História LOVERs - Capítulo 52


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Visualizações 26
Palavras 1.452
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Boa leitura! ❤

Capítulo 52 - Sem saída


Fanfic / Fanfiction LOVERs - Capítulo 52 - Sem saída

Me sentei no chão da varanda, olhando para dentro de casa.

Eu: Sei que duas coisas estão acontecendo: Alguém está me roubando e meu namorado tendo alguma coisa com minha amiga.

Yoongi: Você quer dizer que: isso não é sinal de que eles estejam fazendo os dois.

Eu: Sim. Sabendo que eles estão juntos eu posso usar isso ao meu favor.

Yoongi: Como assim?

Eu: Se eles desconfiarem que sei de algo, podem mudar o jeito de jogar e quando fizerem isso eu posso ditar o jeito que eles vão mudar.

Yoongi: Tá querendo dizer que vai manipular o caminho?

Eu: Sim. Um caminho sem saída.

Yoongi: Como faria isso?

Eu: Coisas pequenas.... A traição é o de menos... As ações da empresa é o que realmente me importa.

Yoongi: E o que você vai fazer?

Eu: Preciso saber se houveram pessoas realmente contratadas, quem foram as pessoas contratadas e "por quê?", a quantidade de pessoas, os cargos que ocupam, valor dos salários.

Yoongi: Quer saber de onde o dinheiro sai primeiro?

Eu: Exato!

Yoongi: Tá, mas, como conseguiria essa informação assim? Demoraria muito, pra analisar tudo sozinha.

Eu: Consigo me virar com isso.

Yoongi: Mas e se descobrir de onde sai o dinheiro?

Eu: Fica mais fácil saber quem libera ele e porque libera.

Yoongi: Mas você cuida do setor financeiro, você que deveria liberar.

Eu: Não é exatamente assim, é uma pirâmide, e nessa pirâmide eu estou no "topo" dela, não quer dizer que trabalhe sozinha. Eu vejo o que me dão, não o que fazem.

Yoongi: Mas você sempre está checando alguma coisa.

Eu: Justamente por isso que vi que algo estava errado.

Yoongi: Saber que está errado não é o mesmo que saber a razão né?!

Eu: Anram.

Yoongi: Tá. Mas e aí?

Eu: Se souber quem libera, sei pra onde ela libera. Se sei pra onde ela libera, descubro quem recebe.

Yoongi: Se sabe quem recebe...

Eu: Eu ganho o jogo!

Yoongi: Vai começar daí?

Eu: Essa vai ser a minha base. O início é quando eu souber quem recebe o dinheiro.

Yoongi: E depois com os dois?

Eu: Vida que segue. Só preciso de provas sobre eles dois.

Yoongi: Essa parte eu cuido. Quando a gente começa com o plano?

Eu: A gente?

Yoongi: Não vim até aqui pra nada.

Eu: Amanhã eu vou ir para a empresa, começo a mexer os pauzinhos de lá e te falo sobre tudo no almoço.

Yoongi: Me chamando para ir almoçar?

Eu: Te obrigando a ir. É diferente!

Yoongi: Quer tanto minha presença assim?

Comecei a rir.

Eu: Acho que o sono já está fazendo efeito no seu cérebro denovo em.

Ele riu soprado.

Yoongi: Não posso negar. Estou muito cansado.

Eu: Vai descansar Yoongi.

Yoongi: Quando eu desligar você vai ir dormir?

Eu: Siim Yoongi. -revirei os olhos.

Yoongi: Não acredito nisso. Mas tudo bem. Bom descanso Praga!

Eu: Bom descanso! -disse sorrindo.

*Chamada off*

Olhei o relógio do celular e vi que já eram 3:30 horas da madrugada. O que seria 15:30 no Brasil.

Fui até a minha lista de contatos, e cliquei em um nome específico.

*Chamada On*

Xxx: Ao que devo a honra de uma ligação da Bitch Suprema? -disse sorrindo.

Eu: Preciso de um favor seu.

Xxx: Iria reclamar, se não estivesse com saudades desses favores. Manda a bomba!

Eu: Me manda uma lista de todos os contratados nos últimos 3 meses, com todos os dados que tiverem deles.

Xxx: Seu pedido é uma ordem.

Eu: Alex?

Alex: Reclama!

Eu: Só não abusa dos estagiários com isso.

Escutei sua risada alta.

Alex: E você acha que eu vou perder essa bela oportunidade de ver todos eles tremendo de medo? Jamais querida! -disse rindo.

Eu: Você é muito mau! -disse rindo.

Alex: Você é pior!

Eu: Você e o Dylan precisavam daqueles empurrões.

Alex: Acredito em você. Mas agora eu tenho que ir ver aqueles demônios. Garanto que antes de você acordar tudo vai estar ao seu dispor.

Sorri.

Eu: Obrigado. E boa tarde!

Alex: Disponha!

*Chamada off*

Assim que desliguei, fui até o banheiro escovei os dentes, bebi água na cozinha, me sentei no sofá e comecei a pensar no que estava acontecendo. Depois de um tempo o Seokjin invadiu meus pensamentos e não pensei em outra coisa até dormir.

Acordei no susto com o celular apitando na minha cara.

Abri os olhos, olhei em volta e estava na cama. Fiquei me perguntando em como tinha ido parar ali e nada veio em mente.

