História Mais amor, por favor? - Capítulo 32


Escrita por: ~

Postado
Categorias João Guilherme Ávila, LaLi Esposito, Leonardo, Zé Felipe
Personagens Lali Esposito, Zé Felipe
Visualizações 43
Palavras 361
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Mistério, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 32 - Agora tem a Mini Valentina .


Estavamos em um almoço gostoso de família, eu Gui, o Pedro, meu pai, minha mãe Poliana, Matheus, Rafa e a Thais. Conversamos sobre tudo quando João comia numa velocidade incrível ia acabar se engasgando quando meu pai pergunta o porque da pressa dele.

- Pelo amor de Deus meu filho come mais devagar, a comida nao vai fugir do prato nao.

- Nao é isso. Jaja terei um encontro com uma amiga minha. Ela me mandou mensagem avisando que está aqui em Goiânia e quero muito ve la.

- Deve ser muito importante ela heim mano ta quase devorando os pratos. 

- Muito engraçado você Ze. Inclusive meu caro irmão a minha amiga ela é irmã da Valentina. 

Cuspo fora todo o suco, mas porque tinham que me lembrar dessa fulana.

- Teremos uma mini valentina é isso Gui?

- Sem piadas Matheus Por que o burro e tapado de tudo isso foi nosso querido Irmão o Ze e nao a menina. Agora chega. E você Ze Felipe nao coloca a culpa na Valentina quando o tonto foi você.  Aceita que dói menos!!

- Ta eu sei que eu errei e ja pedi desculpas. Parem de me encher por causa disso. Nunca erraram nao foi?

- Uma burrice dessa proporção nao!

- ah chega voces por favor. Chega. Nao quero saber de ninguém nem dela e muito menos da irmã. E com licença! .

- O Ze nao sabe nem brincar gente. 

- Deixa ele Rafa isso é dor de cotovelo Cunha !

...

Deixo o pessoal la na cozinha e me jogo nessa cama. Eu nunca vou esquecer a Valentina desse jeito, poxa ninguém deixa. .. mas eu nem queria esquecer eu a amo tanto. E se eu ligar uma última vez sera que ela me escuta? 

- Bom vou tentar ne.

Pego o cel e ligo. Da uns 4 toques e ela atende.

- Oque você quer José Felipe?  Nao temos nada mais a se falar.

- Eu quero te falar apenas duas coisas ..

- Entao fale ...

- Pois bem ...

- Ja disse . TCHAU!!

 TU TU TU TUTU TU

Rapaiz ela desligou na minha cara. Nossa que odio é esse meu Deus.  Ela nao quer nem saber de nada. Nossa estou mal agora...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...