História Maiaikekkon - Capítulo 13


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hana Inuzuka, Naruto Uzumaki, Tsume Inuzuka, Tsunade Senju
Tags Bromanha, Hana Inuzuka, Naruhana, Naruto
Visualizações 307
Palavras 2.031
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Boa tarde pessoal, olha quem apareceu mais uma vez!

ERRATA: Queria pedir desculpas, realizei a publicação deste capítulo erroneamente na história "Desafiando o Destino" que já está concluída. Não haverá mais publicações naquela história, apenas uma revisão que será publicada em janeiro/2018.

Boa leitura a todos e nos vemos lá embaixo!

Capítulo 13 - Capítulo XIII


MAIAIKEKKON

Por: Bromanha

 

Capítulo XIII

 

 

[ Before ]

“Está atrasado.” [Diz sem se virar reconhecendo o chackra que apareceu atrás de si enquanto ainda olhava o nome de seu sensei] “O tempo está acabando, precisamos nos apressar se quisermos resolver isso antes do casamento.” Diz ainda sem olhar para trás.

“Tem minha autorização para realizar o interrogatório... Mas não a machuque!” Diz demonstrando preocupação em sua voz.

[ Now ]

 

[ Autor Pov’s – On ]

 

Kakashi caminhava agora em direção a sua casa, estava ainda repassando sua preocupação com toda a revira volta que ocorreu em apenas dois dias, se perguntava mentalmente quando o seu cargo passou a ser tão complicado de ser operado. Queria voltar a simplesmente assinar aquelas pilhas de papéis intermináveis e passar logo o cargo para seu aluno e viver sua vida em paz com sua esposa, outro detalhe peculiar em sua vida, seu casamento, quem diria que depois de tanta coisa conseguiria voltar a vê-la e ainda por cima conseguir se casar com ela. Bom, como seu próprio aluno ensinou a muitos e a si mesmo, o destino é nós que fazemos, aquela vez, naquele campo com aquela menina ele iniciou seu futuro e nem imaginava assim. Estava próximo à praça central da vila, vendo um banco sentou-se e começou a olhar para o local onde a beijou pela primeira vez, não parava de imaginar em como seu aluno conseguia estar presente em ocasiões tão inóspitas. Sorria em lembrar que teve que explicar a três gennin’s que aquilo era uma missão para descobrir os segredos de uma espiã, quem diria que ela se tornaria a futura senhora Hatake e esposa do Rokudaime Hokage. Lembra principalmente de um gennin que usava laranja, parecia uma cenoura com pernas, que gritava que eles estavam em um encontro e que era para ele parar de mentir para seus alunos e para si mesmo. – “Quem diria que aquele pirralho estaria tão certo. ” Pensa enquanto olha para a lua que continua brilhando no céu majestosa e bela – É retirado de seus pensamentos com uma mão sendo colocado em seu ombro, sabia exatamente quem era, colocando a sua sobre aquela mão deixa seu corpo relaxar, ela conseguia o tranquilizar de modo impressionante, agora entendia um pouco o que Obito, Rin e seu sensei quando ainda era casado tentavam o ensinar. – “O que tanto pensa? ” Questiona uma voz feminina – Ele simplesmente a olha pelos cantos dos olhos, queria contar tudo o que estava acontecendo e deixar ela fazer seu papel de esposa e o ajuda-lo, era tudo o que queria agora. Ela simplesmente dá a volta no banco se sentando ao lado de seu marido, sabia que eram coisas que não poderiam ser ditas, conhecia o trabalho que ele exercia e sua importância. – “Sabe que foi ali que eu conquistei você. ” Diz com um tom de brincadeira – Ele sorri pode debaixo de sua máscara, ela conseguia fazê-lo rir mesmo em uma situação destas, por isso a amava, agora permitia-se olhar para a mulher que estava sentada ao seu lado. Realmente era sortudo de tê-la como esposa, linda, inteligente e sabia lidar com ele nas diferentes situações que era obrigado a enfrentar. Era uma jovem mulher de pele clara e aparência esbelta, com olhos castanhos, cabelo verde. Deixava seu cabelo separado para ambos os lados de seu rosto e usava um quimono amarelo, que ficava acima da cintura e um top por baixo vermelho, saia roxa leve e botas pretas. – “Ali foi onde eu a conquistei...” Responde em tom de brincadeira – Ele sabia que precisava deste momento, precisou tomar uma dura decisão enquanto precisa analisar alguns outros aspectos que estão envolvendo uma nova falha dentro da política interna da vila. – “Sabe Hanare, quando assumi o cargo de Hokage acreditava que não seria forte o suficiente para proteger a todos. Hoje, mesmo após tanto tempo que assumi, ainda me sinto da mesma maneira. Um Hokage tem que ser tão forte para assumir responsabilidades que podem definir um futuro de uma população inteira.” Diz enquanto sentia ela encostando sua cabeça em seu ombro o ouvindo – Com um carinho nos cabelos brancos do homem que estava pressionado de todos os lados, queria tanto ajuda-lo, mas como fazer se tem questões que até mesmo um Kage teria problemas se fosse contra. – “Um dia eu conheci um garoto que me ensinou que olhar para as nuvens pode ajudar muito, principalmente quando se quer lembrar daqueles que para si são queridos.” Diz enquanto mantinha o carinho em seu esposo – Assim ficam ali apreciando a noite calma da vila que era iluminada pela lua brilhante no céu, a brisa leve que mexia com os galhos das arvores de forma harmônica e tranquila.

