História Madness.


Escrita por:


Sinopse:
Em meio a toda aquela loucura, eu encontrei um único ponto de estabilidade.

Iniciado
Atualizada
Idioma Português
Visualizações 19.331
Favoritos 493
Comentários 285
Listas de Leitura 57
Palavras 75.452
Terminada Não
Categorias Super Junior
Personagens Lee Donghae

Fanfic / Fanfiction Madness.
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Lemon, Romance e Novela, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Lista de Capítulos

Capítulo
Palavras
1.
1
6
1.977
1.927
 
2.
2
6
1.193
2.772
 
3.
3
4
1.077
3.082
 
4.
4
12
1.175
3.602
 
5.
5
9
1.036
5.098
 
6.
6
13
995
6.260
 
7.
7
9
991
4.510
 
8.
8
11
951
4.202
 
9.
9
13
915
5.204
 
10.
10
12
945
4.302
 
11.
11
27
1.135
5.305
 
12.
12
16
1.050
3.149
 
13.
13
14
1.119
4.783
 
14.
14
21
1.116
4.818
 
15.
15
34
1.531
7.692
 
16.
16
33
1.107
4.403
 
17.
17
45
1.018
4.343

Gostou da História? Compartilhe!

Comentários em Destaque

Postado por eflish
Capítulo 15 - 15
Usuário: eflish
Usuário
Oi, tudo bem? Prazer, eu sou uma leitora fantasma. E, em meados de agosto, eu estava entendiada e pedi à uma amiga que me recomendasse algumas fanfics EunHae, e ela me indicou essa e mais algumas. Comecei a ler Madness e de tão absorta na história mal mal vi o tempo passar e acabei lendo tudo em poucas horas. Fazia pouco mais de um mês que você não atualizava mas não me preocupei, achei que dali à alguns dias você atualizaria, mas nada. E aqui estou, pela terceira vez, terminando de ler Madness com o coração apertado. E de tão apertado, decidi pela primeira vez em toda a minha vida ter a decente coragem de postar algum comentário em uma fanfic, e por amar Madness mais do que o recomendado, a escolhi. Madness makes me Mad. E você também, Himmie. Estou chateadíssima com você. Já fazem quatro meses e nem uma atualização. Não sei se um dia você lerá isso, mas saiba que toda essa demora me parte o coração. Gostaria de saber se abandonaste a fanfic ou se pretendes atualizar um dia. A minha dúvida é a seguinte: para que postar uma fanfic se vais ficar tanto tempo sem atualizá-la, sem dar um mínimo de satisfações? Se estiveres ocupada demais, com problemas e etc, perdoe então a minha insolência... É só que eu realmente fiquei/fico arrasada sem att de Madness. É como se você pouco estivesse se importando com nossos sentimentos. Me sinto meio idiota por ter me apegado tanto a Madness.
Juro que se te conhecesse pessoalmente, te daria um beijo e um soco. Um beijo por escrever uma fanfic tão perfeita e um soco por demorar tanto a atualizar.

Mas tá, chega de enrolação e vamos à fanfic.

Quando li que o Hyuk chamava o azar de "doce azar", juro que estranhei bastante e me perguntei como o azar poderia ser doce, e depois que li que ele não sabia explicar o porquê, apenas dei um sorriso. Juro que achei que fosse a única pessoa na qual a sorte sorria muitas poucas vezes, mas ao decorrer do primeiro capítulo percebi que a tal sorte nem se quer sorria para o Hyuk e confesso, ri disso. Apesar da interação EunHae ter demorado um pouco, a história ainda sim conseguiu prender a minha atenção, e tê-la é um tanto difícil pois não gosto muito de enrolação, geralmente já leio pulando essas partes, mas Madness é uma das pouquíssimas fanfics na qual eu não pulei uma palavra sequer, até porque essa "enrolação" dos primeiros capítulos de Mad foi necessária.

