História Lux - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 8
Palavras 1.083
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural
Avisos: Linguagem Imprópria, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oioi~
Tudo bom? Espero que sim <3
Boa leitura!

Capítulo 1 - Conhecendo


Fanfic / Fanfiction Lux - Capítulo 1 - Conhecendo

Despertador 7 horas Am


Lily pov's on


Acordo com essa coisa tocando extremamente alto, não entendo o por que ele esta tocando em pleno sabado, lembro-me perfeitamente de te-lo desligado ontem a noite.

Lily: Bom, já que acordei (contra minha vontade) vou levantar e desligar aquela coisa, que por sinal ja deveria ter parado, que barulho insuportável.

O desligo e vou andando em direção à cozinha, meu estomago estava praticamente gritando de fome, o que não é nehuma novidade. Pego qualquer as primeiras coisas que vejo na frente e saio para a sala

Voz1: Você já esta com fome?

Lily: É óbvio, acabei de acordar tenho que me alimentar bem, e também estou em fase de crescimento comer é essencial.

Voz2: Comer é essencial sim, mas você tem que comer melhor, não só besteiras

Lily: Eu sei eu sei, falando nisso, acabei de lembrar que preciso fazer compras.

Voz1: óbvio que precisa, ja comeu tudo que havia na dispensa!

Voz2: Um fato

Lily: Calem a boca! Não precisam falar isso toda hora.- fala fazendo bico

Lily pov's off

Narrador on


Lily estava andando normalmente, talvez estivesse um pouco cansada já que não acordou na hora que havia planejado antes. Ela passou por alguns supermercados, comprou o que precisava, talvez um pouco mais do que era necessários, e na volta ela resolveu dar um passeio na praça que tinha ali perto de onde estava, o dia estava surpreendentemente calmo, isso não era comum, pelo menos não naquele lugar.

Lily pov's on

Hoje o dia estava estranho, calmo de mais, normalmente o clima é mais tenso já  que os seres aqui brigam por tudo, alguns ate brigam pelo fato de se acham superiores a outros por causa das raças diferentes, entres outros motivos.
Não imaginei que teria que viver em um lugar assim, bem, aqui não exatamente o melhor lugar para se viver, mas as vezes chegar a ser um pouco menos ruim, ja escutei algumas pessoas, dizerem que aqui já existiram boas pessoas pessoas que não ligavam se você era puro ou mestiço, não sei se isso foi verdade, desde que eu me lembro nunca cheguei a ver ninguém assim por aqui, normalmente são cheios de ódio, ignorantes, não ligam para que sofre e ate os sacrifícam se for "necessário". hipocritas eu diria.


Voz1: Eii, você os odeia certo ? hehehe

Voz1: Não precisa mentir para mim, afinal eu sei tudo o que você faz ou pensa.. 

Voz1: Posso afirmar facilmente que se voce pudesse, Acabaria com todos, e com tudo...

Lily: talvez

Voz1: Bom, você sabe muito bem que eu poderia te ajudar, afinal vivo falando isso, quase o tempo todo, e continuarei falando ate você aceitar minha proposta.

Voz 2: Você é chato, sabia? Eu não  aguento mais, é sempre a mesma coisa, você sabe muito bem que ela não irá te escutar, não sabe? Então, pare de insistir! Eu não vou deixar ela aceitar isso, só desista.

Lily: Parem de falar agora! Eu não  aguento mais vocês. Vou para casa.



Narrador pov's on


          Assim que ela se levanta, é atingida por um garoto e praticamente arremessada para o outro lado com o impacto, ela não sabia o que estava acontecendo, mas iria descobrir.

XX: Vamos seu imbecil, levante! Você não estava com muita coragem até agora a pouco? Hahahah

Lily: merda...- diz meio atordoada,- Quem é você? O que quer com ele?- ele estava com a boca sangrando, provavelmente de outra pancadas que deve ter levado antes.

XX: Isso não é da sua conta, idiota! Não se meta onde não é chamada, ou vai apanhar também.

Lily: Eu não sei o motivo disso e gostaria de ficar sem saber -diz se levantando- Mas você me colocou no meio, agora vai ter que arca com as consequências -Eu realmente não queria ter que me envolver, porém ja não estava aguentado mais, aquele cara mereceria uma boa surra, uma que ele não poderia se esquecer nem tão cedo.

Garoto: Não se meta! Não preciso de ajuda, voce vai se machucar!

Lily: Calado! Você não está em posição de poder opinar em nada aqui !- vejo olhar indignado para mim.

XX: Parece que a mocinha tem muita coragem, hahaha, vamos ver do que você é capaz - fala com um sorriso confiante no rosto.

Voz1: Finalmente ação, estava entendiado aqui, vamos lá me deixe lidar com isso! Eu preciso me aquecer, ou vou ficar enferrujado.

Lily: Conto com você - bom, eu não tenho culpa do que vai acontecer, afinal ele começou.

       Fico frente a frente com aquele troglodita, o cara era grande e arrogante certamente estava confiante sobre uma simples garota que era aparentemente fraca e sederia no primeiro golpe, bom, ele esta muito enganado, é hora de me divertir, faz tempo que não entro em uma boa briga.

Ele veio em minha direção correndo na tentativa de me acerta um soco, mas foi em vão, eu consegui segurar seu punho e o acertei um chute em sua costela, ouvi pequenos estralos, mas não me importei com o que teria sido aquilo, estava começando a gostar, ele estava voltando parecia irritado, estava ficando interessante, comecei a transferir vários golpes contra o mesmo, que mal tinha tempo de reagir, chego o ponto que ele caiu não conseguiu levantar mais.



Lily: Parece que você não era grande coisa afinal. Humm.

Voz1: hammmmmmm, ja acabou? nem consegui torturalo.

Voz2: fique quieto, pelo menos você fez algo.

Lily: Agora vejamos, onde está aquele menino?- o encontro olhando supreso para mim, creio que não esperava que eu ganhasse, sorrio convencida para ele- você, não vai dizer nada?

Garoto: Falei que não precisava da sua ajuda, poderia ter me virado bem sozinho.-fala com um pouco de dificuldade.

Lily: A claro, ham, sejamos sinceros você esta todo machucado não aguentaria nem metad- Nesse momento o vejo cair com a face no chão, creio que desmaiou- Otimo! Agora tenho que cuidar dele, eu mereço viu. Espero que ele não seja pesado ou vou precisar de ajuda.



Narrado pov's on

       Lily o leva para sua casa, estava um pouco receiosa ja que não sabia quem ele era ou de onde teria vindo, quer dizer não sabia praticamente nada sobre o mesmo. Ela analisou os machucados  e estava tentando cuidar deles, para que ele se  recupere, o que não parecia ser algo facil, ele estava bem mal havia fraturas talvez um pouco graves entre outros machucados. Talvez ela não tivesse tudo o que precisa para ajuda-lo, mas fariao possivel.
Sera que ele vai conseguir se recuperar?


Notas Finais


Bom, essa é a minha primeira história, espero que gostem, relevem se encontrarem algum erro, ainda estou aprendendo.
Aceito críticas constitutivas


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...