1. Spirit Fanfics >
  2. Luz, câmera e ação! 2.0 >
  3. Chapter Eleven- Não conhecia esse seu lado

História Luz, câmera e ação! 2.0 - Capítulo 12


Escrita por:


Notas do Autor


Oi genteeee, desculpa a demora eu estava meio enrolada com algumas coisas, na real ainda estou então vai demorar um pouco para os capítulos saírem mas eu prometo que não esqueci gente

Para melhor experiência leia esse capítulo escutando a seguinte musica: "PUBLIC- Make you mine"
(aceito sugestões de músicas)

Enfim, desculpa qualquer erro ortográfico e boa leitura 😍😍

Capítulo 12 - Chapter Eleven- Não conhecia esse seu lado


Fanfic / Fanfiction Luz, câmera e ação! 2.0 - Capítulo 12 - Chapter Eleven- Não conhecia esse seu lado

P.O.V Aidan

Após o banho coloquei um pijama, caminhei pelo corredor e S/n não estava mais no quarto de hóspedes apenas sua mochila estava lá, desci as escadas e a mesma estava na ponta dos pés mexendo nos armários altos da cozinha, ela estava linda com a minha blusa que mais parecia um vestido, os cabelos curtos no novo corte e molhados sobre os ombros, caminhei ate ela pegando na sua cintura.

-Vai me roubar é ?- Sussurro próximo ao seu ouvido, ela saltou tomando um susto e ambos soltamos uma risada.

-Tava procurando algo pra fazer para comermos no seu armario, espero que não se incomode.- Ela disse se virando de frente para mim, sua cabeça bate na altura dos meus ombros, acenei com a cabeça que não.

Assim que ela se virou para mexer novamente no armário a puxei pegando no colo e colocando sentada na bancada da cozinha.

-Nao me incomodo, mas eu vou fazer algo pra nos comermos.- Eu disse me afastando enquanto caminhava pela cozinha pegando os ingredientes.- Vou fazer um Strogonoff vegano.- Eu disse e ela arregalou os olhos seguidos por uma risada.

-Primeiramente VOCE COZINHA?- Ela deu um impacto surpreso para as duas palavras e eu soltei um risada.- Segundamente, eu nao sou vegana.- Ela disse meio envergonhada e sem jeito enquanto eu cortava os cogumelos.

-Sim, eu cozinho S/n, vc tem uma péssima imagem de mim.- Eu disse voltando a olhar os ingredientes enquanto colocava na panela.- Mas deveria ser e vai aprender a ser comigo.- Disse em um tom convencido e soltei um sorriso encarando ela, que rapidamente retribuiu o sorriso, eu ja havia reparado diversas vezes, mas não conseguia nao pensar no quanto o sorriso dela é lindo.

Ela pulou da bancada enquanto eu mexia a panela, caminhou na minha direção se posicionando atrás de mim e em poucos segundos me abraçou por trás, acho que eu nunca a vi tao carinhosa, ela parou ao meu lado no fogão e se aproximou da panela.

-Olha o cheiro da bom, agora o problema vai ser o sabor.- Ela disse em um tom de brincadeira e balanceio a cabeça negando enquanto ria. -Aonde ficam os pratos?- Ela perguntou e eu acenei com a cabeça para o armário próximo a geladeira, ela pegou os pratos e caminhou ate a mesa.

Observei dos seus cabelos ate sua bunda enquanto ela se afastava, além de convencida a filha da mãe é muito gostosa, quando terminei o jantar levei as coisas para a mesa, assim que cheguei ela estava parada digitando no celular, coloquei tudo sobre a mesa e me sentei, logo em seguida ela bloqueou o celular e se sentou na mesa também.

- Tudo bem?- Perguntei após notar seu semblante triste.

-Sim, minha irmã me dando noticias da minha mae, ela não ta muito bem de saúde.- Ela disse forçando um sorriso e pegando o prato para se servir, Eu acendi com a cabeça e ela rapidamente mudou o semblante enquanto se servia.- O Justin e Robert me contando como foi o dia no estúdio sem nós.

-O Justin.- Eu repeti em um tom debochado enquanto me servia junto a ela, ela soltou uma risada e olhou pra mim sorrindo de lado.

-Nao conhecia esse seu lado ciumento Aidan Gallagher.- Ela disse sorrindo.

-Tem muita coisa que eu vou te surpreender S/n Robins.- Disse e levantei a sobrancelha rapidamente, ela sorriu e logo levou uma garfada ate a boca, ela saboreou por alguns instantes.

