História Love? What is it? - Gaara. - Capítulo 59


Escrita por: e bianca_mdv

Postado
Categorias Naruto
Personagens Chouji Akimichi, Gaara do Deserto (Sabaku no Gaara), Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Kakashi Hatake, Kurama (Kyuubi), Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Personagens Originais, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, Shikamaru Nara, Temari, TenTen Mitsashi, Tsunade Senju
Tags Colegial, Gaara, Konoha, Naruto
Visualizações 122
Palavras 904
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 59 - Pensando no futuro.


- Que amor, vocês dois! - Hashirama disse... pera. O Hashirama?! 

- Que?! O que você ta fazendo aqui?! - perguntei, surpresa. 

- Nossa, obrigado pela recepção calorosa. 

- Você entra numa formatura usando uma armadura. Não pode falar nada. - realmente ele estava de armadura, as vezes não consigo entender. 

- Isso se chama estilo! 

- Ta bom, tchau. - Gaara saiu me puxando e eu só consegui acenar pro Senju que deu de ombros, perguntei pra onde estava sendo levada, mas não obtive nenhuma resposta. 

- Gaara! - exclamei, eu estava quase tropeçando e caindo de cara no chão, estávamos saindo do "salão" e fui arrastada diretamente para um dos corredores vazios da escola. Entramos numa sala qualquer, e quando eu digo sala qualquer, quero dizer a biblioteca. E o pior é que a mulher estava lá, com seus fones de ouvido no máximo, lendo uma revista. Nem nos viu. - Gaara!! - sussurrei,  ele me puxou para o último dos corredores, e quase morri quando fui _ literalmente _ agarrada pelas coxas e colocada em cima de uma das estantes baixas que estava vazia. - Você voltou com tudo, hm? 

- Com certeza - sorriu malicioso e me beijou em seguida, um beijão mesmo, necessidade nível 731. E eu? Óbvio, retribuí com 123x mais vontade. Envolvi meus braços no seu pescoço e ele colou nossos corpos. 

Mas nossa, adivinha? 

- Ei, tem alguém vindo... - sussurrei entre os beijos, Gaara suspirou frustrado. 

- Mas que merda... - resmungou emburrado, deu espaço e eu levantei, arrumei meu vestido e respirei fundo. Logo a mulher apareceu, e nos olhou desconfiada. - Que ta olhando? - ele consegue ser muito grosso e frio quando quer. 

- Um casal de assanhados na minha biblioteca. 

- Você está acusando algo totalmente sem fundamento, não estamos fazendo nada de errado. - mas iríamos fazer, minha mente completa. 

- Arg, só vazem daqui. - ordenou e saímos em passos apressados, caímos na risada logo que saímos de lá. Já falei de como o sorriso desse lindo é perfeito? 

- Ai meu Deus, somos adolescentes delinquentes! - eu disse ainda rindo. 

- A suspeita de todos estavam certas, sou um irresponsável. 

- Disso eu já sabia. - falei rindo mais da cara fechada dele. 

 

 

- Eu pensei que você não ia voltar, por um momento. - murmurei com a cabeça apoiada em seu ombro, tínhamos voltado para a festa, ele ainda estava meio irritado com a bibliotecária. 

- É claro que eu iria voltar.

- E se você não tivesse conseguido? 

- Não pensa nisso, meu amor. - é só ele me chamar de meu amor que meu coração derrete todo, tem como lidar com uma fofura dessas? A resposta não! - Eu to aqui com você, agora. E vou ficar ainda mais. 

- Não exatamente. 

- Como assim? - perguntou confuso. 

- Você precisa terminar seu ensino médio, você não fez o 3º! - alertei, afinal eu me preocupo com ele - Você sabe, várias áreas só aceitam quem tem o ensino médio completo. - o encarei, Gaara suspirou cheio de preguiça. 

- Ta bom, outro dia penso nisso. - tocou meu rosto com a ponta dos dedos, e deixou um beijo carinhoso nos meus lábios. - Não quero pensar nisso agora, quero ficar com você. 

- Pô, aí meu coração derrete. - abracei-o de lado, com o rosto em seu peito. Senti sua risada - Não vai estudar coisa nenhuma, vai ficar comigo. 

- Bipolaridade. - beijou o topo da minha cabeça, e colocou meu cabelo atrás da minha orelha - Acho que eu não disse, mas você ta linda. 

- Querido, eu sou linda de natureza. - brinquei e recebi aquele sorrisão dele que só Deus na causa. 

- Não posso negar - o coisa formosa, ele - Eu te amo. 

- Eu te amo - respondi e senti o coração do Gaara acelerar, isso sempre acontece quando digo isso, e acontece o mesmo comigo. - Tô cansada, andar de salto é uma coisa que eu não nasci pra fazer. 

- Quer ir embora? - sussurrou no meu ouvido, de uma forma que me fez arrepiar e me sentir confortável. 

- Na verdade eu quero deitar em você e te abraçar, pra nunca mais soltar. Porém ir embora parece uma outra boa opção. - resmunguei, meus pés estavam realmente me matando. 

- E quem disse que isso não é uma possibilidade? - perguntou e eu sorri, rindo em seguida. Mas tomei um susto gigantesco quando Gaara segurou por baixo das minhas pernas e nos meus ombros, me levantando, e me colocou no seu colo. 

- GAARA! - gritei com o susto e todo mundo olhou, como sou medrosa segurei nos ombros dele olhando pra baixo e me encolhi - ME COLOCA NO CHÃO, SEU LOUCO! 

- Nah, parece mais divertido de ver com vergonha. - começou a andar pra fora da festa, enquanto eu esperneava e ele ria da minha cara. E claro, todo mundo olhando e soltando risinhos. 

- SOCORROOOOO!!! - berrei no meio da rua, já estava vazia, e ele me colocou no chão. Suspirei aliviada. 

Claro, até ele segurar em minhas coxas e me jogar nas costas dele. 

- AAAAAAAAAHHHH!! - uma mulher vestida formalmente montada nas costas de um emo ruivo, enquanto grita no meio da rua e ele ri alto. Sobre isso, tenho uma coisa a dizer. 

MEU NAMORADO É LOUCO! 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...