1. Spirit Fanfics >
  2. Love Myself >
  3. O que querem de mim?

História Love Myself - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Bem-vindos à Darkness!

Espero que gostem desse pequeno texto, acho que perdi um pouco a prática da escrita (passei muito tempo sem ter o mínimo de ânimo para escrever) e essa pequena reflexão foi de um momento aleatório do meu dia, já que estou testando escrever sobre coisas mais banais e simples, para recomeçar.

Não foi betado, desculpe se houver algum erro.

Boa leitura!

Capítulo 1 - O que querem de mim?


O que querem de mim? O que querem que eu faça? Como eu devo agir? Como devo me comportar? O que é isso? São limites que devo seguir? Há um manual? Por que não me dizem nada? Por que não me dão alguma instrução? Por que apenas me repeendem e não me dizem o que fazer? Por que querem que eu seja perfeito? Por quê? Por quê? Por quê? O que querem de mim?

ㅡ Kookie, você está bem?

Não, eu não estou bem. Não estou entendendo nada disso, apenas quero ir embora, apenas quero ficar sozinho, apenas quero não precisar fazer nada disso. Apenas queria ficar quieto, sem precisar mover um músculo para não precisar ouvir reclamações. Apenas estou cansado disso tudo.

ㅡ Estou bem, hyung, não se preocupe, apenas estou pensativo hoje. ㅡ óbvio que não quero preocupar você, Jiminnie, sei que tem problemas mais sérios que os meus, bem mais importantes e, por isso, não acho justo te contar coisas tão fúteis e injustas. Eu não quero que se preocupe sem necessidade, Minnie.

ㅡ Tudo bem então, mas me diga qualquer coisa que esteja te incomodando, eu sempre vou estar aqui com você. ㅡ seu olhar em minha direção era desconfiado, mas continha tanto carinho e afeição quanto seu sorriso, que, por consequência, deixou seus olhinhos em pequenas fendas fofinhas. Meu hyung era o mais fofo do mundo todinho.

ㅡ Obrigado, hyung, você é o melhor. ㅡ inevitavelmente, coramos, demonstrando o quão tímidos somos em relação a elogios, tanto quanto mostrar sentimentos.

Acho que essa é a parte mais difícil: demonstrar. Você nunca sabe o que esperar ou como a outra pessoa vai reagir, e tudo fica tão difícil, num impasse. E fica pior ainda se você vive numa sociedade onde homens não podem demonstrar sentimentos, se não, sofrem preconceito por serem "viados". A situação fica pior ainda se você é oriental, onde tudo é um tabu sem fundamento. É sufocante.

Por que não podemos abraçar outros homens ou elogiá-los? Por que não podemos demonstrar afeto em excesso? Por que não podemos chorar sem ouvir um "vira homem" como resposta? Por que não podemos ser nós mesmo? Sem impedimentos? Mas não importa, não me importa. Eu não estou mais nem aí pra isso. De que adianta viver para agradar os outros? Eu não deveria me importar com o que me agrada? Com o que me faz bem? E se ser viado é demonstrar sentimentos, que diferença faz eu ser ou não? O que orientação sexual define em questão de personalidade? Nada. Existe preconceito mesmo no meio do "vale". Existem gays machistas, lésbicas femistas, trans racistas, bi gordofóbicos... Existe preconceito em qualquer lugar. Porque o preconceito está inserido na sociedade, e se você vive em sociedade, você é preconceituoso de qualquer forma. Não faz diferença, tudo é um ciclo vicioso que ocorre desde os primórdios...

ㅡ Você está muito pensativo hoje, JungKook. Foi o que o Nam hyung disse? ㅡ você sempre me acorda dos meus pensamentos negativos e pessimistas, Jiminnie, você é um máximo, sempre me salvando de eu mesmo.

ㅡ Ele não disse nada além da verdade, só estou pensando em formas de melhorar, apenas isso. ㅡ sorri da maneira mais forçada existente, mas tentando passar um ar animado que não existia em mim. Eu sou uma vergonha!

ㅡ Você não precisa forçar uma personalidade que não existe em você, Kook. Amo o seu jeitinho tímido de ser. E se for para mudar, que seja porque você mesmo quer, e não porque te obrigaram a isso. Ame-se primeiro, dongsaeng. ㅡ me deu um pequeno selar na testa e seguiu seu caminho com os outros hyungs, sendo o ser iluminado e animado de sempre, soltando risadinhas fofas ao vento. Demonstrando sua essência brilhante.

Eu quero ser corajoso como você, Jimin-ssi.

ㅡ Obrigado, hyung, agora eu vejo.

Eu não preciso mudar, questionar  ou me cobrar ainda. Tenho apenas 15 anos e deveria viver da maneira mais plena possível, tendo ciência das coisas ruins do meu meio social, mas sabendo que não preciso seguir o que os outros esperam de mim. Pois é apenas uma expectativa deles, que não condizem com o que eu quero e pretendo fazer. Eu vou ficar bem, tenho certeza disso, tenho alguém que ama o meu jeito de ser, e com o tempo essa timidez vai passando aos poucos, de um jeito natural e sem cobranças alheias. Eu vou seguir o meu próprio caminho.

A única coisa que tenho que me concentrar em aprender com urgência agora é: me amar, com plenitude.


Notas Finais


Hey, my darks! Espero que tenham gostado e muito obrigada por lerem! Sei que deve ter alguma parte confusa ou pouco desenvolvida, mas estou desacostumada a escrever por muito tempo seguido, porque estou perdendo o foco muito facilmente, tenso demaaais kkkk


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...