1. Spirit Fanfics >
  2. Máfia Russa - Countryhumans (Rusame) >
  3. Good Morning Rússia

História Máfia Russa - Countryhumans (Rusame) - Capítulo 24


Escrita por: e Issei-kun150


Notas do Autor


Enjoy ♡

Capítulo 24 - Good Morning Rússia


No dia seguinte, Rússia acorda um pouco cansado, já que havia dormido tarde.  Porém, assim que abre os olhos, dá de cara com América o encarando. 

América - GOOD MORNIG RÚSSIA!

Rússia - Aaaaaaaa ! (assusta)

América - Ei ei ei! keep calm baby.  Sou só eu.

Rússia o encara, processando o susto que acabara de levar. 

Rússia - Oque você está fazendo aq... quer dizer, como conseguiu entrar aqui?

América - É segredo. 

Rússia - Faz idéia de quantas horas são? o sol nem sequer saiu ainda!

América - São cinco da manhã.  Mas qual é o problema?

Rússia - Não é normal visitar, digo, INVADIR a casa das pessoas á essa hora!

América - Hum... não acho que tem problema, somos namorados, aliás, noivos .

Rússia - ISSO NÃO TE DÁ O DIREITO DE INVADIR A MINHA CASA! (Altera o tom de voz)

América - Ah é? nervosinho... POIS SAIBA QUE VOU INVADIR QUANTAS VEZES ME DER VONTADE !!! (Altera o tom de voz pra revidar)

Rússia - Então você quer brigar, é?!

América - Sim eu quero brigar! parte pra cima!

Rússia - Ha! Então quebra a cara porquê eu não vou bater no meu noivo.  (sorriu de canto)

América - Humpf... (cruza os braços,um pouco emburrado)

A "briga" dos dois continuava, porém acaba acordando Ucrânia, que havia chegado um pouquinho depois de América.  Como havia chegado muito cedo da casa do Canadá, tinha resolvido dormir mais um pouco. 

Ucrânia - Droga... não pode nem mais dormir em paz em casa ! Será com qual das paredes o Rússia está brigando dessa vez? 

Rússia costumava fingir estar brigando com as paredes, dizia estar se preparando para quando entrasse em alguma briga , mas isso era um segredo que havia só  entre os dois irmãos.  Ucrânia vai até o quarto de Rússia, que ficava ao lado e dá de cara com América e Rússia tendo uma briga boba.  Apenas fica estático, esperava qualquer coisa, menos aquela cena. 

Rússia -....

América - Ah oi Ucra!

Ucrânia -.... Russia?.... Desde quando vocês...

Rússia - Desde ontem  .

América - Aliás, estamos noivos.  Você não se importa, importa?

Ucrânia - Espera, como tudo isso acoteceu tão rápido? Vocês já estão noivos?!! Cara... nem eu mas o Canadá que vamos ter um bebê, não estamos noivos! 

Rússia - Eu resolvi dar atenção ao que você tinha me dito aquele dia no hospital.  Eu realmente estava sendo um idiota.  

Ucrânia - Então você pediu desculpas ao Ame? 

Rússia - Sim.  E acabei com toda essa história de orgulho.  E também te devo desculpas , não devia ter tratado você e o Canadá daquela forma.  Como você sempre foi minha familia desde a morte do papai, eu não queria... perder você pro Canadá. Aliás, fico contente de ser um futuro tio. 

Ucrânia - Tudo bem Rússia.  Mas você não vai me perder, sempre foi minha familia também.  E estou muito feliz por você e o Ame, finalmente né!

América - Obrigado Ucra.

Rússia - Valeu maninho.  

Ucrânia - Agora, se vocês puderem por favor, PARAR DE BRIGAR PRA EU PODER DORMIR, eu ficaria MUITO contente!!!

Ucrânia bate a porta e sai de lá estérico por ter sido acordado pela  briga. 

América - Nossa... que bipolar. 

