História Manu - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Adrien Rabiot, Daniel Alves, Edinson Cavani, Julian Draxler, Kevin Trapp, Lucas Moura, Marco Verratti, Marcos "Marquinhos", Thiago Silva
Personagens Adrien Rabiot, Daniel Alves, Edinson Cavani, Julian Draxler, Kevin Trapp, Lucas Moura, Marco Verratti, Marcos "Marquinhos", Personagens Originais, Thiago Silva
Tags Kevin, Manu, Maria, Psg
Visualizações 206
Palavras 3.116
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hey!
Demorei mais cheguei! Sentiram saudades de mim?
Não me matem por causa desse capítulo, por favor!As coisas vão melhorar,eu prometo.
Espero que gostem!
Bjokas da Tia Cece

Capítulo 5 - About give up,fight and jealous.


Fanfic / Fanfiction Manu - Capítulo 5 - About give up,fight and jealous.

Trapp

Saí de casa com minha cabeça fervilhando.Eu nem sei ao certo o porque de tanta raiva que eu estava sentindo, mas de uma coisa eu tenho certeza: Eu destestei a ideia da Maria namorando aquele cara!


Por que ela não vê que ele não é homem pra ela?


Eu sempre avisei sobre ele,mas se ela quis assim,não tem mais nada que eu possa fazer.E o trouxa aqui ainda foi comprar flores para se redimir.Não é de hoje que eu venho me sentindo atraído pela Maria,parece algo surreal o campo magnético ao nosso redor,mas eu sei que isso não é certo,temos a Manu em comum e se não der certo,nada deve afetar a nossa filha.


Dirigi sem rumo por um tempo,com minha cabeça confusa e quando percebi estava em frente ao meu apartamento com a Izabel.Respirei fundo pensando se devia ou não subir,me sinto mal usando a modelo para tirar a Maria da cabeça,mas não seria a primeira vez que faria isso,por que aquela baixinha vive em meus pensamentos desde que eu a beijei no Ano Novo.


Saí do carro decidido e segui em direção ao apartamento,entrei como um animal faminto em busca de sua presa,assim que a encontrei sentada no sofá, lendo uma revista qualquer de moda,fui até ela em passos rápidos. Quando ela me viu,se levantou sorrindo e antes que pudesse dizer qualquer coisa,ataquei seus lábios de maneira voraz,enquanto a apertava contra meu corpo.Desci minha mão para sua bunda,apertando com força e ao mesmo tempo a trazendo para mais perto de mim.Quando nos separamos pude ver seus cabelos levemente bagunçados,seus lábios inchados e um sorriso safado se apossando deles.


-Isso tudo é saudade de mim,Tigrão?-Falou provocativa e meu coração gritava para eu parar,mas a essa altura eu já estava duro e com o propósito firme de tirar a Maria da cabeça.


-Você não faz ideia...-A puxei para mim,tirando sua blusa e jogando em qualquer canto da sala.Ela me empurrou no sofá,parou na minha frente e tirou o resto das roupas que cobriam seu corpo feminino,sorrindo safada para mim.


-Pega sua leoa de jeito,meu Tigrão! -Deu um rugido e montou em meu colo.


Hoje eu decidi que meus sentimentos pela Maria acabaram.


Eu escolhi a Izabel.


Maio de 2017

Zimmermann

Faz alguns meses que eu namoro o Connor,ele tem sido maravilhoso comigo e com a Manu,todos os meus amigos gostam dele,até mesmo o Kevin está menos implicante com ele,quer dizer,implicante ele nunca deixou de ser,mas evita, eles já não brigam tanto quanto no início. O Kevin se mudou definitivamente para a casa da modelete,as vezes ele dorme aqui,mas é cada vez mais raro,ainda assim ele faz questão de ser presente na vida da Manu,mas é só na da Manu mesmo,por que me evita como o Diabo foge da cruz,só queria saber o que eu fiz para ele,por que de uma hora para outra ele passou a tratar comigo somente os assuntos da Manu,raramente falávamos sobre algo que não fosse a nossa filha.Falando nela,eu percebi que ela sentiu falta da presença do pai o tempo todo em casa como era antes,foi difícil para ela se acostumar,mas toda vez que eles se encontravam era uma festa.A Manuela conpletou 2 anos no início desse mês, está cada vez mais linda,é vaidosa e adora cultivar seus cabelos que estão compridos e lindos .Sua esperteza é notável,ela aprende rápido e recebe muitos elogios das professoras da creche.Tem parado de misturar as três linguas que lhe foram ensinadas desde pequena e está aprendendo inglês. Adora as vovós,tanto a do Brasil quanto a da Alemanha.Assim como eu,ama a neve e o inverno,apesar de não gostar de se agasalhar.


