1. Spirit Fanfics >
  2. Maldito Kaspbrak >
  3. Sweet Birthday

História Maldito Kaspbrak - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Espero que gostem a😊👉👈

Capítulo 1 - Sweet Birthday


A cor azul escura caiu perfeitamente por cima do alaranjado que era quase imperceptível no céu já estrelado de Derry, enquanto Eddie pedalava sua bicicleta com cuidado. Ele observava as casas nas ruas onde passava ao fazer seu caminho para a casa de Richie. Era o aniversário dele e queria aparecer lá de surpresa, principalmente porque sabia que Richie odiava seu aniversário. Conseguia entender o lado dele, afinal, Maggie Tozier sempre quis uma filha, não ele, um boca suja fumante que vive fazendo e falando merda para tudo e todos, sempre se metendo em brigas.

Por mais que reclamasse muito, Eddie amava o jeitinho diferente que Richie tinha, mas não sabia porque sentia algo estranho e novo em seu peito sempre que estava com ele, era uma espécie de felicidade que tomava conta de todo seu corpo.

Chegando em frente a casa, jogou sua bicicleta no chão e bateu na porta uma vez. Ninguém atendeu. Bateu duas, e ninguém atendeu. Pela terceira vez ele já estava perdendo a pouca paciência que lhe restava, então pôs a mão na maçaneta e percebeu que a porta estava aberta, começando a adentra-la e subir as escadas que dão para o quarto de Richie.

Jogou a cabeça levemente para o lado quando o viu ajoelhado de frente para a estátua de um santo, com algumas velas acesas ao seu redor e uma foto em suas mãos. Eddie estava muito confuso. Desde quando Richie tinha alguma crença, e como ele não sabia sobre isso? Notou que ele havia percebido sua presença no quarto e rapidamente colocou a foto em um bolso de sua calça. Obviamente, Eddie achou aquilo estranho, principalmente porque as luzes do quarto dele estavam apagadas e deixavam o ambiente tenso enquanto Richie caminhava até ele.

"O que veio fazer aqui, Eds?"

Ele estava confuso e assustado, encarando Eddie com uma expressão claramente nervosa. Mas por quê? Richie nunca agiu assim, nunca guardou segredos, e por que agora estava tão nervoso perto de Eddie? E mais importante, porque Eddie estava tão nervoso perto dele?

Levou sua mão até o interruptor e acendeu as luzes, vendo as paredes brancas cobertas de pôsteres e algumas fotos dos dois.

"Feliz aniversário."

Eddie sussurrou, passando os braços pelo pescoço de Richie, o puxando para um abraço. Um sorriso surgiu em seu rosto quando sentiu os dedos dele apertarem sua cintura enquanto o puxava para mais perto.

"Por que não me avisou que iria vir?"

Richie tirou o maço de cigarros de seu bolso e acendeu um com o uso de uma das velas que estavam no chão de seu quarto. Eddie franziu a testa, olhando o ato dele com desgosto.

"Eu queria te fazer uma surpresa. Cadê seus pais?"

Richie soltou uma risada nasal, nitidamente sarcástica. Direcionou seu olhar para Eddie enquanto tragava o cigarro, assoprando a fumaça no rosto dele, que revirou os olhos e sentou na cama ao seu lado.

"Viajaram para a Espanha."

Eddie o observava com preocupação enquanto ele suspirava, olhando para a janela. Comprimiu seus lábios ao pensar em alguma maneira de tentar trazer o Richie Trashmouth de volta, não gostava de vê-lo tão triste.

"Você tá usando um perfume novo, Kaspbrak?"

Confuso com a pergunta aleatória de Richie, ele ficou em silêncio, apenas vendo um sorriso maldoso crescendo no rosto de Richie ao mesmo tempo que afastava de seu corpo a mão que segurava o cigarro. Logo, já estava ciente que poderia ser uma das piadinhas idiotas dele.

"Eu... Não entendi."

Com a outra mão, Richie o segurou pela nuca, aproximando sua cabeça do pescoço dele, roçando o nariz no local e cheirando o mesmo. Eddie estremeceu com o contato repentino, o afastando cuidadosamente com suas delicadas e pequenas mãos.

"O que tá fazendo?"

