História Lúpus - ABO - Capítulo 17


Escrita por:

Postado
Categorias Camila Cabello, Dinah Jane, Fifth Harmony, Lauren Jauregui, Normani
Personagens Camila Cabello, Lauren Jauregui
Tags Camila G!p, Camila Gip, Camren, Camren G!p
Visualizações 471
Palavras 890
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Esporte, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, LGBT, Luta, Romance e Novela, Universo Alternativo, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Sexo, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 17 - 17


- Cameron!

Lauren gritou com o alfa que havia acabado de pular na piscina fazendo a água se espalhar e molhá-la. O moreno sorriu olhando para a menor sentada na espreguiçadeira e nadou até a borda onde ela estava encostando-se ali.

- Tire essa roupa e entre aqui comigo, vou te ensinar a nadar. - falou vendo-a o olhar.
- Não quero fazer isso com esse tanto de gente aqui.

- Eles não podem fazer nada, pequena. Apenas irei te ensinar, uh?

A ômega rolou os olhos levantando e agarrou a barra do vestido puxando-o para cima o jogando sobre a espreguiçadeira qual estava sentada. Caminhou até onde o moreno estava e sentou-se na borda deixando os pés entrarem na água. Com cuidado, Cameron segurou em sua cintura e puxou para dentro da piscina fazendo com que ela agarrasse seu pescoço por não conseguir tocar o fundo da mesma com os pés.

- Está tudo bem, estou aqui. - falou depositando um beijo em sua bochecha. - Você tem que se deitar e começar a bater os pés e os braços ao mesmo tempo.

- Cam.. eu sou muito desastrada para isso. - viu o moreno sorrir.

- Apenas tente.

As primeiras tentativas foram completamente falhas. Lauren, inclusive, quase se afogou, porém Cameron estava perto para não deixar que aquilo acontecesse. Após algumas explicações, onde Cameron até nadou por algumas vezes mostrando a ela como se fazia, ela conseguiu. O alfa estava na borda da piscina escorado na parede enquanto a ômega estava do outro lado.

- Lembre-se de bater os pés e as mãos…

Assentindo a menor jogou seu corpo para frente e conseguiu chegar até onde o maior estava. Ele agarrou a cintura fina da pequena e depositou um beijo rápido em seus lábios feliz por tê-la ensinado a nadar.

- E-eu consegui.. - sorriu sentindo Cameron apertá-la entre os braços.

- Vamos, nossos pais já devem estar querendo almoçar.

Os três casais estavam sentados à mesa e conversavam animados. As ômegas falavam sobre algum filme que queriam assistir, enquanto os alfas estavam conversando sobre um jogo de basquete que aconteceria naquela semana.

- Cameron.

O moreno levantou os olhos avistando Megan acompanhada por outras 3 pessoas. Todos na mesa olharam em direção a ela e Alejandro franziu o cenho ao notar que o homem que estava com ela era um dos empresários que queria fazer parceria com ele.

- Vocês se conhecem?

- Apenas de vista do colégio. - Cameron respondeu olhando para Lauren que estava ao seu lado.

- Alejandro, é bom vê-lo por aqui. - o homem o cumprimentou - Esses são meus filhos, Robert e Megan e essa é a minha esposa, Katherine.

- É um prazer conhecê-los. - balançou a cabeça - Esse é o meu filho, Cameron, minha esposa, Sinuhe. Essa é Lauren, a ômega do meu filho e seus pais, Clara e Michael Jauregui.

- Oh, então seu filho já tem uma ômega?

- Sim. - sorriu - Lauren é uma ótima garota.

A morena corou com o elogio e sentiu sua mão se agarrada pelo seu alfa que tinha os olhos em sua direção. Megan olhou para o pai aflita e o homem apenas negou com a cabeça pedindo desculpas pela intromissão no almoço e saindo com a família.

- Não gostei deste homem. - Sinu se pronunciou - E o olhar que ele deu quando você disse que o Cam já tinha uma ômega.

- Eles não serão um problema. - Alejandro disse - Esqueçam o que aconteceu aqui e vamos aproveitar o nosso domingo.

 

- E-eu estou pronta. - Lauren falou para o moreno enquanto estavam deitados após o almoço.

- Como? - levantou a cabeça a olhando - Oh, você tem certeza? - viu a mesma assentir.

Cameron a abraçou depositando um beijo em seus lábios e viu a mesma suspirar com o contato de suas mãos em sua cintura.  

- Obrigado. - sussurrou fazendo-a sorrir.

- Oi. - Megan se aproximou fazendo-os se separar - Não sabia que namoravam… Na verdade, desde que te vi Cameron, achei que precisava de alguém mais… experiente.

- Não é questão de experiência. - o alfa falou sentando-se - É sentimento, ligação… e eu não tenho isso com nenhuma outra.

- Poderia ter comigo se me desse a oportunidade.. - olhou para Lauren que bufou ao lado do alfa - Garanto que essa daí não sabe nada.

- Não fale dela como se a conhecesse, Megan. Lauren é muito melhor que qualquer outra ômega…

- Uma lúpus? - debochou - Uma ômega que pode quebrar com qualquer coisa? Que é tão submissa com uma voz de alfa? Que toma inibidores e que todos os alfas desejam?

- Cala a boca. - gritou com a voz de alfa vendo-a se encolher - Não fale dela na minha frente e, muito menos, se eu não estiver presente. Não se aproxime de mim, nunca mais. Lauren é a minha ômega e assim será.

Os olhos da loira a sua frente se encheram de lágrimas e logo ela saiu correndo dali. O moreno sentou-se novamente vendo a lúpus com os olhos levemente arregalados e uma pequena ruga de dúvida em sua testa.

- O que foi?

- Não machucou. - murmurou vendo o maior olhá-la com dúvida - A sua voz, Cam… não machucou.

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...