História Love Warrior - Capítulo 13


Escrita por:

Postado
Categorias The Vampire Diaries
Personagens Abigail "Abby" Bennett Wilson, Alaric Saltzman, Ayana, Bonnie Bennett, Caroline Forbes, Damon Salvatore, Davina Claire, Elena Gilbert, Elizabeth "Lizzie" Saltzman, Hope Mikaelson, Jamie Wilson, Jeremy Gilbert, Josette "Jo" Laughlin-Saltzman, Josette "Josie" Saltzman, Katherine Pierce, Kol Mikaelson, Lexi Branson, Lilian "Lily" Salvatore, Lucas "Luke" Parker, Malachai "Kai" Parker, Matt Donovan, Olivia "Liv" Parker, Personagens Originais, Sheila Bennett, Stefan Salvatore, Tyler Lockwood, Valerie Tulle
Tags Alaric, Bonkai, Bonnie Bennett, Caroline, Damon, Elena, Hope Mikaelson, Insanidade, Kai Parker, Loucura, Medo, Vingança
Visualizações 12
Palavras 1.133
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Famí­lia, Fantasia, Luta, Magia, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Gêmeas saltzman
Me desculpem mais as ideias estão indo,mas isso não vai ser desculpa pra deixar de escrever.

Capítulo 13 - Você?


Fanfic / Fanfiction Love Warrior - Capítulo 13 - Você?

Pov:Kai Parker.

Mais que bruxa idiota,estou tentando acorda-la a vários minutos e nada,ela apenas colocou um simples caco do espelho na jangular , eu já havia retirado esse enorme pedaço de vidro do seu pescoço,mordi meus pulsos ,o líquido vermelho,descia por seus lábios rosados, enquanto eu a pegava do chão a colocando na cama, devo admitir que paciência nunca foi o meu forte,sem ter ideias do tempo fiz diversas massagens cardíacas a impulsionando, nada respiração boca a boca também não, se ela estiver.... Não ela não estar vou trazê-la de volta.

-Vamos bonnie reage!!!!. Falei fazendo outra massagem.-Vamos... por favor.... Não reconheci muito minha própria voz,mais estava preucupado demais  para poder pensar nisso.

Depois de alguns instantes ela finalmente acordou,seu corpo rapidamente procurou ar,ela segurou fortemente meu braço,como se eu fosse a coisa mais importante ali. Teria adorado manipular ela agora, mais olhando bem para seus olhos suplicantes em busca dos meus,isso acabou comigo.

-Fica... .ela falou em meio a um soluço, lágrimas pequenas saiam de seus olhos ah... Aqueles olhos.

-Claro. Como dizer não a alguém como ela.bonnie se afastou um pouco deixando lugar para que eu me deitasse a seu lado na cama. Assim que deitei ela se enroscou a mim, colocando suas mãos no meu peito ,e suas pernas bem próximas as minhas. Nunca provei do contato físico,ela o fazia parecer o próprio paraíso na terra.levei meus braços fazendo que ela ficasse ainda mais próxima de mim, naquela pequena cama de solteiro, no seu antigo quarto .ela começou a rir meio que sem vontade,sentia que bonnie precisava daquilo,ela precisava de alguém.

-Qual é a graça?. perguntei sorrindo.ela estava com a cabeça baixa olhando para as mãos que faziam círculos no meu peito,sentir muita falta dessas mãos.

-nós,tudo isso, olha só o que aconteceu conosco.falou em risadas nervosas,sentia uma certa umidade na minha camisa,devia ser seus olhos marejados.

-talvez esteja certa... Disse me lembrando de alguns anos atrás.-Tipo quando você mandou embora sua magia,tive que me segurar muito,pra não fazer nada com você ali. agora sentia suas mãos levemente trêmulas.-Depois veio a boa e velha conciência,ela não me deixava dormir a noite tudo por causa que não conseguia nem por um segundo tirar você da cabeça.

-Você pensou muito em mim ,depois da fusão?.

-Nem faz ideia do quanto... Depois que soube que você voltou, fiquei louco,queria a todo custo te dizer o que estava sentindo,e só pra lembrar Bon Bon essas eram emoções novas pra mim ,nunca sentir nada parecido...  .ela havia parado de fazer os círculos, agora permanecia quieta ao meu lado.-Mas.... você me deixou mesmo te dando muitas provas que mudaria se você estivesse lá... E me deixou de novo naquele inferno. Algumas lembranças machucavam de verdade. -Então me juntei aos hereges,quer saber porque?. perguntei fazendo que seu rosto olhasse pra mim.-Eles podiam ser do jeito que eram ,mais pelo menos eram uma família, lá pela primeira vez me sentir parte de algo.

