História Luar de Pérolas! -Ezarel, Nevra e Valkyon- - Capítulo 52


Escrita por:

Postado
Categorias Eldarya
Personagens Erika, Ezarel, Jamon, Keroshane, Leiftan, Mery, Miiko, Nevra, Personagens Originais, Valkyon
Visualizações 87
Palavras 1.835
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Magia, Romance e Novela, Sobrenatural
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Está sendo as minhas piores férias, sério!!!
Foi começar as férias, q eu fiquei com dengue (oh só, q sorte a minha)... Mosquito infeliz!!!
Enfim... Tá aí, mais um capítulo procês!!!
*lembrando q qualquer erro é proposital, ou eu não devo ter visto*

Capítulo 52 - Em busca de cristais.


*Não vou dar detalhes do capítulo passado. Eu quero trazer outra coisa, e mais pra frente, talvez, eu faça mais detalhado. Mas dessa vez não*

*Mas imaginem, usem a criatividade para pensar no que aconteceu noite passada*

Povs Hadassa


Amanheceu e logo fui chamada na sala do Cristal. Nas palavras da Miiko, tenho que ir atrás de uns cristais aí, que estão perdidos no vale da sombra e preciso encontrá-los...

Miiko: Cadê elas?! -perguntou Miiko pela décima segunda vez. Ela não sabe que a Ellora e a Betty são duas atrasadas, tanto na vida, tanto na não-vida?-

...

Depois de vinte minutos, elas chegaram correndo. Agradeço por terem chegado. Pela cara da Miiko, ela parecia que iria explodir.

Ellora: Ai meus ispinhaço!!! -correu na minha direção, e se apoiou no meu ombro- Eu n-não queria chegar atrasada, mas...

Betty: A gente veio correndo, e já é grande esforço... -já desistindo de ficar de pé, Betty se jogou no chão- 

Miiko: Vamos logo ao assunto principal... Como devem saber... Chegou um príncipe, aliás... Vou avisar à todos sobre ele daqui à pouco, e então...

Betty: Não vai colocar a gente pra cuidar do principezinho não, vai?! -perguntou revirando os olhos- Estou sem paciência pra ser babá agora...

Miiko: Na vinda dele com a família pra cá, acabaram que achando um pequeno cristal perdido no meio da mata, e então, como vocês são mestras em achar cristais, eu quero mandá-las para caso ter mais, entende? -Miiko andava de um lado para o outro- Topam?

Ellora: É, né... Não garanto que chegaremos lá vivas, mas né, fazer o quê...?!!! -Ellora colocou as mãos na cintura- 

Hadassa: Vai mais gente, ou só a gente?! -perguntei já esperando o pior. Imagine... Só eu, a Ellora e a Betty em meia mata, sozinhas- 

Miiko: Não é muito perigoso, vocês vão sozinhas... -ela, por mais que desejasse passar confiança, parecia não crer muito em nós não- Hoje de tarde. Assim que eu anunciar a chegada do príncipe e seu mordomo, vocês me encontrem no portão principal. Podem ir.

Saímos da sala do Cristal, e fomos para o nosso quarto. Como a Miiko tem tanta certeza que não vai acontecer nada nessa missão?! Ela que não ponha fé, porque a morte anda do nosso lado a qualquer momento do dia...

Ellora: O que vamos levar?! -perguntou, procurando algo no armário. - Às vezes eu sinto uma falta do piolho... -olhou cabisbaixa para o monte de roupas- 

Betty: Eu sinto uma falta de você sendo chamada de louca... -Betty pegou um ursinho de pelúcia, e começou a brincar- 

Hadassa: Lembra da rebelião de quando soubermos que você falava com uma voz na sua cabeça?! -sorri- Foi algo espantador pra todo mundo!!!

Ellora: Quero saber que fosse vocês no meu lugar... -disse se sentando na cama- Não, agora é sério, o que vamos levar?!

Hadassa: Ou melhor... Quantos dias vamos passar fora?! -perguntei sem fazer muita questão do caso- Como a gente vai para uma missão, que não perguntamos muita coisa sobre essa missão?!

Betty: Hello! Somos nós! A gente nunca pergunta nada, e quando pergunta, acontece algum milagre... -sorriu- Vamos levar tudo. Simples.

Ellora: Casacos, calças, meias, blusas... O que mais?! -disse pondo todas essas roupas encima da cama- Pega uma bolsa aí, por favor...!!! 

Eu peguei tudo, e coloquei encima da cama. Arrumamos tudo, e ouvimos batidas na porta. Era Yhkar falando sobre a Miiko e uma reunião que iria ter daqui a dez minutos. 

Nos dirigimos para o salão das Portas, e o lugar estava lotado. Tinha gente subindo até pelas paredes... Tá, para de drama...

