História Love or hate? - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Pretty Little Liars
Personagens Alison DiLaurentis, Aria Montgomery, Caleb Rivers, Emily Fields, Ezra Fitzgerald, Hanna Marin, Mona Vardewaal, Pam Fields, Spencer Hastings, Toby Cavanaugh
Tags Alison Dilaurentis, Emily Fields, Emison, Ezria, Haleb, Sashay, Spoby
Visualizações 35
Palavras 796
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência, Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Hi guys!! Obg Francis pela ajuda <3

Capítulo 4 - Vidas diferentes


Fanfic / Fanfiction Love or hate? - Capítulo 4 - Vidas diferentes

PV Emily

Depois da aula de matemática, Hanna e eu resolvemos passar na biblioteca para eu pegar um livro do meu escritor favorito, "Blake Pierce", seus livros são muito bons, principalmente "Acorrentadas" e "Antes que ele mate", mas o livro que eu mais gosto é o "sem pistas". Logo seguimos para o refeitório, onde sentamos em uma mesa um pouco afastada já que o refeitório estava bastante cheio e as mesas um pouco lotadas, reparo que um pouco a frente está a mesa de Alison e de suas amigas que parece que está procurando por alguém, quando do nada um cara muito bem vestido e bonito puxa sua cintura e toma sua boca com um beijo apaixonado, uma cena que me fez embrulhar o estômago.

"Parece que ela achou quem procurava"- penso um pouco desanimada.

Ainda me pergunto como que atualmente acho-a tão linda, sendo que antigamente nunca reparava nela, eu só presenciava suas maldades com a Hanna e as outras pessoas, por isso Hanna a ideia tanto. Então definitivamente não posso estar gostando dela.

Quando o intervalo acabou, a última aula passou voando e como de costume Hanna me deixou em casa.

-Tchau sapata, até amanhã- disse brincalhona como sempre.

-Tchau banana, vem me buscar amanhã?-

- Esqueci de avisar, vou levar meu carro para fazer uma revisão, então não vou poder te levar- diz seriamente.

- Okay, vou de bicicleta ou de ônibus, até banana- digo descontraída.

Adentro minha casa encontrando minha mãe na cozinha preparando o almoço, enquanto cantarolava alguma música que passava na rádio. Me aproximo e vejo que ela está preparando minha comida favorita, rosbife com batata frita.

-Oi mãe, cheguei-

-Oi filha, você me assustou- diz sobressaltada pelo susto.

-Vou tomar um banho e já desço pro almoço- digo enquanto dou um beijo em sua testa. Subo para meu quarto e vou em direção ao banheiro me despindo pelo caminho. Começo a botar meus pensamentos em ordem, enquanto a água quente descia pelo meu corpo, tendo pensamentos estranhos e impuros com a Alison.

Depois do banho, entro no meu quarto e pego uma roupa que eu ache confortável, e vou em direção a cozinha. Chegando lá me deparo com meus pais já a mesa, vou cumprimentar meu pai já que quando eu cheguei não o vi.

Logo após o jantar resolvo ler o livro que eu peguei na biblioteca da escola, e passo a tarde inteira ali até que vejo que já anoiteceu. Como eu estava sem fome, pego apenas uma maçã e sigo para meu quarto e desabo na minha cama.

PV Alison

Quando o intervalo acabou, todos seguiram para suas salas, assim como a morena. Esperei pelas meninas e fomos todas para a aula de história, que passou voando, saímos da escola e fomos para nossos carros, eu no meu e a Aria junto com a Spencer no carro dela.

Enquanto dirigia a caminho de casa fui escutando a música do Ed Sheeran "photograph".

Loving can hurt

Loving can hurt sometimes

But it's the only thing that I know

When it gets hard

You know it can get hard sometimes

It is the only thing that makes us feel alive

We keep this love in a photograph

We made these memories for ourselves

Where our eyes are never closing

Our hearts were never broken

And time's forever frozen still

So you can keep me

Inside the pocket of your ripped jeans

Holding me close until our eyes meet

And you won't ever be alone

Wait for me to come home

Loving can heal

Loving can mend your soul

And is the only thing that I know, know

I swear it will get easier

Remember that with every piece of ya

And is the only thing we take with us when we die

Chego em casa e como sempre vazia. Vou a cozinha e encontro um bilhete da minha mãe.

"Filha, seu pai e eu tivemos que sair para uma viagem de negócios, voltamos daqui há 1 semana, te amamos". Isso já não me surpreende mais, abro a geladeira e vejo que tem um pedaço de lasanha. Levo-o ao microondas e deixo lá por alguns minutos, depois de quente coloco-o na bancada da cozinha, e começo a come-lo.

Satisfeita, me jogo no sofá, no qual pego no sono. Acordo com o barulho do meu celular tocando, olho a tela e vejo que é o Noel, resolvo atender

*Ligação on*

Noel: Oi gatinha!

Eu: Fala logo o que você quer Noel, eu estou muito ocupada!

Noel: Calma gatinha, amanhã a noite vai rolar uma festa na minha casa, você vai vir né?

Eu: Não sei, talvez eu vá!

Noel: Poxa, a festa vai ficar melhor se você for!

Eu: Vou pensar, quando decidir te aviso, tchau!

Noel: Tchau gatinha!

   Desligo o celular e vou ao banheiro tomar banho. Ponho meu pijama, e decido assistir um filme qualquer que passava na televisão, até eu me entregar ao sono por completo.


Notas Finais


Espero que tenham gostado ^^


Música do Ed Sheeran: https://youtu.be/nSDgHBxUbVQ


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...