1. Spirit Fanfics >
  2. Luv (Jensoo) >
  3. Trinta e três

História Luv (Jensoo) - Capítulo 33


Escrita por:


Capítulo 33 - Trinta e três


Jisoo pov.

Eu sempre quis uma família, mas nunca soube se teria uma. Filhos, esposa, animais de estimação, eu nunca tive interesse sério em nenhuma das namoradas que tive na adolescência, e nem depois disso. Até conhecer Jennie, eu soube desde que a conheci que me apaixonaria, mesmo assim quis ir em frente para ver, e realmente, acabei sendo nocauteada.

"Senhorita Kim? Chegamos." Eu concordei.

Cheguei em Xangai ontem, não tinha muito ideia de como conversaria com Taeha, ela me odiava. Muito, desde que comecei a sair com sua irmã, sabendo que eu não tinha interesses maiores do que apenas me deitar com a irmã dela, mas soube que Hyunjin estava estudando em uma escola. Resolvi ir até lá.

Desci do carro parando na frente, era meio-dia e meia, eu me encostei no carro e fiquei encarando o pequeno portão ali. Logo alguns pais chegaram buscando seus filhos, e eu logo vi Taeha entrar.

Sentir meu coração acelerar vendo que ela saia de mãos dadas com uma garotinha de cabelos pretos, branquinha e os olhos iguais os de Yeonwoo. Vi que ela sorria de algo, assim como Taeha. Resolvi ir, era com certeza uma das minhas poucas chances.

"Taeha." Falei assim que cheguei bem perto.

Taeha que tinha um sorriso no rosto, me encarou com os olhos surpresos, logo transparecendo sua raiva.

"Podemos..."

Ela me interrompeu:

"O que você acha que está fazendo aqui?" Taeha perguntou puxando a pequena para trás de si.

"Quero conversar com você, apenas isto." Falei olhando para a mais nova que me olhava curiosa.

"Não tenho nada para conversar com você." Falou ríspida. "Deveria ser ciente disso."

"Se não quiser que eu fale na frente dela, e melhor marcarmos algo. Sua preferência." Falei a encarando.

"Suma Jisoo, como fez esses anos todos." Ela cuspiu as palavras me fazendo suspirar.

"Eu nem sabia que Yeonwoo estava grávida, não sabia da existência de Hyunjin." Falei sincera.

"Ah claro." Ela debochou. "Eu vou engravidar alguém, e não vou saber disso, claro."

"Titia, quem é?" Hyunjin me encarou, enquanto puxava a blusa de Taeha.

"Não é ninguém, amor." Taeha falou acariciando a cabeça da mais nova.

"Ela conhece eu, tia, quem é?" A menina perguntou fazendo biquinho, com certeza aquilo ela herdou de Yeonwoo.

"Você tem cinco minutos, Jisoo. Cinco." Taeha falou começando a caminhar, fazendo com que eu fosse atrás.

Narrador

Jennie acordou naquela manhã sentindo falta dos braços de Jisoo agarrados em si. A menina se levantou se arrastando para o banheiro, logo descendo e fazendo algo para comer. Irene falou que iria sair e que deixaria um segurança caso Jennie quisesse sair ou algo do tipo.

"Droga." Jennie lamentou assim que terminou seu pão com geleia, seu estômago embrulhou.

A menina correu para o banheiro, vomitando, até sentir seu estômago embrulhou novamente. Ela se sentou ao lado do vaso.

"Isso só pode ser piada." Jennie lamentou pensando na possibilidade de está grávida, já que ela vinha sentindo os sintomas desde a viajem com Jisoo.

A menina se levantou com um pouco de dificuldade e voltou para a sala. Ela conversaria com Irene.

Jisoo observava Hyunjin brincando na piscina de bolinhas, enquanto esperava Taeha voltar com o café que ela havia pedido.

"Cinco minutos, Jisoo." Taeha falou se sentando de frente para Jisoo.

"Bom, eu não sabia que Yeonwoo estava grávida. Eu fiquei sabendo faz dois dias, literalmente, Mary fez isso, afastou Yeonwoo e Hyunjin de mim. Eu juro que se soubesse que ela estava grávida, assumiria toda a responsabilidade." Jisoo falou.

"E o que você acha que vai acontecer agora?" Taeha perguntou já sabendo a resposta de Jisoo.

"Minha filha, Taeha. Eu preciso recompensar ela do tempo que perdemos." Jisoo falou, fazendo Taeha negar.

"Hyunjin é minha única família." Taeha falou encarando a pequena que brincava com as bolinhas.

"A minha também, acredite." Jisoo falou baixo.

"Não posso, Jisoo." Taeha falou com a voz fraca. "Eu entendo o fato de amar Hyunjin, e claro que passará a amar mais se a conhecer. Mas não posso, eu perdi Yeonwoo, não posso perder Hyunjin também. Prometi a ela que cuidaria de Hyunjin." Taeha falou sentindo suas bochechas molharem.

"Não vou afastar ela de você, mas não pode fazer o mesmo comigo. Eu sou mãe dela." Jisoo falou um pouco mais alto dessa vez.

"Eu sei, mas não pode sair exigindo isso depois de todo esse tempo, ela vai fazer cinco anos, Jisoo. Cinco." Taeha falou entre os dentes.

"Eu não sabia, eu não vou voltar para Seul sem minha filha." Jisoo falou firme.

"Não vai levá-la. Não esteve aqui quando ela precisou, porque disso agora?" Taeha perguntou fazendo Jisoo revirar os olhos.

"Você deveria ir, não vou força-la a me aceitar como mãe, mas preciso conhecê-la. Não pode me privar disso." Jisoo falou, fazendo Taeha concordar, contra gosto.

"Estou concordando com o fato de ir para a Coréia, mas não agora. Terá que esperar." Taeha avisou.

"Tudo bem, não irei pressionar vocês em nada." Jisoo sorriu.

"Hyunjin, querida. Venha aqui." Taeha fez sinal com a mão chamando a garotinha, que logo correu em direção das duas.

"Titia." Hyunjin sorriu abraçando Taeha.

"Essa é Kim Jisoo, deveriam se conhecer." Taeha falou acariciando os cabelos da menina.

"Mas titia, não a conheço." Hyunjin se justificou.

"Saímos com pessoas para conhecê-las, e Jisoo gostaria de conhecer você." Taeha falou com um sorriso para a menor. "Não é mesmo, Jisoo?"

"Apenas se quiser isso, Hyunjin." Jisoo sorriu.

"Acho que está bem." Hyunjin deu os ombros.

"Então estamos saindo amanhã, Taeha deveria vir junto." Jisoo sorriu abertamente para Taeha.

"Sim, sim." Hyunjin falou dando pequenos pulinhos.

Por último. As três comeram juntas, entre risadas, Jisoo falava a Hyunjin que a levaria ao parque e ao zoológico, a menina ficou feliz, ela gostava de todos os animais, e ficou feliz por saber que Taeha estaria junto com ela.


Notas Finais


Eu fico meio assim, porque parece que não estou fazendo um bom trabalho, mas juro que a história já está toda completa na minha cabeça, então desculpem se ficar ou ficou ruim. Desabafo apenas, mas ainda nem acabou k


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...