Ellora: Vão avisar agora do príncipe e seu mordomo? -sussurrou- E por que dizem mordomo, hein? Coitado, deve sofrer muito...

Betty: Nem todos os mordomos sofrem nas mãos dos seus chefes... Só às vezes. -sorriu- Eu mesma tinha um.

Hadassa: É toda riquinha ela... -ri- Mas da forma que chamam ele, acho que esse príncipe não é um bom chefe não...

Ellora: Ai que feio julgar os outros antes de conhecer! Cês num tem vergonha não?! -Ellora começou com o seu discurso- Eu não vou falar mais é nada!

Betty: Eu não disse nada... -Betty deu de ombros- Aliás, posso fazer uma pergunta aqui?! 

Hadassa: Já está fazendo, mas eu te dou uma nova chance de perguntar. -respondi, dando um breve sorriso- O quê?

Betty: Vamos treinar? -Betty pareceu pensar- Nessa missão, já que ninguém mais vai estar atrapalhando, vamos treinar nossos poderes?

Ellora: Não sei, não me sinto segura... Até porque eu estou treinando somente como curar os machucados de alguém, então... -Ellora deu de ombros- Eu sou muito inútil, não... 

Ficamos esperando, e depois de um tempo, todos chegaram. Até Leiftan que estava sumido, resolveu dar as caras.

Miiko: ... Bom dia... Estão todos presentes?! -perguntou olhando ao redor- Hm?

Betty: Não estou sentindo falta de ninguém... -sussurrou-

Ellora: Eu não sei se estou... Acho que não. -sorriu- Hadassa?

Hadassa: Nadinha...

Miiko: Pois bem... Como devem saber... Um príncipe está entre nós. -ouvimos murmúrios vindo da parte de todos- Ele é um príncipe da colônia vizinha. Sua família pediu para ele vir ficar aqui, para ele ter uma noção de como comandar... O mesmo, daqui a alguns dias, vai se tornar rei. Então...

Hadassa: Colônia de férias com o mordomo... -sorri em comprovação- Eu sou muito ruim, ai meu senhor!!!

Ellora: Dos criadores de 'De férias com o ex', vem aí... Colônia de férias com o mordomo... -sussurrou- 

Miiko: Esse é o príncipe Edward, e seu mordomo, Edgar. -nesse momento, entrou dois homens, e todos bateram palmas, e fizeram uma reverência- Ele já recebeu seu quarto. E...

-Bombomzinho, agora eu falo, por favor. -o príncipe tomou a frente- Você é uma ótima líder, Miiko. Porém, eu, consigo ser melhor.

Ellora: Hadassa... Acho que seu julgamento estava totalmente certo, e eu acabei julgando você. -sorriu nervosa- Pardon...

Hadassa: Falou francês, eu desculpo na hora...!!! -parei e olhei para o príncipe. Ele estava dando um discurso das coisas que ele gosta ou não. O Edgar somente o olhava, e concordava com tudo- 

P. Edward: E é isso. Posso ser um príncipe, mas tenho um bom coração. -sorriu- Quero conhecer todos da guarda. Miiko...

Eu, Betty e Ellora nos viramos, e começamos a sair dali devagar. Ninguém via a gente, estávamos indo devagar demais.

Miiko: Sim, eu apresento. -Miiko não parece nada bem- Vamos começar por três pessoinhas, sendo uma que só fica na enfermaria, a outra que é a preferida da minha amiga, e a terceira que é a protegida...

PERA! Ela tá falando da gente ou só é impressão?

Miiko: Betty, Ellora e Hadassa. -ela sorriu, e senti olhares sobre mim, e as meninas- 

Ellora: Não gostei de como se dirigiu a mim, não, não gostei, fiquei ressentida... Eu só fico na enfermaria? -Ellora fez uma cara ofendida-

Hadassa: E desde quando eu sou a protegida aqui?! -resolvi entrar na onda-

Betty: Cês tão reclamando de quê? -Betty suspirou- Eu não sou a preferida de ninguém! 

Miiko: Meninas, minhas queridas, parem de drama... Príncipe Edward, essas três são os problemas em forma de gente... Mas são garotas maravilhosas...

P. Edward: Sim, dá pra ver. São maravilhosas mesmo. -é impressão minha, ou esse principezinho, está olhando profundamente a Ellora? -Eu estou cansado agora. Preciso de um descanso. Depois você me apresenta todos. 

Miiko: Sim. Eu preciso mandar elas para uma missão. Garotas, vá pegar suas coisas. -e fomos correndo- 


Povs Ellora


Pegamos nossas coisas correndo, e fomos para o portão principal. Chegando lá, Miiko deu as últimas ordens, e deu também um mapa.

