1. Spirit Fanfics >
  2. Maldição ao amor (Yandere Au) >
  3. Cinema em Casa

História Maldição ao amor (Yandere Au) - Capítulo 2


Escrita por: e Kitten_07


Notas do Autor


Desculpa o atraso do capítulo, fui encontrar uma nova co autora... e infelizmente ocorreu uma triste notícia pra mim.. mas espero que melhore tudo.. leiam ♡♡♡

Capítulo 2 - Cinema em Casa


Fanfic / Fanfiction Maldição ao amor (Yandere Au) - Capítulo 2 - Cinema em Casa

Ayano P.O.V
Hoje ainda era, para me deixar decepcionada, era 6:30 e nenhum sinal dos meninos por enquanto, minha irmã já tinha feito pipoca e feito algumas guloseimas, ela estava com uma blusa vermelha de ombros caídos, na qual a alça de seu sutiã estava a mostra, um short não mt curto, mas estava deixando um pouco mais do que deveria, estava com os coques no cabelo enquanto ouvia sua música preferida, Alluring secret.
Fui pegar meu celular e mandei mensagem para eles no whatlite (:P), tinha umas mensagens de uns dos meninos, o Osano, Osoro, Kizano, Amao, Mayu e Asu... Mas quando fui chamar o Senpai.. algo me impediu, por quê? Por que eu estou com uma sensação de dor no peito?

Whatlite
🦄 Osano
"Gente, eu vou me atrasar um pouco,
Minha irmã está querendo que a leve para
A casa da irmã do Amao. "

🎂Amao🍫
"Está bem, eu já tô indo com uma torta
Que deixará seus paladares sem palavras.:

🎭Kizano
"Para minha entrada triunfal, eu preciso de uma roupa calamitosa, chego aí rapidinho"

🍎 Mayu🍓
"Andem logo, ou meu sorvete e minhas guloseimas se esfriem. E nada de trazer
Para mim e para minha irmã roupas de maid
Ok?"

🧝‍♂️Osorossauro
"Aí não têm graça, eu queria ver =^W^="

🥇Asuuu
"Vou levar minha vitamina,
Tenho q manter a forma 😂"

🍎Mayu🍎
" Quem sabe Osoro, eu não mostro
O que está por trás da minha roupa de hj"

Eu corei e ri um pouco, minha irmã não têm jeito para as coisas em relação a fantasia, quando éramos pequenas, ela se fantasiou de um anjo caído, ela nunca foi muito de fazer essas brincadeiras. Haha, mas até que não é ruim rir um pouco, me sinto feliz.

Depois de uns minutos..
Todos os meninos haviam chegado, a minha irmã estava sentada no sofá, escolhendo um filme para a gente ver.

Osoro: *chega perto dela* Minha garota, que tipo de filme nos planeja ver ou obrigar a ver? *beija a bochecha dela*

Mayumi: Osoro, você é um baka, mas bem, pensei em escolher 3 filmes que são: A freira, O máscara e nanatsu no taizai: uma luta contra o céu *olhando os filmes* que tal vermos um anime? É mais fácil.

Osano: Que tal Ano Hana? *olhando a nós todos*

Amao: Kakegurui? *sorrindo*

Kizano: Naruto? *vendo na netflix*

Mayumi: Já sei qual vamos ver, o anime se chama Sweet Sin, é muito bom, vamos ver?*Osoro parecia está surpreso. Eu havia me virado e vi que Budo estava me olhando descaradamente, a May viu e ela parecia está com ódio, tinha respirado fundo e foi para a cozinha e o Taro foi depois, eu apenas tinha ouvido um grito e o Taro sendo estrangulado.

