1. Spirit Fanfics >
  2. Love of my life - Noart >
  3. 23 capítulo

História Love of my life - Noart - Capítulo 23


Escrita por:


Notas do Autor


Mais tarde tem mais 💛

Capítulo 23 - 23 capítulo


P.O.V SINA

Eu acordo com o dispetador tocando marcando 4:00 eu levanto e fico sentada na cama e o Noah me puxa pela cintura e caiu na cama em cima dele .

- Bom dia princesa - ele fala e da um selinho em mim

- Amor eu vou tomar banho - eu falo e sorriu e beijo a bochecha dele

- Tá ! Posso ir com você ? - ele pergunta malicioso

- Pode mas, com 1°condição- eu falo e ele bufa - Sem sexo - eu falo e ele pega o travesseiro e me bate e resmunga e eu riu da cara dele

(...)

Eu colocoquei uma calça de moletom uma blusa normal um moletom e um casaco bem grosso na mão, e é claro... um tênis preto. Noah foi igual a mim mas com um moletom branco e um tênis branco.

Josh vai nos levar pro aeroporto, eu e Noah estamos abraçados esperando ele sair daquele quarto

- JOSHH ! - Noah grita ele e eu riu
- Estamos atrasados ! - eu digo e Josh corre e pega a chave do carro, eu e Noah pegamos as nossa malas e colocamos no jeep do meu primo

- Vai sentir nossa falta Joshua ? - eu falo e ele revira oa olhos

- Você vai na casa dos vovôs ? - ele pergunta

- Se o Noah quiser ir pra Karlsruhe - eu solto uma indireta

- É muito longe de Berlin ? - ele pergunta e eu e Josh rimos

- 7 horas - Josh fala rindo

- Quê ? Você nasceu no fim do mundo ? - Noah pergunta e nós rimos

- Por favor !!! Eu tenho que ver meus avós, meus tios, primos , a Jeky , Mona ..... Noahhhh - eu faço uma carinha de cachorro pidão

- Tá , maz com 1° condição... - ele fala e chega perto do meu ouvido e sussura - se você me dar toda noite

- Eu escotei Noahwwnn - ele me imita

- Não enche Kyle - eu falo e encosto minha cabeça no ombro do Noah.

Quando estavamos indo pro embarque já era 4:50

Última chamada pro vôo 375, destinado a Berlim Alemanha

- Tchau primo ! - eu digo e abraço Josh

- Tchau brô ! - Noah fala e abraça ele

- Eu sei que a Any tá gravidinha - eu sussuro pra ele e ele sorri de canto e seus olhos azuis brilhavam.


Eu e Noah estamos no avião já faz umas 2 horas, já que o vôo tem 13 horas e 45 minutos.

Eu tô dormindo no ombro dele e ele tá apoiado na minha cabeça

(...)

Eu acordo e e vejo que já se passou 10 horas de vôo e que só temos mais 3 horas aqui no avião.

- Amor acorda ! - eu chamo ele

- Chegamos ? - ele pergunta confuso

- Não... mas vamos curtir essas 3 horas, já que estamos na 1° classe. - eu digo e ele sorri

Ele chama a aeromoça

- Como posso te ajudar? - a aeromoça simpática pergunta a ele

- Você pode me ver duas taças de champange e morangos ? - ele pergunta, ela afirma e sai para pegar o que ele pediu

Depois de uns 2 minutos ela vem com uma garrafa, taças e morango
- obrigada - eu digo e ponho champagne na minha taça e na taça dele também.

- Eu te amo tanto - ele fala pra mim e eu riu e dou um gole e ele também, logo ele pega um morango e põe na boca, e dá uma mordida e logo sela nossos lábios


(...)

- Sina põe o casaco tá nevando ! - Noah fala antes de nós sairmos do aeroporto

- eu amo o jeito que você quer o meu bem - eu falo e ele sorri e me da um selinho

- É só porque eu não quero te ver congelar - ele fala e eu coloco o casaco e minha toca.

Quando saímos o uber já está ali, Noah me ajuda a pegar as malas mas está um pouco difícil por conta da neve

(...)

Quando eu chego no hotel o Noah coloca nossas malas no canto do grande quarto de hotel eu tiro meu casaco e minhas roupas da parte de cima ficando só de sutiã e sento no colo do Noah que está na ponta da cama.