Miiko: Qualquer coisa não hesitem em nos chamar. -Miiko falou calma-

Ellora: Você não disse isso. Minha filha, eu to desesperada, e tu ainda diz que qualquer coisa não hesite em chamar... -bufei, estressada- 

Leiftan: Não vamos deixá-las mais nervosas. Pois bem... Eu vou entrando. Tenho uma coisa pra fazer.

Nisso, Miiko deu tempo de nos despedimos dos rapazes.

Ezarel: Não hesite mesmo em gritar, viu senhorita? -falou me dando um abraço apertado- Não iria suportar o fato de algo acontecer com você.

Ellora: Você só está piorando, mas obrigada...!!! -sorri- Eu tenho é medo, então vou tentar me manter longe de encrenca...

Ezarel: Piorando nada... E vá em segurança, volte em segurança. Vou estar aqui cuidando da nossa filha adotiva, está bem? -sorriu- 

Ellora: Está bem. -sorri e abracei ele mais uma vez- Agora tenho que ir. -e me despedi-


Com Betty


Valkyon: Pegou todos os armamentos? -perguntou me checando da cabeça aos pés- Tem certeza que pegou tudo?

Betty: Valkyon, eu sei me cuidar. Não precisa disso tudo. -tentei parecer segura.-  Por favor, confia em mim...

Valkyon: Certo... Toma cuidado, viu? -me deu um longo abraço apertado- Eu te amo.

Betty: Também amo você. -sorri- Agora, tenho que ir. -disse me retirando-


Com Hadassa


Hadassa: Se você checar mais uma vez se eu sei lutar, eu vou matar você. -já me estressei antes do tempo- Assim parece que eu vou, e não vou voltar.

Nevra: Não fala uma coisa dessa, pelamor. -suspirou- Você vai voltar firme e forte.

Hadassa: Não parece. -suspirei- Toma cuidado, visse?! -falei- Alguém vai ficar de olho em ti, para não cometer nenhum erro. -sorri- Agora tenho que ir. -dei um beijo em sua bochecha, e fui de encontro das meninas-


Povs Ellora


Já nos despedimos, e pegamos caminho. É, e esse caminho era uma outra floresta que tinha perto do QG. 

Ellora: Olha que perigo, onde colocaram nós!!! -olhei ao redor- Todo dia é um Deus me acuda diferente!!!

Betty: Tenho é medo. -riu nervoso- Quero mais não, vou voltar...

Hadassa: Ficar aqui também é uma boa opção...

No fim, decidimos entrar. No começo foi difícil. Estava escuro, e vamos supor que a Betty tenha medo de escuro, e aí foi o problema dos problemas...

Hadassa: Fizemos tempestade em tampinha de xarope... Nem foi tão difícil entrar aqui. -falou quebrando o silêncio- 

Betty: Já que é para procurarmos cristais, vamos parar, sentar, e esperar um cair do céu... -suspirou-

Ellora: Que má vontade... Vamos continuar. -continuamos andando. Pode ser de tarde, mas essa floresta é escura, viu?- Vamos parar e esperar um cristal cair do céu. -acabei dando por vencida- Gente, que negócio chato, por que aceitamos mesmo?

Betty: Tínhamos escolha? -perguntou Betty, dando de ombros- De quem foi a idéia de achar os cristais e dar pra Miiko?

Hadassa: Estamos estressadas. Não funciono sobre pressão. Vamos respirar, e nos acalmar.

...

Nos sentamos em uns troncos, e começamos a conversar sobre a vida.

Betty: Essa floresta... A gente já esteve aqui? -falou olhando para os lados- Não, né?

Hadassa: Não. Ainda bem que temos um mapa. Imagine, a gente perdidas no meio de uma floresta desconhecida... Afinal cadê, hein?

Ellora: Não está com você? -perguntei assustada.- Me diz que está com uma de vocês.

Betty: Comigo não. -Betty começou a ficar desesperada- Hadassa?! Por favor!!!! Diz que está no seu bolso...!!!

Hadassa: Nem bolso eu tenho, doida. -Hadassa se levantou e começou a andar de uma lado para o outro- Meninas!

Ellora: A gente vai morrer!!! -comecei o meu drama básico- Alguém trouxe comida?!

Hadassa: O que... É isso? -nos abaixamos na direção que a Hadassa apontou, e tinha um pequeno pedaço do Cristal- Não é que caiu do céu mesmo!!! -sorri- 

Betty: Que estranho... Acho melhor não mexer vai que... AAAAAAAAAAA!!!!

Um vento forte nos cercou junto a uma luz. Me segurei em um dos troncos, e fechei os olhos.

...






Notas Finais


Não to bem.
Tive dengue no começo das minhas férias, e agora, quando eu estava melhorando, os sintomas voltaram... #chateada

*
C
O
N
T
I
N
U
A


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...