História LuWoo - (Bet Is Bet) - Capítulo 71


Escrita por:

Postado
Categorias Neo Culture Technology (NCT), Sensational Feeling 9 (SF9), SHINee, Stray Kids, TWICE
Personagens Chani, Haechan, Jaemin, Jeno, Jungwoo, Lee Min-ho, Lucas, Mark, Momo, RenJun, Taemin Lee, Ten, Youngbin
Tags Chani, Chanyoung, Chenle, Chensung, Gay, Hyuck, Jaemin, Jeno, Jisung, Jungwoo, Kpop, Lemon, Lgbt, Lucas, Luwoo, Mark, Markhyuck, Minho, Momo, Nct, Nct127, Nctdream, Nctu, Nomin, Renjun, Romance, Sensationalfeeling9, Sf9, Shinee, Straykids, Taemin, Ten, Twice, Yaoi, Youngbin
Visualizações 174
Palavras 788
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Crossover, Ficção, Ficção Adolescente, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Suspense, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 71 - Cap. 71


Fanfic / Fanfiction LuWoo - (Bet Is Bet) - Capítulo 71 - Cap. 71

O trageto para a casa foi silencioso, nenhum dos três não abria a boca nem que fosse pra falar algo aleatório. Taemin se encontrava chateado demais pra ter ânimo algum pra falar algo, já Youngbin se encotrava pensativo. Para ele, havia falado até demais coisas que não deveria, julgou e se arrependeu, talvez Jeno não fosse uma pessoa tão ruim pra se amigar. Jungwoo não falava nada porque podia sentir o peso daquele silêncio, o medo de falar qualquer coisa errada e ser repreendido era grande demais.

_ Chama o Jeno, preciso falar com ele papai. - Indagou Youngbin ao sair com a ajuda de Jungwoo de dentro do carro.

Taemin por outro lado nada disse. Respirou profundamente e então deu marcha em seu carro novamente, já na intenção de ir buscar Jeno em sua casa.

_ Onde ele tá indo? - Questionou Youngbin se mostrando curioso.

_ Eu não sei. Vem, vamos entrar logo! - A passos sorrateiros, finalmente Jungwoo chegou a porta de sua casa a abrindo em seguida.

_ Eu ajudo! - Jeno no qual estava sentado no sofá assitindo TV se atentou para a chegada dos rapazes.

_ Jeno? - Indagou Youngbin surpreso. _ Tá fazendo o que aqui?

_ Eu estava preocupado! Não queria esperar em casa, então vim pra cá.

Youngbin com ajuda se sentou no sofá podendo respirar profundamente, enfim estava em casa.

_ Cadê o pai de vocês? - Jeno notou a ausência do mais velho.

_ Não sabemos pra onde ele foi.. - Jungwoo puxou seu celular do bolso, já se jogando no sofá. _ Youngbin tem algo pra te pedir.

_ Pode pedir.. - Jeno se ajeitou na direção do rapaz se mostrando atento.

_ Desde que eu cheguei na cidade tenho sido um idiota com você. - Falou sem rodeios. _ Você não é bobo e sabe o motivo do porque não queria papo com você. Me perdoa por te condenar sem mesmo conhecer o homem incrível que você é.

_ Youngbin! Não precisa pedir perd-

_ Deixa ele falar, Jeno! - Falou Jungwoo fazendo com que Youngbin continuasse com o que dizia.

_ Obrigado por cuidar do meu pai, do Woo e obrigado especialmente por lutar pela minha vida, quando eu não mais conseguia. Não sei como, mas consigo ouvir seu desespero daquela dia gritando na minha cabeça.  - Youngbin levou suas mãos a suas temporas fazendo jestos circulares ali. _ Obrigado por me socorrer, peço novamente que me perdoe. Prometo ser um filho melhor não só para o papai como também pra você.

Jeno por sentir a intensidade de cada palavra embargada de choro de Youngbin, nada disse a primeira instância, apenas o puxou para junto de seu abraço.

_ É claro que te perdôo. Vou cuidar de vocês sempre, porque os amo. - Jeno sem sair do abraço, sentiu Jungwoo os abraçar também.

_ Pai? - Indagou Jungwoo se desvencilhando do abraço. _ Onde você estava?

_ Fui na casa do Jeno! - Falou o mais velho ao tirar se casaco de frio.

_ Eu estava agoniado, desculpa não ter avisado que viria pra cá. - Taemin se aproximou de Jeno lhe deixando um beijo em seus cabelos.

_ Tá tudo bem, amor! - O homem deu meia volta indo em direção a cozinha.

_ Vou falar com ele, já volto. - Com um acentir, Jeno seguiu Taemin para o outro cômodo. _ Taemin! O quê foi?

_ Youngbin te pediu desculpas?

_ Sim! Quase agora, porquê? - Respondeu sem nem pensar duas vezes.

_ Você acha que ele foi sincero?

_ Amas porquê? - Jeno se mostrou curioso.

_ Porque eu não presenciei, por isso. - Falou talvez sem um pouco de paciência. _ Quero ter certeza que ele está arrependido do que ele falou de você.

_ O quê ele falou de mim? - Taemin olhou para Jeno e por breves segundos se manteu calado.

Entrava agora em um dilema dentro de si, valia a pena contar a Jeno o que Youngbin havia falado de si?!

_ Nada! - Taemin se aproximou de Jeno lhe deixando um rápido selar em seus lábios. _ Tá com fome? - O rapaz sorriu, acentindo rapidamente aquela pergunta.

Bom, talvez não compensava mesmo dizer a Jeno o que foi falado contra si, afinal de contas não iria agregar em nada já que ele e Youngbin agora estavam em paz. Já na sala, o silêncio se dava início, mas logo era quebrado rapidamente.

_ Bolinho? - Jungwoo voltou seus olhos para seu irmão no qual estava com seus olhos voltados para a tv.

_ Sim?! - Indagou mantendo sua atenção.

_ Vou pedir o Lucas em namoro! - Jungwoo atraiu a atenção de Youngbin no qual foi abrindo para si um largo sorriso animado.


Notas Finais


Escolham o próximo OTP e os grupos adicionais, por favor! ♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...