1. Spirit Fanfics >
  2. Luz dos meus olhos. ( Jikook ) >
  3. Capítulo 7

História Luz dos meus olhos. ( Jikook ) - Capítulo 7


Escrita por:


Capítulo 7 - Capítulo 7


Fanfic / Fanfiction Luz dos meus olhos. ( Jikook ) - Capítulo 7 - Capítulo 7

Almoço de aniversário.

Jimin.

Acordo animado, hoje é meu aniversário. Completo 23 anos.

A cada dia que se passa, me sinto melhor, me sinto vivo. A melhor escolha da minha vida foi entrar nessa escola... Assim eu pude perceber que perder a visão, não é o fim do mundo. Não é fácil, é algo realmente doloroso. Mas com garra e muita força de vontade, podemos seguir em frente. Melhor coisa do mundo é estar cercado de pessoas que fazem de tudo pra te ver bem, sem aquele sentimento de piedade, mas carregado de empatia.

Após um banho caprichado, me arrumo e desço para o café da manhã.

– Bom dia filho. Feliz aniversário.– Ouço a voz do meu pai que logo vem me abraçar.– Desejo tudo de bom pra você...

– Obrigado pai. – Digo durante o abraço. – Eu já tenho, meu tudo de melhor são vocês. As pessoas que me amam.

– Feliz aniversário meu maninho.– Kai chega e se mistura no abraço. – Muitas felicidades.

– Obrigado. – Digo. – Estou muito feliz por ter vocês ao meu lado sempre. Daqui a pouco os meus amigos chegam para o almoço.

– Queremos que você aproveite bastante, se divirta com seus amigos.– Meu pai diz aínda abraçado comigo.– Por mim eu faria uma festa... Mas você não quis.

– Eu não gosto de barulho. – Digo. – Eu prefiro uma coisa mais leve. Conversar com meus amigos, tomar um vinho... Algo assim.

– Vocês me lembram muito sua mãe. – Meu pai me diz. – Ela era tranquila assim como vocês... Amorosa. Eu sempre fui mais agitado, gostava de festas. Ela preferia coisas simples.

– Eu sinto muita falta dela. – Digo emocionado. – Hoje ela estaria na cozinha fazendo bolo, docinhos... Mesmo não gostando de bagunça, fazia questão de nos ver felizes.

Hoje eu consigo lembrar da mãe sem sofrer. Eu entendi que agora ela não está mais sofrendo. Minha mãe morreu de câncer, quando eu tinha dez anos.

– Seus amigos já chegaram. – Kai fala feliz.– Seokjin e Taehyung .

Vou junto com Kai ao encontro dos meus amigos que fazem uma festa ao me ver.

– Feliz aniversário meu lindo...– Seokjin grita ao me abraçar.– Eu trouxe esse presente pra você.

Recebo a caixa e o beijo na bochecha do meu professor.

– Sai Jin, eu também quero abraçar esse lindo!– Ouço a voz de taehyung.– Feliz aniversário lindo! Eu também trouxe presente, mas só vou te entregar quando você abrir o anterior.

Fomos abraçados até sala nos sentando no sofá. Abro o presente de Seokjin. É uma caixinha de música. Ao abrir toca a música serendipity.

– Obrigado!– Digo abraçando seokjin.– Essa é minha música preferida.

– Agora o meu presente. – Taehyung me dá um pacote enorme.– Eu comprei por me lembrar você.

Taehyung me ajuda a abrir o pacote, é um bichinho de pelúcia.

– É o Chimmy do Bt21. – Taehyung diz. – Ele é fofinho como você.

– Obrigado!– Digo sorrindo. – Só você mesmo pra dizer que esse cachorrinho se parece comigo.

– E seu amigo, o que fez seu relógio, não vêm?– Seokjin pergunta.– Estou ansioso para conhecê-lo.

– Ele mora aqui ao lado, daqui a pouco ele chega. – Digo.– Ele deve estar ocupado. Ele trabalha em casa.

– O que ele disse quando você sugeriu fazer suas criações para vender na escola?– Taehyung pergunta. – Eu sei que vai ser um sucesso de vendas.

– Ele me disse que até o início do próximo mês ele consegue te entregar uma remessa.– Digo. – Quando ele me deu os presentes, eu logo pensei nos outros, que adorariam ter essas ferramentas.

– Ele conseguiu criar essas maravilhas em um dia. – Seokjin comenta.– Te conheceu num dia, e no dia seguinte já tinha esses presentes, já patenteados.

– Eu também achei incrível.– Digo. – Ele é muito inteligente. E muito simpático também. Eu não o conheço tão bem, ainda não tivemos tempo para conversar direito... Só sei que ele gosta dos meus livros.

– Eu comprei um exemplar essa semana quando fui comprar seu presente.– Taehyung comenta.– Comecei a ler assim que cheguei em casa. Estou amando... Amo romance.

– Jimin, você deixa eu preparar o almoço?– Seokjin pergunta. – Eu amo cozinhar, e seria uma honra preparar o almoço de aniversário.

– Vamos para a cozinha. – Me levanto. – Enquanto você cozinha, ficamos conversando.

– Você vai me ajudar, isso sim.– Seokjin diz me fazendo rir. – Você vai  preparar aquela salada que aprendeu na escola.

