História Mais um clichê, por que não? (versão Naruhina) - Capítulo 38


Escrita por: ~

Postado
Categorias Naruto
Personagens Akamaru, Hinata Hyuuga, Hyuuga Hiashi, Ino Yamanaka, Kiba Inuzuka, Kushina Uzumaki, Menma Uzumaki, Naruto Uzumaki, Neji Hyuuga, Personagens Originais, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha, TenTen Mitsashi, Tsunade Senju
Tags Kibaino, Naruhina, Nejiten
Visualizações 300
Palavras 888
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Hentai, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Música: Please. - Mcfly.
Acho que já perceberam que sou fã de McFly não é mesmo? Jshsjzhzj

Capítulo 38 - Please.


Fanfic / Fanfiction Mais um clichê, por que não? (versão Naruhina) - Capítulo 38 - Please.

Hinata


Acordei mais cedo naquela manhã, precisava falar com o Kiba.

Estava curiosa? Ansiosa?

PRA UM CARAMBA!

Queria muito saber sobre o "trauma" do Kiba.

E ninguém queria me falar.

Fiquei a noite toda insistindo para algum deles me contar, MAS SÃO TUDO BANDO DE PRAGAS E NÃO ME CONTARAM!

Kiba estava no mesmo lugar de ontem, parecia não ter saído do lugar.

- Oi Kiba - Falei, sentando ao seu lado.

- Oi - Respondeu seco.

Ele não tirava os olhos do mar, parecia que estava em transe.

- Kiba, você está assim, por que conheceu alguém? - Perguntei.

O mesmo só fez suspirar.

- Ela era linda - Respondeu - E tinha um sorriso cativante.

Kiba sorria de leve.

- E qual o problema? Parece ser uma coisa boa - Disse sorrindo.

Kiba desfez o pequeno sorriso que tinha, voltando a sua antiga expressão.

- Você parecia tão feliz ontem a noite, não parava de sorrir.

O mesmo ainda continuo em silêncio.

- Kiba!- Falei chamando sua atenção.- Fala comigo! Eu quero te ajudar.

O mesmo suspirou mais uma vez e começou.

- Na sétima série, eu me apaixonei, é bobo, eu sei, se apaixonar tão novo, mas eu me apaixonei de verdade sabe? De querer ver aquela sua pessoa especial sorrir todo dia - Kiba sorriu de leve - Aquele tipo de paixão que a pessoa pode nem te conhecer, mas só de saber que ela está feliz, você fica também

- E qual foi o problema? - Perguntei querendo saber aonde ele queria chegar.


Por favor, por favor Lindsay, por favor


Veja a cena, eu acho que estou apaixonado agora


Seus olhos são verdes e vêm dos céus agora


Calma, garota, eu acho que estamos sozinhos agora


Vamos nos aventurar no oceano


Então desligue seu telefone agora



- Ela tinha olhos verdes e cabelos ruivos, uma perfeita escocesa - Riu - Mas, você sabe, eu nunca fui o mais bonito, e muito menos o mais popular, mas mesmo assim, ela começou a demostrar interesse por mim - Riu irônico - Ela se aproximou de mim, e eu fiquei mais encantado por ela, eu fazia tudo por ela, fazia seus deveres, carregava seus livros, a seguia para todo canto, só agora vejo o quanto eu parecia mesmo o cachorrinho dela - Riu novamente - Eu fui um idiota.


Eu quero tocar sua pele


Por baixo das roupas que você está vestindo


Então largue seus sapatos


Deixe a brincadeira começar


Yeah, yeah...


(Por favor, por favor, por favor)


Ve-ve-venha comigo agora


(Por favor, por favor, por favor)


De-de-deve ser um sonho


(Por favor, por favor, por favor)


Eu quero ficar com você


Por favor, por favor, Lindsay, por favor



- Ela me deixava louco, de todas as maneiras, você sabe, puberdade - Suspirou - E então, foi a vez do nosso primeiro beijo, eu estava ansioso e nossa, como estava feliz, pensei "Vou beijar a garota que eu amo", idiota!- Xingou Kiba, escondendo o rosto entre os joelhos.

- Ei, calma - Disse colocando a mão em seu ombro.

- Estava indo ao lugar aonde iria ser nosso primeiro beijo, com o sorriso mais bobo do mundo - Kiba fez uma pausa - Chego lá, e a vejo aos amassos com um dos jogadores de futebol que fazia bullying comigo, ela parou de beija-lo, me olhou e começou rir de mim, e de repente, eu sinto balões cheios de urina, me acertando de todos os lugares, o time tinha planejado tudo.


Pôr do sol, a cor do fogo


(ba ba-ra ba ba-ra)


Sim, ruiva você está me deixando louco


Eu não tenho certeza do que está acontecendo comigo


Se você fosse uma deusa então eu acreditaria


Você se ama mais do que a mim


Oh..


- Foi traumatizante.- Disse Kiba, olhando para o mar novamente.- E então, desde esse dia, me foquei mais ainda nos livros, evitando gostar ou me envolver com outra garota desse jeito, não queria passar por aquilo nunca mais, PORRA EU SÓ TINHA 12 ANOS! - Gritou Kiba.

Respirei fundo, surpresa e aterrorizada por terem feito isso, crianças podiam mesmo ser cruéis.

Mas sabia exatamente o que dizer a Kiba.

- Kiba, quando eu tinha essa idade, também evitava gostar de outras pessoas, porque todos eram falsos comigo - Disse olhando para o mar - Até que conheci vocês, o Naruto, a Tenten, o Neji e você - Respirei fundo - E sabe como eu percebi que vocês eram diferentes? - O mesmo negou com a cabeça - Porque eu senti que tinha encontrado pessoas extraordinárias - Disse sorrindo com os olhos. - E se você conheceu uma garota que mexeu com você, que foi legal com você, que conseguiu encantar uma pessoa tão maravilhosa como você, acho que você deveria dar uma chance - Disse olhando para o mesmo, que já estava com os olhos marejados.

- Você acha mesmo? - Perguntou receoso.

- Claro - Disse sorrindo.- E se ela fizer alguma coisa com o nosso Kiba, eu e a Tenten acabamos com ela.

Falei fazendo Kiba rir.

- Vocês juram?- Perguntou.

- Pode ter certeza, nunca que eu e a Tenten deixaríamos isso passar - Disse dando um cascudo no mesmo - Você é o nosso gênio.

- É verdade - Disse Kiba, com o jeito convencido de sempre.

- VENHAM COMER!- Ouço Tenten, gritando.

- JÁ VAMOS - Gritei de volta.

- Vamos, antes que ela me faça não ter mais descendentes.- Disse Kiba se levantando e logo em seguida me ajudando a levantar.


Notas Finais


Juro que paro de fazer tragédias com o Kiba, i promise jzhzjzhzj
Comentem ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...