História Luxury Bitch / Justin Bieber - Capítulo 49


Escrita por:

Postado
Categorias Big Sean, Cameron Dallas, Justin Bieber
Personagens Big Sean, Cameron Dallas, Jade Thirlwall, Jaxon Bieber, Jazmyn Bieber, Jeremy Bieber, Justin Bieber, Nash Grier, Personagens Originais, Roman Godfrey
Tags Badgril, Bieber, Bigsean, Dinheiro, Drew, Família, Filhos, Garota De Programa, Girl, Interesse, Jazmiyn Bieber, Justin, Justin Bieber, Maggie, Morte, Obsessão, Porno, Prostituição, Prostituta, Romance, Sexopordinheiro, Traição, Transar, Vadia
Visualizações 389
Palavras 2.128
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Magia, Mistério, Musical (Songfic), Policial, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Finalmente eu postei kkk

Desculpe-me a demora para posta aqui, sincera eu estava sem vontade de continuar a fanfic, mas já passou,É minha criatividade está a mil por hora kk

Aaaah gente,EU QUERO UM BETA PARA REVISAR OS CAPÍTULOS ANTERIORES DA FANFIC, TIPO REVISAR OS ERROS ENCONTRADOS É TUDO MAIS ♥EU FICARIA MUITO FELIZ E GRATA PELA AJUDA ♥

Quem quiser é só me mandar uma mensagem ♥

Capítulo 49 - Confusão part 1


Eu não estava entendendo nada, Justin saio quase me arrastando para fora. Dirigiu em silêncio ate a cobertura que nos encontramos.

-Vamos? - diz frio.

-Sim - respondi calmamente saíndo do carro

-Espera! - parei assustada.-Quero colocar isso aqui primeiro - disse colocando um venda em meus olhos.

-Mas....-

-Eu irei conduzi-la-

O caminho foi curto mais para mim foi longo e tenso.

-calma, cuidado....- Justin segura em meus ombros me conduzindo -assim nunca iremos chegar - me pegou em seu braços e grito assustada.

-Justin, me poe no chão - começo a me debater em seu ombro Como um saco de batata.

-Justin,para - digo ainda com a venda nos olhos.

- chegamos - diz me colocando no chão é tirando minha venda ,abrir uma porta éo estranho que não era a qual nos costumávamos entra.

-Justin, que lugar é esse?  -pergunto curiosa.

-esse é seu novo presentinho, querida  - sorri.

- eu ja tenho um, lembrar?- perguntei irônica.

- eu sei - dar uma pausa -mais,, quero te dar essa cobertura como forma de demostrar meu amor   - diz me abraçando por trás.

- por que você fez esse suspense todo ? - começa a rir.

- você É uma pessoa desnecessária - digo é ele continua rindo.

- deveria ter visto sua cara - diz sorrindo - você tava morrendo de medo  - reviro os olhos.

- eu não estava com medo - digo firme.

- tava sim, eu percebi -

-você saiu me arrastando da casa da jaz, eu pensei que seria algo importante  -

-é isso não importante ? Eu comprei uma cobertura de Milhões , É você diz que não é importante ? - disse olhando ao redor.

- eu não disse isso, eu só não.... É muito linda - sorri ele retribui.

- quero que aceite isso como uma forma de amor - disse aproximando-se.

- você sempre achando que pode comprar as pessoas com dinhero, Justin - digo sem muito ânimo.

- eu posso comprar quem eu quiser, inclusive você, amor - acaricia minha bochecha. - agora, menos papo furado e mais ação - empurra de leve o meu corpo ,e caí sobre a cama.

Ele ficou sobre o meu corpo e juntou nossos lábios num beijo busco, rápido, quente. Ele tirou minha blusa e abriu o meu sutiã e segurou em toda a pele que ficou exposta. Eu sentia como se estivesse queimando, mas da forma prazerosa.

Ele me olhava como se eu fosse a obra de arte mais interessante para se observar. Ele deu um sorriso de canto e me puxando para voltar a beijá-lo, ele começou a baixar o rosto fazendo um caminho de beijos até os meus seios, onde ele parou para lamber e dar leves mordidas. Ele olhava nos meus olhos e eu não era capaz de desviar e segurava em seu cabelo.

- não quero perde tempo.. - murmura,e um arrepio percorreu pelo o meu corpo a cada leve mordida que ele dava.

Depois se ajoelhou, puxando a minha saia e a tirou sem fazer esforço.

Começou a descer minha calcinha entre os dentes e a puxou até os meus pés olhando nos meus olhos.

Ele subiu em cima de mim novamente e Mordi meus lábios sorrindo fraco e dou-lhe outro beijo.Desço minha mão pelo seu corpo até chegar no seu membro  calça e ele deu um suspiro pesado quando comecei a mover a mão. Suas mãos desliza pelo meu corpo me segurando firmemente junto a ele.

Empurrei um pouco o seu corpo e com muita dificuldade eu consegui  tirar a sua calça e boxer.Mordi meus lábios,comecei a encará-lo nu,isso é uma verdadeira obra de arte.

- nossa..  - sussurrei mordendo meus lábios.

