1. Spirit Fanfics >
  2. Masked Hell -Yoonkook >
  3. 'Eu Acho Que Estou Perdido De Novo

História Masked Hell -Yoonkook - Capítulo 7


Escrita por: HenryKim

Notas do Autor


Ola fraise's!
Alguns detelhes:
KRW são Wons, o valor citado é de 160 reais!
TRADUÇÃO: Park, Tu te souviens je t'avais dit que j'allais amener Yoongi pour te parler, explique lui comment fonctionne le club s'il te plait? (Park, lembra que eu disse que ia trazer Yoongi para falar com você, explicar a ele como funciona o clube, por favor?)
Boa leitura!!

Capítulo 7 - 'Eu Acho Que Estou Perdido De Novo


Fanfic / Fanfiction Masked Hell -Yoonkook - Capítulo 7 - 'Eu Acho Que Estou Perdido De Novo

 

Porque eu acho que estou perdido de novo

Prometo manter meu oxigênio agora

Este mundo é grande, vai me matar se eu não descobrir nada

I THINK I'M LOST AGAIN- CHASE ATLANTIC

 

 

Yoongi e Hoseok estavam na porta da 'boate', depois de muita enrolação, finalmente chegaram.

— Boa noite senhor — disse o que parecia ser o cobrador ou coisa assim — A entrada está 35 198,31 KRW, quantas vão querer?
 

— Então senhor, vim aqui mais cedo conversar com o Senhor Jeon sobre uma vaga de emprego, e ele convidou eu e meu amigo para vir na 'boate', para saber como funciona sabe? — explicou, só faltava essa agora.

— O Senhor Jeon não me disse nada senhor, ou paga pela pulseira, ou vá embora, pois tem outras pessoas querendo entrar — foi frio, Yoongi olhou para Hoseok que já ia se virando para sair.
 

— Yoongi? Pensei que não viriam, este deve ser o seu amigo que me falou mais cedo certo? — Disse Jeon, saindo de dentro da 'boate', indo em direção a Yoongi — Namjoon, este aqui é meu convidado, duas pulseiras por conta da casa para eles. — estendeu a mão para o outro, que pegou duas pulseiras na cor roxa e entregou para o outro — vamos? — guiou os dois para dentro do lugar.
 

Quando Yoongi veio mais cedo, a 'boate' não estava aberta ainda, mais agora, tinha luzes coloridas, que davam um ar sensual para o lugar, uma música tocava alto, havia várias pessoas dançando ao som da música, algumas em um bar bebendo, o lugar estava cheio. Várias pessoas olhavam para o lado onde eles estavam, Yoongi seguiu o olhar delas e logo percebeu que todos estavam direcionados para o homem, a sua frente, o que não era surpresa, Jungkook tinha um charme natural, e era deveras lindo.
 

— Yoon, eu quero que vejas de perto como funciona o trabalho de dançarino aqui na Masked Hell, então combinei com uma das nossas atrações principais por aqui, o Jimin. Ele além de coreografo, se apresenta e atrai muitos olhares, e para sua sorte, está quase na hora das apresentações começarem, então acharemos um lugar para nos sentarmos. — ele estava indo em direção a um palco, onde haviam várias cadeiras em volta, Jeon foi em direção a três cadeiras vazias logo na fileira da frente. — Sentem-se aqui — apontou para as cadeiras, logo Yoongi e seu amigo se sentaram, logo depois Jeon sentou do lado de Yoongi.
 

As luzes se apagaram, dando um pequeno susto no menor, olhou para o lado e Jeon o olhava com mísero sorriso no rosto, Yoongi estreitou os olhos para o mesmo, mas logo depois, voltou a sua atenção para o palco, uma música com um ritmo sensual começou a tocar e logo após isso, um homem mascarado saiu de trás de uma cortina foi em direção ao palco, logo depois começou a fazer movimentos com o seu corpo, em forma de uma coreografia.
Cada mísero movimento era aplicado um toque sensual, seus quadris iam de um lado para o outro, simulando o que pareciam reboladas, as mãos faziam movimentos suaves, todo o seu corpo estava em harmonia.
 

— Aquele é o Jimin, como aqui na 'boate' os nomes não são revelados, chamamo-lo de 'impure angel', vê aqueles homens em volta do palco? São seguranças, qualquer um que fazer qualquer insinuação de ir para o palco, atacar o dançarino, por exemplo, é brutalmente barrado e expulso daqui, é proibido qualquer categoria de masturbação, pois isso pode afetar de alguma maneira o psicológico de nossos dançarinos, como pode ver, nossa 'boate' exala segurança para nossos dançarinos. — disse tudo isso no ouvido de Yoongi, que estava congelado no lugar, a voz saia rouca pelo fato de estar sussurrando, o menor se arrepiava a cada palavra que o maior dizia em seu ouvido. — o que me diz cariño? Sente-se seguro o suficiente para trabalhar aqui?