Chegamos na cozinha e Seokjin pegou alguma coisas sobre a bancada.

– Eu trouxe alguns legumes e verduras frescos. – Seokjin fala. – Vou lavar e deixar na bancada pra você começar a preparar.

Me sento no banquinho, apoiado na bancada, enquanto Seokjin lava as verduras.

– Eu faço o quê?– Taehyung pergunta.– Eu também sou bom na cozinha... Eu sei fazer uma lasanha deliciosa, também sou bom com sobremesas.

– A cozinha é grande, você pode fazer o que achar melhor. Tem espaço suficiente pra uma equipe de cozinheiros.– Seokjin comenta. – Jimin, eu amei sua cozinha, é enorme!

– Minha mãe gostava de cozinhar.– Digo saudoso. – Infelizmente ela se foi quando eu era criança. Eu só tinha dez anos.

– Eu sinto muito. – Os dois dizem ao mesmo tempo.

– Hoje eu não sofro mais quando me lembro dela.– Digo. – Entendi com o tempo que ela sofreu muito, hoje já não sofre mais... Sinto falta, me lembro dos momentos bons que vivemos.

Seokjin coloca os ingredientes sobre a bancada, e eu começo a preparar a salada. Fico concentrado no que estou fazendo por estar usando uma faca.

– Eu vou preparar a sobremesa e uma lasanha, já encontrei todos os ingredientes.– Taehyung fala. – Tive a grande ajuda da Sra. Wuang.

Acabo de preparar a salada. Deixo pra temperar na hora de servir. Cada um tempera ao seu gosto. Me levanto e vou até a pia lavar as mãos.

– Seokjin, você pode guardar a salada na geladeira pra mim. – Digo. – Eu não sei como as coisas estão arrumadas, eu quase não mexo na geladeira.

– Sim, eu faço isso.– Seokjin responde. – Cadê seu pai e seu irmão?

– Não sei, acho que saíram assim que vocês chegaram.– Digo confuso.– Estranho, quando eles saem me avisam...

O cheirinho da comida está maravilhoso.  Depois de preparar a salada fico sentado, apoiado no balcão.

– Chegamos!– Kai fala. – Tivemos que sair rapidinho, desculpa por não avisar...

– Acabei de perguntar por vocês. – Seokjin fala. – Estamos aqui preparando o almoço de aniversário.

– Mas vocês são visitas... – Meu pai diz confuso.– Estão trabalhando...

– Eu que pedi ao Jimin para preparar o almoço, eu amo cozinhar.– Seokjin diz.– Jimin fez aquela salada que você amou Kai...

– Jimin preparou a salada?– Ouço a voz de Jungkook. – Eu não sabia que ele cozinha.

– Eu aprendo várias coisas na escola. – Digo. – Lá eles nos ensinam a sermos independentes.

– Feliz aniversário Jimin!– Recebo um abraço. – Eu demorei a chegar por estar com seu pai e irmão.

– Obrigado!– Falo durante o abraço.– Eu pensei que você estava ocupado trabalhando. Gente, esse aqui é meu amigo JungKook que vocês queriam tanto conhecer.

– Você é o famoso JungKook?– Seokjin diz. – Na escola não se fala em outra coisa que não sejam suas criações... Eu simplesmente fiquei impressionado.

– Já estou preparando uma remessa para te enviar.– JungKook diz.– Na próxima semana eu levo pra vocês.

– Sendo sincero, até eu quero esses relógio. – Taehyung diz. – Achei lindo e muito prático. Está preparado para produzir em grandes quantidades?

– Estou criando num dos quartos, onde preparei uma espécie de oficina. – JungKook diz. – Eu não pensei que seria assim... Os aplicativos do celular, eu vou colocar nas lojas do Android e Apple, gratuito.

– Jimin vai nos dar os nomes dos aplicativos depois.– Taehyung diz. – Quando já estiver na loja, você avisa que passamos para os alunos.

O almoço ficou pronto. Todos ajudaram a preparar a mesa.

– Seokjin, pode pegar a salada pra eu temperar?– Digo. – Depois me ajuda a colocar na mesa.

– Aqui, os temperos estão na ordem. – Seokjin leva minha mão até os frascos que estão sobre a bancada.– É só fazer seu trabalho e encantar seus convidados.

Sorrio, começo a despejar os temperos sobre a salada, misturando tudo e logo Seokjin me ajuda a levar a salada pra mesa.

Almoçamos conversando animados. Estou sentado entre de Kai e Taehyung.

– Eu amei sua salada. – Meu pai diz. – Tudo aqui está maravilhoso.

Todos concordam.

– Realmente está tudo delicioso.– Digo. – Meus amigos são muito bons na cozinha.

– Eu sou péssimo na cozinha. – JungKook se pronuncia. – Eu até faço um macarrão instantâneo... E só.

– Agora temos as sobremesas– Meu pai diz.– Saímos pra comprar seu bolo de aniversário e Taehyung fez Petit Gateau. O que querem primeiro?

A sobremesa do Taehyung ganhou por unanimidade.

– O bolo fica pra mais tarde.– Eu digo sorrindo. – Mesmo amando bolo, não resisto a essa maravilha que Tae fez.

Na hora do lanche, cantaram parabéns pra mim. Seokjin serviu o bolo. 







Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...