História Married to an Idol - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook)
Tags Jeon Jungkook traição
Visualizações 6
Palavras 1.184
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Romance e Novela
Avisos: Adultério, Insinuação de sexo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Minha primeira Fanfic com esse tema, espero que gostem e dessa vez prometo renovar sempre os capítulos. Boa leitura!

Edit: vocês também podem encontrarem ela no Wattpad, por @Nayeonpanda4

Capítulo 1 - Capítulo 1


Jeon 

Ao fechar o zíper da minha calça e pegar meu casaco, deixo algumas notas de wons sobre uma escrivaninha e saio daquele quarto de Motel dando uma última olhada na loira que dormia naquela cama macia, não lembrava o seu nome mas não fazia nenhuma diferença mesmo já que no dia seguinte mesma rotina acontecerá. Ficar com algumas mulheres daqueles karaokê requisitados de Seul passou a ser o meu passa tempo do tédio que vivo em casa.

Depois que o táxi me deixa em minha casa, procuro as chaves para abrir a porta até que meu celular vibra em meu bolso, e atendo a ligação.

– Sim, Hyung – tom de voz sai sério.

– Jeon, você tem meia hora pra estar aqui! Esqueceu que temos ensaio hoje? – putz! Esqueci minha agenda – Não pode ser tão desleixado assim, você tem responsabilidades é a segunda vez na semana que fica atrasado.

– Ok Jin Hyung, só irei tomar banho posso? Estarei o mais rápido possível, mande o motorista da empresa sabe que odeio usar essas máscaras – retiro a mesma que ainda estava em meu rosto e guardo no bolso. Desnecessário essas máscaras.

– Mande uma mensagem quando estiver pronto – pra que tanto estresse, Hyung precisa conhecer algumas mulheres.

Ouço um bipe do outro lado da linha indicando fim da ligação, antes que eu pudesse girar a chave na fechadura, minha namorada me surpreende a abrindo.

– Hey Jagi! Te acordei? – vejo vestida ainda com seu pijama e seu rosto parecia sonolento, nada atraente por sinal. Por que tão de repente ela ficou menos atraente?

– Onde estava Jeon? Nem vi quando saiu da cama, na verdade ainda são oito horas da manhã – ela olha para o relógio da parede – bem cedo – inventa sua melhor desculpa Jeon Jungkook

– Eu? Estava resolvendo coisas que apareceram de última hora, e ainda tenho que voltar para empresa para ensaiar acredito que hoje será um dia cansativo – depois do interrogatório entro em casa dando um beijo na testa de Jiyoon.

– Devo imaginar, ser um Idol não deve ser fácil – a vejo trancar a porta.

– Não mesmo, irei tomar um banho – encerro a conversa tranquilamente enquanto subo as escadas.

Era fácil mentir para ela, então sair algumas madrugadas e botar culpa na minha vida de cantor não era algo difícil de se fazer, era somente uma questão de bater um tédio e desejo de conhecer mulheres diferentes todas as noites e pronto, saía, colocava uma máscara e boné para que não me reconhecessem, poder me sentir um homem de verdade quando realmente quisesse. Já que com ela não conseguia de fato isso, procuro o que me falta dentro de casa nas ruas.

Agora que estava devidamente mais arrumado para o ensaio, desço a escada apressadamente para não levar mais esporro dos Hyungs já bastava ter levado na semana passada, aturar Jin Hyung dando suas lições de moral é um saco. Procuro minha carteira quando vejo Jiyoon preparando a mesa do café, por que ela é assim? Mesma sabe que nunca mais tomamos café juntos depois que fazer tudo com ela se tornou menos atraente ao passar do tempo.

– O que está fazendo? – mesmo já sabendo a resposta arrisquei perguntar.

– Nosso café oppa – sua concentração era voltada a mesa.

Vou até ela e deposito beijo em sua testa.

