História Loveless: O Retorno de Semei. - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Loveless
Personagens Kio Kaidou, Personagens Originais, Ritsuka Aoyagi, Seimei Aoyagi, Soubi Agatsuma, Yuiko Hawatari
Tags Loveless, Ritsuka, Soubi, Yaoi
Visualizações 0
Palavras 391
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, LGBT, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Capítulo 1 de Loveless: O Retorno de Seimei. Espero que curtam galera, boa leitura.

Capítulo 1 - Um longo inverno em Tóquio.


Fanfic / Fanfiction Loveless: O Retorno de Semei. - Capítulo 1 - Um longo inverno em Tóquio.

Eram exatamente 9:00 da manhã quando me levantei da cama e desci a escada em direção a geladeira. 

Meu objetivo era fazer um maravilhoso chocolate quente para ver se o frio que eu estava sentindo no meu corpo e dentro do meu coração fosse embora:

- Soubi, onde está você seu maldito? Faz mais de um mês que você não me dá notícias. - eu disse com raiva pegando meu celular que havia ficado a noite toda carregando perto da cozinha em cima de uma mesinha. 

- Nenhuma mensagem, nem ligação seja normal ou por Whats App, absolutamente nada. - eu gritei jogando meu celular na parede, por muito pouco ele quase despedaçou. 

Eu sentei na mesa da sala e comecei a chorar, chorar e chorar. Até que de repente meu celular tocou, era uma ligação:

- Alô Soubi, é você? - perguntei atendendo desesperado a ligação. 

- Ritsuka-kun você está bem? Por quê não compareceu a aula hoje?

Era a Sensei.

- Ah olá Sensei... Eu... Eu estou bem. - eu respondi sem graça. 

- Então por qual motivo você não veio hoje a escola Ritsuka-kun? - ela me perguntou insistindo numa resposta. 

- Eu tive um pequeno contratempo Sensei. - única resposta que consegui encontrar na minha mente bagunçada.

- Não me convenceu Ritsuka, amanhã conversaremos mais de perto mocinho. - disse Sensei para me deixar mais sem graça ainda. 

- Certo Sensei... Me desculpe, isso não vai mais acontecer. - eu disse tentando escapar da bronca. 

- Espero,  mesmo assim se cuide, estamos num inverno rigoroso em Tóquio. - ela disse preocupada com minha saúde. 

- Pode deixar, preciso ir, sayonara Sensei. - me despedi. 

- Sayonara Ritsuka. - ela se despediu. 

Desliguei a chamada e logo apareceu na tela a foto, eu a havia colocado como papel de parede desde o primeiro dia que havíamos saído juntos. Soubi estava tão sereno e feliz na foto e eu ainda desconfiado dele rs. Era engraçado o jeito que eu ficava no início do nosso namoro, tão tímido e ao mesmo tempo tão apaixonado com ele perto de mim.

- Vou tentar mais uma vez. - eu disse tentando ser otimista. 

Teclei o número do apartamento de Soubi e esperei na linha:

- Por favor, por favor Soubi, me atenda. 

- Alô. - respondeu uma voz. 

- Alô, bom dia, por favor gostaria de falar com Soubi. 




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...