Com o verão se aproximando,o clima em Paris era ameno,permitindo usar roupas mais leves,o campeonato francês estava acabando e já era certo que o Monaco levaria o titulo,mas estávamos dando o nosso melhor até o último momento.O kevin havia sido convocado para a Mannschaft por conta de uma lesão do Neuer,mas ainda não havia jogado.


Na penúltima semana do mês,saiu a lista de convocação para a Copa das Confederações e o nome dele estava na lista,mesmo estando tão afastada dele,foi impossível não ficar radiante com a noticia.Quando nos encontramos,ele me fez prometer que iria assistir aos jogos e aos amistosos que aconteceriam antes do campeonato,junto com a Manu.


(...)

Estacionei em frente à casa do Thiago,descemos do carro,eu tirei Manu da cadeirinha e  garota correu para o colo da madrinha.A Débora veio passar o fim de semana conosco e depois só nos veriamos na Copa das Confederações,já que ela iria nos acompanhar nos jogos.


Hoje o Thiago e a Belle estão dando um churrasco para comemorar o fim do campeonato,todos os jogadores e alguns membros da comissão técnica também viriam.Tocamos a campanhia e fomos atendidos pela Isabelle.


-Oi ,gatas!-Deu espaço para nós entrarmos-Fiquem a vontade!Mi casa,su casa!-Fomos para o jardim,onde todos já se encontravam.


A Manu largou a mão da Deb e correu para o colo do pai,que deu um beijo na bochecha da menor,a qual largou do alemão assim que viu as outras crianças.


Nos dirigimos para uma mesa onde se encontravam Julia,Adriane(uma amiga da Inglaterra,namorada do Mesut Ozil),Carol Cabrino e Izabel Goulart. A Larissa Saad,esposa do Lucas, não se dá bem com a Belle,então nunca ia nas festas dela.


-Olá,meninas!-Me sentei numa cadeira vaga ao lado da Júlia e a Débora sentou- se ao meu lado.Em poucos minutos a Belle se juntou a nós e começou o tricô, falamos sobre tudo.Eu e a Izabel nos ignoramos a maior parte do tempo,a Julia alfinetava a modelo o tempo todo e eu percebia que ela estava se segurando para manter a pose de boa moça para a Carol,a Belle e a Adria,mas o que ela mal imagina é que as duas últimas já conhecem o caráter dela e estavam se segurando para não rir.


-Preciso ir ao toilette.-Falei me levantando-Deb,fica de olho na Manu.


-Tudo bem.


-Eu te levo lá! -A Belle se posicionou ao meu lado .Respirou fundo e revirou os olhos assim que entramos na casa.


-Adoro esse povo que pensa que me engana.-Rimos- Como anda as coisas com o Connor?


-Estão ótimas!-Sorri-Ele está de plantão por isso que não veio hoje.


-E o Kevin? -Perguntou atenta às minhas expressões quando chegamos na porta do banheiro.


-Ele está lá fora...-Me fiz de desentendida,a verdade é que eu sentia muita falta dele,mas não admitiria para ninguém,principalmente para a Belle que insiste nessa besteira de um romance entre nós dois.


-Não se faça de desentendida,você sabe do que estou falando!-Insistiu-Seria bem mais fácil você admitir para você mesma o que você sente-Abaixei a cabeça e entrei no banheiro.


Fiz o que precisava,joguei uma água no rosto e respirei fundo antes de sair do banheiro.Quando cheguei no jardim,o Thiago e o Marquinhos estavam com alguns instrumentos tocando samba e todos se reuniram ao redor deles,cantando e dançando.


-Puxa uma música,aí,Maria!-Thiago falou quando me sentei ao lado da Adriane e todos olharam para mim.


-Qualquer uma?-Perguntei,entrando na brincadeira e ele assentiu.Peguei um pandeiro e começei a tocar,meio desengonçada-Deixe eu pensar...-Falei e lembrei de uma música que eu gosto muito.-Já sei,pode começar a tocar.-Eles voltaram a tocar


-Eu sei,que não era pra a gente se envolver,que não era pra a gente se encontrar,mas esse amor bandido não posso evitar!É coisa de pele,um lance perigoso,um frio na barriga,arrepio no corpo,longe do mundo inteiro,amor do nosso jeito.


