredito! Mas como tão rápido?


S/n:Depende da posição que o bebê está ou da resolução da ultrassonografia,eu preferi esperar você voltar pra descobrirmos juntos,como prometemos.


Chanyeol:Estou ansioso agora,bom que a viagem vai passar rápido e…


Ele se calou talvez percebendo meu silêncio.


Chanyeol:A notícia ruim,qual é?


S/n:não sei se vou conseguir te falar por telefone,fora que,vai te desconcentrar e você tem reunião,eu não deveria nem ter falado disso.


Chanyeol:S/n você e meu filho em primeiro lugar,eu vou ficar pior ainda se não me contar.


S/n:Isso não é assunto pra falar por telefone.


Chanyeol:Amanhã eu vou pegar o primeiro voo que tiver,quando eu chegar,você vai me contar tudo que a médica disse.


S/n:você não pode sair assim


Chanyeol:Ou melhor,amanhã cedo chego aí e vamos retornar a médica,marque horário com ela.Agora preciso ir estou atrasado,se cuide até eu chegar.


E desligou o telefone na minha cara de novo.Mas o que eu esperava? Tive a brilhante ideia de falar abrir o bico e falar besteira,deixei o coitado mais preocupado do que já estava.Agora preciso me preparar mentalmente pra bomba de amanhã,ele vai pirar quando souber.


-E então? Conversaram?-Não demorou muito pra Senhora ling entrar no quarto com a expressão curiosa.


-Chanyeol está vindo pra cá amanhã cedo-Murmurei e ela franziu o cenho pedindo pra mim repetir- tive a brilhante ideia de perguntar pra ele “quer saber da notícia ruim ou a boa?”-Ela colocou a mão na boca- eu soltei sem querer,fiquei nervosa.


-E agora ele vai voltar as pressas?-Assenti culpada- não se sinta culpada,você só ficou ansiosa pra contar a ele as novidades,isso mostra em como ele se preocupa com vocês,se fosse outro homem safado sem vergonha,não ia nem querer saber de cuidar do filho-Falou me fazendo rir- não é verdade?


-É sim,Chanyeol felizmente não é desse jeito.


-Mas agora,o que vão fazer a respeito disso? 


-Vamos voltar na doutora,Chanyeol quer tirar tudo a limpo e descobrir o sexo amanhã mesmo.


-Não se preocupe,vai dar tudo certo,vocês vão ficar muito felizes quando descobrirem o sexo,sua gravidez vai ser segura s/n,não se precipite.


Park Chanyeol pov


-Esses são os gráficos da porcentagem de vendas do mês passado,a empresa bateu o recorde mundial.Com isso,resolvemos fechar parceria com o Japão,caso seja aceita,vamos conseguir lucro de ambas,todos sairão ganhando.


Cá estou eu na sala de reunião escutando as mesmas coisas de sempre,quem está usando a voz pra explicar é Ji Hyun.Desde que ela fez aquela palhaçada comigo no quarto,não olhou pra minha cara,sempre desviava o olhar quando se cruzava com o meu.Pra mim isso é ótimo,quanto maior a distância,melhor.

E na real mesmo,não estou nem um pouco preocupado com ela,a minha preocupação mesmo está em s/n.Desde a ligação,não fiquei quieto,pedi ajuda a xiumin pra inventar uma desculpa aos empresários,é que depois explicaria tudo pra ele,a passagem já consegui comprar,assim que encerrei a chamada comprei por internet,estou feliz que felizmente vamos poder descobrir o sexo do bebê adiantado,mas estou intrigado com o que s/n tem pra me contar,é algo grave porque ela estava extremamente nervosa,amanhã vamos tirar tudo a limpo,já não aguento mais tantos problemas,precisamos estar tranquilos,não quero que nada de ruim aconteça com meu filho.

  

                                (...)


-Você me deve uma.


-Eu sei,obrigado por me trazer,mando notícias assim que chegar.


Acabei de chegar no aeroporto,Xiumin conseguiu me trazer sem que percebessem,mas pra mim,não estou fazendo nada de errado,a reunião que foi ontem já acabou,o que era importante,so estou indo embora mais cedo.

Mal consegui dormir,a ansiedade que sinto é absurda,não vejo a hora de chegar em casa logo.


𝙌𝙪𝙚𝙗𝙧𝙖 𝙙𝙚 𝙩𝙚𝙢𝙥𝙤


Deixei a mala pequena no chão pra alcançar a chave de casa no bolso,felizmente o voo vou foi rápido e consegui chegar a tempo,s/n havia me avisado ontem que iríamos sair mais tarde pra ir à clínica novamente,meu coração está batendo a mil,não via a hora de chegar em casa.


