História Maya Potter - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Aberforth Dumbledore, Abraxas Malfoy, Alastor Moody, Alecto Carrow, Alice Longbottom, Alvo Dumbledore, Alvo Potter, Amycus Carrow, Andromeda Tonks, Angelina Johnson, Argo Filch, Ariana Dumbledore, Armando Dippet, Arthur Weasley, Astoria Greengrass, Augusta Longbottom, Avery (Marauder-era), Avery (Riddle-era), Barão Sangrento, Bellatrix Lestrange, Blásio Zabini, Carlinhos Weasley, Cedrico Diggory, Charlus Potter, Cho Chang, Colin Creevey, Córmaco Mclaggen, Cornélio Fudge, Cuthbert Binns, Dama Cinzenta, Daphne Greengrass, Dênis Creevey, Dino Thomas, Dobby, Dolores Umbridge, Dominique Weasley, Dorcas Meadowes, Dorea Black, Draco Malfoy, Duda Dursley, Emmeline Vance, Ernesto Macmillan, Euphemia Potter, Fabian Prewett, Fenrir Greyback, Fílio Flitwick, Fineus Nigellus, Fleamont Potter, Fleur Delacour, Fred Weasley, Fred Weasley Ii, Frei Gorducho, Gellert Grindelwald, Gideon Prewett, Gilderoy Lockhart, Gina Weasley, Godric Gryffindor, Gregory Goyle, Grope, Gui Weasley, Harry Potter, Helena Ravenclaw, Helga Hufflepuff, Hermione Granger, Hestia Carrow, Horácio Slughorn, Hugo Weasley, Ignoto Peverell, Jorge Weasley, Katie Bell, Kingsley Shacklebolt, Lilá Brown, Lílian Evans, Lílian L. Potter, Lino Jordan, Lorcan Scamander, Lord Voldemort, Louis Weasley, Lucius Malfoy, Lucretia Prewett (Lucretia Black), Lucy Weasley, Luna Lovegood, Lysander Scamander, Marcus Flint, Marlene Mckinnon, Merlin, Merope Gaunt, Mila Bulstrode, Minerva Mcgonagall, Molly Weasley, Molly Weasley II, Mulciber, Mundungo Fletcher, Murta Que Geme, Narcissa Black Malfoy, Neville Longbottom, Newton Scamander, Nick Quase Sem-Cabeça, Nymphadora Tonks, Olívio Wood, Órion Black, Padma Patil, Pansy Parkinson, Parvati Patil, Pedro Pettigrew, Penélope Clearwater, Percy Weasley, Personagens Originais, Petunia Dursley, Pirraça, Pomona Sprout, Poppy Pomfrey (Madame Pomfrey), Quirinus Quirrell, Rabastan Lestrange, Regulus Black, Remo Lupin, Rita Skeeter, Rodolfo Lestrange, Rolanda Hooch, Rolf Scamander, Ronald Weasley, Rose Weasley, Rosier, Rowena Ravenclaw, Roxanne Weasley, Rúbeo Hagrid, Salazar Slytherin, Scorpius Malfoy, Severo Snape, Sibila Trelawney, Simas Finnigan, Sirius Black, Ted Lupin, Theodore Nott, Tiago Potter, Tiago S. Potter, Tom Riddle Jr., Tom Riddle Sr., Tracey Davis, Valter Dursley, Victoire Weasley, Viktor Krum, Vincent Crabbe, Walburga Black, Wilhelmina Grubbly-Plank, Yaxley, Zacharias Smith
Tags Bluna, Bruxa, Bruxo, Comedia, Draco Malfoy, Feitiçaria, Fred Weasley, George Weasley, Gryffindor, Harry Potter, Hermione Granger, Hinny, Hogwarts, Hufflepuff, Irmã De Harry Potter, Jorge Weasley, Love, Magia, Malfoy, Maya Watson, Potter, Quidditch, Ravenclaw, Romance, Romione, Ron Weasley, Ruiva, Slytherin, Weasley
Visualizações 149
Palavras 1.047
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Fantasia, Ficção, Hentai, Luta, Magia, Romance e Novela, Saga, Suspense
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Transsexualidade, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá, desculpem a demora, culpa da escola.Só consegui ter este capítulo porque tinha feito metade à um tempo e o resto pq meus professores faltaram : )

Capítulo 3 - Anti-family reunion and a friend


Quando acordou, vestiu umas calças de ganga justas e rasgadas no joelho, e uma camisola que dizia "Cute but Psycho"(Fofa mas psicopata), fez suas higienes, pentiou o cabelo e desceu para tomar o seu pequeno-almoço favorito: torradas, com muita,muita,muita manteiga!Quando Hagrid chegou ela levantou-se num pulo.

-Então, estás pronta Maya?-pergunta, e Maya acente com a cabeça.

Hagrid levou-a até uma rua completamente normal chamada Privet Drive. Bateu a uma porta e uma senhora alta, muito magra e de cara mal humorada veio abrir a porta. Mal viu o meio-gigante, puxou os dois para dentro de casa muito rapidamente. Então, um senhor baixo, muito gordo e com um bigode farto apareceu, trazendo com ele um garoto alto e gordo,com uma cara de estúpido.

-Bom Maya. - começou Hagrid - Estes são os teus tios!

De repente um rapaz baixo, magro, com cabelo preto e olhos verdes iguais a Maya saiu do vão das escadas. Mas o impressionante não era isso. Não, o impressionante era a cicatriz de relâmpago que ele possuía na testa. Hagrid a dizer umas estranhas palavras para ela e ela foram a última coisa que eles viram, e apagaram.