A primeira vez que o Hae deu um meio-sorriso direcionado ao Hyuk, meu coração deve ter batido tão forte quanto o do Hyuk.
E quando, no capítulo 12, o Hae (finalmente) falou "Feliz natal, Hyukjae." eu gritei de felicidade. Eu poderia sair pelada na rua, nesse tempo frio e chuvoso, gritando para todas as direções que "O DONGHAE FALOU PORRA" ~le eu perdendo a classe~.
Confesso que na parte que Hae fala "não conte isso pra ninguém" e o Hyuk responde "a parte que você falou comigo ou a parte que você me beijou" eu ri alto e fiquei tão vermelha quanto o Hae (tipo wtf) kjjskkkka

"Porque quando eu o abraçava, era como se estivesse segurando o mundo inteiro entre meus braços." HYUK POR QUE TÃO FOFO?? Eu não posso com isso, pois amo esse jeitinho meloso do Hyuk.
Quando logo depois o Hae fala "Karma. Eu passei esse tempo inteiro pensando que nada de bom me aconteceria aqui, e agora que você chegou eu preciso engolir isso de volta." tive vontade de estar no lugar do Hyuk e abraçar o Hae mais forte ainda e dizer "I feel you, baby. Karma is a bitch."

Eu acho que nem preciso dizer que surtei e gritei quando a Hyoyeon entrou na festa acompanhada do "Jongwoon" e não era o Jongwoon e sim o Hae. TT_TT
Ri bastante do capítulo quatorze, ainda mais quando o Hyuk pensa que se as habilidades de sedução da Sunsun e da Hyo fossem no mesmo nível de "disfarçar uma saída" elas ficariam solteiras por um bom tempo. Confesso que queria que elas se pegassem e ajjjjskkkjjhdj enfim.

"Quando eu estou com você... Até parece que, de repente, as coisas podem dar certo. Mas nós somos duas tragédias, lembra?" "Nós não vamos ficar bem." Donghae sempre pessimista/negativista... Ou realista né, vai saber. Mas realmente espero que não. Eu não sei lidar muito bem com finais em que as pessoas que se amam não ficam juntas. Eu sou aquele tipo clichê de pessoa ç__ç

SURTEI PAKAS COM O HYUK IMAGINANDO UM FUTURO AO LADO DO DONGHAE, ME DEBULHEI EM LÁGRIMAS. E quando o Hae disse "Eu não sei de muitas coisas, Hyukjae, mas sei que gosto muito de você." eu sinceramente não sabia se sorria ou se continuava a chorar, então fiz os dois, sorri e chorei... Ai quando eles se beijam ao mesmo tempo em que os fogos no céu indicavam a virada do ano e os dentes deles se chocam e o Hae diz "Idiota, feliz ano novo." a única coisa que eu consegui fazer foi dar uma gargalhada, como se segundos atrás eu nem estivesse chorando.

Agora, a parte do lemon e bem... Não sei nem o que dizer. Não tenho palavras. Foi o melhor lemon que já li, carregado de uma luxúria e malícia estampadas e amor sub-escondido.
Donghae super obsceno, adorei. Ele tinha toda aquela pose de santinho, e na cama se revelou. LMAO. Amei.
Olha, admito que toda vez que o Hae gemia "Hyukjae..." eu imaginava a cena toda de verdade e praticamente gozava pelos pensamentos, to rindo.

E um último comentário sobre esse capítulo 15: quando o Hae pede "Goza em mim, Hyukjae." foi o meu ÁPICE. Eu abri um sorriso tão bobo e tão grande, que uau! Só com essa frase eu fui ao céu e voltei três vezes. Inclusive estou adotando-a para a vida. Rialt

Então, Himmie, só gostaria de deixar claro que adoro Madness, de verdade. Não é aquela história tipo clichê, mas sim aquela que a cada capítulo te deixa um gostinho de "quero mais".

Acho que não importa quantas vezes eu leia Madness, eu sempre vou chorar e sorrir e surtar e gargalhar pelas mesmas partes.

Enfim, finalizar dizendo que te admiro por ter a coragem de abordar tal assunto, que é, digamos, um pouquinho pesado. E sei lá, meus parabéns. Eu não digo que uma ficwriter é ótima só por ter lido uma fanfic, mas meu, Madness é A fanfic. Você é uma ótima ficwriter, saiba disso.

Um grande beijo e um grande soco com, sinceramente, meus desesperados pedidos de uma atualização. Bye.