 

[ Hana Pov’s – On ]

 

O dia está calmo como sempre e aqui estou eu avaliando mais um dos meus pacientes, um gato de cor marrom, era uma simples visita de rotina que um dono apegado ao seu animal de estimação faz a cada alguns meses. Queria entender o que aconteceu ontem a noite, eu estava cansada, mas não a ponto de desmaiar ainda mais quando estava tão perto de conseguir. Parando de pensar nisso realizo os procedimentos finais do atendimento e logo entrego o felino para seu dono que vai embora, sinto o cheiro dela vindo e pelo odor sei que é coisa séria, suspiro sabendo que provavelmente meu momento de paz serão arruinados no momento que ela entrar por aquela porta e me contar o que está acontecendo. Logo vejo minha kaa-san entrando com um olhar sério, mais que o normal, via preocupação em seu olhar e isso me assustou muito, nunca vi este tipo de expressão no rosto dela. – “Hana, venha comigo agora!” Diz enquanto começa a caminhar para fora – Informo a um auxiliar que precisarei me ausentar para acompanhar ela deixando avisado que caso ocorra algo sério que me avise e que assuma o atendimento dos pacientes restantes. Em nenhum momento ela olha para trás sempre indo em direção a nossa casa de modo apressado, algo sério ocorreu, a casa do líder do clã Inuzuka é projetado para esconder seus rastros dentro da residência enquanto o mesmo pode verificar todo o território. Apressadamente adentramos a casa indo rumo ao escritório dela vendo seu fiel companheiro sentado a porta, entramos no escritório e logo ela me manda sentar. – “Hana, preciso que você me escute muito bem!” [Diz firme enquanto assume seu posto como líder do clã] “Como sabe seu casamento apesar de ter alguma relevância sentimental ainda é um casamento de um acordo entre clãs, foi decidido seu casamento com o Uzumaki porque consegui demonstrar que seria mais benéfico para o clã esta escolha.” Diz enquanto eu escutava atentamente – Eu não estava entendendo a situação, estava em plena consciência com meus sentimentos para o Naruto, nunca esqueci que meu dever é honrar o clã e trazer mais benefícios para os Inuzuka então o que estava acontecendo agora.

 

Hana: Eu sei disso kaa-san..., Mas o que está acontecendo?

Tsume: Estava tudo bem com o conselho até então. Ninguém foi contra quando mostrei os benefícios que traríamos com sua união com o “cenoura ambulante”. Mas algo que não estava em meus planos aconteceu, por algum motivo surgiu um novo “pretendente”. – Diz enquanto eu me assusto com esta revelação.

Hana: Co-Como assim? – Não estava tudo arranjado para eu me casar com o Naruto – Meu casamento com o Naruto-kun não estava já decidido?

