1. Spirit Fanfics >
  2. Manager >
  3. Jeon Jungkook

História Manager - Capítulo 6


Escrita por:


Capítulo 6 - Jeon Jungkook


Fanfic / Fanfiction Manager - Capítulo 6 - Jeon Jungkook

- Bem Jeon, posso te chamar de Jeon?

- Pode chamá-lo do que quiser, certeza que ele não vai se importar, ele não se importa com nada, é uma concha lacrada - o tal Jimin responde por ele e sentando ao seu lado, passando o braço ao redor do seu pescoço.

- Jimin você poderia parar com essa mania de se meter nos assuntos que não são seus - ouço a voz de outra menina e olho para trás para ver um rosto lindo, porém zangado olhando para Jimin, mas suaviza assim que ela se vira pra mim. - Sou Kenay, manager  desse ai, você tem sorte, pegou o mais quietinho do grupo - ela diz estendendo a mão

- Isabela, mas pode chamar só de Isa se preferir.

- Muito prazer

- Kenay, bonito nome, na verdade lembra o nome do meu namorado - eu digo aceitando o copo de café que ele estende pra mim, é preto e puro, não seria minha escolha, mas preciso ocupar minhas mãos e uma dose de café não vai fazer mal.

- Como ele chama?

- Você já tem namorado? É uma pena - Jimin diz como se de fato lamentasse algo, duvido muito, esse garoto é encrenca, fico feliz por não ter que ficar com ele.

- Sim, tenho um namorado e ele se chama Kena.

- Nossa, por um “y” não é a mesma coisa. Quanto tempo estão juntos?

- Um pouco mais de um ano - eu respondo meio sem graça com essa conversa.

- WOW, então é sério. Que inveja, queria estar num relacionamento sério, mas homens são difícil.

- Estou sempre a disposição querida - Jimin se oferece sorrindo safado e eu tenho vontade de rir, a frustração de Kenay sai em ondas dirigidas à ele. - Ela gosta de bancar a difícil, mas no fundo eu sei que ela se esforça para não me jogar no primeiro quartinho e me  molestar. Não vou me importar se o fizer querida, gosto de privacidade - ele fala e lambe os lábios.

- Vai sonhando pirralho, vamos, você deveria estar treinando uma hora dessas e não jogando essas cantadas baratas.

- Sei que gosta - ele responde se levantando e me dá um beijo no rosto me pegando de surpresa - Se ficar entediada pode me procurar, sou muito bom em entretenimento - ele brinca erguendo as sobrancelhas sugestivamente.

-Eu passo - digo pra ele limpando o rosto onde ele beijou. E os vejo sair, ainda há alguns poucos na sala, mas estão ocupados com alguma coisa e não ligam muito para nós.- Eu sei que o Jimin disse que você não se importa, mas como gostaria que eu te chamasse?

- Realmente não me importo - ele diz meio sem graça olhando para o mp3 que está nas mãos.

- Bem Kook - eu testo e ele sorri tímido me mostrando dois dentes grande parecendo mais um coelho. Isso! ele me lembra um coelho, puro inocente e fofo. - O que eu preciso saber de você?

- Como assim?

- Vou estar responsável por você, então… o que eu preciso saber de você além do que está nos papeis do contrato e atribuições?

- Não sei…

- Que tal nós começarmos pelo que você gosta ou não gosta?

- Humm… eu gosto de música

- Que tipo de música?

- Acho que pop no geral, mas ouço de tudo.

- Por favor me diga que você não escuta com frequencia rock ou radcore, revmetal ou coisas do gênero. Se sim, vou precisar comprar uns tampões de ouvido com meu primeiro pagamento. - eu falo e isso o faz sorrir de verdade, seus olhinhos quase se fecham, e os dentes ficam bem mais aparentes, Jeon é bem mais novo do que eu, o que me faz pensar que tem a idade do meu irmão, mas as semelhanças param por ai. - Quantos anos tem?

- Isso não está no contrato?

- Deve estar, mas ainda não o recebi nem o li.

- Tenho 14 anos

- A mesma idade do meu irmão

- Você tem um irmão?

- Dois na verdade, Suk, tem a mesma idade que você, mas é um pé no saco.

- E o outro irmão?

- O que?

- Você disse que tinha 2 irmãos.

- Ah sim, a outra no caso, é Lola, ela tem 9 anos, mas inteligência de 3 por causa de uma má formação cerebral.

- Sinto muito

- Não precisa, mas obrigado.

- Bem, não gosto de havemetal ou radcore, então não compre os tampões, não por isso pelo menos, mas talvez precise, porque eu posso não cantar muito bem.

- Duvido disso, você tem cara de que canta como um anjo - digo e o vejo ficar vermelho, que vontade de apertar essa criatura. - Bem menos mal, vou economizar mais se não  preciso dos tampões, o que mais?

- Gosto de comer,

- Qualquer coisa, ou tem algo que você não coma?

- Gosto de tudo.

- Isso facilita minha vida sem dúvida. E a escola?

- O que tem ela?

- Gosta?

- Não muito - ele responde e eu sorrio, homens, porque a maioria não gosta de estudar? 

- Porque não, estudar é tão bom, além de ser importante.

- Você ainda estuda?

- Sim, estou quase acabando Biologia

- Biologia? O que biologia tem haver com entretenimento?

- Nada, a menos que eu queria fazer marketing das briófitas - tento fazer piada, mas ele olha pra mim com uma cara esquisita. Difícil fazer piada de nerd para alguém que não gosta de estudar. - Não tem, mas precisava do emprego, e isso aqui foi o que apareceu primeiro.

- Ah… legal.

- Oh não fique desanimado, eu vou dar o meu melhor para ajudá-lo, mesmo não sendo minha área. Espero nos darmos muito bem, e que você alcance seu sonho. É seu sonho certo?

- Sim é.

- ótimo então.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...