Mayumi P.O.V

Olhei para onde estavam o Taro, o Budo e a Ayano.. o Budo estava olhando para Ayano como se fosse uma namorada para ele, ele mantinha um olhar doce e romântico... eu tinha me levantado bruscamente e fui pra cozinha me entupir de sorvete até pelo menos ele ir embora.
Eu estava fazendo um sorvete grande que precisava de uma cobertura, então fui nos armários caçar né? Quando me levanto com o chantilly, o Taro estava comendo meu sorvete, ele parecia se divertir com minha reação de assustada, eu não pensei, eu pulei encima dele e o estrangulei. Eu senti algo batendo forte em minha cabeça e lentamente perdi a consciência, tendo entrado num sonho estranho.

Osoro P.O.V

Eu fui ver o que houve com a Mayu, ela tinha levado um golpe na cabeça, parecia que estava sangrando. A pego levemente e a levo pro quarto para engessar sua cabeça, minha amada Mayu, por favor, não morra, por favor.
Vi que a Ayano e os outros estavam preocupados com ela, menos o Taro e a minha amada abracei como se não houvesse amanhã. Quando a toquei, ela parecia está gelada, o que eu faço?

Passado algumas horas...

Todos foram embora, inclusive eu, eu estava na minha cama, tentando dormir... Mas não conseguia, ao lembrar da minha amada daquela forma... eu senti uma grande dor no peito e fui para a casa da May e da Ayano ver May, eu quero vê- la. Quando vi quem abriu, eu chorei de felicidade e a abracei.

Osoro: May.. *a abraçando enquanto chorava*

Mayumi: Osoro... o que foi? O que aconteceu? *olha nos meus olhos e seca minhas lágrimas*

Osoro: Você levou uma pancada de uma garrafa que estava com Taro nas mãos... *beijo a testa dela* que bom que melhorou.

Mayumi: Ha, Osoro, por que não dorme comigo? Faz muito tempo que não fazíamos isso. *com aquele soriso fofo*

Osoro: Não me lembre disso.. *com vergonha* vamos. *tranco a porta e nos deitamos no sofá ali perto* não me dê mais sustos assim princesa.

Mayumi: Eu prometo *me abraça e coloco minhas mãos em sua cintura, a abraçando e fecho meus olhos* durma bem meu querido.

Ayano P.O.V

Eu tinha acordado por ver quem estava batendo na porta.. ao ver que minha irmã estava ali em pé, eu fiquei feliz, eu queria a abraçar tanto como se não houvesse amanhã.. mas o Osoro fez isso por mim e vi ele indo com ela pro sofá se deitar. Eu fui me deitar na minha cama e comecei a sonhar com o Senpai, mas ele estava estranho.. parecia sombrio.

Modo Sonho On 💭

Senpai: Oi Ayano, eu sei o que você e aquela aberração da sua irmã é.. demônios, então, eu posso contar para todos sobre isso. *com uma cara maligna*

Ayano: Não! Não faça isso Senpai, por favor, eu faço qualquer coisa para que não fale nada. *ajoelhada*

Taro: Qualquer coisa? Então tá, não falarei para ninguém sobre seu segredo demoníaco em troca de que seja minha Yandere e mate quem eu quiser. *com um olhar sanguinário*

Ayano: Ah.. está bem *eu estava chorando*

Eu não tenho escolha mais, eu terei que agir como ele quiser. Eu sou agora um peão em suas mãos e aquela sensação de amor era agora nojo.

Pela manhã..

Era de manhã, 06:18, tinha já descido e arrumada e com fome, já minha irmã ela já estava acordada e tinha já bentos para nós, o Osoro estava atrás dela, beliscando seus braços e pernas.

Osoro: *olhando debaixo da saia da minha irmã* Que bela visão *com o nariz sangrando*

Mayumi: Sai seu tarado *dá um chute no tórax dele, o jogando pro outro lado da cozinha e foi comer* comem para não nos atrasarmos. *comendo*

Ayano e Osoro: Hai *comendo e fomos andando para a escola*

Pelo visto, será uma grande missão para eu cumprir... perdoe mana, vou manter nosso segredo a salvo, eu prometo.




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...