-É coisa de pele,um lance perigoso,um frio na barriga,arrepio no corpo,longe do mundo inteiro,amor do nosso jeitooooooo!-Os meninos puxaram o coro- Deixa in off,Off, o nosso amor é mais gostoso em off,Proibido, escondido em off,Só eu e você perdido em love, deixa em off!


-Deixa in off,Off, o nosso amor é mais gostoso em off,Proibido, escondido em off,Só eu e você perdido em love, deixa em off!-Cantamos juntos-Aquele beijo, deixa em off,Aquele toque, deixa em off,Aquela sensação, aquela atração,Eu e você, é tudo off!


Terminamos de cantar e eles puxaram outra música, trouxeram mais carne e eu me levantei pra chamar a Manu para comer,quando me aproximei,vi minha bolinha encolhida e a bruxa Goulart gritando com a minha filha.


-VOCÊ MERECE UMA BOA LIÇÃO,SUA PESTINHA!-Esbravejou-SUA MAL-EDUCADA!MALDITA HORA QUE O KEVIN FOI INVENTAR DE FAZER CARIDADE!

-O que você pensa que está fazendo?-Tomei a frente da minha filha.Com a minha cria ninguém mexe-Você nunca mais ouse aumentar o tom de voz para lidar com a minha filha,sua baranga!


-Como é que é?-Perguntou indignada


-Isso mesmo que você ouviu BA-RAN-GA!-Me aproximei dela,sem demonstrar medo-Experimenta encostar em um fio de cabelo da Manuela,que eu te mostro o que a baiana tem!


-O que está acontecendo aqui?-Verratti se aproximou com o Cavani


-Eu não estou entendendo nada...-a Izabel começou a se fazer de vítima-Eu estava ajudando a Manu e a Maria chegou aqui,me ofendendo e gritando comigo.


-Isso é verdade?-Kevin chegou e a cínica abraçou ele e colocou a cabeça em seu peito,ele a abraçou de modo protetor, como se eu realmente tivesse feito algo contra ela.


-Mas o que?-A essa altura a Débora,a Adria e a Belle já haviam se aproximado-Sua dissimulada! Você estava gritando com a minha filha!-Apontei o dedo para ela e o Kevin a afastou dele,olhando em seus olhos.Em questão de segundos,a Débora avançou em direção a modelo.


-Quem você pensa que é para gritar com minha afilhada,sua ridicula!-O Cavani segurou a garota,a impedindo de agredir a mulher.-Me solta!Eu quero ver ela gritar comigo!Covarde!


-Para Débora! -Falei,pegando a Manu no colo- Não vale a pena!-Ela se desvencilhou dos braços do uruguaio e se virou para mim,avaliando a Manu.-Desculpa,Belle,mas para mim essa festa já deu o que tinha que dar!


-Maria...não é bem assim!-O Kevin interferiu e eu o ignorei.Me despedi de todos e ainda aconselhei a Débora a ficar.


-Não precisa vir comigo,pode curtir sua festa.


-Se eu ficar,eu vou abater uma certa galinha...-Falou olhando para a Izabel,que devolveu o olhar na mesma intensidade.


-Se olhar matasse,ela já estava mortinha da Silva!-Júlia falou se aproximando


Quando me despedi de todos,fomos em direção ao meu carro e eu parei ao ouvir o Kevin me chamando.


-Você vai embora sem falar comigo?Pior,vai deixar minha filha ir sem falar comigo?-Perguntou autoritário


-Agora ela é sua filha? -Perguntei ironica e quando percebeu que o bicho ia pegar,a Débora pegou a Manuela do meu colo e entrou no carro.


-Agora e sempre!-Respondeu- Nunca deixou de ser .


-Engraçado...por que na hora que a sua senhora estava maltratando a "sua filha" você tomou partido dela!-Acusei


-Eu tomei partido?-Perguntou- Eu não tomei partido de ninguém! A Izabel não é nenhuma santa,mas também não é nenhum mostro.-Ri descrente


-Eu não acredito no que estou ouvindo...-Neguei-De qualquer forma,eu NÃO quero essa mulher perto da minha filha!


-Essa mulher é a minha namorada! -Doeu ouvir isso-Se eu estou perto da Manu,ela também está!


-O meu recado já está dado! -Entrei no carro e arranquei,deixando-o para trás.

(...)

Copenhague ,6 de junho de 2017

Zimmermann

Vesti a camisa da Mannschaft na Manu e penteei seus cabelos.Peguei minha bolsa e desci pro hall do hotel que estávamos hospedados em Copenhague e fiquei esperando as meninas descerem. Débora e Duda vieram conosco para acompanhar aos jogos.A Débora por  amar futebol e a Duda para prestigiar o namorado,Julian Draxler.Avistei as duas saindo do elevador e a Manu correu para os braços da madrinha,já no caminho para o estádio,pude ver nos Stories do Instagram da Mannschaft que o Kevin seria titular. Sorri abertamente,essa seria o debute dele na seleção,um sonho se realizando e eu me sentia lisonjeada de presenciar esse momento,mesmo com toda essa distância imposta entre nós dois.