Puxei seu corpo para me, ele sentou na cama enquanto eu Sentei em seu colo. Ele segurava em minha cintura com força e Joguei o meu cabelo para trás e sentei fundo em cima do seu pau e comecei a mover os quadris para frente e para trás.

Ele soltou outro suspiro pesado enquanto conduzia meus movimentos,comecei a movimentar mais rápido e também algumas rebolada fortes.

Ele apertou mais as mãos em mim e mordeu o lábio fechando os olhos,subiu as mãos apertendo meus seios com uma certa força.

- oh ..Justin.. - ele então começou a chupar meus seios com força, sua lingua brincava com o biquinho dos meu seio.

Puxei seus cabelos, fazendo com que ele me olhasse. Dou uma mordida em seu maxilar e depois beijei, lambi e chupei o seu pescoço.

- eu odeio seus joguinhos -

Disse e sua mão direita foi para o meu cabelo e o puxou para me beijar.

Sem para de beijá-lo eu rebolava sobre ele, quicando cada vez mais, mordi seu lábio inferior e o segurei entre meus dentes enquanto ele sussurrava coisas excitantes e sua expressão de puro prazer. Quicava em velocidade lenta enquanto rebolava, gemia e puxava seu cabelo. Ele me ajudava com as mãos, movimentando meus quadris.

Meus gemidos eram altos e incontrolável, Nos beijamos intensamente, ele aperta minha cintura com uma mão e com a outra puxa meu cabelo, eu rebolo mais ainda. enquanto ele me olha com desejo.

começo a acelerar os movimentos do meu quadril para frente e para trás, Sorri entre o beijo e voltei a beijá-lo mais intensamente, apoio minhas mãos no seu peitoral sarado e cavalgo com mais velocidade.

Justin mantinha suas mãos ainda na minha cintura e foi para a minha bunda onde ele deu um tapa forte,gemi entre seu beijo. entre o beijo e ele me segurava com as duas mãos firmes, mas sem limitar os meus movimentos. os seus grunhidos que saem me incentivam a agilizar a ação dos meus movimentos sobre seu membro.voltei a me movimentar mais rápido e escutei o seu suspiro e gemidos.depois de alguns minutos chegamos ao nossos clímax, deitei meu corpo sobre o dele.

Suas mãos ainda percorriam sobre o meu corpo.

- cansei.. - murmurei rindo fracamente.

- você é sensacional,Maggie - sussurrou rouco.

Ficamos alguns minutos assim até que ele levantou-se da cama.

- ei , onde você vai ? - perguntei o observando,ele começou a se vestir rapidamente. 

- hoje eu tenho um compromisso, não posso me atrasar - Deu um selinho em meus lábios.

- okay.. - murmurei ainda casanda.

- fica avontade, além disso essa "casa" é sua - dou um sorrisinho.

- amanhã você vem ? - sentei na cama, cobrindo meu corpo com o lençol.

Ele assentiu terminando de se vestir.

- vou levar uma cópia - balançou o molho de chaves em sua mão. - descanse, você está precisando.. - beijou minha testa e sai indo embora.

Assim que escutei o barulho da porta se fechar, e dou um suspiro aliviada. Deitei meu corpo na cama, relaxando meus músculos,só eu preciso muito descansar .

//  JAZMYM * PONT OF VIEWS *//

Já se passaram 5 horas que o Justin e a Maggie sumiram juntos, isso está tão estranho, eu quero uma boa explicação.

Escutei um barulho de porta abrindo e dou um pulo do sofá, corri em direção a porta e vejo Justin, sozinho.

- o que aconteceu ? Para Onde você é a Maggie foram ? - perguntei calma,tentando esconder meu novíssimo.

Ele me olhou estranho,suspirou e falou.

- eu não devo Explicações a você, mas vou abrir uma exceção - disse num tom rude - a avó da Maggie sentiu-se mal e eu apenas dei uma carona, apenas isso - passou por me,ignorando minha presença e sobe as escadas.

Eu juro que tento entender o por que ele anda me tratando assim, sempre tão rude, descontando toda sua raiva sobre me, em sua própria irmã.

- Justin ? - chamei seu nome, mas ele continuou a me ignorar.

- o que diabos eu fiz para você estár sempre me tratando assim ? - eu já posso sentir minhas lágrimas quando término de falar.

Ele riu baixo e negou com a cabeça.

- olha só como você me trata Justin, como se eu não fosse nada para você! Eu sou sua irmã, é unica pessoa que você tem no mundo! - digo já chorando muito.

Ele revirou os olhos.

- terminou ? - cruzou os braços.

- NÃO JUSTIN!EU AINDA NÃO ACABEI! - Ele olhou surpreso com o fato de eu ter gritado com ele - caramba! Eu já estou cansada desse seu jeito de me tratar como um lixo, me diz o que eu fiz pra você? Por que você tem tanta raiva de mim?! - gritei enquanto mais lágrimas caiam.

- porte-se Como uma mulher adulta, jazmyn.Você não é mais nenhuma criança - disse bravo.

- se o papai estivesse aqui, você nunca me trataria dessa forma... - ele riu irônico.

