História Isabella Lilian Potter - Capítulo 5


Escrita por: ~

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Alastor Moody, Alecto Carrow, Alice Longbottom, Alvo Dumbledore, Andromeda Tonks, Angelina Johnson, Arabella Figg, Argo Filch, Arthur Weasley, Astoria Greengrass, Barão Sangrento, Bellatrix Lestrange, Blásio Zabini, Carlinhos Weasley, Cassandra Trelawney, Cedrico Diggory, Cho Chang, Colin Creevey, Córmaco Mclaggen, Cornélio Fudge, Cuthbert Binns, Daphne Greengrass, Dênis Creevey, Dino Thomas, Dobby, Draco Malfoy, Duda Dursley, Ernesto Macmillan, Fílio Flitwick, Fred Weasley, Gina Weasley, Gregory Goyle, Gui Weasley, Harry Potter, Hermione Granger, Jorge Weasley, Katie Bell, Lilá Brown, Lucius Malfoy, Luna Lovegood, Mila Bulstrode, Minerva Mcgonagall, Molly Weasley, Murta Que Geme, Narcissa Black Malfoy, Neville Longbottom, Nymphadora Tonks, Olívio Wood, Padma Patil, Pansy Parkinson, Parvati Patil, Pedro Pettigrew, Percy Weasley, Personagens Originais, Petunia Dursley, Pomona Sprout, Poppy Pomfrey (Madame Pomfrey), Remo Lupin, Rita Skeeter, Ronald Weasley, Rúbeo Hagrid, Severo Snape, Sibila Trelawney, Simas Finnigan, Sirius Black, Theodore Nott
Tags Drabella, Draco Malfoy, Harry Potter, Irmã Potter, Isabella Potter, Marotos, Rebeldia, Trio De Ouro
Visualizações 195
Palavras 1.579
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Saga, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Hey queridos
Finalmente um novo capítulo para essa história, se vocês quiserem entender o que aconteceu leiam o último capítulo que eu vou estar explicando tudo
Leiam as notas finais que eu vou mostrar quem vai ser a photoplayer da Luiza

Capítulo 5 - The True Friendship


Fanfic / Fanfiction Isabella Lilian Potter - Capítulo 5 - The True Friendship

 

 

Anteriormente...

-Aff mais uma grifinória Potter inútil! Blergh!- AH MAIS HOJE EU VOU COMETER UM ASSASSINATO! Me virei lentamente e vi...

 

Pov's Isabella

Poseidon. Isso mesmo eu vi Poseidon. Mentira eu vi uma menina que parecia um buldogue, tadinha ela deve ter uma doença na face porque não é possível.

 -HAHAHAHAHHAHAHAHAHA- não me aguentei e comecei a rir da cara da garota, desde quando um buldogue tem autoridade pra me irritar coitada. Algumas pessoas riram comigo, outras começaram a comer pouco se lixando e o resto tava só observando a treta se formar.

 - Tá rindo do que em pirralha? - Olha a princesa não gostou de eu rir dela, que pena estou até chorando aqui.

 - Ai me desculpa queridinha, é que sua cara me lembra muito um buldogue, mas é melhor rir por que senão eu ia era chorar de dó de você mesmo. 

 -COMO É QUE É? Draquinho me defende- olhei pro lado dela e quase tive um infarto mas consegui disfarçar, o Deus grego vulgo Draco Malfoy tava lá e me olhou percebendo que eu estava meio hipnotizada e piscou pra mim discretamente, depois ele olhou pra buldogue e revirou os olhos dizendo:

 - Você que provocou Pansy, se não consegue enfrentar o problema é seu. - A vadia olhou chateada pra ele, toma vaca.

 Virei as costas para a mesa da Sonserina e fui finalmente sentar na mesa da minha nova casa. Avistei a Gina sorrindo pra mim e fui em sua direção logo me sentando ao seu lado e já começando a me servir. A ruiva olhou curiosamente pra mim e disse:

 -Potter? -olhei para ela

 -Weasley?- ela riu e comentou

 - Menina, as aulas nem começaram e você já tá arrumando briga? Que isso, tá podendo né- eu só olhei pra rindo e revirei os olhos já mastigando um pedaço de batata.

