História Magic Shop - Capítulo 10


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Bangtan Boys (BTS), Magic Shop, Namjoon, Rap Monster
Visualizações 4
Palavras 648
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Fantasia, Ficção Adolescente, Magia, Mistério, Romance e Novela, Suspense

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


yay, voltei nenéns,uhuuul

Capítulo 10 - Poderes!


Yoongi P.O.V

A loja toda tremeu, tive que me segurar para não cair em cima de Taehyung.

— A loja! Foi invadida! — a voz ecoou novamente.

— Temos que fazer algo! — Namjoon sorriu, e fez uma pose heróica — Nós somos o Bangtan Sonyeondan, e vamos acabar com qualquer mal que vier!

Todos sorriram, mas eu não perdi a chance de intervir.

— Okay, agora chega de heroísmo e vamos mostrar quem somos de verdade! — cerrei os punhos e nos juntamos. Corremos por vários corredores até chegar em uma das salas. Um monstro gigante com várias câmeras, não entendi que droga que esse monstro era.

— Usem seus poderes! — a voz disse novamente, mas agora num grito.

— Que poderes? Não temos nada! — Hoseok diz desesperado.

— Claro que têm, Jovem Hobi. Tentem! Façam algo que gostem! — ao dizer isso, Hoseok fez alguns movimentos e passos de dança, admito que foram irados, ele dançava bem. Algo estava envolvendo ele, um tipo de magia, e no seu último movimento, direcionou os braços ao monstro, que foi atingido. Não foi forte o suficiente mas foi bom.

— Me deixem tentar! — Jeongguk, o Maknae, gritou pegando uma folha e um lápis do bolso. Começou a rabiscar, e desenhou um monstro maior que ele. Rasgou a folha, fiquei desesperado pensando em como aquilo iria nos ajudar, mas os esboços de Jeongguk foram magicamente feitos no ar e quando ele ia aparecer...

Mas que droga! Não aconteceu nada, ele simplesmente PUFF! Sumiu.

O monstro deu risada e tirou uma foto da expressão derrotada de Jeongguk.

— Tudo bem, Maknae! — Jin acariciou o rostinho triste de Jeon — Eu vou tentar agora.

SeokJin fechou os olhos e em sua frente apareceu uma mesa, com vários talheres, uma tigela e alguns ingredientes. Misturou todos na tigela e mexeu com uma colher de pau, jogando a mistura no monstro, e no fim, foi eficaz, derretendo o braço do monstro por completo.

— Acho que aquela sua mistura era radioativa. — ri anasalado e o Kim mais velho me olhou feio.

— Quero tentar! — Taehyung correu para o centro, e fez uma pose, não entendi nada — Hadouken! — esticou os braços e lançou um tipo de raio no monstro.

WTF?! Ele virou um Ryu da vida?

Impressionado, falei:

— Tá bom, minha vez. — fechei os olhos e imaginei um piano, rapidamente toquei uma melodia e as notas cortaram o outro braço do monstro. Eu estava pegando o jeito!

Hoseok P.O.V

Estávamos comemorando a vitória de Yoongi, mas não tinha acabado. O monstro ainda tinha vida.

Namjoon foi ao centro e fez equações que me deixaram com o cérebro doendo só por tentar entender.

— You got no jams. — sutilmente Namjoon falou, e, não sei como, o monstro sumiu, num meio de uma luz, o poder do cérebro de Namjoon. Deve ter sido por conta da equação que ele fez.

Comemoramos pelo sumiço do monstro, mas Jimin não havia feito nada. Estava amuado num canto.

Cheguei mais perto para tentar falar com ele.

— Jimin? O que há com você? Tudo bem? — ele assentiu com a cabeça e continuou quieto, tinha algo estranho com ele. Faltava descobrir o que era.

Agarrei o braço do Park e o arrastei até o centro, em meio a um abraço em grupo. Hoje foi o dia mais irado de todos os dias da minha vida!

— Parabéns, jovens! — Bang Si-Hyuk falou, e sorrimos vitoriosos — Jimin, preciso que venha falar comigo. — ao dizer essa frase, Jimin sumiu.

— Jimin! — Taehyung gritou, desesperado. Sei que eles são muito amigos.

Procuramos Jimin pelos outros corredores em que já tínhamos passado, e nada dele. Taehyung chorava de desespero, Namjoon abraçava o Kim mais novo e acariciava seus cabelos tentando acalmá-lo, mas nada adiantava.

Si-Hyuk, Si-Hyuk, o que você fez com Jimin?


Notas Finais


que que aconteceu com o Jimin?
e o monstro, vocês sabem o que ele simboliza/representa???


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...