1. Spirit Fanfics >
  2. Mais sempre é bom... - Pequenas histórias. >
  3. Bom dia.

História Mais sempre é bom... - Pequenas histórias. - Capítulo 1


Escrita por:


Capítulo 1 - Bom dia.


Eu acordei com algo “me incomodando”, eu não fazia ideia de que horas que eram. Eu estava deitado de lado de camiseta e bermuda e ela estava do meu lado com shortinhos e camiseta de pijama. Ela esfrega a bunda no meu pau, que estava duro, por baixo da roupa. Ela começou a rebolar fazendo mais pressão quando viu que eu acordei.

 

- Achei que não ia acordar nunca. - ela disse. - Eii não! Não pode me tocar, lembra? - ela disse quando tentei agarrar ela, apenas fiquei imóvel. - você não pode fazer nada.

 

    Ela continuou ali rebolando no meu pau. Vez gemia baixinho e vez ria. Ela estava querendo me provocar e estava conseguindo e muito. Ela rebolou mais um pouco e parou. Se virou sentando na cama e me empurrou de leve e eu deitar de costas. Ela puxou meu shorts de moletom para baixo e tirou meu pau pra fora. Segurando ele firme com a mão.

 

- Bem duro, gosto assim. - ela lambeu a cabeça e depois lambeu a extensão dele todo. Ela segurou ele e começou a movimentar a mão batendo um punheta pra mim. Ela me olhava fixamente com um olhar e sorriso que estava me tirando do controle. 

 

- Eu não disse nada sobre eu não poder te “tocar”. - sua voz saiu macia e cheia de tesão, me fazendo arrepiar. Ela abaixou novamente e começou a chupar meu pau, ela lambia a cabeça e chupava colocando ele na fundo na boca. Sua mão brincava com minhas bolas e as vezes ela parava e encara ele enquanto me masturbava e logo voltava a chupar. Meu pau estava duro que parecia uma pedra, ela havia babado ele todo. 

 

Ela então se sentou na cama e tirou a parte de baixo deixando a bucetinha exposta. Ela passou a perna por cima de mim. Sem tirar os olhos dos meus, ela lambeu e chupou os dedos. Desceu a mão até o meio das pernas e começou a se tocar. Sua buceta fazia um barulhinho delicioso mostrando o quão molhada estava. Ela pegou meu pau e levanto ele. Se sentou mais e colocou ele bem perto da entrada dela. E me olhou passado a cabeça dele pelos lábios da buceta. Ela sorria, estava se divertindo enquanto me deixava maluco de tesão. Ela então sentou bem devagar deixando ele deslizar até o fundo. Eu podia sentir a buceta dela toda molhada apertando meu pau. Em nenhum momento ela desviou o olhar do meu. Ela começou a se mexer com vontade e eu sentia cada vez mais tesão e prazer. Eu tentei segurar a cintura dela. Mas ela segurou meus braços e me prendeu ali.

 

- Não, lembra o que eu disse… - e começou a sentar mais forte. Ela gemia sem se importar se tinha outra pessoa ouvido. Ela às vezes parava de sentar e começava a rebolar com bastante calma. - sente minha buceta… ela tá bem apertadinha, pau gostoso… 

 

    Ela voltou a sentar com vontade, mas logo voltou a rebolar. Então se apoio com uma a mão levou a outra até o clitoris e começou a brincar com ele. Ela sentada de uma forma ritmada e devagar que fazia eu sentir toda ela. Ela começou a brincar com mais vontade com os dedos e gemeu mais alto, sentia sua buceta ficar mais molhada até que eu senti ela estremecer e apertar meu pau. Ela parou um momento ofegante e sorriu voltando a se movimentar aos poucos enquanto recuperava o fôlego. Eu estava com tanto tesão que não estava me aguentando mais. Ela percebeu isso e começou a se mexer com mais vontade.

 

- Se você continuar assim, eu vou gozar. - eu disse. Ela não se importou.

 

- Foda-se… goza. - e voltar a sentar com mais vontade eu senti um arrepio de prazer percorrer todo meu corpo e pau começou a pulsar dentro dela. Eu sentia meu gozo saindo e jorrando dentro dela enquanto ela rebolava bem devagar apreciando todo aquele momento e me fazendo estremecer de prazer. 

 

Eu estava ofegante e todo suado. Ainda podia sentir o orgamos no meu corpo. Ela parou e inclinou seu corpo pra frente tirando meu pau de dentro dela. Também estava ofegante.

 

Ela se sentou sobre minhas coxas e me olhou.

 

- Viu, você não fez nada, não precisou tocar em mim. 

 


Notas Finais


Curtiram?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...