Quando eu sento no colo dele eu começo a beijar o pescoço dele devagar e ele morde minha orelha, ele desce o beija pra minha bochecha

- eu falei que íamos curtir bebê- e digo e ele beija minha boca com vontade, eu tiro a camiseta dele e jogo em qualquer canto do quarto, ele pega minha bunda e aperta. Ele cai na cama e e continuamos o beijo quente , ele desaboteia a minha calça e começa a tirar devagar , logo eu tiro a calça de uma vez e jogo em qualquer lugar, ele me deixa só com calcinha e sutiã e graças a Any eu estou usando um rosa neon ( foi ela que escolheu ), que ficou muito bom no meu corpo, eu começo a tirar a calça dele e vejo que ele já está exitado.

- Bebê, eu comando hoje ! - ele diz tirando a calça, eu apenas afirmo e ele pega uma camisinha que eu trouxe ( graças as meninas ), eu sento de novo no colo dele e começo a rebolar até que ele gruda nossos corpos em uma só agarrada e tira meu sutiã e joga numa cadeira.

- Gosta de calda de chocolate ? - ele pergunta malicioso

- Eu amo - eu digo e mordo o lábio inferior
- Então pera ai - ele fala e estende a mão e pega uma calda

- aonde que surgiu isso ? - eu pergunto e ele tampa minha boca com o dedo

- Deita na cama - ele fala, eu apenas faço isso e ele começa a colocar a calda pelo meu corpo até chegar na minha calcinha, ele começa a lamber meu pescoço e começa a descer, ele passa meus peitos , meu abdômen e ele para ao chegar na minha intimidade , ele tira lentamemte minha calcinha e quando ele tira ele da uma lambida ali e começa a chupar me fazendo ter gemidos altos

- NOAHHHH !

- Geme meu nome Deinert! - ele fala e puxo o cabelo dele de leve

- NOAHWWN - eu gemo e ele sorri de canto, do nada ele para

- Você vai cavalgar - ele fala e eu sorriu

Ele deita na cama, eu subo nele e logo sinto o membro dele se encaixar na minha intimidade e logo eu começo devagar, eu começo a aumentar a velocidade .... se passa 1 hora e ainda estamos no mesmo ritmo até que Noah faz uma cara e sei que ele gozou, mas acabo tendo um orgasmo no mesmo tempo, eu caiu ao lado dele na cama.

Ele começou a rir e o olho confusa.

- Que foi meu amor ? - eu pergunto e ele me olha e começa a fazer carinho com o polegar na minha bochecha

- Sina, eu não sei o que vai acontecer quando o seu pai souber que estamos juntos, mas eu quero que você saiba que eu te amo mais que tudo na minha vida, eu me mataria por você, sem pensar 2 vezes - ele diz e o beijo

- Amor, daqui uns três dias a gente pode ir na casa da minha vó ? - eu faço uma cara de quem quer alguma coisa

- Eu tô muito ansioso pra conhecer a famosa Susi Deinert - ele fala e me da um selinho

- Não vejo minha vô desde que eu tenho 16, sinto muita falta dela, dos biscoitos com gotas de chocolate - eu falo com um sorriso nostálgico- Ahh , minha prima - eu faço uma cara de nojo, Noah me interrompe

- A Katherine ? - ele pergunta e eu viro indignada pra ele - Pois é... ela me segue no instagram

- Aquela ladra de bonecas, mimada do caralho e Loira de farmácia - eu digo com um ódio dentro de mim

- Ué ? Você não gosta dela - ele me pergunta

- Não! - digo curta

- Porque não? - ele pergunta rápido

- Quando eu era pequena e ia passar as férias na casa da minha vó, ela roubava minha bonecas- quando eu falo ele ri da minha cara - uma lição de vida é, nunca roube uma boneca ou desenhe na cara dela ... Enfim, quando eu tinha 7 anos ou 8, eu passei 3 semanas lá, aquela infeliz ,fez o favor de cortar uma franja em mim - quando eu falo Noah ri

- ela era um demônio? - ele pergunta e apenas afirmo com a cabeça

- Não contei quando ela começou a gostar do crush da Joalin - eu falo e Noah ri mais ainda - A Jojo quebrou o dente dela - eu falo e nós dois rimos

(...)

Depois de termos contado histórias da nossa infância, acabamos dormindo, nem tomamos banho, apenas dormimos agarradinhos


Continuaa....


Notas Finais


Espero que gostem amores 💫💛


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...