-E depois você queria que eu fosse a primeira que soubesse que já tinha voltado por isso apareceu nos meus sonhos não é?.

-Você tá se tornando cada vez mais esperta quando o assunto sou eu.rir sacastico e soltei seu rosto. -Como já falei precisava de algo para testar as novas habilidades de vampiro,e de todos o melhor que eu achei foi de controlar a mente das pessoas, você se tornou a sortuda.ela respirou fundo.

-Menos de vinte e quatro horas depois, você deixou sua marca registrada matando  sua irmã gêmea,e todo o resto do clãn.

-Foi um pouco engraçado me livrar de tantos problemas de uma só vez... Mais havia ainda duas pestinhas que conseguiram, escapar com a ajuda do meu pai.

-Se você tentar algo eu vou... . A cortei.

-Vai  tentar o que bonnie, não consegue nem um controle sobre si mesma como vai protege-las de mim.

-Bom aí estar se você só invade a minha mente, já deve saber que pus uma barreira em torno da Salvatore só por precaução,que iria parar só uma pessoa.

-Deixa eu adivinhar,humm.... Só uma pessoa... Ah mais é claro que sou eu não é?.

-Que você iria voltar isso eu já sabia,o que. Não sabia é que seria eu mesma que faria isso. Ela se sentou a cama colocando os joelhos em volta dos braços.-Posso te fazer uma pergunta.

-Nem precisa me perguntar, você já fez muitas aqui.

-Porque tem essa obcecão por mim?. qualquer coisa estava esperando qualquer coisa mais aquilo... Fiz o mesmo Que Bonnie e me sentei na cama.

-Pra falar a verdade nem eu mesmo consigo entender.

-Então porque se importa, quando você deixou aquela gravação, também falou que podia sugar gota por gota do meu sangue, você não fez isso apenas pelo feitiço de ligação,foi outra coisa não é?. E nem era uma pergunta era uma afirmação vindo da bruxa.

-Achei que a gente estava indo pra algum lugar mais... Vejo que não. Já saia da cama quando ela pegou meu braço mesmo de forma delicada,algo passou na minha pele pelo seu toque.

-Esse é o problema Kai, você sempre é orgulhoso demais para admitir.

-Não tenho nada para admitir,agora volta a dormir.me aproximei bem do seu olhar,e ela caiu adormecida na cama de solteiro.

Enquanto ela dormia, limpei a bagunça do quarto e sair, seguir para o corredor e fui ao meu antigo quarto, por Sheila ser uma amiga bem próxima da família,as vezes cedia sua casa pra mim ficar,me lembro de uma vez quando Abby chegou trazendo algo se mexendo em uma manta rosa,ela até me pediu para segurar, fiquei sem jeito no início,mais depois a peguei no colo, o bebê sorriu banguela,foi algo muito puro pra mim.

-Qual é o nome dela?. perguntei ainda admirando a garotinha nos meus braços.

-Ela se chama bonnie.falou Abby se aproximando com Sheila.

-Bonnie... Bonnie...

Ela não faz ideia que eu já a conhecia antes mesmo de ir ao mundo prisão, sempre achei que poderia me apegar aquela garotinha travessa ,depois da fusão com minha irmã,mais aí veio Lucas e Olivia e a descoberta sobre uma nova fusão com os outros gêmeos,eu explodir, só conseguia enxergar morte por todo lado...

Tenho que continuar não posso desistir agora.fiquei sentado na casa, me lembrando de como poderia mudar, muito bem preciso delas aqui pra isso, liguei pelo telefone de bonnie e pedir que viessem até aqui.

Esperei meia hora depois,as duas chegaram abrir a porta da casa de Sheila,uau como elas cresceram, ainda me lembro como essas duas eram aos quatro anos.

-Quem é você?. perguntou josie,ela tinha o mesmo nome que minha irmã.

-Eu sou kai é.... O tio de vocês.as duas se entreolharam surpresas depois se viraram pra mim, acredito que algumas verdades serão reveladas hoje.



Notas Finais


Não me admira essa consciência do Kai uma hora ele é bonzinho na outra é malvado,vai entender.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...