História Love of My Life - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 10
Palavras 939
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ecchi, Hentai, LGBT, Orange, Romance e Novela, Yuri (Lésbica)
Avisos: Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 2 - O nascimento de um desejo



...Minhas mãos estão soando, e meu rosto está vermelho... Será que ela está percebendo?
-Amy, você está soando muito... Está tudo bem?
-Sim, está, muito bem...
Mai me olha desconfiada...
-Amy... Você... Gosta de garotas?
-P-Por que você acha i-isso?
-Durante todo esse tempo, você parecia estar encantada com minha aparência, e agora, soa tanto, e está tão vermelha...
-Olha, isso é um segredo, ok? Mas sim... Eu gosto de garotas
-E porque isso é algo tão secreto? Não há nada de errado em gostar de mulheres. 
-Minha família é muito tradicionalista, sabe? Eles me amam muito, mas não quero dar a eles um choque tão grande. 
-Entendo como você se sente... Mas não se sinta mal, ok? Estarei aqui, para o que der e vier! Diz ela, dando um sorriso lindo, como sempre.
-Obrigada... Nunca pensei que fosse finalmente dizer isso a alguém...
-Fico feliz em ter te ajudado, mas... Já chegamos! Diz Mai, apontando para a loja.
-Nossa, já? Passou tão rápido...
-Yeah... Lembre-se das minhas dicas, sapinha! >.<
-Ei!
Quem ela pensa que é?! De qualquer maneira, apenas sento, e espero clientes aparecerem.
Vejo um cliente vindo, e me aproximo
-O-Olá senhora!
Digo tremendo um pouco, mas melhor que na primeira vez
-Olá!
-O que gostaria?
Digo tentando sorrir naturalmente, como dito por Mai
-Gostaria de ir ao setor de lingerie.
Levo a cliente em direção ao setor
-Qual o tamanho procurado?
-C Cup.
-Nesse tamanho, temos os seguintes modelos.
Apresento os modelos disponíveis á ela
Mai me ensinou um pouco sobre os modelos e tamanhos, afim de facilitar a procura do cliente.
-Obrigada! 
Deixo a cliente fazendo suas compras, enquanto volto para o lugar de espera
Mai vem até mim

-Nossa, tá mandando bem, sapinha! 
-Já disse pra não me chamar assim! De qualquer forma, obrigada.
O dia passa, até o expediente finalmente acabar
Até que enfim! Atendi mais uns clientes depois daquilo, um tanto desajeitada, mas o fiz. Acho que me saí muito bem para o primeiro dia. Será que a Mai quer ir embora comigo? Seria legal.
Procuro por Mai em toda a loja, e não a encontro
-Bem, acho que ela já foi...
Apenas bato o cartão e vou embora
São 17:00h, o céu está começando a escurecer. 
Chego em casa, abro a porta, e me deito direto, no sofá
Acho que vou banhar, e depois lanchar. 
Depois de terminar o banho, procuro algo para o lanche
-Foi um bom banho, mas agora é hora de comer... Tem salame aqui em casa! Vou aproveitar para fazer meu lanche favorito.
Fatio o salame, e alguns limões, depois rodeio eles no prato, intercalando as fatias de salame e limão, ponho um fio de azeite, e jogo uma pitada de pimenta do reino
Pronto!!!! 
Como sempre faço, vou come-lo lendo alguns mangás. Normalmente leio mangás yuri, ou slice of life. Já tem um tempo que estou interessada em um chamado "Honto no Kanojo", vou aproveitar para ler agora. 
Termino de comer
Continuei lendo até terminar a obra, são 19:00. Já vou aproveitar pra pedir a janta, que demora pra chegar. Não sei cozinhar, então como fast food ou comida por delivery todos os dias. Acho que vou pedir um prato normal, uma batata frita com carne e arroz. Gostoso e barato. Enquanto a comida não chega, vou usar um pouco o Twitter e assistir uns animes...
Ouço a campainha tocando
-Tem alguém chamando... Seria a janta? 
Abro a porta e vejo quem é
Ah, é a comida mesmo.
-Oie!
-Olá! Aqui está o pedido senhora, um arroz com carne e batata frita, certo?
-Sim, isso mesmo. Pego a embalagem
-Ficou 21,90.
-Ok... Pego o dinheiro na bolsa
Ele me puxa pela blusa e diz no meu ouvido
-Gostosinha você, em... Posso pegar nos seus seios?
Empurro ele, jogo o dinheiro e fecho a porta
-Velho bastardo... Infelizmente, já me acostumei com isso, afinal, peço comida todos os dias. Anyway, vou comer.
Janto e lavo a louça
-Ainda é cedo, não são nem 21:00 direto. Vou procrastinar um pouco.
Bem, enrolei durante uns 20 minutos, agora já é hora de me arrumar. 
Ponho um pijama, escovo os dentes e vou deitar
Normalmente, eu iria mexer no celular até cair no sono, mas não consigo parar de pensar no dia de hoje... 
Mai, uma garota tão linda, e com um jeito tão encantador... Como ela fala, a forma de andar, tudo!!! É simplesmente incrível!!!
O rosto dela era muito bonito e delicado... Seus seios eram enormes... A cintura era tão fina... E as pernas sensuais...
Estou ficando excitada só de lembrar... Seria errado se eu fizesse aquilo pensando nela?
Bem... Não adianta pensar nisso agora, afinal, não estou em uma situação onde posso me controlar.
Começo a estimular o clitóris lentamente
-Mai...Mai...
Passo a acelerar um pouco, e a estimular os seios também
O que a Mai pensaria se descobrisse sobre isso? O que ela pensaria se descobrisse que me masturbo imaginando o corpo dela nu? 
-Aaah, Mai!!!
Começo a fazer o mais rápido que posso, enquanto ofego, e solto leves gemidos
-Isso é tão bom, sinto como se eu estivesse em um paraíso... 
Coloco os dedos dentro, fazendo movimentos de vai e vem
-Mai... Mai... Ahh...
Acho que já vou gozar... Não posso mais aguentar... Isso é tão gostoso...
-Aahh, Mai!!! Estou gozando, ahh!!!
Foi rápido... De qualquer forma, foi ótimo. 
Apenas viro pro lado, e durmo, estava muito exausta
Ouço o despertador tocando
Já são 6:30...? Digo bocejando
Faço todos os meus afazeres matinais e saio de casa, enquanto á caminho do trabalho, penso
Como vou encarar Mai depois de ter feito algo tão constrangedor...? 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...