Mal abri a porta e fui recebido pela gatinha de s/n que se enroscou em meu pé miando alto,daqui a pouco ela acorda todos da casa.Terminei de adentrar a residência em silêncio e subi as escadas caminhando pro quarto,ahjumma deve estar dormindo ainda,s/n também.Assim que fiquei de frente pra porta do nosso quarto,abri a porta com cautela tendo visão da garota a minha frente,dormia feito um anjinho tampada pelo edredom grosso na companhia de Toben que estava deitado perto do seu pé,pedi pra ele ficar quieto enquanto deixava a mala no closet,sabemos como Toben é,se não pedir silêncio ele acorda a vizinhança inteira com o latido estridente.Como estava cansado e sufocado com esses montes de roupas,tomei um banho rápido pra não acordar s/n com o barulho e vesti algo confortável,ainda posso ter umas horas de sono,agora são sete horas da manhã,peguei o primeiro voo da manhã.

Deitei na cama cautelosamente por detrás de s/n cobrindo nossos corpos com o edredom,mesmo sendo silencioso ela se mexeu aninhando o corpo em mim enquanto segurava minha mão que estava em sua barriga,inclinei o rosto beijando sua bochechinha fofinha com carinho.


-Chegou agora?-S/n perguntou com a voz baixa ainda sonolenta.


-Sim,ainda está cedo,volte a dormir-Beijei o topo da sua cabeça recebendo um murmuro em resposta,fiquei mais um tempo ali velando seu sono até fechar os olhos podendo assim descansar por algumas horas.



-Ele está cansado, não deve ter dormido direito no voo.


-Sim,ele chegou de manhã bem cedo,eu tinha despertado.


Despertei com vozes conhecidas por mim invadindo meus ouvidos,demorei um pouco pra abrir os olhos e quando abri,tive visão de s/n e senhora Ling de pé perto da cama me observando.Bocejei ficando sentado e estiquei o corpo me espreguiçando,minha coluna não está ao meu favor hoje.


-Bom dia Chanyeolie-Senhora Ling foi a primeira a se pronunciar ao mesmo tempo que colocava uma bandeja de café da manhã na cama,ela sempre faz esses agrados.


-Bom dia ahjumma-Sorri feliz por vê-la aqui.


-Depois conversamos,hm?-Olhou pra mim dando a entender que eu e s/n precisamos conversar,apenas assento soltando um longo suspiro pesado.


Sinceramente não sei o que dizer,s/n não está com uma cara muito boa,e eu já sei os motivos.


-Come primeiro,depois se arruma pra gente ir-S/n falou sem me olhar dando as costas pra sair do quarto.


-Espera,quero conversar com você-S/n parou no meio do caminho e apertou as mãos se virando novamente,agora me olhava.


-Sobre as segundas vezes seguidas que você desligou o telefone na minha cara pra dar atenção a Ji Hyun? Ou sobre a reportagem que você abraçava ela?-Disparou irritada me fazendo franzir o cenho com a última frase.


-Reportagem? Que reportagem?


-Filmaram vocês saindo do aeroporto,deve que estava tão aéreo que nem viu as câmeras-Soou irônica.


-Eu sai apressado,tive que segura-lá porque quase puxaram ela,você sabe que eu não quero ter aproximidade com ela.E sobre os telefonemas,ela entrou no quarto sem pedir pra me entregar uma pasta,ela já ia sair só que quando viu que eu estava no telefone gritou Aquilo do nada porque sabia que era com você que eu conversava,ela não ia sair com nos,depois disso fui pra praça que tinha ali perto com xiumin.-Não tive coragem de contar pra ela sobre o beijo- e a segunda vez,era porque eu realmente estava atrasado,fiquei nervoso e desliguei,eu não fiz por mal,me desculpa-Respiro fundo- quando soube que vamos poder descobrir o sexo do bebê,fiquei ansioso pra vir logo,mas também,preocupado com a notícia ruim que você tinha pra contar,eu tive meus motivos.