-Hmm, gostoso, quase tao bom quanto um Strogonoff que não é vegano.- Ela disse e voltou a comer.

-Viu, vou te transformar em vegana rapidinho.- Eu disse e comecei a comer tambem.


Nós conversamos e rimos durante o jantar, eu não sei bem o porque mais com S/n eu me sinto tao a vontade pra ser quem eu sou, sem precisar manter a pose de Aidan Gallagher o ator, com ela eu sou so o Aidan, o assunto entre nós flui naturalmente, nós nos divertimos, não tem frescura, nem timidez, é de fato uma química absurda, depois do jantar ela fez a questão de lavar a louça, eu fiquei na cozinha com ela e ela fez a questão de me pedir para cantar, então eu cantei enquanto ela lavava a louça, depois disso fomos pra sala e jogamos video game.

-Nao vale!!- Ela disse indignada.- Você já é profissional nesse jogo, deveria me deixar ganhar.- Ela falou brava após perder 3 partidas seguidas.

-Nao de jeito nenhum, eu não vou entregar para você só porque você é ruim.- Eu disse e soltei uma risada, ela abriu a boca como quem estivesse chocada e soltou uma risada.


Desliguei o vídeo game colocando os controles na mesinha de centro e alguns instantes depois S/n subiu em cima de mim colocando um joelho de cada lado dos meus quadris, se sentando no meu colo e levando os lábios ate meu pescoço, depositou alguns beijos ate ali e subiu para a minha orelha.

-Nem se eu fizer isso?- Ela perguntou sussurrando em meu ouvido, mordi os labios e sorri, a filha da puta sabe como me provocar.

-Nao me provoque S/n.- Eu disse enquanto ela me encarava com um olhar malicioso.

- Que foi? ta com medo de nao resistir.- Ela disse subindo as mãos ate o meu cabelo enquanto fingia se ajeitar em meu colo apenas para me provocar.

- Eu não faço o tipo que tenta resistir.- Eu disse enquanto levava as mãos ate a sua cintura, ela se inclinou voltando a minha orelha.

-Entao nao resista.- Ela sussurou da maneira mais sedutora que já havia ouvido na vida, meu corpo se arrepiou inteiro.

Eu levei uma das mãos ate seu cabelo enquanto ela levantava a cabeça, puxei a mesma para um beijo afoito enquanto descia a outra mão para sua bunda apertando a mesma, sua língua explorava a minha boca e eu nunca me cansava disso, desci os beijos por seu pescoço ate a gola da blusa que em poucos segundos eu retirei e joguei sobre a poltrona ao nosso lado,abri o sutiã fazendo o mesmo deslizar ate meu colo que peguei e joguei em qualquer lugar da sala, abocanhei um de seus seios a fazendo gemer, sentia ela rebolar lentamente sobre minha ereção me fazendo ficar ainda nao sedento por ela, ela me empurrou pra trás saindo de cima de mim e descendo ficando de joelhos entre minhas pernas enquanro tirava a calça do pijama e a box, em questão de instantes sua boca foi ate meu pênis fazendo movimentos de vai e vem que me faziam delirar, soltei alguns gemidos enquanto ela passava a língua na cabeça, após alguns minutos joguei a cabeça para tras apoiando no sofá e me desfiz em sua boca.

-Levanta!- Mandei ainda recuperando as forças e observei levantar obedecendo enquanto secava ao redor da boca.- Sua boca é uma delícia, mas agora eu quero outra coisa.- Disse e a puxei para o sofá enquanto tirava seu shorts e sua calcinha.

A coloquei deitada de lado no mesmo me posicionando atrás dela, penetrei fundo e o seu gemido ecoou pela casa vazia, comecei as estocadas rápidas e intensas, a única coisa mais altas que nossos gemidos pela casa eram os tapas que eu depositava em sua bunda, ela rebolava contra meu quadril e quando eu dei a última estocada chegamos ao ápice juntos, senti ela pressionar uma coxa contra a outra enquanto seu corpo estremecia, revirei os olhos enquanto ela se vira de frente para mim com um sorriso malicioso, ela se levantou, vestiu apenas a camisa e se deitou novamente, não demorou muito para que ela pegasse no sono, me levantei fechando as cortinas da sala, peguei um cobertor no quarto de hóspedes a cobri me deitando ao seu lado, ela se acomodou em peitoral e dormimos ali pelo sofá.

Continua...


Notas Finais


Tavam com sdds de um cabaré ne KKKKKKK


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...