História Maktub - Capítulo 8


Escrita por:

Postado
Categorias Pretty Little Liars
Personagens Alison DiLaurentis, Aria Montgomery, Caleb Rivers, Cece Drake, Emily Fields, Hanna Marin, Jason Dilaurentis, Maya St. Germain, Mona Vardewaal, Paige McCullers, Spencer Hastings, Toby Cavanaugh
Visualizações 149
Palavras 1.207
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yuri (Lésbica)

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 8 - 08.


Paige

Irritar a Alison e um dos meus esportes favoritos, e a coisa se torna pessoal quando ela se envolve com a pessoa que eu estou afim de levar pra cama, exatamente eu contrato secretarias gostosas, uso elas é depois a descarto, o problema e que a Emily tem um envolvimento com a chefe dela, vulgo minha sócia, e como ela tem a maior parte da empresa juntamente com a Ária, eu fico sobrando.

A Emily e gostosa, possui belas curvas, seios fartos o que eu descobri o motivo e por ela amamentar, cabelos negros e pelo caramelo, ela seria uma ótima modelo, e ficaria mais linda nua na minha cama, estou tentando me aproximar da mulher a dias, mas ela sempre me afasta e quando ela não faz isso, a namoradinha idiota dela faz.

Só digo uma coisa: Ou eu levo aquela morena pra cama, ou eu não me chama Paige Mccullers.

xxx

Faz algum tempo que eu procuro pela mulher que eu transei, tenho certeza que não me preveni naquele dia e hoje ela pode estar com um filho meu, problema e que eu não sei nada sobre ela, nem sei nome, nem seu rosto, mas sei que ela era de Rosewood, assim como eu.

Naquele dia eu recebi uma ligação e eu precisei voltar pra casa, quando voltei no outro dia no hotel, ela já não estava mais lá, não deixou nem um nome ou telefone, mas não posso deixar a menina sozinha, eu errei aquele dia e hoje ela pode estar precisando de ajuda, e meu único papel e assumir aquela criança, e ajudar a mãe da forma que eu puder.

Naquele dia eu cometi um erro de trair a minha namorada, hoje somos amigos claro, mas como ela mesma disse, foi melhor assim, já não estávamos mais dando certo, a ironia e que somos bem amigos, e depois daquele rolo todo eu me assumi sendo bissexual, e hoje namoro um cara super gente boa, que também é amigo da minha ex.

Hoje eu voltei pra Las Vegas, atualmente moro em Chicago, sou modelo e viajo bastante, mas sempre que posso fico em Las Vegas na casa do meu Love, e vou aproveitar que estou aqui e visitar meus amigos, faz tempo que não os vejo.

Estacionei o carro e sai com o Love de mãos dadas, o povo não gosta? Problema deles eu solto purpurina e eles que aceitem meu lado colorido, caminhamos pro apartamento e batemos na porta.

Harry que saudades - Recebo um abraço super apertado - Ezra, fica a vontade - Ela nos dá espaço e entramos.

Escuto um barulho de copo quebrando e me deparo com a última pessoa no mundo que eu pensei que encontraria.

Emily esse é o Harry um grande amigo, Harry essa é a minha namorada - Vejo que a morena sorriu forçado e passou a recolher os cacos de vidro.

Prazer, eu já volto - A morena saiu e eu queria muito falar com ela, mas não podia, pelo menos ainda não.

[...]

Alison

Então, como vocês se conheceram? - Emily questiona e eu sou risada - Já havíamos terminado de comer, Theo estava dormindo desde que Harry chegou acompanhado do Ezra, então decidi falar à verdade, não tenho nada a esconder dela.

Éramos namorados, mas o infeliz ali, resolveu me trair com uma puta qualquer - Harry engasga e as meninas dão risada.

Não fala assim, você nem conhece a menina, e eu ja falei que havia bebido naquela noite assim como ela. - Harry ainda defendia a garota? Não acreditava naquilo.

Você pegou a menina em um bar, e óbvio que ela só queria seu dinheiro - Falo e todos na mesa concordam comigo. - Pelo menos ela foi melhor que eu? - Questiono e Ezra apenas leva na brincadeira, ele sabe que eu e o Harry não batermos bem, e que o nosso término apesar de hoje sermos bastante amigos, não foi muito agradável e eu sempre o cutuco quando se encontramos, já se tornou um hobby.

Ali, para - Fala - Ela não parecia querer meu dinheiro.

As santinha são as piores - Falo e a mesa gargalha, era com estar entre amigos, e todos ali gostavam de fazer o Harry se sentir culpado, mesmo que no fundo eu já o tivesse perdoado.

Mesmo assim, você foi um idiota em trair a Alison, tudo bem que você encontrou o lado colorido da vida e agora está com nosso grande amigo Ezra, mas tudo por uma noite de prazer? Pelo menos a garota não cobrou pelo serviço, deu de graça - Hanna falava e notei que Harry estava desconfortável com o assunto então resolvi mudar de assunto.

Emily permaneceu calada o jantar inteiro, evitava olhar pra mim e enquanto as meninas e os meninos escolhiam o filme pra assistirmos, percebi que ela havia sumido, procurei ela pela casa e não encontrei nem sinal dela e nem do Theo .

Meninas viram a Emily e o Theo? Eles sumiram e ela não ia sair sem me avisar - Falo e vejo que Harry estava inquieto.

Quem é Theo? - Pergunta e as meninas apressadas respondem antes de mim.

E filho das duas ali, na verdade e da Emily, mas como o cara foi um idiota e abandonou ela, a Ali assumiu o papel, e por sinal ele lembra você - Harry tosse,  o copo quebrado, o desconforto, o sumiço repentino da Emily e o olhar de culpa do Harry.

SEU FILHO DA PUTA FOI VOGE - eu me levanto e ele também, ninguém entende nada e a única coisa que eu quero fazer e arrancar aquele pau dele fora e jogar pros cachorros.

Eu não sabia que era ela, juro Alison, eu estava bêbado e ela também, eu não sabia que tinha um filho - Eu distribuía tapas pelo corpo dele enquanto ele tentava se defender.

Eu chamei ela de puta e ela é inocente, ela deve me odiar - as lágrimas caíam dos meus olhos enquanto ja mais calma eu tentava ligar pela décima vez pro celular dela, mas o mesmo só dava caixa postal - Harry você é um irresponsável - As meninas também estavam preocupadas, ela não estava no apartamento, já passava das 22hras e ela estava sozinha com o Theo, não atendia ninguém é eu resolvi sair pra tomar um ar, eu não aguentar ficar olhando pra cara do Harry, não depois do que ele fez.

Rodei tudo e não achei sinal dela, já estava desesperada, eu precisava me explicar, eu precisava tentar - pego o celular e ligo pra unica pessoa que eu sei que não ia me julgar.

Vovó? Eu ... eu .. eu perdi a Emily vovô - Eu chorava tentando explicar, meus olhos já estavam vermelhos de tanto chorar, me sentia vazia, incompleta e culpada.

Vai pra casa, tenta descansar ela esta comigo, conversei com ela é ela acabou dormindo, ela está chateada, e com vergonha, ela me contou sobre o que vocês falaram, e eu sei que vocês não sabiam que era ela, mas é exatamente por isso que não devemos julgar ninguém Ali, toda história tem dois lados, ela sabe que você vai vir aqui amanhã, vão estar mais calmas, e vocês vão poder conversar.

Após ter desligado eu realmente voltei pro apartamento, mas não consegui dormir, me sentia culpada demais e com um medo terrível de perder a mulher que eu mal conquistei.


Notas Finais


No final tudo tem um propósito ❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...