-Me sinto uma idiota por achar que você e ela…


-Eu despedi Ji Hyun,fiquei irritado com a atitude dela-S/n me olhou surpresa- não dava pra continuar assim.E outra,eu não quero que a gente fique brigando por coisas assim,poxa,se eu confio em você,porque não pode confiar em mim também? Eu já disse mil vezes que não vou nunca te trair,saber que pensa isso me faz sentir uma ofensa enorme,eu odeio saber que estou sendo comparado com esses caras que não sabem valorizar uma mulher,nem eu e nem você somos assim s/n,estamos juntos quase seis anos,porque eu faria isso? Eu quero ser o homem que vai dar exemplo só meu filho,jamais permitiria que ele fosse pro caminho errado,nem você-Talvez eu tenha sido um pouco rude,mas é verdade o que eu disse,é triste quando você é comparado com aquilo que odeia,eu não quero seguir o exemplo da minha mãe que traía meu pai com vários homens.


-Você está certo-S/n falou depois de uns minutos que ficou calada.Com certeza não tem argumentos porque o que eu disse é verdade.


-Senta aqui-dei batidinhas na cama a observando aproximar,sentou na minha frente sem me olhar- vamos viver bem,sei que todo casal tem conflitos mas,vamos tentar superar isso e nos previnir para que não aconteça,daqui a pouco vamos descobrir o sexo do nosso filho,a partir daquele momento,tudo vai mudar,precisamos ser e estar fortes pra enfrentar isso,um vai ajudar o outro.Sei que está exausta,o pior quem passa é você mas…


-Minha matrícula na faculdade foi trancada sem minha permissão,não sei quando vou poder voltar a estudar,eu estou ficando desanimada Chanyeol,não tenho mais vontade de dar continuidade a construção da minha clínica,eu estou vendo meus sonhos indo embora no ralo,não sei o que está acontecendo comigo,mas sei que a solidão está sendo imensa.


Isso tudo que s/n falou me lembra uns anos atrás quando ela ficou deprimida por meses,foi uma luta pra fazer-la voltar aos ânimos de novo.Quis até desistir da faculdade,só que não permiti,lhe dei forças pra continuar.


-Ei cadê minha jagi que supera tudo? Não vamos voltar a estaca zero de novo.Voce é a mulher mais forte que já vi e conheço,sabe disso,você vai dar um tempo mas vai continuar a estudar depois que tudo isso acabar,e vou continuar te ajudando a construir sua clínica,hm? Eu te amo,amo muito e vamos passe por isso juntos.


Quebra de tempo 


S/n pov


Chanyeol e eu tínhamos acabado de conversar,e tudo que ele me disse serviu de aprendizado,não posso ficar desconfiando dele sem motivos,Chanyeol sempre fez de tudo pra me proteger e ser um bom namorado,não tem porque de mim me sentir assim.

Minha autoestima que até então estava baixa,subiu um pouco,ele sempre usa palavras que novamente me faz ter inspiração de novo.Eu não quero ter que ficar brigada com ele,amo meu orelhudo,que é pai do meu filho primeiramente,precisamos viver bem.

Senhora Ling também não ficou de fora,deu um sermão em nos dois,disse que se descobrir que estamos brigando toda hora,vai puxar nossas orelhas,e pelo o que Chanyeol me disse,o puxão de orelha dela dói.


Agora cá estamos nós na clínica novamente,meu coração está prestes a sair pela boca,preferi pedir a médica pra nós contar primeiro sobre o sexo,não quero estragar nossa felicidade com notícia ruim.

Chanyeol está até suando frio,sua mão suada apertava a minha ansiosamente,pra saber o resultado.Doutora Jade vai fazer a ultrassonografia de novo só pra mostrar a ele como nosso filho está.


-Vamos lá?-A doutora deu o ultimato preparando o gel em minha barriga que agora estava exposta,Chanyeol estava engraçado de se ver,os olhos grandes estavam arregalados observando tudo que jade fazia atentamente,acho que ele até esqueceu que estou aqui- bom,aqui está o bebezinho de vocês,conseguem ver?-Chanyeol assentiu rapidamente com um sorriso no rosto,mal viu ele e já está com os olhos marejados.


-Ele desenvolveu muito rápido-Jade concordou comigo enquanto parava a mão em um lugar específico.Se não me engano é o local que mostrava o sexo.Ela sorriu pra nos animada.


-Você quer que seja menina ou menino Chanyeol?


-Menina,mas se vier menino,vou amar do mesmo jeito-Olhou pra mim depositando um beijo no dorso da minha mão.Jade sorriu fofa.


-Meus parabéns,vocês vão ser papais de uma menininha.-Assim que a frase invadiu os ouvidos de Chanyeol,ele ficou passou a chorar feito criança,até pensei que ia desmaiar.


-Eu vou ser pai de uma menina! Eu sou o homem mais feliz desse mundo! Meu Deus.


E a Solária está a caminho.





























Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...