Chegamos no estádio e fomos para a área vip,a qual o Kevin havia reservado para nós. Havia algumas wags e poucas crianças no local,então a Manu se limitou a ficar no meu colo.Minutos depois,como num mal pressagio,senti a minha Bolinha se encolher em meu colo e na sequência a cobra Goulart entrou no recinto,lançando um olhar de desprezo para nós quatro, o qual foi correspondido igualmente pela Deb.Logo ela tratou de se entreter com outras wags e se esqueceu de nós,até o momento em que os times entraram para o aquecimento,ao pisar no campo,o Kevin passou os olhos pelo Estádio,como se estivesse procurando alguém e pude notar um pequeno sorriso em seus lábios no momento em que focou seu olhar na área vip.Por dois segundos pensei que aquele sorriso fosse para mim e para a Manuela,mas levando em conta a maneira fria com que vinha me tratado,me eliminei da equação e levei um balde de água fria quando vi o estardalhaço que a Izabel estava fazendo,soltando beijos e fazendo corações com a mão. Eu nunca fui uma pessoa insegura ou destrutiva,mas por um motivo desconhecido,eu me senti um grãozinho de areia,minúsculo e insignificante e por algum motivo, não ter um significado na vida do Kevin me abalou drasticamente.


Depois de voltarem ao vestiário,teve início todo aquele Fairplay cansativo e por fim o jogo começou,foi um jogo acirrado,a Dinamarca estava conseguindo bons contra ataques e no fim,depois de uma atuação esplêndida do Trapp,a Alemanha levou o empate de 1x1 para casa.


Depois de levar a Manu para falar com o Kevin,inclusive ela foi super paparicada pelos companheiros de seleção do pai,ela grudou no Stegen e não queria largar do goleiro catalão de jeito maneira,derramando algumas lágrimas quando peguei-a em meu colo.


(...)


01 de julho de 2017,São Petersburgo

Zimmermann

Saí do avião com dificuldades,devido a Manuela dormindo em meu colo,mesmo com a Duda e a Deb me ajudando com a bagagem.Pegamos um táxi na frente do aeroporto,seguindo em direção ao hotel que ficaríamos hospedadas,o qual a Dana,amiga da Deb,que assim como eu ama futebol, já está hospedada.Ela veio assistir a final da Copa das Confederações entre Alemanha e Chile.A Mannschaft fez uma campanha maravilhosa,o que a levou a final da competição,com grandes chances de levar o titulo.

Havíamos chegado em São Petersburgo ainda de madrugada,por isso tive que fazer alguns malabarismos com a Manuela esparramada em meu colo,assim que entrei no quarto do hotel,coloquei a Manu na cama com alguns travesseiroa em volta,fui até a mala,tirei um pijama fresquinho e troquei a roupa da Manu.Tomei um banho e me joguei na cama.


Acordei com um par de mãozinhas em meu rosto,abri os olhos sonolentae pude ver a minha Bolinha debruçada sobre mim.


-Bonjour,maman!-Falou sorrindo-Hoje nós vamos ver o Papi?-Falou ansiosa


-Sim,meu amor!-Sorri de volta-Mas primeiro vamos tomar café,ver as Titias,sair pra passear,almoçar e só depois ver o Papi.


Levantei,dei um banho na Manu,tomei um banho,arrumei a pequena e desci para tomar café da manhã,encontrando com a Deb,Duda e Dana.


-Meu potinho de mel!-Deb gritou chamando a atenção de todo o restaurante-  Vem com a Dinda!-Pegou a Manu no colo.


Comemos entre conversas e risos,depois fomos fazer turismo pela cidade,almoçamos em um restaurante indiano e seguimos para o Hotel que a Mannschaft está hospedada. Assim que entramos no salão de visitas pude notar alguns jogadores babando na Deb,ri discretamente e senti a Manu se soltando dos meus braços e correndo na direção do Kevin,mas para a nossa surpresa ela se jogou nos braços do Stegen,que se encontrava ao lado do Trapp.


-Tio Marc!-Gritou animada e eu não aguentei com a cara de decepção que o Kevin fez,soltei uma gargalhada sonora e o mesmo me olhou segurando o riso.