Tsume: Como todo acordo comercial temos um contrato, nele deixa claro prazos para que uma das partes possa desistir se algo acontecer. – Diz me lembrando que ainda tem esta questão de “acordo comercial” – Hoje pela manhã o conselho se reuniu e avaliou uma proposta de última hora de um comerciante influente do pais dos vegetais. Estão inclinados a aceitar esta proposta, precisamos avisar o Naruto para que ele como líder de clã nos ajude.

Hana: Entendo... – Agora tendo a situação, bom estão inclinados a aceitar então temos uma chance de mudar isso – Qual a proposta que fora feita?

Tsume: Nada além do habitual, mas o preocupante é que garante que este acordo trará uma maior influência dentro e fora de Konoha. – Responde minha pergunta enquanto eu avalio a situação – O Uzumaki tem muita influência fora destes muros, mas ele nunca chegou a usá-la ocasionando em questionamentos.

Hana: País dos Vegetais? – Digo com a mão no queixo pensando sobre isso a vendo confirmando – Se não me engano Naruto tem amizade com a Daimyō deste país, poderemos usar isso a nosso favor.

Tsume: Isso é muito bom, porque pelo que entendi da proposta, ofertam uma influência direta no governo. – A vejo ficando com o rosto em expressão de desconfiança – Não faria sentido esta união, estão ofertando muito para terem pouco retorno, seu casamento daria ao seu esposo o status de líder, mas nosso clã não tem tanta influência dentro da vila.

Hana: Provavelmente tem algo a mais por trás. – Concordo com o pensamento de minha kaa-san – Se realmente estivessem interessados porque somente agora que tentaram algo?

Tsume: Hana... – Diz chamando minha atenção e provavelmente seria algo sério – Não confie em ninguém da vila, nem mesmo do clã, por enquanto todos são suspeitos.

 

Concordo com minha mãe que estava falando realmente séria, se tivemos o mesmo pensamento temos alguém de dentro passando informações e ainda por cima não sabemos o que realmente querem para darem uma proposta tão tentadora. Preciso falar rapidamente com o Naruto-kun, preciso alertá-lo sobre isso, ainda mais agora que não sabemos em quem podemos confiar, nosso clã apesar do status de nobre dentro da vila somos aquele que menos tem influência. Os Hyuuga são importantes pelas ligações comerciais com vilarejos regionais, abastecimento, Akimichi é um clã com poderosos guerreiros, bélico, Yamanaka e Nara são clã de estratégia sendo que o Nara tem um membro como conselheiro do Hokage, Uchiha apesar de ter apenas um membro, ainda sim é um poderoso clã em reconstrução. Quanto ao clã Uzumaki, um clã praticamente extinto, conhecido por shinobi excepcionais, já nasce com um líder com vinculo mundial e que simplesmente trabalha diretamente com várias partes de estrutura da vila justamente por causa desse vinculo político e militar principalmente com Suna. E se este acordo repentino não for para com o clã Inuzuka e sim o Uzumaki, me casando com outro o Naruto-kun poderá se casar com várias outras pretendentes de várias nacionalidades, o seu casamento é muito mais valioso em termos de benefício, já que a família de sua esposa em teoria teria uma influencia diretamente ligada a política interna de Konoha, ligações com todas as grandes nações e as pequenas por quais meu loiro passou. Seria um passe livre para acesso a um poder e influência quase que sem precedentes, um comerciante poderia usar isso para assinar acordos com países em termos exclusivos com recomendação do Naruto-kun.

