História Maldita Afrodite e sua cria - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Block B
Personagens B-Bomb, Jaehyo, Kyung, P.O., Taeil, U-Kwon, Zico
Tags Bbomb, Jaebomb, Jaehyo, Kwonnie, Taepyo, Zikyung
Visualizações 22
Palavras 396
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Comédia, Fluffy, LGBT, Romance e Novela, Shonen-Ai
Avisos: Homossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


O foco da fic é JaeBomb então eu não vou dar detalhes do casal Zikyung foi mal.

Capítulo 4 - Maldito Beijo


Leiam as notas iniciais *3*

-^-

Minhyuk estava sem um pingo de paciência.

Após o acidente no treinamento, Kyung grudou em Jaehyo e vice versa. Zico também não estava no seu melhor humor, principalmente porque o loirinho fazia questão de ignorar sua existência, assim como o próprio fez a alguns dias atrás.

Taeil só ria da situação de longe enquanto via o filho de Afrodite bufar ao ver Kyung abraçando o maior por trás. 

O cúmulo veio quando Jaehyo inventou de ensinar o baixinho a pescar num dia quente e por consequência decidir nadar pra se refrescar.

Zico e B-Bomb não saiam da cola dos dois observavam tudo escondidos, até que o inesperado acontece, Kyung beija Jaehyo no meio  do rio e logo são separados por um Zico furioso, que arrasta Kyung pra fora do rio e numa gritaria sem igual, ambos se confessam enquanto Jaehyo observa estático os dois saírem pra longe pra se resolverem.

Minhyuk não parecia nada feliz ao ver seu plano dando certo, pelo contrário, sentiu uma vontade enorme de chorar ao perceber o olhar ferido do mais alto, que ainda estava na água. 

Minhyuk tinha certeza que Jaehyo tinha se apegado mais ainda a Kyung e isso, por algum motivo, fez seu coração doer.

Não se conteve e entrou na água abraçando o outro, sentindo as lágrimas quentes em seu ombro.

- Deu certo Minhyuk, eles estão juntos.

A voz chorosa e agoniada de Jaehyo fazia seu coração sangrar.

- Me desculpe, eu não devia ter te metido nisso.

- Tudo bem, eles estão felizes é o que importa. - o filho de Poseidon respirou fundo, e se afastou do filho de Afrodite. - Pode me dizer porque você tá bancando o cupido? 

Minhyuk assistiu Jaehyo se afastando e agora quem tinha vontade de chorar era ele.

- N-não importa mais.

Jaehyo ao notar a fragilidade do outro,  o chama pra sair da água, e se sentar ao seu lado e foi prontamente obedecido.

- Não tem essa de não importa, eu acabei de ser beijado pela segunda vez na vida e o cara saiu com outro.

O mundo parou alguns instantes e B-bomb só conseguia prestar atenção em uma coisa

- Kyung tirou seu bv?

Jaehyo acenou que sim envergonhado e Minhyuk perdeu o controle, puxou o maior pra um beijo intenso e profundo e quando o beijo terminou Jaehyo e sua  cara de paspalho sumiram, deixando um Minhyuk choroso, sendo observado por um casal intrometido.


Notas Finais


Tadinho do meu bebe bundudo


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...