Eles começaram a ver lembranças um do outro, ou seja, Maya viu a maneira como ele era tratado pelos tios, o que acontecera em sua casa e também as estranhas magias que ele era capaz de fazer, assim como ela. Já ele, viu a casa de Maya, viu os seus pais adotivos, os seus amigos, mas também a sua antiga visão, a dos seus pais biológicos a serem mortos.

Acordaram ao mesmo tempo, e não disseram nada, apenas se abraçaram com muita força. Então, Hagrid apresenta os seus tios: Petúnia, Vernon e Dudley, e Maya não gostara de nenhum.

-Não temos de cuidar de mais nenhum anormal, certo?Já basta o que já temos! - Reclama o tio Vernon e Maya, vermelha de cólera aproxima-se dele.

-Veja como é que nos trata, seu imbecil - explodiu ela. Via-se na cara do homem que ele queria revidar, mas a cara infurecida de Maya foi o suficiente para o calar. - Vamos para o jardim, isto aqui fede a estupidez. - E com isso arrasta Harry com ela para o quintal,enquanto o rapaz ia tentando conter o riso.

Mas, ao contrário do que ela dissera, foram a um café na rua em frente. Sentaram-se numa mesa e depois de Maya dizer a Harry para escolher o que quisesse,pediram algo para comer. Enquanto comiam, iam conversando sobre coisas um pouco aleatórias, até que Harry simplesmente lhe perguntou:

-Maya, sendo que eu tenho que viver com os nossos tios, tu não tens de ficar comigo?

-Acho que não Harry. Afinal, vivo toda a minha vida em minha casa, e não é agora que isso vai mudar. Ora além disso eu não quero, e ninguém me pode obrigar a nada, afinal vivemos em democracia, certo!? - A conversa só parou quando Maya olhou para o seu relógio de pulso e quase teve um enfarte.

-Harry estamos aqui á quase uma hora! O Hagrid deve estar a pensar que fomos raptados!- Ela dirige-se ao balcão e paga a comida, com o dinheiro de emergência que ela sempre levava. Quando voltaram a casa dos tios levaram uma bronca por se terem atrasado, mas Hagrid continuou a "conversar" com os seus tios. Bom, era mais aos gritos, mas tudo bem. Maya ainda não percebera o que raio ainda estava a fazer ali, pois já estava um "pouco" claro que os tios não gostavam dela nem ela deles, por isso, ela queria ir para casa. Talvez até pudesse levar Harry para passar a viver em sua casa, pelo menos até ás férias.

Enfim, depois de cerca de meia hora. Hagrid simplesmente arrastou Maya e Harry dali para fora, sem nenhuma explicação, coisa que os Durley's não se importaram.

-Vamos para tua casa Maya. - Diz Hagrid, bebendo um grande gole de uma garrafa grande para Maya, mas pequena para Hagrid. - O Harry vai contigo.

Maya e Harry fizeram um high five quando Hagrid virou as costas, e foram obrigados a correr atrás de Hagrid, para acompanhar as suas longas passadas.

- O que aconteceu para termos de sair assim? - Pergunta Maya, com a sua habitual curiosidade.

- O vosso primo, o Dudley, ele pode ou não ter ficado com uma cauda de porco. - Maya e Harry trocaram olhares. - Se pudessem não mencionar isto em Hogwarts... - As crianças acenaram com a cabeça e deram uns risinhos histéricos.

Quando chegaram à moradia de Maya Hagrid despediu-se dizendo que voltaria dali a três dias, quando a poeira assentasse. Eles apenas entraram em casa, e Maya gritou um "Estou no meu quarto mãe" e subiram até o seu quarto para conversarem.

- Então...- Começa Maya.

- Então...- Diz Harry e ambos partem na risada. - Desculpa isto é estranho, descubro que tenho uma irmã gémea em apenas um dia... - Ela acena com a cabeça.

- É, é estranho. Então, ansioso para Hogwarts?Eu estou muito, até já li os livros todos!

- Muito!E inacreditável que vamos para uma escola de magia e feitiçaria!

-E sabes, vamos ser famosos lá. - Maya calou-se.

-O que foi? - Harry pergunta, preocupado.

-É que eu estou com medo que as pessoas queiram ser nossas amigas por sermos famosos, sabe?Já aconteceu comigo em minha antiga escola.

-Então, não se preocupe, tenho a certeza que vamos fazer amigos de verdade!Acho. - A esta altura do campeonato, Harry já estava um pouco confuso. - Bom, eu nunca tive um amigo, por isso ...

Maya de repente parece que acorda para a vida e endireita-se, muito depressa.

-Você nunca teve um amigo? - Harry nega com a cabeça. - Bom, agora você tem. - Maya estende-lhe a mão, mas muda de ideias e apenas o abraça.

-Vamos ser amigos?

-Sim!

-Promete?

-Prometo.

-De dedinho?

-De dedinho.

-Você sabe que promessa de dedinho é mais sério que casamento, certo?

- Sei. - Harry tentava conter a risada. - Mas, promete que vamos ser sempre família?É que, como puseste ver nesta adorável tarde, - Maya rolou os olhos - Os meus tios são muito ausentes e eu sempre quis ter uma família.

-Nós somos família agora. - Maya sorriu.

-MAYA WATSON! - A mãe de Maya entrara no quarto. - ME ESPLIQUE PORQUE FICOU TANTO TEMPO FORA! E O QUE FAZ UM GAROTO EM SEU QUARTO?!

Maya se virou para Harry e fez uma cara de deboche.




-Bem  vido á família, garoto.


Notas Finais


Tchau!Favoritem plz não sejam leitores fantasmas!

Beijos com sabor a Draco Malfoy 💚💚


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...