História Love Yourself - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, Jennie, Jeon Jeongguk (Jungkook), Jinyoung, Jisoo, Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Lisa, Mark, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Rosé, Youngjae, Yugyeom
Tags Blackpink, Bts, Got7, Imagine, Romance
Visualizações 11
Palavras 908
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 9 - Preocupações


P.o.v (S/N)

Eu e Jackson estávamos andando para casa da Jennie, o mesmo me deu um estilete e ele ficou com uma pistola calibre 47 [aquele momento que você manja das armas, sorry, podem continuar a ler].

-Chegamos, pronta para entrar?

-Sim!

Jackson abre a porta e entramos o mesmo já coloca a arma em posição e eu pego o estilete, começamos a caminhar vagarosamente até perto das escadas.

-Viu alguma coisa?

-Não, e você?

-Nada.

Subimos as escadas e entramos na primeira porta que tinha, dava para percer que aquele seria o quarto de Jennie.

-Vamos procurar alguma coisa.

-Ok.

Comecei a procurar algo que fosse suspeito, revirando a cama de Jennie achei um cartão e um diário.

-Jackson, achei algo.

-O quê?

-Um diário, e esse cartão - digo entregando o cartão ao mesmo.

-Hm? Uma loja de armas?

-É o que parece, e ainda tem esse diário.

-Vamos ler.

Diário O.N

Querido diário, hoje as meninas fizeram uma festa para mim! Me sinto especial! Já que desde que eu ouvi da boca de meu “pai” que o mesmo me odeia e que eu não deveria ter nascido.

O seu ódio por mim aumentou assim que descobri uma suposta traição dele, naquele momento não sabia o que fazer, ele fez de tudo para que minha mãe não soubesse de nada, ele me batia e me ameaçava de morte... Até hoje eu tenho medo de algo acontecer. 

Mesmo ele que nunca tenha gostado de mim, eu gostava dele, acho que ninguém sabe como é ser odiada pelo próprio pai. Mas... Por que comigo? Por que comigo e meu pai? Por que, por um motivo tão fútil, ele quer me matar ?

Diário O.F.F

-Meu deus! Eu não sabia disso, Jack temos que avisar a polícia e rápido!

-Não! Estamos tão perto de acha-la, vamos ao endereço dessa loja! Agora!

Acabei por me render, quero achar a Jennie e rápido. Corremos para essa loja, entramos rapidamente procurando um vendedor.

-Em que posso ajudar crianças? -perguntou-nos um velho homem.

-Recentemente, alguém veio comprar armas com o senhor?

-Sim, se eu não me engano ele comprou algumas armas e outras coisas para torturas - eu e Jackson nos entreolhamos.

-Você sabe o endereço dessa pessoa?

-Por que querem saber? O que vocês são?

-Somos da polícia. Precisamos do endereço dessa pessoa.

-O-okay -o homem pega um papel em cima do balcão e entrega a Jackson- Ele deu o endereço para fazer uma entrega de armas.

-Obrigado! Vamos.

-Jack, isso não é perto do local onde a HwaYoung...

-S-sim.

P.o.v Xxx

-Você vai sequestrar a amiguinha da Jennie, aquela que você não gosta? Isso será mais um regado para eles não se aproximarem.

-Okay, ira ser divertido – deu uma breve risada.

-Divirta-se.

P.o.v Jackson

(S/N) e eu voltamos cada um para sua casa, irei pedir ajuda para meu tio sobre o que achamos, me pergunto, para que tantas armas?

*

Estava tomando café da manhã calmamente até que minha mãe se pronúncia:

-Jack querido, seu tio contou que você está ajudando em uma investigação - estava tomando café na hora quase engasguei, não era para ela saber, minha mãe é super preocupada.

-B-bem, sim estou ajudando, mas não se preocupe.

-Por favor, tome cuidado!

-Pode deixar, já vou indo, tchau mãe - beijei a sua testa e sai.

-Tchau querido.

Caminhei calmamente até a escola, e fui em direção a minha sala.

-Jackson?!?- gritou Lisa chamando minha atenção.

-Lisa? O que foi?

-É que a (S/N)...

-O que? Aconteceu alguma coisa com ela? - Perguntei preocupado.

-A-achamos isso na mesa dela – diz Jisoo que me entrega um bilhete.

Bilhete O.N

Mais uma se foi, não queremos que mais uma se vá né? Pare de me seguir, pare com a investigação, esqueça o caso.
Ass. Anônimo.

Bilhete O.F.F

-O que é isso Jackson? - perguntou-me Rosé preocupada. 

Me dei por vencido e com contei tudo para elas, tinha que mostrar esse bilhete para meu tio. Sai correndo em direção a diretoria e pedi para que me liberassem mais cedo - inventei uma desculpa e me deixaram ir -. Corri até a delegacia e encontrei meu tio tentando acalmar um casal:

-Por favor senhores, tentem manter a calma – disse meu tio tentando deixar o casal calma, mas os mesmos estevam muito agitados.

-É minha filha delegado! - falou a mulher com uma voz trêmula.

-Eu sei, mas em uma situação assim temos que ter calma.

-Tio, estou atrapalhando?

-Não, o que houve Jackson?

-Acharam esse bilhete em cima da mesa da (S/N).

-(S/N)?!? (S/N/C)?!?- perguntou a mulher.

-Sim, quem é você?

-Somos os pais dela - disse o homem.

-O que você é da (S/N)? Você estava com ela ontem?

-Eu sou amigo dela, e sim eu estava com ela.

-Você sabia que isso aconteceu?

-Infelizmente, não, assim que nos despedimos cada um por para sua casa.

-Deixe-me ver.

Entreguei o papel para meu tio e fiquei analisando os pais de (S/N), sua mãe continha olhos vermelhos e inchados e enquanto seu pai, tentava ao mínimo acalmar sua esposa. 

-Depois disso, encerradas as buscas, não posso por em risco outras pessoas.

-O q-que? M-mas a minha f-filha? - disse a mulher já voltando a chorar.

-Tio, por favor! Continue as buscas! Eu me afasto da escola, faço tudo para traze-las, fui eu que meti (S/N) nisso e eu vou tira-la de lá!

-Obrigado rapaz - disse o homem colocando a mão no meu ombro.

De uma coisa eu tinha certeza, de que eu iria descançar até trazer a (S/N) de volta!


Notas Finais


Então gente, o que vocês estão achando dessa mine serie da Jennie? Deixam nos comentários o que estão achando.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...