História United - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Bianca Tatto Marques (BIBI)
Personagens Personagens Originais
Tags Bibi Tatto, Gubela, Jordi Gringo, Juju Franco, Moju, Owned, Pedro Barbosa, Srpedro
Visualizações 6
Palavras 1.175
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ficção Adolescente, Romance e Novela, Suspense
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 2 - Back to school party


Julia Franco p.o.v

*Chacara do edu*

Chegamos e já tava todo mundo lá. A Bela, que tava conversando, ou flertando com o guuh veio correndo me abraçar.

- Humm casal que é casal vem combinando de amarelinho ainnn - guuh diz e jp ri com cara de malandro.

- Aiaiai, vou nem falar de você né gustavo - digo apontando meu olhar pra Bela, que estava concentrada na musica que tocava e Guuh cora. Achei fofo. 

Comprimento meus amigos e vejo Juan, Pepe e um loirinho bonito jogando bola e resolvo ir lá fazer graça com eles.

- Eaii juju, esse aqui é o Jordi - diz apontando pro gringo, que estende a mão pra mim e sorri após eu bater na mesma. Juan toca a bola pra mim e eu dou 3 embaixadinhas e toco pro gol enquanto Pedro estava destraído procuramdo alguém.

- Gooooool - grito emocionada.

- Caramba Julia, desde quando vc sabe fazer essas coisas? - Pedro diz voltando á vida real

- Que coisas? - rio - Mas eai Pedro, tava procurando quem em querido.

- Nada, só achei que o edu tinha convidado a nov... - ele interrompe a fala e encara pra alguém supostamente atrás de mim.

De repente uma mão pega ma minha cintura e me vira rapidamente. Luiz Bocardi, capitão do time de futebol do copa, segundo ano do ensino médio e um completo galinha; mas isso nem importa tanto pra mim.

- Oi gatinha - ele diz se aproximando enquanto Pedro olha de cara feia. Antes que eu pudesse responder ele me puxa pra escada da chácara e sela nosso labios com um beijo acelerado e ficamos assim por alguns minutos.

- Oi Luiz, quanto tempo - sorrio de canto.

Eu e o Bocardi já ficamos algumas vezes nessas festas assim da escola.

- Como vc passou as férias sem o meu  precioso beijo? - ele diz serio.

Você é um convencido mesmo - balanço a cabeça negativamente e bato minhas maos levemente em seus ombros.

- Você não respondeu a pergunta - ele diz me roubando um selinho e logo após começa a andar em direção ao banheiro

- Seu beijo nem é tão bom assim - grito de leve pra que ele possa ouvir e consigo ouvir ele rindo. Olho pro lado procurando a Bela e percebo que o jp assistiu toda aquela ceninha do Luiz. Me dirijo até ele mas ele se levanta, pega uma cadeira e se senta do lado da mesa de bebidas. 

Finalmente procuro a Bela e vejo que ela e o Paz estão se engolindo no banco do quintal. Solto um sorrisinho involuntári ao ver o Guuh fazendo carinho no seu pescoço, ele foi realmente muito fofo com ela, eu acho que ele curte ela.

Resolvi ir dançar com os meus amigos e nem vi o tempo passar, chequei a hora no meu celular e já eram 3 horas da manhã.

- Cacete, a gente tem que ir embora, se bem que agora todo mundo deve estar vendo três de mim - digo baixinho pra mim mesma, avistando jp, que estava muito triste abraçado com um litro de vodka vermelha quase chegando no final - merda.

Avisto Guuh, que estava sentando no banco com a Bela dormindo igual um bebê no seu colo - ownn, que fofo...Mas agora me ajuda a achar o Pedro, a gente tem que ir o joão pedro ta falando com a vodka - falo séria e o guuh começa a rir muito.

- Vou levar a Bela pro carro do Pedro enquanto vc traz ele e o jp ok? - guuh diz e eu a balanço a cabeça positivamente.

- JULIAAAA - jp exclama ao ver que eu me aproximo.

- Oi meu anjo, vem cá comigo que eu tenho uma surpresa vem - digo na intenção de chamar sua atenção.

- Se a surpresa for você eu vou haha - ele diz e eu fico corada, que bom que ele não vai lembrar disso amanhã. Ele me segue se apoiando em mim e Guuh aparece e leva ele pro carro.

- Ah não mas eu não quero você de babá, eu prefiria a outra - jp resmunga e guuj sai arrastando ele.

- PEDROOOO CADÊ VOCÊ GAROTO.

- Ele tá aqui - Jordi grita e eu avisto o Pedro e o Jordi no campinho de futebol, ele parecia bem sóbrio na verdade.

- Porra Julia, se eu soubesse que você não ia beber eu mandava você dirigir né - ele diz indignado - txau irmão - ele diz se dirigindo ao jordi - Txau pedroo, txau juju.

- Txau jordi, arrasa no jogo amanhã ein - digo batendo minhas mãos nas dele e indo pro carro com o pedro.

Pedro Barbosa pov

Decidimos ir pra casa da Juju, já que não tinha ninguém lá, bom, pelo menos eu estava cruzando os dedos pra que não tivesse. Se bem que meus tios e meus pais não iriam ter do que reclamar, eu e a Julia estamos sobrios e nos divertimos bastante.

A Bela caiu no sono legal, ela estava deitada no colo do guuh, que estava observando ela dormindo. Do outro lado era só o jp todo torto dormindo. Eu e a Julia estavamos no banco da frente ouvindo Marilia Mendonça pra fechar bem a madrugada.

- Chegamoss cambada - digo estacionando - aleluia não tem ninguém.

Levamos todos pra dentro e a juju diz para todos dormirem na casa dela e amanhã vamos todos juntos.

- Mas gente eles precisam tomar um banho né - guuh exclama.

- Deixa que eu faço então, podem ir dormir. Pedro você e o Guuh vão pro quarto de visitas e daqui a pouco eu levo o joão pedro. A bela dorme no meu quarto - Julia diz, as vezes ela consegue ser muito mandona.

Julia Franco pov

Arrasto a Bela até o banheiro e ela diz que tá bem e consegue sozinha, então deixo ela tomando seu banho no banheiro principal. Ela não parece bebada.

Me dirijo até a sala onde jp está jogado no sofá, arrasto ele até o meu banheiro.

- O que tá fazendo julinha? Vai me despir assim indefeso?

- Haha, só nos seus sonhos - falo fazendo graça enquanto tiro sua camisa e vejo que ele ta com um olhar malicioso.

- Tira logo essa calça vai.

- Vem tirar - ele sorri e vê que não vou fazer isso então começa a tirar e entrar na banheira quente. 

Ele fica me olhando enquanto eu o ensaboo e de repente pega na minha mão e coloca elas em seu abdomen e eu deslizo a bucha sobre o mesmo. 

- Eu achei que você era uma moça de família julinha - Ele se aproxima e cola nossas testas e ficamos assim por alguns segundos, eu hesito em beijar ele, mas acabo me afastando.

- Poxa Julia.

- Você ta bebado...e-e eu já acabei, agora se levanta dai e se seca.

Ele veste uma roupa do Pedro e oega na minha mão pra que eu



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...