 

 No outro dia...

 Fiquei tão cansada da viagem ontem que nem arrumei minhas coisas, só tomei um banho e cai na cama com tudo, logo me deixando levar pela inconsciência. Tive sonhos estranhos como sempre, mas nada preocupante o bastante para eu ser internada, eu acho pelo menos. Não falei com o Harry ainda pois acho que ele precisa de um tempo para raciocinar tudo, mas vou falar com meu irmão ainda hoje.

 -Isabella... -ouvi alguém me chamando e me revirei na cama- Isabellaaaa acorda... -resmunguei e continuei de olhos fechados - ACORDA PORRA A GENTE VAI SE ATRASAR - ouvi o grito e senti um peso caindo em cima de mim e avistei longos cabelos ruivos.

 - Sai de cima Gina eu já acordei caralho - empurrei-a e me levantei mal-humorada como toda manhã, indo para o banheiro para fazer minha higiene pessoal e me lavar.

 Tomei um banho relaxante e gelado pra acordar de vez e sai rapidamente, logo vestindo o uniforme e, olhando meu reflexo no espelho, não fiquei muito satisfeita com o resultado. Aquele uniforme era muito sem graça, então resolvi arrumá-lo com a ajuda da minha varinha, depois de uns cinco minutos ele já estava perfeito. Diminui a saia cinza escuro até a metade da minha coxa e coloquei uma meia calça com suspensório, além disso apertei um pouco a blusa e abri dois botões, coloquei um tênis preto e estava quase pronta. Escovei os dentes e passei rímel e lápis para dar destaque aos meu olhos verdes e deixei meus cabelos ruivos longos herdados de minha mãe, soltos. Sai do banheiro e avistei Gina sentada na cama me esperando, assim que me viu a ruivinha assobiou alto e mandou eu dar uma voltinha como se fosse minha mãe, eu ri e obedeci, logo depois indo até a cama e pegando minha mochila.

 -Obrigada por me esperar, vamos logo antes que a gente se atrase. -disse e ela me olhou já com a mochila nas costas

 - Não foi nada -ela respirou fundo e disse -vai falar com o Harry hoje? Tenho certeza que ele vai querer conversar com você, agora que descobriu que tem uma irmã mais nova.

 -Vou sim, vai ser uma conversa tensa mas não tem como escapar.

 Saímos do salão comunal e tinha poucas pessoas lá, mas todas olharam pra mim e começaram a cochichar, já esperava essa reação então só revirei os olhos e ignorei, não podia fazer mais nada mesmo.

 Fiquei imaginando como seria minha conversa com o Harry durante o caminho até o Salão Principal e quando dei por mim já estávamos em frente às grandes portas. Entrei junto com a Gina sem fazer muito barulho, mas mesmo assim quando me viram todos começaram a cochichar e apontar para mim, notei que alguns meninos babavam na minha roupa mais curta que o normal. Passamos em frente a mesa da Sonserina para irmos até a nossa, mas percebi o olhar fixado de um certo loiro no meu corpo, dei uma risadinha e pisquei discretamente para ele, fazendo-o acordar de seu devaneio e piscar os olhos repetidas vezes.

 Fui até a mesa da Grifinória conversando animadamente com a Gi, e vi o Harry me olhando, fui até ele é meu sentei ao seu lado

 - E aí Harry? Já processou a informação de que tem uma irmã mais nova ou ainda não?- ele me olhou meio perdido e respondeu 

-To no meio do caminho, mas acho que precisamos conversar.

 -Claro que tal depois das aulas? 

 -Ok. -ele pareceu pensar, olhou para minha roupa e em volta - Pode me responder porque está com uma roupa tão curta? -ele disse franzindo a testa

 -Porque é mais bonito irmãozinho.

 McGonagall passou entregando os horários e dei uma olhada rápida pegando uma maçã da mesa e puxando a Gina para irmos até a aula de Defesa Contra as Artes das Trevas com a Corvinal, dei um beijo na bochecha do Harry que me abraçou e acenei para o Rony e a Mione que também já se levantavam e fui procurar a sala com minha amiga. Quando já estávamos no corredor fora do Salão, senti um impacto contra meu ombro e fui para frente caindo no chão e ralando meu braço.