-Vai rindo!-Sorriu fraco- Como ela está? -Perguntou observando a filha brincando com o amigo.


-Bem,está amando a Russia e estava super ansiosa para te ver.-Rimos


-E você?-Me assustei com a pergunta,afinal ele não conversava comigo de forma tão natural há muito tempo,principalmente depois da nossa briga na casa do Thiago.


-Eu?Eu estou bem...-Fui taxativa-Um pouco cansada com tantas viagens,mal posso imaginar como vocês estão,ainda mais com a rotina de treinos e jogos.


-Cuidar da Manu supera qualquer treino-Riu-A garota é fogo!Mas já está acabando,logo logo você vai descansar. -Falou brincalhão e eu me senti bem,segura e feliz,como nos velhos tempos.-Mas eu acho que já está na hora de eu tomar uma atitude!-Se aproximou do foleiro catalão-Vem com o Papi!Estou morrendo de saudades de você minha Bolinha.-Ela foi de bom grado.


-Eu também estava com saudades-Falou em alemão,com o Kevin ela quase sempre falava alemão.


-O que você fez hoje?-Perguntou entretido e eu passei a prestar atenção na conversa deles.


-Eu tomei sorvete e comi comida indiana.


-Nossa!Eu nunca comi comida indiana!-Falou desviando o olhar para mim-Você gostou?


-Sim,quando acabar o jogo nós podemos ir,eu,você,a maman,a Dinda Deb e o Tio Marc!


-Ops,e eu?-Brandt perguntou,era mais um rendido aos encantos da minha filha


-Você também pode ir,Tio Brandt.-Falou calma e todos riram.


Depois de passar de colo em colo e brincar de bola com o Julian Brandt fomos para o nosso hotel,ela estava tão cansada que apagou no táxi.


(...)


No dia seguinte a Manu passou o dia todo perguntando se já estava na hora do jogo.Quando o momento finalmente chegou ela estava radiante,fomos para uma área vip,reservada para familiares e amigos dos jogadores da Alemanha.Como esperado,o jogo foi acirrado,o Chile é uma ótima seleção.O Kevin estava no banco,mas a Manu se deu por satisfeita de ver o "Tio Marc" no gol.No fim do segundo tempo o jogo estava 1x1,ou seja,prorrogação,na qual o placar se manteve intacto e foi nos penalties que a Alemanha se consagrou campeã da Copa das confederações. Todos os jogadores se amontoaram no campo em comemoração, depois de receber ao medalhas e levantar o troféu,os jogadores foram abraçar suas famílias. Pude ver o Kevin se aproximar de onde nós estávamos,a Izabel,que estava no mesmo camarote que nós,mais uma vez fez um escândalo,soltando beijos e corações,gritando vários "eu te amo",o qual foi correspondido com um beijo no ar e um sorriso encantador,se aproximando mais,ele estendeu os braços para eu passar a Manu por cima da grade de contenção.


-Pode me dar,confia em mim.


Meio relutante fiz o que ele pediu e assim que estava nos braços do pai,ele deu um beijo em sua bochecha e ela segurou a medalha de ouro que o alemão ostentava no pescoço,percebendo o interesse da menor na peça,ele colocou no pescoço dela,que ficou toda sorridente.


Passado as comemorações ele seguiu com a Manu para a área interna para se encontrar conosco nos túneis,longe dos olhares das cameras e da torcida,assim que entrei com as meninas congelei ao ver uma cena que estranhamente me fez sentir como se estivessem sambando de salto agulha no meu coração. O Kevin estava dando um beijo cinematográfico na Goulart, de maneira meiga e apaixonada.Acordei do meu transe com lágrimas retidas em meus olhos,no momento que a Manu abraçou minhas pernas,ela também parecia incomodada com o pai agarrado àquela mulher,me abaxei o suficiente para pegá-la no colo,a abraçei forte,encostando sua cabeça em meu ombro e pisquei algumas vezes para eliminar as lágrimas que estavam presas em meus olhos.


Por mais difícil que seja admitir,eu estou com ciúmes do Kevin Trapp.



Notas Finais


That's it guys!
Espero que tenham gostado.
Deixem a opinião de vocês nos comentários.
Ah,já ia esquecendo...nesse meio tempo eu postei uma One Shot com o Benzema,quem quiser dar uma olhadinha o link está aqui embaixo:
https://www.spiritfanfics.com/historia/juegos-prohibidos-11080668

Pra quem ainda não foi conferir os instas dos personagens são @dramariazimmermann e @keviintrapp1 .O meu pessoal é@ cissazimmermann01
Bjokas da Titia


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...