Ele virou o rosto para o lado, sentindo ele esquentar. E alí estava novamente aquela sensação que Richie lhe proporcionava, mas dessa vez parecia mais intensa. Sentia algo em seu baixo ventre, e temia ser o que estava pensando. Não sabia como era estar excitado, mas com certeza não podia ficar naquele momento, muito menos por causa de uma brincadeira sem graça do Trashmouth.

"Te cheirando?"

Ouviu a voz dele, soando óbvia e divertida e sendo acompanhada de risadas. Ah, sim, ele amava as risadas de Richie, por mais que às vezes fossem escandalosas. Revirando os olhos, Eddie virou seu rosto de volta para ele, pegando o cigarro e o colocado entre os lábios. Richie o encarava surpreso, sua expressão chegava a ser hilária, o que fez Eddie rir um pouco.

"O que foi? Um garoto não pode mais se divertir, Tozier?"

Soltando o ar pela boca, Richie riu junto, ainda surpreso com o ato corajoso de Eddie. Ele parecia tão experiente com o cigarro, que começou a se perguntar se ele já havia fumado antes.

"O meu presentinho é você fumar pela primeira vez, Eds?"

Eddie o olhou pelo canto do olho, com a boca entreaberta enquanto assoprava lentamente a fumaça, sem cortar o contato visual entre eles. Com um sorriso puxado para o lado, ele finalmente desviou o olhar de Richie.

"Essa não é minha primeira vez, não se sinta tão especial, Richie."

Percebeu o encarar sério dele sobre si, observando-o tirar o óculos e deixá-lo ao seu lado. Calmamente, ele se levou suas mãos até o rosto de Eddie, acariciando a bochecha dele enquanto aproximava suas bocas, já abertas para iniciar um beijo que deveria ser rápido e intenso, se eles não estivessem demorado tanto, completamente afundados em hesitação ao mesmo tempo que se aproximavam mais e recuavam quando estavam perto de finalmente terem os lábios conectados, em um loop infinito de incertezas.

"Eu poderia ter várias de suas primeiras vezes, não acha?"

Eddie fechou os olhos fortemente ao sentir a respiração de Richie contra sua boca, levantando seu tronco para puxar ele pela nuca e beija-lo. Movimentava sua boca de forma preguiçosa, implantando um ritmo lento entre os dois enquanto abria as pernas de Richie com suas duas mãos e apertava a coxa dele, tomando cuidado para não deixar a ponta do cigarro entrar em contato com o corpo de nenhum dos dois.

"Apaga logo essa droga."

Richie murmurou contra sua boca, ainda o beijando. Eddie rapidamente afastou suas bocas, sorrindo ao encarar os olhos dele, podendo ver e sentir o desejo ardendo dentro do garoto, e dentro de si também.

"Hm, claro que não."

Empurrou o rosto dele para longe, colocando novamente o cigarro na boca, tragando-o com os olhos fechados e a cabeça jogada para trás, encostada na cama.

Abriu-os brevemente quando sentiu a presença de Richie mais perto, se aproximando dele com uma mão que subia perigosamente por sua coxa. Eddie novamente fechou os olhos, mordendo os lábios e soltando alguns gemidos que não chegavam a sair de sua boca fechada. Vendo que ele já estava com um joelho roçando entre suas pernas, cheirando seu pescoço lentamente, Eddie suspirou, finalmente apagando o cigarro e o beijando, dessa vez com mais rapidez.

"Ah, Richie."

Ele arfava quando sentia a movimentação do joelho de Richie contra si, o fazendo se separar do beijo para poder regular sua respiração.

"Pronto, já ganhou seu presente de aniversário."

Tentou virar o rosto, mas fora interrompido por outro beijo, não demorando a se entregar aos lábios de Richie pela terceira vez. Ouvia os sons que ele fazia durante o contato que estavam tendo enquanto era puxado com calma para cima dele, se apoiando no chão com seu braço quando já estavam totalmente deitados.

"Eddie, eu quero mais."

Richie sussurrou quando descia sua mão até o ziper da calça de Eddie, que se afastou dele sorrindo.

"Você vai ter que se entender com sua mão hoje, mocinho."

Deixou um último beijo nos lábios de Richie e se levantou, deixando o quarto dele e em seguida, a casa. Tozier grunhiu em frustração ao vê-lo pela janela, pedalando de volta para casa e acenando pra ele.

"Maldito Kaspbrak."


Notas Finais


Comentem pfv e se cuidem e não saiam de casa😵🙏❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...