 

[ Naruto Pov’s – On ]

 

Droga é mais persistente do que realmente parece, mas preciso destas informações, mas como fazer ela falar sem precisar machucá-la. Não quero permitir que ela seja interrogada pela Anko ou pelo Ibiki, mas preciso que ela colabore um pouco, vamos tentar mais algumas outras formas. – “Você sabe que enquanto estiver brincando não irei falar?” Questiona enquanto eu me sento em uma cadeira – A observo presa na parede com os braços presos a correntes fixadas a paredes enquanto seus pés são presos por corretes fixadas no chão, seu corpo era coberto apenas pelo short preto shinobi e um top preto, a fico encarando a vendo sorrir. – “Não sei como descobriram, mas não vão descobrir mais nada de mim.” Diz convicta com suas falas enquanto eu esboço um sorriso pela mascara – Me levanto caminho até ela que mantinha o mesmo sorriso, passo minha mão por seu rosto que tinha alguns machucados leves, realmente estou pegando muito leve com ela então vamos brincar a um nível mais pesado. – “Sabe, estava com muita pena de você, por isso estava pegando leve. Mas acho que podemos aprimorar nossa brincadeira.” Digo enquanto afasto meu rosto do seu – Vejo seu olhar vacilar minimamente ao ver meus olhos vermelhos enquanto libero uma pequena parte da minha intensão assassina e permitindo que ela desfrute de uma pequena vista de Kurama de forma escondida.

 

FIM


Notas Finais


Gostaram do capítulo? Comentem aí o que acharam!

IMPORTANTE: Queria avisá-los que esta história não terá mais que 20 capítulos, quero tentar finalizar ela ainda este ano já que é uma história sem continuação. Por isso aviso a vocês que vou agilizar todos os acontecimentos para terminar esta história até o final de dezembro para que no ano que vem tenha menos histórias e consequentemente mais tempo para escrever as demais.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Notas do capítulo (*):




-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Leiam minhas outras histórias:


História: União de dois mundos: Descobrindo a magia do amor (TERMINADA)
Gênero: Hentai, Universo Alternativo, Crossover
Breve descrição: Um tratado para unir magos e ninjas é feito, mas para cumpri-lo duas pessoas terão que se casar e juntas descobriram que ainda há chances para o amor.
Link: https://spiritfanfics.com/historia/uniao-de-dois-mundos-descobrindo-a-magia-do-amor-7457319

História: Desafiando o destino (TERMINADA)
Gênero: Drama, Romance e Novela, Hentai
Breve descrição: Mesmo sendo reconhecido pelos seus feitos, Naruto ainda não conheceu seu amor. Será que é seu destino manter-se sozinho? Ou ele encontrará alguém que o ajudará a desafiar seu destino que o guia para a solidão?
Link: https://spiritfanfics.com/historia/desafiando-o-destino-7821099

História: Psycho Amoris (TERMINADA)
Gênero: Crossover, Hentai, Universo Alternativo
Breve descrição: Esta história é para ero-leitores que adoram cenas hentai explícito com sadismo, masoquismo e pouco romantismo. Claro que não irá faltar umas juras de amor, mas ao estilo Akeno Himejima.
Link: https://spiritfanfics.com/historia/psycho-amoris-8354575

História: Maiaikekkon (Em andamento)
Gênero: Hentai, Universo Alternativo, Família
Breve descrição: Naruto e Hana estão a ponto de assumirem cargos importante, ele o de Hokage e ela de líder do clã, porém para assumir tal responsabilidade precisam se unir em um casamento arranjado.
Link: https://spiritfanfics.com/historia/maiaikekkon-8317873

História: Peccato Carnale: Apocalypsis (Em andamento)
Gênero: Hentai, Universo Alternativo, Incesto
Breve descrição: Continuação de "Peccato Carnale: Blood Amore", onde será demonstrado os acontecimentos anteriores e os posteriores a noite de amor e luxúria de Kushina e Naruto.
Link: https://spiritfanfics.com/historia/peccato-carnale-apocalypsis-8577850

História: Dea Concupiscentiæ (Em andamento)
Gênero: Ação, Hentai, Luta, Shoujo (Romântico)
Breve descrição: Kaguya Ōtsutsuki poderia ser somente mais uma pessoa que estava dentro do círculo de ódio? Seria um loiro destemido e determinado em acabar com o ódio sua salvação? Seria ela capaz de dar aquilo que o loiro mais quer em sua vida? Acompanhe o desenvolvimento deste casal que tiveram um passado corrompido pelo mal que assola a vida de todos.
Link: https://spiritfanfics.com/historia/dea-concupiscenti-8938053

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Obrigado por lerem e até a próxima!
Abraços do Tio Bro.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...