História Loving u from a distance. - Capítulo 43


Escrita por:

Postado
Categorias Little Mix
Personagens Jade Thirlwall, Jesy Nelson, Leigh-Anne Pinnock, Perrie Edwards, Personagens Originais
Tags Fanfic, Jade, Jerrie, Jesy, Leigh-anne, Little Mix, Perrie, Perrie Edwards, Romance
Visualizações 105
Palavras 981
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 43 - No more sad songs


Jade's POV

Quando abro a porta do Hotel tudo o que sinto é desespero.

Estou completamente aflita com o show que acabei de fazer com Perrie lá o tempo inteiro olhando diretamente em meus olhos, agora sei que se tivesse feito aquele show sóbria talvez tudo tivesse dado errado.

A sensação era completamente estranha, eu sabia que aquilo tinha sido real, mas ao mesmo tempo torcia para que a noite tivesse sido um completo sonho, que eu não tinha realmente visto Perrie com outra, eu sei que já fazem muitos meses, mas eu esperava ao menos um retorno dela, esperava que ela me ligasse e quisesse ouvir o meu lado da história, o porque de eu ter feito tudo o que fiz sem consultá-la.

A situação com Bella e Jed só aconteceu por minha causa, Perrie quase morreu e a culpa foi inteiramente minha, foi por isso que eu quis resolver tudo sozinha... ela tinha acabado de sair de um coma, não queria encher sua cabeça de problemas... será que errei tão feio assim?

Estou pronta para entrar no banho quando meu telefone toca, reviro os olhos e corro até a cabeceira o nome de Emma pisca incansavelmente e olho para o relógio logo acima. 04h00 quem me liga as quatro da manhã?

Coloco no viva-voz e entro no banho.

O dia tinha sido cansativo, a voz de Emma talvez me acalme neste momento.

"Ei" ela diz sonolenta

"Em... você não imagina a doidera que foi esse show..." digo enquanto fecho os olhos e deixo a água quente cair sobre meus ombros doloridos.

"Eu posso imaginar... não deve ser fácil voltar aí" ouço Emma se espreguiçar em um gemido. "Eu te liguei porque tem algo que preciso te contar..."

Suspiro.

Qual a porcentagem de chance de isso ser algo bom? Praticamente zero, nada de bom tem acontecido em minha vida desde que Perrie se foi.

"Tudo bem... o que houve?" estou pronta para sair do banho, então desligo o chuveiro e enrolo na toalha.

"Sabe o Ward? Aquele meu amigo policial?" Emma começa e eu concordo dizendo "uhum" enquanto me seco. "Ele me ligou, não faz muito tempo pra ser honesta, foi um pouco antes de te telefonar... ele disse que Jed está saindo, Jadey" as palavras de Emma ecoam pela minha cabeça diversas vezes. "Disseram que ele pagou uma fiança altíssima, eu sinto muito que tudo isso tenha sido em vão."

Não sei o que pensar, tudo começa a desmoronar ao meu redor.

Jed está solto.

**

Perrie POV

Assim que chego em casa Lauren sai correndo para se jogar no sofá.

"AAAAAA COMO É BOM DEITAR EM UM SOFÁ GOSTOSO" ela grita e eu dou risada.

Acabo de notar que nunca vi Lauren sóbria, ela está sempre muito bêbada ou muito chapada, talvez essa seja a coisa mais divertida nela... porque provavelmente sóbria ela deve ser um saco.

"Não faça barulho, Leigh deve estar dormindo com Andre" reviro os olhos enquanto retiro meus sapatos e caminho até a cozinha.

"E daí? Será que podemos fazer o mesmo que ela e Andre e simplesmente deitar pra dormir? Eu estou cansada..." Lauren fala manhosa e quando rola no sofá acaba caindo e causando gargalhadas nela mesma enquanto eu observo.

Deve ser cansativo ser assim... deve ser exaustivo ter que recorrer as drogas e ao álcool para se sentir feliz. 

"Nós podemos, só me dê um minuto... preciso tomar um chá antes" digo enquanto coloco a água para ferver.

"Você sempre tem que tomar um chá antes de dormir, por que?" Lauren parecia interessada.

"Pelo mesmo motivo que você precisa fumar um baseado antes de se deitar, me sinto bem" dou de ombros e ela faz o mesmo enquanto se levanta.

Ela caminha para perto de mim e me abraça por trás.

Estou completamente focada na minha água fervendo e pela primeira vez o toque de Lauren me parece esquisito, pela primeira vez não quero que ela me toque, me mexo desconfortável.

"Ah não... lésbicas na minha cozinha" Leigh diz brincalhona e Lauren se afasta indo em direção a Leigh-Anne para abraçá-la. "Qual o problema dessa garota, Perrie?" 

Não respondo, talvez o problema dela seja não ter nenhum problema.

"Como foi com Andre? Ele está aí?" Lauren pergunta se direcionando para o quarto de Leigh.

"Ei, ei, ei" Leigh diz depressa e correndo para barrar Lauren. "O que pensa que está fazendo?"

"Porque ficou tão na defensiva, Leigh?" Digo rindo.

Lauren é uma louca intrometida que adora ver todos dormindo, um dia acordei e procurei ela na casa inteira e a encontrei no quarto de Leigh-Anne vendo-a dormir.

Quando questionei o que ela estava fazendo, Lauren me respondeu: "Olhe como ela fica em paz quando está dormindo" e foi aí que eu soube que Lauren talvez fosse uma louca viciada que fumava logo de manhã para olhar as pessoas dormirem.

"Não estou na defensiva, é que ele está dormindo" ela revira os olhos e afasta Lauren. "Agora vá dormir ou tomar um banho, porque você cheira a bebida e maconha." Leigh disse empurrando Lauren pro outro lado onde ficava meu quarto, Lauren entra pela porta e fecha a mesma.

"Como foi o show?" Leigh pergunta enquanto enche um copo de água.

"Jade estava lá..." digo baixinho "Não sei o que eu estava pensando, Leigh... parecia tudo tão certo" me viro e Leigh está me encarando pensativa. "Quando eu a deixei e todos os meses em que a evitei... parecia tão certo." sinto minha garganta fechar e as lágrimas virem "Se você a visse hoje, entenderia como eu a feri... eu a destruí." Leigh se aproxima para me confortar. "Eu ainda a amo tanto... e só me dei conta disso quando ela estava lá, bem na minha frente."

Essa era a verdade.

Eu a amava e quando a vi em ruínas em seu mundo tão frágil, percebi que tinha que tê-la de volta.

 

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...