Olhei as horas e estava 30 minutos atrasada.

Entrei no banheiro e tomei um banho correndo. Ajeitei o que deu no banheiro mesmo e sai do mesmo para pegar uma roupa.

Assim que peguei a bolsa lembrei que não tinha separado nada adequado para ir para a empresa. Acabei pegando um short de couro curto e preto, uma blusa cinza regata, um colete que normalmente o Gustavo usava por baixo do terno que foi até o meio da minha coxa, coloquei a bota com salto e peguei o celular.

Sai do quarto e dei de cara com o Seokjin sentado no encosto do sofá me encarando.

O encarei por alguns segundos.

Eu: Algum problema?

Ele me encarou por alguns segundos.

Jin: Estamos atrasados! -disse se levantando e indo até a porta.

Eu: Me fale uma coisa que eu não saiba agora. -disse me direcionando a porta.

Jin: Gustavo e a Clara já saíram, a Martha foi tomar café no restaurante, e Yoongi deixou suas pastas no meu carro.

Eu: E por que ele fez isso?

Jin: Você ainda estava dormindo.... -o interrompi.

Eu: Não o Gustavo. O Yoongi!

Jin: Isso foi a única coisa que você escutou mesmo?

Eu: Única coisa que importou na verdade. -ele me encarou confuso e arqueou a sobrancelha sério.

Jin: Gustavo pediu pra eu passar lá na casa e buscar a Clara e o Yoongi me entregou suas coisas, caso você fosse precisar. -disse passando pela porta assim como eu.

Sorri que nem boba.

Eu: Yoongi é doido... -disse fechando a porta do apartamento. -Mas como assim, Gustavo pediu pra você passar lá? Ficou fora de casa? -disse esperando o elevador.

Jin: Passei a noite com a Íris. -o encarei e sorri desacreditada.- O que foi? Acha que só você pode fazer esse tipo de coisa?

Eu: Fazer o que Seokjin? -disse entrando no elevador.

Jin: Você sabe do que eu tô falando. Eu não ia ficar pensando em você enquanto você estivesse com outro.

"É... pelo visto quem fez isso fui eu!"

Eu: Espero que tenha aproveitado bem a sua noite!

Jin: Só não mais que você... -disse se escorando na parede do elevador.

Ficamos em silêncio até o elevador se abrir.

Caminhamos até o carro. E fomos o caminho todo em silêncio.

Jin: Não vai pegar suas pastas não? -disse alto.

Voltei um pouco do caminho.

Eu: Abre a porta. -ele destravou a porta. Peguei as coisas e ia saindo denovo.

Jin: Jackson, a saída da garagem é pra cá.

Revirei os olhos e caminhei até ele novamente. Deixei ele andar um pouco mais na frente para que eu não tivesse risco de me perder.

Chegamos na sala e só começamos a fazer as coisas sem trocar uma palavra um com o outro. Sentei na cadeira que fica de costas para a porta e ele a minha frente.

Depois de um tempo abri o email, e tudo o que eu pedi estava lá. Comecei a analisar cada detalhe do que tinha lá até a hora do almoço.

O telefone começou a tocar.

Seokjin o atendeu.

Jin: Olá... Sim... ok... tá bom. Pode deixar. Avisa que ela vai demorar só mais alguns minutos. -o encarei confusa. E ele encerrou a ligação.

Eu: Quem era?

Jin: Yoongi.

Eu: E o que ele queria? -perguntei já sabendo a resposta.

Jin: Te levar pra almoçar.

Eu: E por que eu vou demorar mais alguns minutos? -disse o fitando parcialmente puta.

Jin: Quero ficar te olhando por mais algum tempo. -disse se espreguiçando na cadeira enquanto sorria.

Eu: Você tá de brincadeira com a minha cara né Seokjin? -disse me levantando.

Jin: Estou com cara de quem está brincando? -disse arqueando a sobrancelha.

Eu: E eu tô com cara de quem tá com paciência pra suas idiotices? -ele se levantou. - Sai da minha frente Seokjin! -disse assim que ele se aproximou.

Jin: Por que você está tão irritada Jackson?

Eu: Não é da tua conta.

Senti sua mão me puxando pela cintura.

Jin: Por que você está tão irritada Jackson?! -disse me envolvendo em um meio abraço enquanto beijava meu pescoço.

Prendi o fôlego.

Eu: Seokjin! sai... da... minha... frente! -disse abrindo os olhos para o encarar.

Ele me pegou em seu colo no impulso e me prensou contra a parede.

Eu: Qual é a sua com as paredes? -disse o encarando.

Jin: Agora é só por garantia de que se alguém chegar a porta vai estar bloqueada. -"filho da mãe!"

Eu: Mas, e quem disse que vai estar acontecendo alguma coisa aqui? Já não falei pra você me soltar?!

Ele riu soprado e se aproximou do meu ouvido.

Jin: Você que está me segurando. -disse e reparei que minha perna e braços estavam em volta do seu corpo.

Eu: Instinto! -disse tentando sair, mas ele se aproximou mais me impedindo.- Seokjin! -o repreendi.

Jin: Instinto! -disse me puxando mais para cima. Nivelando a nossa altura. -me fala que você não quer e eu te solto.


Notas Finais


Espero que tenham gostado e me perdoem os erros!
Amo vocês!❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...