- ELE NÃO ESTÁ AQUI !ENTENDA QUE ELE MORREU! ELE NÃO VAI VOLTAR, POR QUE NEM ELE AGUENTOU ESSE SEU JEITO MIMADO, AO MENOS ELE ESCOLHEU A OPÇÃO COM SABEDORIA..A MORTE - gritou por fim.

Como ele pode dizer isso comigo? Ele é meu irmão!

- FOI ELA!FOI ELA QUE FEZ SUA CABEÇA CONTRA MIM! - Gritei me referindo a vaca que ele está saindo.

- CALA A BOCA PORRA! VOCÊ ESTÁ A CADA DIA PIOR! VOCÊ ME ENVERGONHAR! SUBA PARA O SEU QUARTO,  -

Ouvir isso tudo dele está me machucando.

Não consegui falar nada e fiz o que ele ordenou, subi para o meu quarto trancando a porta.

Como ele pode me tratar ?!

Ele sempre foi tão carinhoso e cuidadoso comigo,e agora me tratou como uma qualquer. Isso é tudo culpa dessa cachorra, ela vai me pagar por isso tudo.

(…)

Já se passaram horas que eu estou trancada nesse quarto, eu chorei muito, meus olhos estão até doloridos.

Eu quebrei um quarto inteiro apenas para achar uma forma de extravasar minha raiva,quebrei espelhos, quadros, rasguei roupas, eu destruí tudo a minha volta. Provavelmente Justin saiu de casa,deve ter indo se encontra com a vadiazinha.mas eu vou descubrir quem é ela, e vou fazer ela sumir da minha vida.

Sai do quarto indo até o escritório do Justin, preciso de alguma pista para achar essa vadia. Assim que entrei no escritório, tranco a porta e rapidamente vou Até a sua mesa.

Começei a vasculha por todos os cantos,mas apenas achei coisas relacionadas à nossa empresa, é impossível que ele não tenha nenhuma foto daquela vadia aqui.

Depois de quase vira o escritório de cabeça para baixo, eu achei um comprovante de compra. Eu não consegui entender perfeitamente mas se tratava de uma cobertura milionária.

A cobertura custava cerca de 15 milhões, 15 milhões!

Para que ele comprou essa cobertura? Ele vai embora daqui? Começo a pensar em diversas hipótese para entender o por que dessa maldita cobertura.

Justin deve ter comprado essa cobertura para ela!

Peguei meu celular e tirei uma foto do endereço, arrumei tudo do jeito que estava e sai correndo de volta para meu quarto.

Rapidamente tomei um banho e troquei de roupa,não demorei muito para estar finalmente pronta e sai correndo o mais rápido que consegui.

Eu vou com o meu carro,não posso pedi que o George me leve, sem dúvidas ele iria conta oa Justin. Peguei o meu carro na garagem e sai em alta velocidade, eu preciso chegar o mais rápido possível. Caso esse endereço Esteja errado, é eu acabe encontrando o Justin lá, eu invento alguma "desculpa".

Sem muita demorada eu finalmente cheguei no endereço, fico parada na frente do local por alguns minutos, arrumando coragem de entrar no prédio.

- achei você, vadia.. - murmurei encarando o prédio.

Sai do carro e entro no prédio, sem perde tempo fui até o porteiro. - boa noite - comprimentou.

- em que posso ajudar ? -

- olá boa noite, meu namorado Comprou uma cobertura aqui...o nome dele é Justin bieber  - digo o senhor que apenas assentiu.

- oh,sim.. a senhora é a Maggie ? -

"MAGGIE!  "

- oh sim, eu sou a Maggie..

- forcei um sorriso. - oh eu ando tão ocupada que acabei por esquecer a chave no trabalho, não teria uma outra chave reserva ? - ele me olhou desconfiado.

- sim -

- o senhor poderia me dar ? - perguntei um pouco rude.

- eu não posso entregar a ninguém, ordens do senhor bieber - disse calmamente.

- mas , ele me mandou vim aqui..quer Saber,eu vou ligar para o Just... - ele me interrompeu.

- não! Não será necessário, aqui está -me entregou uma chave.

Não respondi nada e apenas sai de lá indo em direção ao elevador,não demorou muito para que eu finalmente chegasse frente a porta da cobertura. Respiro fundo tentando controlar meu nervosismo, eu não posso amarela agora.

As portas do elevador abre e fico ate um pouco perdida no meio de tantas portas, suspiro seguindo até o endereço.

Bati na porta é ouvir uma voz feminina que parecia ser familiar eu estou ouvindo coisas.....assim que a maldita porta abriu, senti meu corpo inteiro paralisa.

- Maggie ? -


Notas Finais


Eita nóis kk

Eu queria muito que vocês dessem uma olhadinha nas minhas novas fanfics

https://www.spiritfanfiction.com/historia/aulas-de-sexo-para-virgens-shawn-mendes-12857155

Link https://www.spiritfanfiction.com/historia/o-pecador--shawn-mendes-13256617/capitulo1

Caso os links não estejam abrindo e só vocês irem no meu perfil ♥




Comentem por favo♥

Beijinhos e tchauzinho ♥


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...