– Não poderei ficar, estou atrasado pro ensaio – mensagem chega avisando que carro está a minha espera – não me espere, chegarei tarde! – grito ao sair.

Quando finalmente chego a empresa e passo pela recepção do saguão principal onde sempre a moça de cabelos pretos me vinha com um sorriso largo e travesso, confesso que já quis ficar com ela bem ali naquele balcão, mas seria arriscado demais e por enquanto estava prezando minha imagem dentro do meu local de trabalho. Após sair do elevador e seguir o quarto andar, entro em uma das salas de ensaio onde já via algum dos garotos alongando.

– Bom dia Hyungs. – me curvo rapidamente já indo me alongar também

– Não venha ser simpático Jungkook, sabe que atrasou. – Jimin me alfinitou ameaçando me bater com uma garrafa de água.

– Mas já estou aqui, vivo e animado para o ensaio – Sorrio para eles

– Ok, vamos começar com DNA que ainda está pegando em algumas partes, ainda mais no segundo refrão dela. – Hoseok disse sério nos olhando – Nas suas posições começaremos normalmente até chegar na parte que dificulta e passarei devagar para vocês. – vejo ele ir até a caixa de som e liga-lá, rapidamente aparelho começou a tocar alto nossa música e começamos a ensaiar a coreografia.

Depois de exatamente duas horas seguidas de ensaio com intervalos curtos, paramos para comer alguma coisa já que estávamos somente com o café da manhã no estômago.

– Que estranho, Kook não pegou no celular hoje... geralmente mandava a cada cinco segundos mensagens para a Jiyoon. – Hoseok indagou enquanto secava suor de seu rosto.

– Ah cara! O meu relacionamento com ela está estranho faz semanas já, não vejo mais graça. – um tom de desânimo sai, chamando atenção do grupo já podia ver todos sentando quase que uma roda para me ouvir... realmente eles são uma família para mim.

– Por isso as vezes sai com aquelas mulheres baratas dos karaokês? – Taehyung perguntou com uma cara confusa, ele era meio lento nos acontecimentos do grupo mas um ótimo ouvinte.

– Sim Tae, elas são mais encantadoras, mais sexys, mais tudo entendem? – Olho para meus Hyungs, onde já podia ver Namjoon negar com a cabeça, sabia de sua opinião sobre aquilo.

– Jeon, até podemos entender que o seu relacionamento possa estar passando por uma crise de desânimo. – Fez aspas com os dedos. – Mas sair com outras mulheres e trair Jiyoon não é a melhor escolha e sabe disso. – Namjoon fala sério.

Ele era o mais responsável do grupo, acho que é um dos motivos por ele ser o líder... sempre correto, porém eu não pensava da mesma forma, o resto do pessoal respeitava mas também não achava certo minhas atitudes mas o Namjoon era o que mais expressava sua opinião, que na maioria das vezes eu não levava a sério. Qual é! Não sou mais o garotinho de quinze anos que debutou em um grupo.... Já sou de maior, sou homem e um homem tem suas necessidades.

– Beleza, e meus desejos ficam na onde? Ela nem ao menos se arruma pra mim, no começo era excitante ver ela com seus vestidos ou saias em seu lindo corpo, e quando ela usava seu batom vermelho... era incrível. – o tom nostálgico era nítido em minhas palavras. – mas agora ela nem se maquiar ela não se maqueia mais, depois que resolvemos morar juntos e fazer com o que nosso relacionamento fosse mais sério, o encanto foi se quebrando.

– Já falou isso a ela? Comunicação em um relacionamento é importante sabia? Deixa ela saber disso, pra ela ver que coisas pequenas como vestir um vestido novo ou algo assim faz diferença pra você. – Jimin argumentou me olhando sério.

Respiro fundo pensativo.

– Ok, ok pensarei na palavras de vocês, mas agora vamos comer? Estou morrendo de fome a carne de porco nos espera. – Pego minha bolsa e saímos daquela sala de ensaio.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...