— Eu me sinto seguro a trabalhar aqui desde que falei com você, Jeon. O único problema aqui é meu amigo, ele não gosta muito da ideia de eu trabalhar aqui, sabe? — disse olhando para o outro. Sem querer, ficaram em uma troca de olhares por alguns segundos, só voltaram a si com o barulho das palmas, foi aí que olharam para de palco e encontraram Jimin saindo do palco.
 

— Ele dança muito bem não acha Yoon? — Hoseok perguntou, olhando para o amigo, que encarava tímido as suas próprias mãos — Yoon? — tocou o ombro do menor, que olhou para ele com um olhar de dúvida, ele estava corado e com um rosto de assustado, algo de errado ocorreu enquanto o outro prestava atenção na apresentação. — Senhor Jeon? Pode nos dizer onde fica os sanitários por favor? — olhou para o maior, que também parecia assustado.
 

— Fica na direção do bar, vá até lá e pergunte para o barista, ele te explicará melhor. — apontou para o bar.
 

— Vamos comigo Yoongi — pegou na mão do amigo, e levantou o outro.
 

— Na verdade, Jung, preciso que Yoongi venha comigo, vou levá-lo para os bastidores para ele conhecer melhor, suponho que pode fazer suas necessidades sozinho, certo? — disse pegando na outra mão do menor, que o olhou assustado para o mesmo. Jeon nem esperou uma resposta da parte dos dois, foi puxando o menor para uma porta atrás do palco. O lugar era grande, estava cheio de pessoas, todas se arrumando, provavelmente dançarinos, todos estavam muito arrumados.
 

— Aqui é onde os dançarinos se arrumam, e aquele — deu com a mão para um homem alto e com ombros largos e, que veio em direção aos dois — esse é o Seokjin, ele é nosso figurinista e maquiador.
 

— Prazer, Min certo? — perguntou com um olhar intimidador, porque todo mundo ali era tão intimidador?

— Isso, Min Yoongi — disse com um sorriso nervoso, aquele homem parecia tão assustador.
 

— Caralho Jeon, você tinha razão, ele é uma obra esculpida pelos anjos mesmo — disse olhando para o amigo, que encarava olhou com um olhar abismado — com todo respeito Min, mais você é um gato.
 

— Seokjin? Andou cheirando seu pó de novo? Ta louco? — olhou com ódio para o outro, voltou seu olhar para o mais baixo, que observava tudo atentamente, quer dizer que Jungkook andou falando de si por aí? — Não liga para ele Yoon, ele bateu a cabeça a hora que caiu. — deu uma última olhada para o mais velho, que ria da cara vermelho do mesmo, ninguém nunca havia capturado a atenção de Asmodeus, em todos os milhares de anos que viveu ao lado de Jeon, ele achava humanos patéticos, e percebeu um olhar diferente de Jeon para Yoongi, mais pensou que devia estar enganado, no mínimo só queria levar o menor para a cama e nunca mais olhar para a sua cara, típico de Jungkook.
 

— Vem Yoongi, não liga para ele, vou te apresentar o resto do camarim — puxou o menor para um corredor. — Aqui fica os camarins particulares, cada dançarino tem o seu — foi andando com Yoongi atrás de si, o último citado observava as portas, todas tinham nomes, até chegar em uma onde se pode ler "Park Jimin", o mais alto bateu na porta, pode se ouvir um "entre" do lado de dentro, Jungkook abriu a porta e esperou Yoongi entrar para fecha-la atrás de si. —  Park, Tu te souviens je t'avais dit que j'allais amener Yoongi pour te parler, explique lui comment fonctionne le club s'il te plait? — Viu o outro assentir com a cabeça, olhou para o humano que estava aéreo, lembrou-se que provavelmente ele não falava outras línguas, e como não era bobo, exibe sua língua nativa.

— Bonjour Yoon, o que você quer saber sobre a Masked Hell?
 

— Acredito que já sei tudo que preciso. — Foi tudo bem auto explicativo, ele viu tudo, na prática, e gostara do lugar, ia trabalhar com o que gostava e ganharia um bom dinheiro.
 

— Perfeito, então Senhor Min, aceita trabalhar como dançarino da Masked Hell?— dessa vez foi Jeon quem perguntou.
 

Yoongi demorou para responder, ele queria trabalhar ali, mas o que a sua mãe pensaria de si? Aliás, sabia ele que não é uma coisa fácil de se ouvir, "então mãe, estou trabalhando em uma 'boate' como dançarino, homens e mulheres ficam olhando para mim", também tinha Hoseok, seu amigo não parecia gostar muito da ideia ainda, sabia o que ele pensava, tinham coisas no passado de Hoseok que o fazia evitar deixar o amigo trabalhar ali.
Mais Yoongi sempre cresceu sendo independente, por mais que seus pais o sustentavam em questões financeiras, o mesmo sempre teve opinião própria, e se ele não havia aceitado ainda, é porque ele não estava seguro o suficiente para isso.
Mas após conversar com todas essas pessoas, ver pessoalmente como funciona o lugar, e sentir a confiança que Jeon exalou para ele, decidiu seguir seu coração.
 

— Sim, eu aceito!

��

 

 

 

 

 

 

 

 


Notas Finais


Por hoje foi isso.
Até o próximo capitulo🍓


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...