Rússia - Eh... ele fica de mal humor quando alguém acorda ele.  Então... acho que agora você pode ir embora.  Anda, sai daqui !

América - What?! Não vai nem me convidar pro café da manhã?!! 

Rússia - (suspira um pouco sem paciência) Então você poderia ao menos me deixar tomar um banho e escovar os dentes, por favor?

América - Então quer dizer que ... vamos tomar café da manhã... JUNTOS?!! (pergunta com os olhos brilhando de alegria)

Rússia - Sim América... nós vamos.  

América - Eu acho que eu vou infartar...

Rússia - Sinceramente... eu não sei oque vocês vêem em mim pra ficarem fissurados.  Vocês são muito estranhos. 

América - He~ é porque não é você que está em nosso lugar. 

Rússia - Se você diz... bem, você pode me esperar na sala, quando eu voltar eu preparo o café da manhã. 

América - Ok. 

Rússia foi tomar banho. Como Ucrânia não havia conseguido dormir novamente, foi preparar o café da manhã, já que Rússia era um desastre na cozinha. 

América - Ah, oi Ucrânia!

Ucrânia - Oi de novo Ame! vai tomar café aqui?

América - Sim ,o Rússia meio que me convidou.  

Ucrânia - Então deixa que eu sirvo vocês dois.  O Rússia é um lixo na cozinha. 

América - Sério?!

Ucrânia - Uhum, não quero que você morra intoxicado.  Ah! e eu vou te contar um segredo sobre o Rússia. 

América - Diga-me.

Ucrânia - Se você encarar o Rússia enquato come, ele vai ficar corado. 

América -  Uuuh... assim? (arregala os olhos e encara Ucrânia quase que como um maníaco)

Ucrânia - Kkkk ! Não, seu bobo! Tem que encarar com um olhar digamos que... sedutor.  Tipo assim ó: ( Faz uma cara sedutora para ensinar América)

América - Nossa... que ... sedutor.  Bem, obrigado pela dica. 

Ucrânia - Por nada. 

Depois de alguns minutos, Rússia havia voltado. 

Rússia - Nossa... foi você que preparou o café?

América - Não, foi o Ucra.  Ele disse que você é um lixo na cozinha. 

Rússia - Ucrânia boca aberta. 

América - Relaxa.  Vamos comer?!

Rússia - Vamos. 

Durante todo o tempo, Rússia mantinha-se sério e frio como de costume, até América começar o encarar. 

Rússia - E-ei... porque está me encarando?

América - Eu?  ... ué, só estou olhando pra você. 

Rússia - Hum... 

América então pega uma maçã e dá uma leve mordida, enquato fazia uma expressão um tanto... perversa. 

Rússia já estava completamente corado, desviava o olhar de América a todo momento. 

Rússia - (Syka blyat... ele é... sexy de mais... eu não posso continuar olhando pra esse filho da puta) 

América apenas se divertia com aquilo. 

Depois de  mais alguns minutos, conversaram um pouco, já que Rússia não era de conversar, e depois terminaram de comer. 

Rússia - Pronto, já tomamos café da manhã juntos, satisfeito?

América - Claro! 

Rússia - Ok, então pode ir embora agora.  (diz todo corado enquanto levava América até a porta. )

América - Mas... você não vai nem me dar um beijo antes de eu ir embora? (sua feição fica um pouco triste. )

Rússia - Tá bem, tá bem...

Rússia pega América pela cintura, os deixando bem próximos um do outro. Enacara o menor brevemente, não queria que o mesmo o visse corado, então sela seus lábios levemente.  Não iria admitir aquilo tão cedo, mas nunca havia gostado de  beijado alguém , tanto quanto América.  Talvez fosse porquê o amava de verdade. 

Rússia - Satisfeito?

América - Sim . ( sorriu docemente) Eu te amo, Rusky~

Rússia - Eu também... eu também te amo. 

América - Nos vemos hoje no trabalho? 

Rússia - Claro. 



CONTINUA -












Notas Finais


Thank U ♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...