História Mafia J.B. - Capítulo 11


Escrita por:

Postado
Categorias Justin Bieber
Personagens Justin Bieber
Visualizações 12
Palavras 1.042
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Festa, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 11 - Garota irritante.


"Eu não consigo nem dormir a noite, não consigo tirar isso da minha cabeça."

Rihanna- Man Down.

 

 

Justin Bieber P.O.V

 

Apesar de ter que esperar, estou feliz que vou conseguir comer aquela garota, eu disse que conseguiria.

 

Depois de me aliviar fui até a piscina, onde todos estavam, Elizabeth estava nos ombros de Zack brincando de briga de galo com Derek e sua namorada, essa cena me deixou um pouco puto, por Zack visivelmente estar se aproveitando da situação e apertando as coxas da garota, que nem se importava. 

 

-Qual foi Justin, ta bravo? -Dylan aparece atrás de mim.

 

-Não. -digo e saio. Indo para sala assistir um jogo de basquete.

 

-Ow, mentira que são os Lakers contra os Bulls? Caralho, o Zack olha o que ta passando.- Dylan grita e os garotos se juntam a mim para assistir.

 

-Caralho, vocês vão molhar o sofá todo. 

 

-Como se fosse você que limpasse né Justin.- Derek diz e eu mostro o dedo pra ele.

 

Me levanto para ir buscar um chips e algumas cervejas e aproveito para passar perto da piscina.

 

As duas garotas agora estavam deitadas tomando sol enquanto conversavam. Não pude deixar de secar o corpo de Elizabeth, essa vadia é gostosa pra porra. Paro de babar e volto para assistir o jogo, já que logo menos esse corpo iria estar entregue para mim.

 

-Qual foi bro, ta sorrindo igual um idiota ai? -Zack pergunta rindo fazendo os caras me olharem.

 

-To pensando em quais posições vou comer a Elizabeth.- isso foi o que eu queria responder para o otário do Zack, mas para não estragar a foda antes de acontecer eu apenas disse:

 

-To lembrando em como eu sou foda.- digo e os caras riem.

 

***

Na manhã seguinte eu chamei todos para uma reunião. 

 

 

-Mark, o chefe de segurança do meu pai, achou quem atirou nele, o cara não sabia de nada, ele foi pago á vista, e não viu o rosto de quem o contratou, ficou trabalhando como segurança da mansão por um mês e depois fez o serviço. - a garota diz.

 

-E você Derek? O que conseguiu? -pergunto.

 

-Um traficante da Itália confirmou hoje cedo que nos ultimos meses Oliver Sullivan tem passado por lá, mas agora é provável que o mesmo esteja na Rússia. Então tem grande chances dele ser nosso cara, por que está trabalhando nos negócios do irmão. Não tem como ter o local exato onde ele está. Mas eu to de olho, qualquer movimento que ele fizer vamos saber. E parece que ele está trabalhando com Nicolau Pinheiro, que é um mafioso que trabalhava junto com Collins, e o traiu, por que agora o cara ta tomando conta do território do Collins na Europa.- ele diz nos mostrando fotos e arquivos.

 

-Que desgraçado, eu sei quem é esse filho da puta.- Elizabeth diz olhando a foto do tal Nicolau.

 

-E ele sabe de você? Digo, ele sabia que o Collins tinha uma filha? -Derek pergunta.

 

-Não, meu pai não misturava trabalho com vida pessoal, nenhum dos sócios de meu pai sabe da minha existencia, o único que meu pai confiou esse segredo foi o Bieber. -ela diz olhando todas as imagens concentrada.

 

-Isso é bom, por que meu plano para saber de tudo envolve você na casa dele.- Derek diz.

 

-Ta falando do que Derek?  -eu digo.

 

-Daqui 1 mês esse Nicolau, vai dar uma festa na casa dele, algo que terá políticos, traficantes, e muitas mulheres, lá vai ser o momento perfeito para alguém dos nossos entrar lá e conseguir pistas, é na própria casa do velho, e ninguém melhor que a Liz, que ninguém sabe de nada dela e ela não tem nenhum envolvimento com o tráfico.- Derek diz.

 

-Ótimo, eu fecho.- a garota diz.

 

-Não, quem vai sou eu. -digo firme.

 

-Bieber, não será nosso território, pra você ser morto ou preso lá é a coisa mais fácil, ainda mais você que é o maior traficante da América. Os caras sabem seu rosto de ponta a ponta, mas a Liz ta fora de qualquer suspeita, eu consigo arrumar um convite para ela, pra ela se misturar entre as putas é fácil, digo isso com todo respeito Liz.- ele diz.

 

-Relaxa, eu concordo plenamente com você.- a garota diz.

 

-Será muito perigoso Liz.- Dylan diz e Zack permanesse quieto.

 

-Você não vai.- digo.

 

-Bieber, eu to cansada de você me tratar como se eu fosse uma incompetente, eu vou nessa porra e vou conseguir caralho, estou trabalhando com você, e não para você, não é você que escolhe.- a garota se exalta, fazendo os garotos a olharem com medo e uma raiva subir em mim.

 

-Faça o que quiser, mas se for pega e morrer, a culpa não será minha e eu não vou fazer nada.- digo e saio do escritório indo direto para meu quarto.

 

Essa garota acha que é fácil entrar na casa de um traficante, disfarçada, e ainda roubar documentos, se ela quer morrer, bom eu não posso fazer nada. 

 

Tomo um banho e acendo um baseado para ver se a raiva passa.

Essa garota me estressa muito. Droga.

Logo escuto batidas na porta.

 

-Entra.

 

-Justin, por que você não quer que a Liz vá? Ela vai se sair bem, eu a vi atirando, a garota não é boba, esqueceu que ela é filha do Collins?.- Derek diz entrando em meu quarto.

 

-Não sei, se ela vacilar todo o plano estará perdido.- digo dando um trago.

 

-Hm, sei. E você não está querendo nada com o Liz não né?- ele pergunta e eu o olho.

 

-Por que está perguntando, também está apaixonadinho por ela igual o viado do Zack? 

 

-Que isso cara, ela é uma gata, mas eu namoro e não trocaria a Olivia por nada, mas não sei, você age estranho perto dela.

 

-Não chapa, o maximo que pode acontecer é eu comer ela. 

 

-Zack não vai gostar de saber que você está querendo foder a garota que ele diz estar apaixonado.

 

-Não tenho nada a ver com a viadagem dele, agora vaza por que eu vou dormir.- digo e ele se rende e sai.


Notas Finais


2/3 de hojeee


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...