História Marcio Duarte: ninja total - Capítulo 40


Escrita por:

Visualizações 1
Palavras 795
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Luta, Magia, Romance e Novela, Saga, Universo Alternativo
Avisos: Álcool, Drogas, Gravidez Masculina (MPreg), Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 40 - Cap 40 - caçadores de aventura - pt 2


Heitor foi em busca de uma aventura, ao lado de jaime, marinette, e adrien. A busca não foi fácil, por não acontecer tantas coisas em paris. 

- eu preciso de aventuras, se não, vou ficar maluco e falar com gatos. 

- você já não está falando? 

- isso já tá acontecendo. 

- o melhor caminho para aventuras, é achar uma aventura. 


Pedro entrou nos esgotos, e caiu na água. Ele ficou ferido com a explosão do covil, não conseguindo salvar gray. 

- maldito marcio, malditos garotos. Eles vão pagar por isso. 


Em um lugar totalmente preto, alguém sentia o sentimento de raiva de pedro. Tornando-se um alvo fácil. 

- ótimo. Um sentimento de uma pessoa com as chances de vingança todas destruídas. É uma ótima receita para o caos. - o homem pegou uma borboleta branca, tornando-a vermelha, e a jogando em paris. - voe pequeno akuma. E traga essa alma para o mal. - a borboleta foi até o local que pedro estava, entrando na sua arma que sugava fantasmas. - atômico, eu sou scarlet moth. Eu estou te concedendo poderes sobrenaturais, mais em troca, você precisará pegar os miraculous do misterbug, e da lady noir. 

- pode deixar, amigo. - pedro mudou a sua forma, por conta da borboleta, e a sua aparência de fantasma mudou drasticamente. A sua aparência de fantasma que antes era preta, e a sua inicial era branca, mudaram para a aparência branca, e a inicial preta, com o seu cabelo branco virando preto. - se prepare, novo ninja fighter. Eu sei aonde está. 


- gente, não acham que deveríamos olhar a vista de paris? 

- esse sol me incomoda, me fazendo lembrar daquele dia. - heitor lembrou do dia que tropeçou na quadra, por causa do calor. 

- eu quero queijo. 

- eu quero macarronis. 

- eu quero pegar garotas, pois se eu não pegar, vai ser triste. 

- EU VOU TE MOSTRAR O QUE É TRISTE!! - pedro atacou heitor, jogando-o em um carro. 

- AIIII!!

- olá, novo ninja fighter. 

- eu não sei do que você tá falando. 

- não se faça de desentendido. Por sua causa, eu quase morri. 

- foi mal. 

- eu vou fazer o mesmo. - pedro jogou um raio em heitor, mais surpreendentemente, o raio foi rebatido. 

- vamos ver se gosta de levar uma surra de dragão. 

- jake, você veio. Mais como soube que precisávamos de ajuda? 

- a ju me falou que precisavam de ajuda. 

- eu falei mesmo. 

- eu também. 

- cala a boca, venom. 

- só são 3 contra 1. Eu vou vencer vocês facilmente. 

- não vai não. - jaime tinha aparecido como ninja boy. Libertou heitor, e fez uma pose de luta. - pronto. Agora, vaza daqui. 

- pode deixar. - heitor saiu correndo, foi para um lugar escuro, e se trocou, aparecendo como o novo ninja fighter. - cheguei atrasado? 

- muito atrasado. 

- eu vou poder vencer vocês em qualquer número. 

- até em 5? 

- boa, misterbug. 

- valeu, garoto ninja. 

- É NINJA BOY!!!

- chega de conversa. 

- exatamente

- ATACAR!!!! - os 5 correram até pedro, e começaram à lutar contra ele. 

(Obs:ouçam red hot skull, do sonic adventure, enquanto lêem. Aquela música é gostosa de se ouvir.)

- você não tem chance contra nós. 

- tenho sim. Porque eu sou um deus. - pedro jogou um raio em jaime, prendendo ele em uma árvore de eucaliptos. 

- qual é? 

- 1 já foi, faltam 4. 

- força de dragão é o que não falta pra mim. - jake atacou pedro com a sua cauda. Porém, o fantasma ficou invisível, agarrando jake, e lhe dando um golpe na cabeça, deixando-o no chão. 

- acha que consegue fazer isso comigo? - ju pegou pedro pela cabeça, mais como o esperado, ele brincou com ju, socando ela na barriga. - tô fora. 

- misterbug, não vamos derrotar ele. Somos apenas 2. 

- é. E cadê a lady noir quando nós mais precisamos dela? 

- desculpa o atraso. Eu peguei no sono. 

- já estava na hora. 

- eu assumo daqui. - heitor pulou em pedro, e bateu na sua cabeça com a espada. Em seguida, ele se aproveitou da fraqueza do inimigo, e lhe meteu bolas de gás, fazendo pedro desmaiar, e a arma de sugar fantasmas quebrar, saindo um akuma. - um akuma? Faz sentido ele ter sido akumatizado

- é. Raiva dá nisso. 

- chega de maldade, akuma. - misterbug girou o ioiô, e capturou o akuma, liberando-o branco novamente. - tchau, tchau, borboletinha. 


- como foi possível? Ele foi a minha grande perfeição. 


- bom, depois do que fizemos hoje, vamos dar um tempo de aventuras. 

- com certeza. 

- não aguento mais. 

- foi uma baita queda.     

   

                                          Continua . . .



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...