 -AI MEU BRAÇO CARALHO- dei um berro no corredor e me virei ainda no chão pra ver quem foi o desgraçado que me derrubou, vendo o Malfoy, vulgo Deus grego, vindo em minha direção e a buldogue rindo atrás dele, logo entendi o que aconteceu e fervi de raiva daquela garota, até que senti alguém pegar na minha mão e me puxar para cima me ajudando a levantar, mas acabei perdendo o equilíbrio e tropeçando, caindo em cima da pessoa que me ajudou. Braços fortes seguraram minha cintura e por instinto coloquei meus braços em seus ombros olhando pra cima e vendo o Draco me observando. 

 -Você está bem? -ele perguntou olhando para o meu braço, apenas acenei afirmativamente com a cabeça e ele assentiu.

 Quase tive um ataque cardíaco mas me segurei, não muito bem aparentemente porque ele deu uma risadinha e chegou perto de mim fazendo seu hálito de menta se misturar ao meu olhando bem fundo dentro dos meus olhos. Nossa, tá quente né, só eu tô sentindo calor?

 Acordei de meu devaneio quando ouvi a Gina discutindo com a vadia por ter me derrubado. Olhei para o lado e vi as duas quase se batendo e um montinho de alunos começando a se juntar em volta delas.

 -ELA PODIA TER SE MACHUCADO SÉRIO SUA MALUCA, VOCÊ NÃO TEM NOÇÃO DE NADA NÉ? - Gina gritou e deu um passo em direção a vadia

 -MELHOR SER UMA IDIOTA DO QUE FAZER PARTE DE UMA FAMÍLIA TRAIDORA DE SANGUE E POBRE, WEASLEY- A buldogue também deu um passo em direção a Gina, que não aguentou e acabou pulando em cima da garota e as duas caíram no chão e começaram a se atracar.

 Me soltei do Malfoy e nós dois fomos correndo até a briga, logo separando as duas que não ficaram muito machucadas, mas estavam descabeladas e espumando de raiva. Ajudei a Gi a levantar e arrumei seu cabelo novamente, olhando para vadia logo em seguida e dizendo entredentes:

 -Mexeu com minha amiga, mexeu comigo vadia. Agora você conseguiu uma inimiga que você nunca imaginou ter. -disse apontando meu dedo na cara dela e me virando jogando o meu cabelo em sua cara e saindo com a Gina para a sala, agora sem interrupções.

 -Valeu -Eu disse para a Gi sobre ela ter me defendido - Foi fofo você me proteger amiga.

 -Digo o mesmo linda -ela me olhou- Sabe eu te conheço a um dia mais parece que eu te conheço a tanto tempo, quero levar essa amizade para a vida.

 Nós duas sorrimos cúmplices e entramos na sala, onde quase todos os alunos já estavam sentados e meu padrinho estava em sua mesa escrevendo alguma coisa em um pergaminho, entreguei minha mochila para a Gina guardar meu lugar e fui até ele lhe dando um beijo e um abraço e voltando para o fundo da sala. Comecei a observar as pessoas a minha volta enquanto a aula não começava, e acabei descobrindo uma menina loirinha muito animada cantarolando sozinha em uma mesa, franzi a testa para algumas pessoas que riam apontando para ela e fui até sua mesa logo dizendo:

 -Oi loirinha, muito prazer meu nome é Isabella. Como você se chama? -a menina olhou pra mim, aparentemente surpresa por eu falar com ela e respondeu feliz

 

-Muito prazer Isabella meu nome é...

 

 

Continua...

 

LEIAM AS NOTAS FINAIS


Notas Finais


Photoplayer:
Marina Ruy Barbosa
http://s2.glbimg.com/Zpl4bjt56sjaF0zb9x3pK4-oPWM=/e.glbimg.com/og/ed/f/original/2017/08/07/marn.jpg


Eai amores? Gostaram do capítulo? Por favor comentem isso me anima a continuar e me ajuda a melhorar.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...