História Lulameu e Bolsoleta - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Lulanaro
Visualizações 10
Palavras 463
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção, LGBT, Magia, Poesias, Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Bissexualidade, Drogas, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Olá, meus doces sz

Essa fanfic é em homenagem ao meu presidente maravilhoso Lula Inácio KKK, que saiu ontem da cadeia
LULA LIVRE CACETE

Desculpem qualquer erro ortográfico e boa leitura ❤

Capítulo 1 - Baile de máscaras


Fanfic / Fanfiction Lulameu e Bolsoleta - Capítulo 1 - Baile de máscaras

Em um dia ensolarado, Lula estava em sua casa olhando as notícias em seu celular. Ele vê que havia sido eleito um novo deputado federal, que residia no Rio de Janeiro.

Ficou o dia todo stalkeando o novo crush, seu coração pulsava fortemente, seus olhos não conseguiam se desviar das fotos do garoto, descobriu que o nome do rapaz era Jair Bolsonaro. Lula comenta então com sua amiga Dilma:

__Eu acho que estou apaixonado.. Como ele é lindo... Como ele é maravilhoso! -Inácio comentou e suspirou como um adolescente com os hormônios à flor da pele.

__ Pare com isso -Dilma gargalhou sem graça.- Você conheceu ele hoje, não tem como estar apaixonado.

(...)

Passaram-se anos, e no coração de Lula aquele sentimento só crescia pelo seu amado. Ele adorava ver fotos, vídeos e posts de Jair.

Um dia, milagrosamente, resolveram fazer uma festa com todos as pessoas envolvidas na política: prefeitos, senadores, governadores, deputares e claro, o presidente.

Era um baile de máscaras. E nesse evento, estava tudo perfeitamente impecável, as luzes, as músicas, as decorações, as comidas. Todos estavam elegantes e usando máscaras, não era possível reconhecer absolutamente ninguém.

Houve uma hora que Inácio, de tanto encher a cara, acabou indo vomitar no banheiro passando super mal. Nessa hora Jair saiu do mictório vendo um rapaz que visivelmente não estava bem, se aproximou afagando as costas do outro.

___Hey o que houve? Você parece bem mal -disse Jair preocupado.

Assim que Bolsonaro se aproximou, Lula conseguiu inalar seu perfurme amadeirado e gostoso.

___A-acho que... Exagerei na quantidade de calanguinhos... -disse se afastando do outro e indo até o lavatório para limpar sua boca.

___Entendi. Vem, eu vou te levar lá pra fora 'pra você tomar um ar -ele ajudou o outro a ir até o jardim.

Os dois ficaram lá, sozinhos, sem graça, sem dizer uma palavra. Quando Bolsoraro percebe que está tocando um funk ele logo se anima e começa a rebolar na frente de Lula envolvido pela música.

Lula vendo o garoto dançar em sua frente logo sente seu pau ficar duro, ele se paraliza com tamanha raba do outro rapaz.

___Vem, pode rebolar no meu pau hehe, você só não é mais gostoso que um calanguinho.

Bolsonaro cora as bochechas ficando envergonhado, mas nao para de mexer a bunda.

___Você pode me dizer seu nome?? Acho que gostei muito de você... -fala baixinho e um pouco apreensivo.

___Claro, meu nome é...

Lula ja iria encoxar o menino, quando ouviu o relógio tocar 00:00.

___Eu não posso dizer, ja tenho que ir... Me desculpe

Lula saiu correndo deixando um relógio que tinha roubado cair no chão.

Bolsonaro tentou o alcançar mas não conseguiu, pegou o relógio que estava no chão e pensou:

 .__tenho que achar esse garoto__,


Notas Finais


Oh Jesus jdnsksnsksnsjsnssn eu tenho fanfics sérias, minhas obras não se resumem somente nisso, eu juro KKKKKKKKK
Obrigada por lerem, espero que tenham gostado


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...