1. Spirit Fanfics >
  2. Mad Dog >
  3. Conflicts

História Mad Dog - Capítulo 3


Escrita por: e manteigaderreti


Capítulo 3 - Conflicts





Seoul, Distrito de Gwangju
7:45 PM






Yuta p.o.v





A garota do meu lado, depois de muito tempo falando sem parar, se calou e dormiu e eu agradeci mentalmente, pois sua voz já estava me dando dor de cabeça.






– Yuta-san você ainda não disse o que vamos fazer com essa menina – Mark disse enquanto dirigia.





– Você acha que eu sei? Essa garota louca me seguiu e atirou no Kris... - Falei e observei o garoto arregalar o olhos e pegar sua bombinha de ar, colocar na boca e aspirar forte – O que?! Ela atirou no Kris, ele morreu?! Sabe o que isso significa?! –Disse meio alto até, pois estava muito nervoso.





– Tem calma aí, assim vai bater o carro, pirralho – Baekhyun disse estressado.






– Eu já não sei oque vamos fazer, o Lee vai ficar uma fera como sempre – Falei já de saco cheio com toda a situação – estamos indo pro galpão em Gwanju?






– Sim, lá é o lugar mais seguro no momento, e Sehun fez um bolo, tô com fome – Baekhyun disse fazendo eu e Mark darmos uma risada.







–Mas por favor... quando o Lee perguntar, quem atirou fui eu, certo? – Perguntei para ver se eles tinham entendido.







Eu fui o resto do percurso todo em silêncio, enquanto Baekhyun e Mark foram discutindo sobre alguma novela que eles tavam assistindo.






– Eu tô falando, ele vai morrer – Mark disse.







– Não vai seu doido, na primeira temporada ele disse que ia salvar ela – Baekhyn retrucou.







– Eu aposto 30,000₩ que ele morre – Mark se animou.







– Pois então prepare sua carteira... – Baekhyun colocou os óculos de sol e se espreguiçou na cadeira.






– Essa e a parte que você fala que também vai apostar – Mark disse.






– Eu não sigo o roteiro fofinho – Baekhyun debochou e o Mark ficou incrédulo.






– Chega! vocês dois! não aguento mais! – falei estressado com aquela conversa chata.







Chegamos no galpão, todos desceram do carro e ficou eu e a garota.






"Se ela acha que eu vou a carregar até lá dentro, coitada."






– Ei, acorda – Falei baixo cutucando ela – Acorda, acorda.







"Até parece que quem morreu foi ela."






Tentei mas algumas vezes, sem sucesso.






"Eu vou ter que carregar esse encosto."








A segurei nos braços e a levei para dentro.





Todos na sala me olharam, e eu coloquei a garota em um sofá na sala vizinha.





– O que vamos fazer?! – Kai perguntou preocupado, os meninos já haviam explicado a situação para ele.






– Eu assumo a responsabilidade, não quero que ninguém seja pego ou preso ou até tenha sua identidade revelada por um erro meu — Falei cansado da situação.






– Acontece, Yuta que a garota estando aqui dentro, já se torna a responsabilidade de todos – Xiumin disse.





– Estamos nessa a mais de anos, muitos cresceram aqui dentro, nós vamos resolver isso juntos, como irmãos – Taeyong tentou me tranquilizar.





– Desculpa por deixarem vocês nessa situação, sei que é difícil lidar com uma gangue perseguindo a gente, ainda mais sendo amigos nossos, eu fui tolo de andar nos lugares errados, na hora errada – Falei nervoso.






– Nós vamos resolver isso – Baekhyun disse – Só temos um problema.






– Lee Jong Suk – Escutamos seus passos vindo em direção a sala em que estávamos.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...