1. Spirit Fanfics >
  2. Magic - L3ddy >
  3. Ela o que?

História Magic - L3ddy - Capítulo 6



Notas do Autor


Sem ideia para título check, uhuul

Capítulo 6 - Ela o que?


T3ddy


Quando chegamos na terra, fomos logo na casa dos meus amigos e depois fomos ao shopping. Comemos alguma coisa numa lanchonete e eu tive a ideia de ir jogar no fliperama com os garotos. 


"Que tal nós irmos jogar alguns Jogos ali no fliperama? Faz tempo que eu não jogo Jogos assim" Falei colocando uma batata frita da Lydia em minha boca. 


"Eii, essa batata era minha" Reclama


"Acho legal, vamos?" Diz Chris terminando de comer 


"Só se for agora" Mauro já levanta da cadeira


"Vai querer ir junto com nós, Luz?" Pergunto e me levanto assim como o Chris 


"Na, não quero" Deu de ombros


"Ta, mas fica aqui, ok? Não saia daqui, nós não vamos demorar muito" 


"Ta bom, maninho" Revira os olhos "pode deixar que eu não vou sair daqui e eu não sou uma criança, ok?" 


"Ta bom" Digo debochado e vou andando com os garotos até o fliperama 


Ficamos lá jogando Jogos e conversa fora


"Vocês acreditam em amor verdadeiro ou alma gêmea?" Pergunto ainda sem tirar os olhos da tela


"Mas é claro que que acredito, cara, eu tenho um filho e uma mulher maravilhosa, você tem que ver eles" Diz Chris sorrindo


"É… acredito mais ou menos, as vezes eu tenho medo de ficar sozinho, mas ai vejo alguns casais ai ou sendo grudento demais" Aponta pro Chris disfarçadamente "ou vivem brigando, discutindo e tals, mas também tem vezes que a carência bate, ai fode"


"Nossa, ta foda ai, né, Mauro?" Seguro o riso "vocês sabem do jeito que eu sou, né? Não acredito que meu destino seja casado e com filhos com uma pessoa pra sempre, dizem que você vai sonhar com a pessoa aos poucos, mas isso nunca tinha acontecido comigo, até ontem… "


Chris e Mauro param de jogar e olham pra mim

"Então você sabe quem é sua alma gêmea?" Pergunta o Chris 


"Só sei que é um homem e só ouvi sua voz, então não sei quem é de fato" Paro de jogar também 


"Puts, cara, acho que com o tempo você vai descobrir isso" Mauro coloca a mão em meu ombro 


"Deus me livre, não quero nem saber disso" Sorrio negando com a cabeça "vamos indo, já ficamos muito tempo aqui" Vamos caminhando pra fora do fliperama 


"Mas, eai, você não conseguiu ver se era um japonês com o cabelo cacheado, tipo eu assim, sabe?" Mauro brinca 


"Não, Mauro, eu não consegui ver, e se fosse, credo, não quero saber mesmo" 


"Nossa, Olioti, eu sou um belo partido, ok?" Finge que esta bravo


"Pras outras pessoas, não pra mim" Sorrio fraco


Chegamos aonde deixamos a Lydia e ela não estava mais lá


"Aonde aquela garota se meteu? Luca vai querer me matar se descobrir que eu “perdi“ a Lydia" Faço aspas com as mãos 


"Calma, ela pode estár no banheiro" Diz Mauro 


"Verdade, vamos esperar alguns minutos"


"Ta bo… " Antes de terminar a minha fala, o meu celular toca. Pego ele, que estava no meu bolso, e vejo quem é "Lydia?" Murmurro confuso e atendo "alô?"


"Oi, é… quem fala?" Escuto aquela voz e meu coração acelera, é a voz dele… 


"E-eu que pergunto, quem é você e o que esta fazendo com o celular da minha irmã?" Minha voz vacila um pouco


"Oh, então você é irmão dela, Ufa. Depois nos apresentámos, por agora, sua irmã está na minha casa, deitada no meu sofá desmaiada. Não sei o que aconteceu, só sei que ela agarrou a minha irmã no banheiro e depois desmaio" 


Arregalo os olhos "ela o que?" Grito e vejo a cara de assustado dos garotos "ok, me passa o endereço dai que eu já vou ir"


"Ok, é perto do shopping, na rua de trás da rua do shopping, o número da cada é 355, meu irmão vai ficar esperando por você no portão" 


"Ok, obrigado" Faço careta, eu agradecendo por alguma coisa? Que estranho… 


"De nada" Percebi que ele sorriu pelo celular. Logo desligo. 


"Eu tenho que ligar pro Luca" Digito o número dele e logo ele atende


"O que você fez, Lucas?"


"Ei, calma, já tá me acusando de alguma coisa sem antes eu falar um Oi pro meu irmãozinho preferido" Sorrio nervoso


"Você não liga só pra falar um Oi, alguma coisa aconteceu e eu sou o seu único irmão, nesta"


"Ai, ta, eu fui jogar alguns Jogos com os garotos no fliperama do shopping e deixamos a Lydia comendo na lanchonete perto do fliperama. Quando voltamos, ela não estavam mais aqui e me ligaram do celular dela falando que ela está numa casa de um desconhecido pois ela agarrou a irmã dele no banheiro e depois desmaiou, é isso" Falo rápido pra ele não me interromper 


"ELA O QUE?" Grita e eu afasto um pouco o celular do ouvido


"Eu sei, eu tive a mesma reação"


"Lucas, eu deixei ela sob os seus cuidados E VOCÊ DEIXA ELA SOZINHA? VOCÊ SABE QUE ELA SAI POR AI DO NADA" Grita novamente


"Calma, mani… " Me interrompe de novo


"Calma é o caralho, to indo pra ai agora, tchau" Desliga o celular


Olho para os garotos "ele ta vindo e eu to muito fudido"


Notas Finais


Do nada a menina me posta um capítulo, eu não tava preparada pra isso não, Osh
Gente, logo que ela postou, eu já fui fazendo o outra kakakakakaka
Vai ser mais ou menos assim, a Myh posta um e eu (Suh) posto outra atrás dela, se nós mudarmos, avisamos aqui
Um bezu pro 6, até não sei quando e boa madruga


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...